Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

MEU PRIMEIRO AMIGUINHO

Os tempos eram outros tente voltar no tempo a 33 anos atrás.

Voce ainda tinha muito pouca aceitação de gays ou homossexuais ou viado, bicha loca, como era mais popularmente chamados ou conhecidos.

A escola era uma escola sá de garotos, que muitos poucos ultrapassavam os 19 anos, pois lá sá ia até a 8 serie como era conhecido na época.

Eu estava com uns 19 anos, e nossa escola mudou a sede para um prédio maior onde estariam todas as series, pois antes em um prédio voce ia até a 4 serie e depois mudava para o outro prédio.

Bom,com essas novas instalações todas as series agora estava no mesmo prédio e todos as series tinham aulas de educação física.

Como voce tinha uns 5 minutos entre os intervalos das aulas, nas aulas de educação física, era aquela correria no vestiário, garotos se trocando, tomando banho e foi ai que me identifiquei com rola.

Adorava ver aquelas rolas, dos mais variados tamanhos, jeitos, nascendo cabelo, já cabeludos, grandes, pequenas, grossas finas, tudo o que voce pode imaginar entre garotos, de 19 a 19 anos.

Então em alguns intervalos das aulas eu descia correndo até o vestiário, para dar uma mijada mentiroso, na verdade era para ver rola.

Sá que por mais discreto que voce tenta ser, voce acaba sempre despertando a atenção de algum outro.

Nos meses de julho a escola deixava os portões abertos, para quem quisesse ir jogar uma bolinha, bater um ping pong, pudesse ir, era um fiasco, não ia praticamente ninguém, e mesmo funcionários, uns 2 que não saia da secretaria.

Portanto quadra, vestiários, era sá mesmo dos poucos gatos pingados.

Foi ai que rolou, o mês era julho, escola vazia para variar e eu fui, não foram mais que 5 garotos e ficamos chutando bola até que os outros foram embora e sobro eu e esse, era um garoto mais velho, feio, cheio de sardas no rosto, mas eu sempre que tinha a oportunidade olhava seu pau, e ele já tinha observado essa situação, então ficamos la no ping pong, até que resolvemos ir embora, mas ele disse que iria tomar um banho antes.

Fui com ele para o vestiário, ele tiro toda a roupa e caiu debaixo do chuveiro, eu não conseguia tirar os olhos da rola dele, foi muita bandeira para quem não queria dar a bandeira.

Não era nada de muito excepcional, mas bem maior que a minha, cabeluda, bolas bem formadas, muito gostosa.

Ele enquanto tomava banho me perguntou se eu já tinha feito troca troca, eu falei que não, e ele me pergunto se eu queria fazer, a rola dele já mostrava sinais de alteração, meia dura aquela cabeça vermelha linda e a minha também, já completamente dura, mas eu estava vestido, sá observando ele.

Eu a principio recusei, pelo medo das consequências de que algo que pudesse dar errado, gerar a minha expulsão da escola.

Ele já deveria ter tido algumas experiências, pois se mostrava calmo e tentando me acalmar, disse para a gente sá bricar de enconchar e eu poderia ser o primeiro.

Concordei, fomos para uma sala no andar de cima, a ultima do corredor, entramos e iniciamos a brincadeira mas sá que de roupas.

Como deu tudo certo, fiquei mais tranquilo e pronto para a segunda vez, já que meu pau não amoleceu nenhum momento e eu adorei.

Dia seguinte mesma situação, poucos gatos pingados, mas lá estava ele, até parece que combinamos em não jogar assim os gatos pingados foram embora e a escola fico para a gente.

Combinamos de novo e dessa vez seria sem roupa, quando ele coloco aquela coisa mo meio da minha bundinha, que delicia, eu ainda não gozava, mas meu pau soltava uma baba e quanto mais excitado, mas melado ele ficava.

Terminamos e mais para o dia seguinte.

No dia seguinte estávamos nás lá, ninguém para nos ajudar ultima sala e finalmente rolo a penetração, ele me deixo ir primeiro já que era uma exigência minha, mas como eu ainda não sabia fazer, não deu em nada, mas ele sim mostro alguma experiência.

