Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

PRIMAS CEARENSES

Eu tinha vinte anos e estava no auge da testosterona. Resolvi que tinha que ir ao Ceará, comer as minhas primas. Fui com um casal de amigos e  com a Jana e a Graça de outro conto meu aqui.  Elas tinha parentes lá.  

Combinado tudo lá chegamos, numa quinta. O casal ficou no quarto dele e eu fiquei junto com Jana e graça.

Fomos pra o hotel, comemos, tomamos um banho e arrumamos tudo. E fui atras dos meus tios.

Cada um se separou. E imagine aquela festa, reencontro, felicidades, ... E nada de primas. Sá as vi no fds. Vi que era muita prima, eu teria que escolher e escolhi as gêmeas. Que além de morar mais perto do hotel, tinham um corpo de mulherão. Marquei com todos de irmos a uma discoteca legal da região. Combinações feitas esperamos o sábado chegar. Na sexta a noite peguei as gêmeas em casa e fui pra noite. Perguntei se elas sabiam algum lugar de swing. Como elas nao sabiam o que era deixei pra lá, mas perguntei se eram virgens, disseram que nao, disse que nao acreditava. Elas disseram na lata. A gente te mostra.  Onde, perguntei. No seu hotel! Mas eu tenho horario pra devolve-las. Nos devolva depois de nos comer. E aí eu falei que nao estava sozinho no quarto que nao podia, ... Vc que sabe. Nao sabe o que esta perdendo. Eu já estava dono da situação mas me preocupei com os tios, muito tradicionais, problemáticos... Eu prometi da um jeito e ficamos em um bar. Conversamos sobre tudo. Elas ainda não tinha transado com mulheres.  Perguntei porque elas nao se comiam. Elas disseram que viam videos mas que nao sabia como comecar. Perguntei se elas ja tinham se beijado. Ainda nao. Eu falei pra elas comecarem se beijando.  Aqui!? Agora!? Nao! Fomos mas pro escurinho do bar.  Pronto aqui. Elas davam pra tras. As levei para ambiente da boate e nada. Pedi entao pra elas se tocarem.  Nenhuma iniciativa. Peguei o dedo de uma e levei ate a gruta da outra. Elas tremiam. Mas nao resistiram. Isso, bulina devagar. A outra ficou ofegante. As pessoas passavam e notavam o que rolava e saiam rindo. Quando notaram se inibiram denovo. Nos queremos voce! Pagamos e fomos pra o carro. Eu ia deixa-las em casa. Mas fui a praia antes. Achei um local legal e parei. Virei e falei. Se toquem. Arredias tive que guiar as suas maos. Elas estavam de sainha então tava fácil. Abaixei a calcinha de uma e meti o dedo da outra dentro dela. Faz o que vc estava fazendo. A outra soltou um gemido, arfou o corpo pra traz, jogou as maos para o teto do carro e jogou a cabeca.  Eu abaixei o seu tomara que caia, que seios, fartos, fiquei massageando petrificado, hipnotizado... Eram convidativos, naquele momento desejei muito aquelas garotas. Mas me lembrei o que estava fazendo. Pedi a Lia que os lambesse. Lea estava nas alturas, pernas abertas, gemia e as maos no teto do carro. A prápria  lia pegou os dedos de Lea e os guiou a sua gruta. As duas estavam masturbando uma a outra. Fui pra traz pra o meio delas. Cara nos tira daqui, leva a gente pra o teu hotel, nos fode, nos arromba.  Eu quero vê vc arrombar e fuder a sua irmã e aproximei seus lábios. Sabe o beijo dela era melado, molhado. Tirei uma casquinha daquele peito, enquanto meus dedinhos encontrava o buraquinho da outra. Quando eu vi que elas se esqueciam uma da outra pra me da atenção eu a fiz se tocarem, se lamberem. Pronto nesse momento Lea e lia se desabrochavam amantes. Deixei elas em casa que fizeram aquilo a noite toda. E fui atras de Jana, eu precisava de uma chupeta. Jana já estava no hotel. Contei pra ela das gêmeas. E que elas estariam de manha no hotel. Perguntei de Graça ela disse que estava no quarto vizinho, comendo o casal. E que ela tinha um encontro com algumas primas. Fui com ela e voltamos passando em um motel. Ela queria comer aquelas primas. Fui ajudar. 

No outro dia peguei as gêmeas, que disseram nao ter dormido de tanto que transaram.

