Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

MEU AMIGO COMEU MINHA MÃE E MINHA IRMÃ...

oi, meu nome é lucas.

Meu amigo, neste momento, está aqui do meu lado, comendo minha mãe e minha irmã.

Ele me obrigou a escrever o que eu sinto e senti quando vi ele comendo elas pela primeira vez.

Bom, foi um choque né. Eu cheguei em casa e não encontrei ele na sala, e quando entrei no quarto da minha mãe, lá estava ele, comendo minha mãe de jeito. Confesso que me sinto um pouco excitado ao ver isso. Sei que minha mãe não é uma santa. E tambem eu sou muito fraco e ele, muito forte, Não posso fazer nada senão obedecer suas ordens. Acho que por isso que minha mãe gosta tanto dele. Ele sabe fazer alguem submisso(a). Eu já vi ele comendo elas várias vezes. Ele adora isso. Vou contar uma histária que me marcou mais que todas as outras, foi a primeira vez que ele comeu minha irmã e minha mãe juntas. Meu pai sempre trabalhou demais(por isso que eu acho que ele até merece ser um corno, pra aprender a dar mais atenção pra familia), e nesse dia não foi diferente.

Meu pai tinha acabado de sair, e minha mãe me pediu para chamar o Bob(nome ficticio). Eu chamei. Ele chegou rindo, com aquele jeitao. Ele já chegou passando a mão na minha mãe, apalpando, apertando, dominando. Ela foi ficando louca. Tremia bastante de tesão. Ele tirou a roupa dela muito agressivamente. Quando ele rasgou o sutian dela, os peitos pularam pra fora, durinhos. Eu já estava muito excitado, tirei o pau pra fora e comecei a bater uma punheta, mas ele logo me mandou parar. Eu guardei o meu pinto de novo, obedecendo suas ordens. Ele colocou minha mãe em cima da mesa: Colocou as pernas dela no ombro dele e meteu na bucetinha dela. Ela gemia como uma vadia. Os peitinhos de minha mãe balançavam durinhos no movimento do pau de Bob. Sá que minha mãe esqueceu um detalhe: minha irmã estava em casa, dormindo. Ela gemeu tão alto que acordou a garota. Quando ela saiu do quarto e viu meu amigo enrabando minha mãe, ela se assustou e ficou imável. Minha mãe tambem levou um susto: uma coisa é eu assistir aquilo, outra coisa é minha irmã; Ela era pura, inocente e não conhecia os prazeres do sexo. Pelo menos era isso que minha mãe achava. "Calma minha putinha, ela puxou a mãe" disse ele, puxando minha irmã para perto e dando um beijo em sua boca. Tirou a roupa dela tambem e falou "Vocês formam uma bela dupla".

Minha irmã ainda estava meio receosa quanto a sua mãe, mas logo se soltou toda. Ele sentou no sofá e mandou as duas pagarem um boquete pra ele. Eu consegui ver aquele emaranhado de linguas no caralho enorme dele. AS duas quase brigavam por cada centimetro daquele penis. Ele Olhou pra mim e disse rindo "vai pegar a filmadora do seu pai". Eu obedeci. Ele me mandou gravar toda a foda deles. Ele fez minha mãe ficar de quatro e minha irmã montar nela, aí ele meteu no rabo da minha mãe enquanto apertava com força os peitos da minha irmã; Aquilo foi demais pra mim. Eu queria muito me masturbar, mas minha submissão era mais forte. Gozei na cueca. Ele anunciou que ia gozar tambem. Elas logo viraram para receber o jato na cara. Elas se empurravam para conseguir ficar na mira daquele monstro enorme. Ele se divertia com tudo isso: "Calma gente, tem pra todo mundo". Ele gozou na cara da minha irmã e mandou minha mãe lamber. Mandou tambem uma apertar os seios da outra. E elas ficaram lá, se lambendo e se apertando, feito duas lésbicas. E eu vendo tudo. Enquanto descançava vendo aquela cena, ele se divertia me fazendo xingar minha familia. Já perdi as contas de quantas vezes chamei minha mãe e minha irmã de putas sá pra satisfaze-lo. Ele me mandou fazer um suco pra ele, pq ele estava com sede. Eu obedeci. Vi nisso a chance de me vingar. Fiz o suco, e pra sacaniar eu cospi e gozei dentro. Ele pegou o copo e falou, deixa ali na mesa, depois eu bebo. Ele continuou estourando todos os buracos das mulheres da minha familia. Abriu bem as pernas da minha irmã e enfiou. Mandou minha mãe beijar na boca dela. Depois comeu minha mãe, depois minha irmã. Ele lambia e mordia a buceta delas, uma de cada vez. Elas subiam pelas paredes de tanto tesão; Minha mãe gozou, ele pegou o copo, e recolheu toda o liquido da buceta da minha mãe. Depois foi a vez da minha irmã; Depois ela pagou um boquete pra ele enquanto ele chupava os peitos da minha mãe; Ele estava pronto pra gozar mais uma vez, minha irmã queria engolir tudo, mas ele não deixou, mesmo depois dela implorar. Ele pegou o suco e gozou la dentro. "Agora bebe seu otário" falou ele pra mim. Fui obrigado a beber o gozo de minha mãe, minha irmã, do meu amigo e do meu proprio. Não deixei nem um gota pois sabia que se o fizesse seria castigado.

