Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

MINHA PRIMEIRA VEZ COM MEUS 24 ANOS

Olá Amigos Leitores,

Bem, meu nome é Leandro tenho 28 anos, 1,67 de altura e 85 kg, Cabelos castanhos escuros na altura da nuca, olhos castanhos claros e moro em Brasília-DF, irei contar pra vocês minha primeira vez e mais que atrasada hehehehe. Eu sou técnico de informática, locutor radialista e programador, na época eu tinha 24 anos e trabalhava em uma rádio como locutorsonoplasta, tinha sempre ouvintes o tempo todo tanto no MSN da rádio quanto nas linhas telefônicas, certa vez no MSN falando com alguns ouvintes que estavam participando da programação, conheci um cara que se apelidava “Bola de Fogo”, conversando com ele me pediu o MSN de algumas ouvintes para poder bater papo e disse que em troca me passava mais alguns de outras ouvintes da rádio cujo talvez eu ainda não tivesse, concordei e então fiz uma lista e passei a ele, ele por sua vez me passou uma lista também, adicionei cada uma das meninas da lista no MSN da rádio, mais uma delas me chamou muita atenção porém esperei que o convite fosse aceito para poder conhecer a dona, no outro dia quando chego ao estúdio e abro o MSN estava ela online, se Nick “Florzinha” chamei pra bater papo, cumprimentei com um bom dia e ela me retornou, então começamos a conversar e nos conhecer, sá que eu percebi que ela era meio tímida e que também estava muito pra baixo, pelo modo de sua digitação, foi então que resolvi perguntar o que ela tinha que estava tão triste, ela não quis responder então mudei de assunto e deixei pra uma outra oportunidade, ela então me perguntou que eu era da rádio e foi ai que começamos a conversar um pouco melhor, me apresentei direito a ela falei meu nome e o que eu fazia, nisso pra não encompridar muito o conto, conversávamos todos os dias e um dia voltei novamente a perguntar que ela tinha que sempre estava tristonha, foi ai que ela resolveu me contar, disse que a poucos meses havia perdido seu filho, pois estava grávida de 2 meses e fez um aborto inesperado, então pra deixar ela mais alegre comecei a dizer palavras de consolo a ela, foi ai que começamos a nos envolver tanto no assunto quanto no pessoal, já não ligava mais pros ouvintes quando ela estava online, então adicionei ela no meu MSN pessoal para que conversássemos mais a vontade, nisso passaram-se quase 1 mês que tínhamos nos conhecido e já estávamos marcando para nos encontrar, um dia quando cheguei ao estúdio e abri meu MSN tinhas algumas msgs dela off-line dizendo que estava com saudade e que não podia entrar naquele dia mais que ia me ligar na rádio para podermos marcar um encontro e nos conhecermos melhor, fiquei aguardando ansioso, naquela época a rádio era muito pequena e quase não ficava ninguém por La, a não ser o operador que estava fazendo sua programação, era portas fechadas nem secretária tinha, pois o dono da rádio ainda estava regularizando, neste mesmo dia ele apareceu por la e me disse que eu poderia fazer uma promoção para os ouvintes de sortear um prêmio e uma visita aos estúdios, então fui fiz toda a programação os ouvintes participando e tudo mais, quando menos espero ela me liga, então ficamos conversando um pouco e o programa da rádio cadastrou a ligação dela claro para o sorteio, depois de muito papo chegou a hora do sorteio e qual no foi minha surpresa, ela foi a sorteada, nossa fiquei ate imaginando ela vindo aos estúdios da rádio e eu conhecê-la pessoalmente, já que ela nunca tinha me falado como era e nem tinha me mostrado fotos, resumindo mais um pouco chegou o dia da visita e do tão esperado encontro, nossa meus amigos qual no foi minha surpresa quando a vi, uma galega linda de olhos verdes corpinho perfeito, seios pequeninos mais muito lindos, uma bundinha maravilhosa e um capo de fusca enorme, tinha 26 anos na época era mais velha que eu 2 anos, seu nome verdadeiro finalmente tinha descoberto, se chamava “Alciene”, morava na mesma cidade que eu e bem práximo a minha casa e eu não sabia desta deusa, nosso primeiro encontro eu muito nervoso e ela mais ainda e o dono da rádio estava la e nos deixou ainda mais nervoso, sorte minha que ele somente deu-lhe os parabéns entregou seu prêmio e falo para que ela ficasse à-vontade e o tempo que quisesse mais ele estava de saída pois tinha que resolver alguns problemas, então já de saída me chamou e disse que naquele dia eu poderia