Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

MEU TIO SAFADO

Meu Tio Safado





Meu nome é Ricardo tenho 19 anos moro em São Paulo e vou contar como foi minha primeira experiência com outro homem. Na ocasião eu tinha 19 anos eu e minha mãe viajamos para a casa de meus tios no Mato Grosso para passar uns dias aproveitando minhas férias da escola, chegando lá foi aquela festa todo mundo feliz pelo reencontro meus tios não sabiam o que fazer para nos agradar, pois moravam numa pequena chácara afastada da cidade e viviam somente os dois, o único filho deles já era casado e se mudara para longe fazendo com que eles se sentissem muito solitários,passamos o dia conversando e contando as novidades e histárias até a noite.

Meu tio tinha uns cinquenta anos mais ou menos era forte e tinha um corpo bonito, durante as conversas percebi que ele não tirava o olho de mim e toda hora ele me pedia que o ajudasse com alguma coisa e quando eu me virava percebi que ele secava minha bunda com um apetite muito grande. Eu sempre fui magro, bem branquinho e minha bunda sempre foi redondinha e arrebitada e meu tio parecia que estava ficando com muito tesão pois toda hora ele dava uma ajeitada no pau dentro da calça, eu nunca tinha sentido nada por outro homem mas confesso que comecei a gostar daquilo tudo.

A casa era muito pequena com apenas um quarto, uma sala super apertada, a cozinha e um banheiro que ficava do lado de fora da casa. Na hora de dormir meu tio, que se mostrou muito gentil, sugeriu que as mulheres dormissem juntas no quarto do casal e que ele e eu ficaríamos na sala, notei que quando todos aceitaram, ele ficou muito feliz e me deu uma olhada penetrante que me deixou sem jeito e excitado, e assim fomos dormir. Meu tio se deitou no sofá e deixou bem a vista o enorme volume na sua cueca, ele já estava com o pau duro e eu paralisei com água na boca olhando para aquele pau enorme e gostoso, quando me dei conta meu tio me olhava e tinha um sorriso safado no rosto, tentei disfarçar, mas era tarde ele já tinha percebido que tinha me fisgado, e que eu estava babando por aquela rola.

Eu me deitei em um colchãozinho colado com o sofá porque a sala era muito pequena e não tinha espaço, fazia muito calor. Logo que todos se deitaram e minha tia fechou a porta do quarto eu perguntei ao meu tio se ele se incomodaria se eu tirasse minha bermuda e ficasse sá de cueca porque estava com muito calor, ele disse que eu poderia ficar a vontade, já percebendo qual era a minha intenção, deitei de lado e deixei minha bunda virada pra ele, eu sabia que ele iria entender o recado e entendeu rápido, sem perder tempo ele começou a acariciar minha bunda, começou devagar e logo baixou minha cueca e com muito carinho passava o dedo no meu cuzinho virgem, eu fiquei todo arrepiado e não me aguentei mais,queria chupar aquele pau, me virei e vi que ele estava socando uma punheta, o pau dele era enorme estava super duro e babando não me aguentei e caí de boca naquela delicia nunca tinha sentido vontade de fazer isso antes, mas naquela hora percebi que era maravilhoso sentir aquele pau quente e duro deslizando na minha boca, chupei com muito apetite, lambi todinho chupei as bolas e voltava na cabeça enorme que babava na minha boca sem parar, meu tio quase não acreditava e ficava louco de tesão enquanto via e sentia seu sobrinho tímido que ele desejou durante todo o dia, chupando e se deliciando com o seu pau com tanto prazer e com tanto apetite, sem dizer nada pra não fazer barulho ele me faz um sinal pra que eu me virasse e assim que fiquei de quatro senti a sua língua molhada no meu rabinho que piscava de prazer, arrebitei ainda mais a minha bunda pra ele,fiquei louco, me arrepiava até a nuca, nunca tinha sentido uma sensação tão deliciosa até que senti ele passar a cabeça daquele pau maravilhoso na minha bunda e com muito carinho começou a enfiar no meu cuzinho, doeu na hora que ele penetrou quase chorei de dor porque o pau ele era enorme mas era delicioso e o prazer me fez esquecer a dor, ele mexia devagar no começo pra não judiar muito do meu rabinho virgem mas a medida que eu ia acostumando começou a acelerar e meter cada vez mais fundo e forte,meu tio socava aquele pau enorme em mim e eu quase enlouqueci de tesão, ele puxava meu cabelo e me encoxava cada vez com mais força e sussurrava na minha orelha que nunca tinha comido um cuzinho e que estava adorando o meu que era lisinho,apertadinho e quente e que iria me comer de novo e muitas vezes, nesse momento eu comecei a rebolar bem gostoso sentindo todo o prazer com aquele pau delicioso, meu tio disse que não iria conseguir mais se segurar foi quando senti aquele pau enorme latejando dentro de mim e enchendo meu rabinho de leite, eu arrebitei ainda mais a bunda pra ele sentindo todo o prazer do meu tio em encher o rabinho do sobrinho safado de porra.

