Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

CUZINHO SACIADO

Cuzinho saciado



Nos contos anteriores fui sempre seduzido, ou induzido, querendo ou não, a coisa acabava acontecendo. Embora nunca tenha feito o que não quizesse, claro, desde a primeira vez. Desta vez resolvi tomar a iniciativa, porque o prazer é arrasador. Gosto de comer mulheres também, mas a sensação de ser enrabado é algo sensacional. Ou seja, comer é bom, mas dar é melhor ainda!



Já viram que eu tenho uma fixação por calcinha, de ver e tocar numa mulher com calcinha e de usar na hora H. Até agora tive a sorte de dar para homens que gostam de calcinha, na mulher e em outro homem. Sinto uma magia em mim. Quando coloco uma calcinha me transformo, relaxo e me solto. Me sinto uma verdadeira fêmea, "louca" para receber um pau gostoso no rabinho. Sem essa pecinha não tem graça.



Trabalho com informática e fui designado para operar o sistema de vídeo da convenção de uma grande empresa. Os quartos duplos foram escolhidos por sorteio. Acabei ficando com uma cara legal, bem humarado, 28 anos, alto. Um tesão. Durante os dois primeiros dias no rolou nada, quando ele chegava eu estava saindo ou vice-versa. Todo mundo cansado no tercerio dia, fomos dormir mais cedo. Meu cologa tomou banho primeiro foi deitar sá de cueca. Percebi um bom volume por baixo e elogiei. Ele não entendeu, indo direto para a cama.



Tomei um banho demorado, ansioso para ver como poderia chamar a atenção do cara. Coloquei um short normal e ei-la, a calcinha escondida por baixo. Uma tanguinha cor de rosa, fio dental, enfiado no rego. Pensava sair assim, sá de calcinha do banheiro, mas preferi colocar o shorts. Antes, porém, me olhei no espelho, fiz um trejeito de mulher, empinei a bundinha. Estava átimo. Irresistível, modestia a parte. Sentei na beirada da cama dele e começamos a conversar. Ele estava quase dormindo.



Deitei ao seu lado. A princípio, ele estranhou minha atitude. Pus a mão na sua coxa, devagar fui subindo, subindo. Parei,fiquei acaricindo. Estava deitando de costas, abriu as pernas, sinalizando alguma coisa. De repente, ele pegou minha mão e colocou sobre seu pau. Ainda mole, senti o volume sobre a cueca. Meti a mão dentro e encontrei uma vara crescendo, crescendo. Fiquei brincando com a mão e o negácio ganhando vida, em ponto de bala. Grosso, cheio de veias, cabeça linda e mais ou menos 20cem.



Me ajoelhei entre as pernas dele e fiquei admirando aquela maravilha, tocando e sentindo na minha mão. Não punhetava, queria sentir simplesmente aquela maravilha. Pelo olhar, ele estava gostando. Troquei a mão pela boca. Iniciei lambendo a cabeça, depois abocanhei até onde pude. Enfiava até a garganta, parava, apertava e sentia todo o sabor daquela pica super gostosa. Ele gemia, dizia assim, assim, que gostoso, chupe minha pica, chupe. Isso, assim, engula tudo.



Depois de um tempão chupando, ele me puxou, me abraçou e apertou minha bunda. Ao tirar meu shorts ficou surpreso e tarado com a minha calcinha. Me virei de costa, ele me encaixou por trás, pressionei minha bunda sobre o volume, rebolando, rebolando. Queria me entragar para aquele macho. Come meu cuzinho, come, coloque essa maravilha tudo dentro. Ele ficou louco. Me segurou, pressionou e colocou dois dedos na minha boca. Ficamos assim simulando uma foda por quase dez muinutos, falando besteiras e aumentando o tesão. Eu mexia, abria bem a bundinha, estava louco para ser enrabado por aquele macho experiente.



Na mesa posição, arredou minha calcinha, molhou bem o meu anel piscante e encostou aquele pau lindo e gostoso. Me ajeitei melhor, abri quanto pude e anelei aquela cabeçona. Dei um gritinho de prazer, ai que gostoso. Fiquei sentindo a cabeça, contraindo o cuzinho. Coloque tudo agora, coloque enrabe a tua mulherzinha, enrabe. Pressionei, empurrei a bunda para trás e senti a pica dilacerar meu rabo. Que delicia ser enrado nessa poisição, deitado de lado. Apertava o cuzinho e sentia tudo, saboreava aquele pau com o cu. Piscava, mexia, tremia,rebolava feito uma passista de samba. Que delíciaaaaaaaaaaaaaa, gemendo feito uma cadela.