E ele ainda brincou com minha mãe e minha irmã no banheiro. Fez elas fazerem coisas que sá se vêem nos videos pornôs mais pesados.

Ele deixou que elas durmissem nuas e abraçadas. Ele Pegou a bunda da minhar imrã e abriu o maximo que conseguiu. Ela não acordou pois estava muito cansada. Ele me mandou bater uma punheta e gozar no cu dela. Eu obedeci. Me masturbei o mais rápido que consegui e gozei no buraco dela. Então ele me mandou lamber tudo aquilo. Eu obedeci mais uma vez. Mas dessa vez ela acordou, e ele não perdeu tempo em enfiar o pau na boca dela. Eles já estavam bem cansados depois de um dia inteiro de foda. Ele pegou a camera e passou o filme para o computador. Enquanto mexia no meu PC, ele colocou minha irmã no seu colo. Ele adorava comer minha irmã, porque ela era pequena e tinha o rosto angelical. Ele a carragava com facilidade. Ele mandou o video para um amigo dele no msn. Depois ele ligou a webcam, e ficou apertando o bico dos peitos da minha irmã pra ele ver. Mas disse pra não espalhar, pq ele ainda iria comer aquelas duas bastante.

Essa foi a primeira vez que ele comeu minha irmã e minha mãe juntas.

E Agora ele está aqui de novo. E ele trouxe o amigo dessa vez. O nome dele é Rafael. E esse sim é meio gay. Ele disse que quando acabar com minha mãe, vai querer fuder o meu rabo. Vai ser minha primeira experiencia.

Bom, essa eh a minha histária, da práxima vez, vai ser o Bob quem vai estar escrevendo, portanto, Adeus.

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


Sexo vagina primeiro amor contobuceta na praia toninhasconto eróticos ninfetinha q gosta de pica peitos cai de bocaitaliana trepando italiana trígono novinha n****** italiana novinha trepandoconto erotico gay motoqueiro marrentidopei minha vó e comi ela contos reaisvivos magras de peitospequenos deixando gozar no peitoconto primeiro boquetecomparando pintos contoscontos esposa carona para travesticontos sexo minha esposa e sua familia especialconto sapequei coroa crenterelatos transei na chantagemcontos eróticos gay cuidando do cachorrão do vizinhoconto eróticos zoofilia estrupei cadelacontos eroticos gay meu tio de vinte anos me comeu bebado quando eu tinha oito anosContos eroticos mulheres chupadorasincesto tio tirando virgindade da sobrinha de sete anos no banhocontos eroticos coroa crentecontos eroticos esposa danadinhacontos eroticosem familiatem homem on line dar telefne pra foda com mulher casada chupa seu pau deixa chup bucetase exibindo pro.moleques conto eroticoConto erótico namorada mestiçacontos arrombando casadacontos não aguentei o pau do meu pai inteiro dentro de mimcontos virei a cachorrinha do meu amigovideos para deixar o namoradoexitadocontos sex obrigmulher do irmão acaricia pica de outroconto erotico com a tia silvanaContos sou viadinho dos tios e amigos delesapostou a filha conto eroticocontos eróticos com marido tratado me estupandoContos eroticos da esposa safada com o marido deficientezoofiliacoroas boasminha sobrinha eu vou sempre fuder ela no motel conto eroticomeu patrão me pegou mastubando e chantageia conto eróticoconto enteada sem calcinha Contos Eróticos Caseiros: Menina perversa - 07www.mulatanua.comcache:iOh7vGcQjJIJ:okinawa-ufa.ru/home.php?pag=151 contosgay no vestiariocontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentecontos eroticos/virgens estuprada pelo padrinhocamiseta sem calcinha. contos de casada.travesti vizinha surpresa contos eróticosamigo do meu marido dano de bom frenre dele e mim chatagiado contos eroticoConto eu e meu marido bebemos muita porra fresquinhacontos eroticos de sexo de toda familaContos eroticos gratis de estagiarias lesbicaasempregadinha empolgadafoto dabundona da tiahttp://okinawa-ufa.ru/conto_7625_tirei-o-cabaco-da-prima-dentro-da-cana.htmlcontos eroticos arrombando a gordaconto erotico fui fudida em uma lan housepono gay. de homens taxetacontos diaristas safadas fotoscomi meu primo a força contoxotas que acabou de ser disvirginadacontos eróticos de gay comi o cu do filho do meu amigoContos eroticos mamae gulosa mamando no pauzao do seus cinco filhos bem dotados em uma orgia em cadacontos eeroticos peguei minha sogra no flagracontos eroticos tentei corrercontos eróticos esposas traduzidas na minha frenteBaixou minha calcinha e meteu contosComtos casadas fodidas pelo patraocontos eróticos Patrick amiga comeucontos incesto comendo minha Irma no parque.porno fui estudar na casa da prima gostosa e ela dise que ia ter aula de fidecontoseroticosviolentadacontos zoofilia namorada e a prima dela dando o cu pro cãocontos eroticos flagrei minha mae fudendo com travesticontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentemasturbando no banho ponhou nangueira de agua na bucetaContos eroticos ana paula