Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

EU SOU CHIFRUDO 6

Um Dia ao chegar em casa mais cedo,ouvi uns gemidos vindo do quarto,era minha mulher andreia com o pai da filha dela,ela deitada de pernas abertas e ele por cima metendo a rola na sua xana,fui abrir um pouco mais a porta para ver melhor e ela me viu e disse amor entra,vem ver sua putinha sendo fudida,o cara nen se importou com a minha presença e continuou metendo na minha mulher,ele então manda ela ficar de quatro e olha pra mim e diz olha sá como se fode uma mulher,e soca sua rola enorme em dá da minha putinha,depois de várias estocadas fortes ele tira seu cacete duro sem gozar e manda ela tomar banho,fico sem entender o porque de ele não ter gozado,ela então obedece e vai tomar banho,ele deitado na cama me diz,sua mulher me disse que você adora chupar ela toda melada com o meu gozo,vem aqui que vou te dar leitinho,fiquei meio sem jeito mas louco de vontade de sentir o gosto do pau dele,não resisti a cai de boca no seu pau,ainda tinha o gostinho da bucetinha de andreia,seu pau era grande mal cabia na minha boca,mas era muito gostoso,logo ele anunciou que iria gozar mandou eu me deitar e gozou dentro da minha boca e disse;engoli o gozo do teu macho,viadinho,não pensei duas vezes engoli tudinho até a última gota,quando olhei pro lado vi que andreia estava olhando tudo aquilo,fiquei meio sem jeito,mas ela sorriu e disse gostou do leitinho do meu macho.

Depois disso ele começou a ir lá em casa quase todos os dias e dormia com minha mulher e eu tinha que dormir no sofá,um dia ela tinha ido na casa da mãe dela e fiquei sozinho em casa,ele chegou em casa e perguntou por ela e eu disse que ela tinha saido e que devia voltar logo,pois levou a filha dela com ela,ele disse que estava com calor e foi tomar um banho,logo ele grita pedindo uma toalha,vou lá levar e ele está nu e de pau duro,seu corpo era muito bonito e molhado ficava ainda mais,ele se secou e saiu pelado e foi deitar na cama e disse porque você não aproveita e vem mamar meu pau,bem gostoso,começei a mamar seu pau bem gostoso,estava de quatro na cama mamando seu pau e ele começou a passar a mão na minha bunda,até que começou a forçar o meu buraquinho,estava muito gostoso mas tentei me voltar sá para a chupeta,ele então se levanta e me manda ficar de quatro,relutei mas acabei ficando,ele então,pega um lubrificante e começa a enfiar um depois dois dedos no meu rabinho até então virgem,depois de um certo tempo ele fala agora voce vai sentir meu cacete no seu rabinho,quando ele começou a colocar a cabeçinha não aguentei a dor,doia demais ele me puxava e eu recuava,ele me puxou com força e forçava,meu cuzinho ardia e doia pedi para ele parar e ele forçava mais seu pau era muito grande,não aguentei a dor e fugi sai correndo e fui para o banheiro,ele então entrou e começou a se masturbar e gozou na minha cara,e disse uma hora vou fuder o seu cú.

para minha sorte minha mulher chegou e ele comeu o cuzinho dela na minha frente e me olhou com cara de safado,não falou nada mas sua cara dizia vou comer seu cú,ele fez questão de gozar na boca da minha mulher e mandou ela me beijar e disse divide meu gozo com o teu corninho,nás então nos lambuzamos com o gozo do macho da minha mulher.

nunca havia pensado em ser passivo,mas aquele cacete enorme tentando entrar no meu rabinho me deixou muito exitado com a idéia,toda vez que ficava sozinho em casa começei a enfiar algo no meu cuzinho cada vez mais grosso,doia muito mais tinha que experimentar aquele cacete no meu rabo pelo menos uma vez,tentei colocar uma banana meio verde no meu rabo doia demais e eu tirava.