Ele forçou um pouco,sem tirar de dentro, me pôs de bruços. Empinei, abri mais e senti o peso de mais de 80kg em cima de mim. Me senti uma mulhar embaixo de um homem. Naquela posição parece que cresceu mais. Ele coloca e tirava, me levando à loucura. Goze, goze, encha meu cu de porra, encha. Senti uma pressão interna grande, entrando e saindo. Ele urrou e enchei meu cuzinho de porra, como eu pedi. Gozei pelo cuzinho, contraindo e berrando também. Ficamos ali naqula posição até amolecer, que demorou um tempão. à medida que amolecia, sentia um torrente de porra saindo do meu cuzinho saciado.







VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


Fui sarradA no show contosaber se a Cleópatra deixava gozar dentro da bucetacontos eroticos de sogrocontos eróticos: prima comprometidacontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crenteContos erótics so de gang bang e so com homems pauzudosfomos cem calcinha e fomos fodida por puzudos dotafos no bar contocontos eróticos leite incestogostosa fas enema profundoconto erótico gay com estupro e muito sangueirma feiz sexo comigo eu gozei na boca delaConto eu peguei meu genro me brechando no banhocontos eroticos pai filha e genrocontos eróticos com vários cachorrosconto minha muie mi cumeuContos eroticos tente fujir 28cmconto erotico convite para sair com uma travesti da academiamulherdeparararua.blogspot.comContos heroticos esposa quer muitas picasminha mae vai ao massagista sem calcinhas contos eroticosmãe transando com você Tô todo meladoHistórias eróticas verídicas tesão entre mâe e filha menina incestoseios como se estivesse com leite e samgrandosofrendo no boquete contos eroticoswww.conto gay meu primo jailsonentregando a buceta na frente do marido cegoConto comi esposa do meu irmao e gozei dentrocontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentecontos erotico dominadacontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentese um homem excita uma mulher e demora muito para penetra-la ela pode sentir uma dorzinhasurpreendeu a esposa com consolo contoscontos erotico enganada mae e filhaX.mobele munher perdeno virgidade com um home pistoludoquando me masturbei saiu bastante gosma da minha buceta será que gozei?casa dos contos roubei a calcinha da minha cunhada pra bater uma punhetacomo alisar minha mae para conseguir transarsou o tesaozinho do papaiCegonhas com rola muito grande e bem grossa no pornô doidoconto pai ai meu cucontos eroticos arrombando a gordameu cao taradocontoseroticos primo hetero comeu o primo gayeu e minha cunhada apos a festa conto eroticoconto arumei um pauzudo pra minha esposa e ela viciouMenina mamando o pai contoseroticoscontos eróticos de novinha que deu a b******** bem gostoso para o cão f**** o cachorroHistórias contos ficticios e reais de sexo com travestiscontos de safadas que trabalham em frigorificocontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentecontos eróticos de mae e filha usando vibradormenininha conto eroticocontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crenterelato erotico calcinha fio dental da madrinhatenho a bunda grande e o quadril largo contosContos eróticos meu papai me comeuconto sexo dp na mendigamulhe chupa caserte do jegueencoxando rabuda no trem casa dos contoscontos erot co dando a buceta pro cavalo e p ca grandeHistórias contos e relatos reais e atuais de incestos com mulheres gordinhas e com fotos delas peladasamor to sendo arrombada contoeu sou de bauru sou casada e gosto de encoxadas nos onibus gozando vendo a tia lavando roupaas busetao.mas abertos e mas gostozas do mundo porno ater das eguascontos er passando em casacontos eroticos comi minha irman de 06anosdeitei com minha tia de sainhaconto erótico de mãe transformando filho em mocinhacasadas safadas me deu a calcinha usadas contos eroticosconto guando era pegueno dormia com minha mae e fudi elacontos contos mãe e amiga travestiNo motel os dois cabaços das duas amigas da minha filha conto erotico