Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

NO ESCURINHO DO CINEMA

No Escurinho do Cinema



Certo dia, decidi entrar num cinema pornô no centrão de São Paulo. O ambiente era um pouco estranho para mim, mas logo me acostumei. Passando pelas fileiras vi que o cinema não estava muito cheio mas tinha um bom numero de machos, alguns punhetando enquanto assistiam ao filme e outros interagindo entre si.



Decidi ir pro fundo e me sentar numa poltrona. Todo aquele ar de sacanagem junto com o filme me excitaram rapidamente. Meu pau já estava pulsando dentro da calça. Não demorou muito e um cara se aproximou de mim, ele não disse nada, apenas se sentou ao meu lado e começou a acariciar o pau assistindo ao filme.



Como já disse em outro conto, não sou exatamente gay, não tenho atração por homens, apenas por seus paus, então não notei se o cara era bonito ou não, apenas observei sua pica que era grande mas um pouco fina. Percebendo meu olhar, ele pegou minha mão e colocou em seu pau duríssimo.



O cara passou a me alisar também, então tirei meu pau pra fora e ficamos um tempo numa punheta dupla. Mas punheta por punheta eu teria saído com minha namorada, o que eu queria era rola, então logo me debrucei sobre aquele pau e comecei a chupa-lo com vontade. O cara não aguentou muito e gozou logo, deixando minha boca cheia de porra.



Aquilo para mim não tinha sido suficiente, mas felizmente logo apareceu um moreno meio gordinho ao meu lado já com o pau de fora, perguntando se eu queria chupar o pau dele também, minha resposta foi engolir toda aquela pica. Ele em pe na minha frente e eu sentado na poltrona. Eu apertava sua bunda e ele fazia o vai e vem na minha boca como se estivesse fodendo uma buceta.



Meu tesão era tão grande que nem me preocupei em ir para o reservado dos banheiros, abaixei minhas calças e fiquei de quatro na poltrona. O gordinho colocou a camisinha, me deu algumas dedadas e enfiou lentamente o caralho no meu cuzinho. Eu dei poucas vezes então meu cu não esta laceado, por isso pedia que ele fosse devagar, depois da dorzinha inicial tudo virou prazer. Como estávamos no meio do cinema todos podiam nos ver, e aquela situação me excitou mais ainda.



Derrepente apareceu outro cara na minha frente, ele já chegou com a pica de fora esfregando na minha cara. Como prazer pouco é bobagem, comecei a chupar aquele pau que era um pouco pequeno pro meu gosto enquanto o gordinho bombava meu cuzinho com vontade.



Logo o cara do pau pequeno gozou e foi pra outro lugar, mas não demorou e um coroa com uma rola enorme me fez começar outro delicioso boquete. Aquele pau mau cabia na minha boca, eu lambia sua bolas com vontade e o coroa batia com o pau de leve no meu rosto me chamando de putinha.



Ao meu lado se sentou um cara que se masturbava olhando a cena. Ele começou a bater uma punheta gostosa para mim enquanto eu chupava o pau do coroa. O gordinho parecia se excitar com aquela cena e passou a bombar mais forte e dava tapas na minha bundinha.



O cara ao lado colocou o pau perto do meu rosto, eu tirei o pau do coroa da boca e mamei um pouco na outra rola, mas logo voltei ao caralho do coroa que era muito mais gostoso. O cara ao lado continuou batendo uma punheta práximo ao meu rosto e logo gozou na minha cara enquanto eu chupava o coroa e era enrrabado pelo gordinho que gozou pouco depois.



O coroa aproveitou a oportunidade e passou a fileira de cadeiras para me enrrabar bem gostoso. Confesso que doeu para entrar, pois aquele pau era bem grande. Com o coroa me fodendo apareceu mais dois caras para eu chupar, eu revezava entre as picas, mas o coroa me bombava tão gostoso que larguei daqueles paus e me concentrei em me masturbar enquanto sentia aquele membro arregaçando meu cuzinho. Gozei gostoso e fiquei gemendo enquanto o coroa continuou me comendo até gozar também.



Satisfeito fui ao banheiro me limpar deixando os dois caras na vontade, o coroa satisfeito e mais alguns curiosos muito excitados. No banheiro um dos caras que eu parei de chupar chegou perto de mim falando que minha chupada era uma delicia, mas pena que tinha durado pouco. Então resolvi chupar o pau dele antes de ir embora do cinema. Um boquete rápido dentro do banheiro foi suficiente para deixar aquele rapaz feliz e minha boca cheia de porra novamente.



Até Mais!!!



[email protected]



VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


namorada sem calcinha no sofá mostrando a b***** para o namorado e f****** com elecontoseroticosnamoradavirgemComo posso acaricialo com tesaoconto erotico o ponei e mulherminha filha camila contos eroticosContos vovô pegando peitinho da netacontos eroticos arrombando a gordacontos coroas amigas da maechupando a buceta da minha vo dormindo contohome dar cu usano calcianhaconto conheci e comicontos de sexo com vovodei para meu genrocontos de cdzinhas orientaisamiguinha d minha bem magrinha putinhacontos incesto sogras gordassubstitui o papai contos eróticoscontos eroticos arrombando a gordacontos eroticos arrombando a gordacontos eróticos esposa amanheci toda meladacontos eroticos arrombando a gordaContos eroticos minha esposa rabudacontos eroticos arrombando a gordabudao fudida por varios brutoscontos porno de incesto real pai filha e mae juntoscontos fofinha menina de dez anoscomendo cuzinho de elanyconto erotico meu genroconto sexo dp na mendigahistorias eroticas comendo a irmãporno do irmao que fode a prima de 4minutodcabei comendo a cliente quando ia vender o apto porno brasilcontos gay sentou no colovagabundinhas no seu primeiro poeno anal delatacao analMeninas novinhas de onze e doze perdendo a virgindadecontosmenina de menor fazendo filme pornô com minha DuduContos Bota no cu tioproctologista me comeu gayDei meu cu gay pro seguraca do meu paitava me masturbando e meu namorado chego e me chupouhumilhado travesti contoscontos de mulheres ninfomaniaca por sexoContos de incesto familiarmoreninho hetero marrento contohistorias eroticas vovo come menima cucontos: sentei no colo do velhoeu ja comia Minha filhinha decidir compatilhar ela contos eroticosme comia e gozava em minha boca abusoContos eróticos de comi a mae do meu colrcontos punheta publico cinema onibus videocontos eroticos minha priminhaaí mano chega pra praia e faz sexo com irmãocontos eu e meu marido adoramos ir no cinema ver pornocontos de estruposMadrinha putinha contosx vidio comtos eroticos eu minha mulher e sua irmãconto gay tirei o atraso do meu primoconto praia de nudismo com a esposa continuacontos de coroa com novinhocontos eroticos festa a fantasiaContos primeira chupadaputinha desde novinha sacaneadaconto erotico sou empregada e viuvacontos eroticos femininos de casadasContos rasga o cu filhinhaconto erotico minha prima malvada buceta carnuda comtos de sexoconto erotico lesbico chupa meu grelinho ai vou gozar isso não para ai ai ai to gozandocontos porno sou puta dos meus cachorrosContos de mijadas no rostoporno izidinha fodenocontos eróticos pular pulaconto enterrando a ate o talo no cu da mamaevideo porno gostozinha de vestido preto sndo fodida com amae do ladaDesvirginando a irmazinhahega gotosaMãe boqueteirá contoseroticos