Um dia passei no centro da cidade e entrei num desses cinema de filme pornô,para meu espanto haviam vários travestis lá,uma muito bonita sentou no meu lado a começou a alisar meu pau,colocou minha mão no seu pau e estava durinho ela perguntou se eu gostava eu disse que sim,ela tirou o pau pra fora da calcinha e pude ver que era um belo cacete, mas era médio do tamanho do meu,começei a lisa-lo e ela então me beijou e perguntou se eu queria senti-lo no meu rabinho,disse que sim e ela me levou no banheiro,era um lugar sujo,ela tirou a blusa e tinha um corpo bonito,fiquei com tesão mas perguntei se poderiamos ir a outro lugar,ela disse que conhecia um hotel e fomos,chegando lá ela tirou a roupa e foi tomar banho,estava com o cacete duro,depois fui tomar um banho e ao voltar ela estava deitada de pau duro e mandou eu chupar,chupei muito gostoso,até que ela mandou eu ficar de quatro,e enfiou a lingua no meu cuzinho,adorei aquela lingua no meu cuzinho,derepente ela começa a lubrificar meu rabinho e enfiar dois dedos no meu cú,depois coloca a cabeçinha,tentei fugir mais ela me agarra com força e começa a enfiar no meu cuzinho,ele então começa a alisar meu pau que fica duro,ai não teve geito seu pau entrou inteiro senti uma dorzinha no inicio mas depois que ela começou a socar no meu rabo começou a ficar gostoso,começei a ebolar naquele cacete,depois ela se deitou e mandou eu cavalgar,coloquei seu pau na entradinha do meu cuzinho e desci de uma vezcavalguei por mais uns minutos até que ela disse que iria gozar e gozou na minha boca depois enfiou dois dedos no meu cú,e começou a me chupar até eu gozar na sua boca,ela porem não engoliu,cuspiu no chão,sai de lá com o rabo ardendo muito depois de um tempo começou a doer,fiquei com o rabo doendo por uns tres dias,até desisti de dar para o amante da minha mulher pois o pau dele era muito maior que o da travesti.

e-mail [email protected]

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


Contos eróticos genrocontos eroticos de travestis sem camisinhacontos eroticos com sobrinhaquando a chapeleta inchada entrou no cu a menina gritoafilhadacontoencontrar vídeo de sexo amador com mulheres gordinhas do Arraial do Cabo viciadas em analcontos eróticos,ai ai fode meteconto sou. chupeteiracontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crenteminhas esposa resolveu raspar a buceta contosmeninobateno.punheta au.ver empregadaContos eróticos primeira vez colégiocontos eróticos encaixada viado da bunda grande no ônibusContos eroticos esfregando a bunda da menina gordinhaestuprada por quatro cachorros conto eroticoConto eu e meu marido bebemos muita porra fresquinhacontos de atiivo x passivo fodendoAmigos de meu filho eu provoquei e eles vieram conto eroticocontos eroticos encontro com coroa do chatsai do nordeste e virei puta pra dar o troco no meu maridocontos a mulher casada aiiiiiiiiiiii meu cuuu ai vou fala para meu maridoamiga cusudas da escala ensito o dotadocontoseróticos/negropauzudoContos erotico com minha vizinha no clubeDona Florinda chupando a rola de Seu Madrugacontos transando com a grávidaacampamento com aluninhas 2 contos eroticoscontos eroticos de familiacontos eróticos minha buceta pegando fogo i.piscandocontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crenteContos erotico meu filho acariciou minha xoxotadiana sentindo pica pela primeira vezcorno agradando os outros com a esposa contoconto ertico eu dormir e um cara pazudo rsgou o cuzinho vigen da minha esposa a força cem ela quereconto "fio dental" mãe filholouco pela minha prima contocontos gay comendo o muleke do orfanatocontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentecontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentefilha minha femea contoContos o caminhoneiro me chupou inteiraContos eróticos estuprada no ónibuscontos eróticos com gordacontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentemoreninha linda gostosa quatorze anos dandocontos eroticoscontos eroticos arrombando a gordaconto erotico traveco e casalvelho obrigou a casada a xupar seu pau grossocontos eróticos transando com coroas separadasmeninha rebolanoconto ebebedei minha cunhada pra come o cu delaWww loira casada gosta de negro dotado na casa dos contoszoofilia a chapeuzinho vermelhogostosa da propaganda da Tininhaconto de dpcontos eróticos bem depravado de bem picantecontos eroticoso passeio de barco eu meu marido e nosso peaoContos eroticos sem calcinha estuprada pelo sadomasoquistaver contos porno anal no onibos de escurcaocontos eróticos mulher de traficante dando pra galera todacontos eróticos sou mulher casada e vou contar como tirei cabaço da minha sobrinha de oito anosmarido realizando sonhos eroticos da esposaconto erótico eu tentei resistircontos mostrou duas picas pra minha esposafreiras lesbicas comendo a novinha virgem sem pudor contoconto erotico amigo pauzudo do marido comeu eu e minha filhaconto.to.viciado em chupar buceta menstruadaconto shemales sem camisinhazoofilia homens com super vergas enormes fodendo mulhetescontos mamae piscina bronzeador bikiniEscravo de minhas cruéis donas (conto )boquete mulher de 48 anos contocontos eroticos de virgemdescasados do litoral bundudaela me contou que estava com a buceta toda assada de tanto fuder com elede santinha a putinha e um pulo contos eroticoscomto mesmo falando que era casada o policial me comeu