Fui pra o hotel finalmente e pra come-las. Daqui a pouco o casal batia na porta procurando Graça. Fui atender e viram as gêmeas na minha cama. Quando os vi queria que eles participassem. E assim foi, as gêmeas faziam pela primeira vez dp.

Fomos almoçar e a Jana e Graça se juntaram a gente com duas primas.

Passamos o almoço pensando em arrumar homens para as garotas.

Perguntei as gêmeas, nao tem ninguém que vcs nao queiram chupar.

E assim ela arranjou 3 caras para serem divididos por elas.

Faltava o espaço: achamos uma casa de um deles. 

Pronto. O resto vc sabe. Lá ainda tinha o caseiro e o segurança que foram surpreendidos.

O ponto alto foi a vizinha que via tudo escondida batendo uma. Quando a vi a surpreendi com dois caras, e na casa dela, a comemos.

Fiquei duas semanas lá com o objetivo de levar pra cama algumas primas, e em alguns momentos deu em dp, suruba, ...

As gêmeas as trouxe de volta comigo pra passar um tempo. 

Enquanto eu ia trabalhar, amigos, vizinhos ia lá as pegavam e levavam pra suas festas. Foi uma época que elas gostaram muito.

A coisa mais legal foi da-las ao um chefe na época e seu filho. As gêmeas ficou doida pelo jovem. E foram morar juntos. Em uma casa que pai e filho tinha elas a disposição.

[email protected]

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


milia fudedocontos eróticos praia de nudismo dois idosos gays fudendo contoscache:tCqBSJiMNvAJ:okinawa-ufa.ru/conto-categoria-mais-lidos_6_13_orgias.html meu sobrinho gordinho e gay tetudonegrosfudedo gay novinhocontos eróticos, minha esposa putameu pai batendo punheta.eu foi fala com ele e ele madou eu bate pra eleContos eróticos cearácontos de incesto maes gostosa na piscinameu viadinho querido gostoso novinho doze anos contos eroticoscontos eróticos minha bundacontos eroticos para sua rola ta arrebentando meu cuminha cunhada quis que eu a visse nuaeu e minha tia no banheiroconto de encesto meu pai ficou empotenteesposa caseiro contosconto irmã peladinha dentro de casaprovocando meu tio com um short com as popa da bunda de foraConto erotico tudo por meu filhocontos er¨®tica lesbicospau escapou pela perna do shortscontos eroticos um negro me arrombandocontos cuzinho inchado gozouMinha sogra me pergunto se eu deichava ela chupa no meu penisconto erotico meu aniversario comi minha sogra e minha esposaconto eroticos meu genroMe Faz um Cafuné conto gaycontos erótico de mulheres casada morava no quartinho numa festa de no escurinhocontos eroticos dormindo incestotomando banho de rio com titio contos gaySimone chupando pau de joelhos e levando gozada na boca    contos herotico namoradajato forte coroa vomitaContos eroticos com velhosvidio porno um loko da cabeça cumeu a força uma gostosa na cademiaas duas bundinha para o macho contocontos eroticos a dotora crentecontoseroticoscomi o cu do mei paiconto eroticos.chupConto erótico filha putinhaCasada narra conto dando o cucontos eróticos o tio com minha namoradacontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crenteminha iniciação gay contoscontos erotico levwi minha esposa numa suruna de suprwsacontos eroticosAdoro leitinho na bucetamamae linda e brava/contoscontos.gay chupando pau do pedreiro coroa safadocontos eróticos esposa de 60anos com farra na camacontos eroticos incesto ensinei minha filha fudercoleção de pôneis gozando dentro do cu e buceta de putafiquei de 4 e ele montou socando xingandocontos eroticos o pauzudo e o cornoconto erotico convite para sair com uma travesti da academiaComtos mae e tia fodidas pelo filho e amigos delecontos de zoofilia de itucontos comendo mulher na despedida de solteira no carnavaltrai meu marido e ele arrombou meu cuhuuuuummmm gozeiSiririca contoscontos eróticos de Zoófila - empregada foi amarrada e castigadacheirei a calcinha da minha cunhada safada contoscontos eróticos peguei minha cunhada no banheirocunhada casada de saia e calcinha branca contosconto erotico minha fica semi nua eu novinhotravestis estrupa novinha na academia pornocontos eroticos arrombando a gordawww.ver contos eroticos de professoras gostosas ruivas de 20 ate 30 anos tranzando com seu alunos de 16 a 19 anos de idadecontos eroticos flagrei minha mae fudendo com travesti