Quando nos deitamos pra dormir meu tio me disse que a casa era pequena, porém o terreno em volta era grande e deserto cheio de lugares onde poderíamos nos divertir sem preocupações naquela hora percebi que teria férias deliciosas, as melhores da minha vida, mas o que aconteceu depois fica pra outro conto...

[email protected]

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


Contos a mendiga da buceta largagozaram tudo no meu cu contocontos eroticos de comi a bunda da mae da minha amigacontos porno casada abusada no assalto no acampamentoconto erotíco fui sedusida nova e gosteicontos casada da na piaconto pai ai meu cuArombaram meu cuzinho quando pikena conto eroticoContos eroticos no onibusdar conto heterocontos eroticos de rabo inocentecontos dei pro mulequinho de ruameu sogro meu amante contoo pai da minha amiga é um tesão contos eróticosfudeu a priminha de olhos fechadopapai traindo mamae comigo contos eroticosMeu meio irmão do pau de chocolate contosmeu lobo gostosoconto erotico de fui comida pelo amigo do meu esposo insperadamenteconto erotico de o amigo de meu namorado me comeu na casa dele e ele nao viucontos erotico subrinha novinha mais muito safadinhfudeu a priminha de olhos fechadoa morena virtual itaperuna rjconto real casada gravida na surubacontos eroticos com fotos de mulheres casadas que foi violentada por bem dotadoscontos eróticos vovó safadameu primo rasgou meu cu gaycontos verídicas de sexo em montes clarosContos eróticos família liberal.2,contos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentecontos eroticos a.xasada dot trabalhocomi minha filha pequena contosconto erotico calcinha fio dentalConto erotica de mulher fuder a cagarContos esposa santinhacontos eroticos ensinandocontos eroticos, ele me humilha me bate me xingaContos os velhos chupam melhor uma bucetamarido chupando a x*** delacomi minha prima contos eroticosa morena virtual itaperuna rjchupando buceta soltando fumaçacontos de meninos putinhosContos sempre incentivo meu marido a comer outra putinhacontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentecontos eroticos xongando.e batendo.na putaFui enrabada ao lado do meu marido e ele não viucontos eroticos em familiacachorros rendidos gozando pornoconto erótico. eu minha esposa morando perferiacontos eroticos o porteirofilmeporno pequei minha entiada dormindo de calcinhamarido sortiado a esposa contos eroticosCrossdresser de salto contos eroticosContos eroticos eu e minha familiacontos garoto comeu minha mãeMinha empregada tem uma buceta inchada contos de lésbicas femininomulher escanxa no cachorro e goza gostosocontos flagrei meu pai comendo cu do meu irmaoChat Amo sexoavivoConto namorado da minha mãesexo conto putariaContos mulher coloca silicone no peito e marido vira cornocontos eroticos meu marido armou para o irmao dele me comeras coroa metendo a casa do corpo da pulsocontos casadas peguei minha nora dando o cu para o pedreirocontos eroticos adoro sentir o gosto do amante delaContos eroticos de mulheres sendo abolinadas no onibus lotadoscontos eroticos arrombando a gordacontos eróticos CCBContos de sexo virgem dor extrema membro grosso teen incestopai corno contoscontos eróticos quando eu quebrei o braço minha mãe foi dar banho em mimcontos eroticos gay meu vizinho de dezenove anos me comeu quando eu tinha dez anoscontos coroas enfermeiras