Cuspiu no pau, pediu para eu abaixar um pouco e foi empurrando aquilo dentro de mim.

Eu reclamava de muita dor e como realmente doía, até que finalmente a dor acabo e fico muito gostoso.

Era muito gostoso, muito mesmo, e ele fazia um barulho de gemer atrás de mim, até que derrepente paro, senti meu cuzinho mais molhado, ele saiu de trás de mim, nos arrumamos e saímos fora dali.

O resto do mês de julho foi assim, eu dando para ele todos os dia, meu cuzinho agora já acostumado, sentia sá prazer, eu não gostava dele, mas gostava de dar para ele.

Como as férias termino nossas oportunidades ficaram reduzidas mas isso é outra historia.

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


contos eróticos o pai da minha amigaContos quero goza muito na minha filha quando ela nasceMaicon tá doida ela me pediu pra comer sua esposa na frente delecontos eróticos de gay comi o cu do filho do meu amigonovinha andando so de calcinha pensando que estava sozinhaContos de viadinho de shortinho socado querendo dar o cucontos enbebedei minha mulher para meu irmao comerdeu o boyzinho da minha sala contos eróticosboa f*** mulher leva travesti para comer o maridocontos eróticos mostrei meu saco p minha maelésbicas esfregando pernas de rã veridicoConto eu e meu marido bebemos muita porra fresquinhacontos eroticos sbcsofrendo no boquete contos eroticoscontos veridicos de japa com negao de pau gigantefoda provadores centros comerciaisconto tinha 13 e comi uma coroa de 33conto comi minha cunhada deprimidacontos eroticos troca de casais entre cunhadoscontos erótico de lesbianismoContos eroticos meninas x gorilasvirando moça contosConto safada novinha anoscontos eroticos .na pica do meu filhãocontos sexo minhas meninas do sitiocontos coxei minha meninacontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crenteporn dpois de ir a padaria com o visinhocache:FPfKk_mm7mAJ:okinawa-ufa.ru/conto-categoria-mais-lidos_9_9_zoofilia.html enfia na minha bundinhasamba porno buceta com sujeiras brancasConto erotico entaloucomendo minha irmazinhano escuro.com/videocontos eroticos iniciada pelo pai da minha amigacontos eroticos namorada virgem do cornomae mijando tesao contoscontos eroticos no cinemaminha filha me seduziutenho maior tesão pela minha tia velha contos eróticoscontos crossdressers no cinemaContos eroticos Minha filha choronauma.gradi.rola gozano.nabuçetavarios me comero s calsinha contos gaymenina você já passou o dedo no cu e cheiroucontos eroticos arrombando a gordacontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crenteEu Bêbado e Ela Se Aproveitou Contos Eróticosconto de não aguentei a pica grande no meu cuContoseroticosjogadoracontos eroticos chupei a buceta da namorada do meu amigo com ele olhando e me falando como chuparwww.contos heroticos..uma jujuba bem comida...História narrada de sexo- Trepando com a nifeta safada gostosa huummmmulher emsabuando bucetacontos erotico cuzinho o cu da mamaecontos eróticos de menininha dando o cuzinho pro meu primo escondido brincando de pique-escondeconto erotico minha prima que considero irmãAssalto e arrombamento contos eroticosOuvir contos de inxestonovinho delirando na primeira gozadacontos eroticos Araguaina Tocontos minha mae baixinha gostosaSexo com a tatuada contoTirei a virgindade da buceta da minha empregada com a minha cinta com pau de boracha conto eroticoseio durinho excitaçãocontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentecontos eroticos ccb viuvas safadasrabinho impinadinho em fio dental da irmaarrombando o c* de modeladasbundonas de30anos no cucontos eroticos. esposo duvidou da esposacontos eroticos com escravas sendo humilhadacontos eroticos cu de esposa vermelho cheio de porra com fotocomtus erroticu mulhe casada foi faser carinho no seu cachorrocontos eroticos arrombando a gordaContos gay fazendo a barbacontos eróticos meu erro