Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

COMO FOI DIFICIL DAR O CUZINHO

Sempre tive vontade de dar a bunda, me masturbava enfiando objetos e rebolando bem gostoso imaginando que estava com uma rola no rabo, mas quando estava trepando e tentavam colocar na minha bunda eu disfarçava, segurava a rola e colocava de novo na buceta.

Tinha medo de sentir dor, devido a algumas historias que tinha ouvido, mas não conseguia parar de me masturbar imaginando uma rola atolada na bunda.

Um dia, para ser mais exata, num domingo, eu e meu marido (na época éramos namorados) estávamos na casa dele e deitamos no sofá, na posição de conchinha, bem juntinhos, para assistir televisão. Sentia seu corpo bem colado ao meu, sua respiração no meu pescoço e suas mãos acariciavam meus seios.Então comecei a sentir sua rola bem quente crescendo e roçando em minha bunda.

Naquele momento nem me lembrei da possível dor, queria apenas sentir aquela rola em minha bunda, estava completamente tomada pelo tesão,sentia minha buceta pegando fogo e completamente molhada.Não falava nada, gemia baixinho e me esfregava cada vez mais naquela rola quente e tesuda. Nunca tínhamos tentado nem conversado sobre sexo anal e eu mal podia acreditar que finalmente iria sentir uma rola de verdade em minha bunda.

Ele puxou a minha calcinha para o lado e começou a forçar sua rola de encontro a minha bunda bem sutilmente. Ele também não falava nada, apenas me acariciava, gemia baixinho, se esfregava em mim, que completamente tomado pelo tesão me empinava cada vez mais, forçando a minha bunda contra a sua rola. Já podia sentir a cabeça da rola entrando no meu cú, quando começaram a chamar por ele no portão. Paramos na hora, porque como não estávamos sozinhos na casa, sabíamos que não teria como fingir que não tinha ninguém.

De noite quando ele foi me levar embora, ficou um clima de frustração, mas não tocamos no assunto.

Nos dias seguintes não podia acreditar que aquilo tinha acontecido, minha vontade de dar a bunda sá aumentava e eu queria encontrá-lo novamente para terminar o que tínhamos começado.

Por compromissos de trabalho sá pudemos nos encontrar na sexta –feira. Primeiro fomos a um barzinho onde estavam vários amigos dele. Não tínhamos combinado nada para mais tarde, mas tamanho era o nosso tesão fomos de lá direto para um motel.

Nos beijamos, acariciamos, esfregamos feito dois animais, sem tocar no assunto tão desejado- a minha bunda.Tínhamos bebido e eu estava completamente molhada, quente.Ele tinha a respiração bem ofegante a rola dura e percorria meu corpo com a as mãos, até que me deitou de bruços e começou a fuder minha buceta, que como disse estava encharcada . Trepamos de um jeito que nunca tínhamos trepado, gemíamos, suávamos eu rebolava, quando ele sutilmente tirou sua rola da minha buceta e começou a esfregar no meu cúzinho.Eu empinei a bunda forçando cada vez mais o meu cuzinho contra rola dele, até que finalmente senti que começava a entrar.Sentia meu cúzinho se abrindo e uma rola grossa e quente entrando, não sentia dor apenas prazer, queria mais e mais.Ele colocava bem devagar, mas não parava ia forçando me fazendo delirar de tanto tesão,e colocou tudo bem gostoso.Eu estava com uma rola atolada na bunda e rebolava para sentir ela dentro do meu cuzinho, se esfregando na beirada do cú e ao mesmo tempo esfregando meu grelinho contra o lençol.Ele gemia e forçava seu corpo contra o meu.Pude sentir gotas de suor que caíram de seu rosto nas minha costas de tanto tesão que ele também sentia.Eu alternava entre reboladas e empinadas e pude sentir um calor que subia pelo meu corpo, fazendo- me tremer e explodir num gozo que aconteceu junto com o dele fazendo-me molhar o lençol e ficar com o cúzinho cheio de porra.

Trepamos a noite toda, dei a bunda para ele mais 2 vezes naquela mesma noite ficando com o cuzinho doendo de tanto dar.

Então descobri que amooooooooo dar a bunda sim e gozo muito com isso...

Rebeca.

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


contos menage inesperadoconto erotico o ponei e mulhercontos tava batando uma derrepente minha prima me pegaconto erotico: va para o vestiario e me esperena casa da cunhada casada contoscontos eróticos bebadaConsolado pela sobrinhas contos eróticoscontos eroticos minha sogra franciscanegrinho contos eroticosContos erotico cuzinho d m cunhadinha contos eróticos conacontos arizinho comeu minha esposaMe comeutanguinhas usadas da minha mulher contos eroticosdias e  goza nuoutro egravidamovinha petenho avigidadeBem dotado comendo a patroa no sitio conto eroticodesculpa mae pau duropica de bode contocontos erotico liberei minha esposa para sair com outro machocontos amor gaycontos meu tio pauzudo fodeu minha mulher e filhacontos eroticos de Maezinha bobinha do amigis transando com jovezinhovideos de mulheres mamandoleitee no peito da outraconto erotico cobrador casada lesbicoMulherbrasileira ensinando a filha, meter contosfudendo a sobrinha contosContos erotico com minha vizinha no clubeatolando pau grosso nas.vellinhasconto erotico comendo a dona da mercearia do bairro onde morowww.eu aronbei minha sobrinha de doze anos de idadeele comeu o meu cu e gosol na minha boca contos de novinhasconto erotico lésbicas roçando.a buceta na cara19 filha menina rebolanocontos eroticos fazendo o bico dos seios dando de mamarler contos de sexo de mulheres sendo chantageada na estrada e dando cuzinho pra dotadosContos.minha.filha.ja.ten.cabelo.na.buceta.contos de lesbicas coroaszoofilia os mais pegadoresContos eroticos gay funkeirotransei com a cunhadaContos erotico fudendo dentro docontos de zoofilia com varios caescontos eroticos de quata feira de cinzacontos mae rabo grandeFiquei parado olhando a bunda delaconto erotico facilitei para fuderem minha mulherconto de mulher que se masturbawww.contos eroticos porno eu meu marido e o nosso cachorro fazendo dp zoofiliadando o cu no cine aroucheContos virei a puta dos oito negros picudoscontos eróticos tomando banhocontos gays com gémeostirei o cabaço do meu irmaocontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crenteConto meu marido me devorou na madrugadacontos sem pudor com a menininhaa bucetinha linda da sobrinha novinha contosNovinha mamando no cinema contoseroticossó umbiguinhos lindos e peitos durinhoscontos eróticos no elevadorCasa dos Contos Eróticos tirando as pregas da sogracontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentecontos zoofilia namorada e a prima dela dando o cu pro cão juntas analvelha do bucetacoMeu amigo comeu minha mãe contoCONTOS DO CAMIONEIRO DA PICA 32CMMeu cuzinho contosAbaicha video porno tia de calcinha