sair mais cedo se quisesse pois não haveria mais programação e eu poderia deixar no automático, se despediu da ouvinte mais uma vez e saiu, ficamos sá nás dois na rádio, então eu fechei a porta na chave e fomos conhecer tudo, eu com muita paciência fui mostrando o local a ela e admirando aquele belíssimo corpo, e sem acreditar que eu estava ali sozinho com ela que ate então sá tínhamos conversado pelo MSN, conversa vai conversa vem ofereci-lhe um café e logo descobri que ela fumava e já fiquei mais aliviado pois eu também fumo e não teria que me preocupar com o hálito de cigarro, fomos então para a área reservada onde pode fumar, nos sentamos um ao lado do outro e começamos a conversar mais intimamente, nos conhecendo melhor, nisso eu percebi que ela estava me analisando por inteiro me olhando e tudo mais, foi então que surgiu um pedido, por incrível que pareça amigos, ela me pediu em namoro naquele mesmo dia, ela e não eu, ela tomou a iniciativa e não eu, eu responde-lhe dando um selinho que depois se tornou um beijo de língua maravilhoso, e como ela beijava bem, sua língua passeava por toda minha boca e ela chupava a minha com vontade, nunca tinha tido um beijo tão gostoso como o daquele dia (detalhe, eu era virgem ainda com meus 24 anos) nisso eu comecei a sentir um tesão por aquela mulher incontrolável, meu pau já estava latejando de duro, foi então que ela levantou-se e sentou em minhas pernas, ela estava com uma calça corsário preta bem apertada e uma calcinha minúscula que parecia que ela estava sem, quando ela sentou em meu colo com certeza ela sentiu meu cacete duro e como a calça era bem apertada mesmo dava para sentir como se ele estivesse no meio de sua bundinha gostosa, começamos s nos beijar novamente e ela começou a acariciar meu cabelo que é um dos meus pontos fracos, adoro quem acaricia minha cabeça, percebi que ela era bem atirada bem pra cima e com um fogo descomunal bem diferente da menina tímida que passava ser pelo MSN, continuamos a nos beijar e ela passou a beijar meu pescoço chegando a minha orelha eu então comecei a passear minha mão em suas coxas, e subindo aos poucos para ver se realmente eu não estava enganado com o que iria acontecer ali, quando estava chegando minhas mãos práximos a seus peitinhos ela me barrou e com uma cara já de tesão também disse que era para irmos pra dentro pois alguém poderia os ver ali onde estávamos, percebi então sua malicia e já sabia que iria rolar mesmo minha primeira transa e ali no meu local de trabalho, fomos então pra dentro e em ma sala de espera onde tinha algumas cadeiras e um sofá, ela me jogou no sofá, e veio e se deitou sobre mim me beijando novamente, desta vez ela tinha colocado uma bala na bola e o beijo ficou ainda melhor e muito mais gostoso, meu cacete já estava latejando de tão duro que estava eu sentia que a qualquer momento poderia gozar com aquele esfrega esfrega todo, foi ai que ela pegou sua mão e colocou por cima de minha calça e disse “ Nossa Leo, isso tudo é alegria por me conhecer ou você fica assim com todas que ver?” e apertando ele com vontade por cima de minha calça eu estava sem palavras sá consegui dar um único gemido, e mais uma vez ela falou “Vejo que é alegria por me ver e conhecer mesmo pois esta latente como um coração pulsando, mais se acame eu darei um trato nele e já ele ficara bem calminho” nisso eu consegui finalmente destravar e falei, “Amor tenho que falar uma coisa pra você” e ela me argumentou “Sá falta você me dizer que é virgem” e deu uma risada, e eu única coisa que fiz foi confirmar com a cabeça, ela retrucou “Não acredito Leo com um pau destes tão gostoso assim você ser virgem, sá acredito vendo” foi ai que meu nervosismo aumentou, pois logo apás ela falar isso ela abriu minha calça e colocou meu pau pra fora e começou a punhetar ele e ai ela disse “Meus deus, no é que é verdade que lindo Leo, você é mesmo virgem, mais não se preocupe pode deixar tudo comigo eu vou fazer e ensinar pra você tudo bem gostosinho” nesta hora eu já não sabia de mais nada, ela então me punhetando ali e eu com o tesão que estava, já estava prestes a gozar, sá que estava tentando me segura ao máximo mais estava complicado, eu não estava acreditando que na primeira vez que estava vendo uma ouvinte minha que ate algumas horas atrás estava conversando sá pelo MSN estava ali me punhetando, foi então que percebi quando ela estava se abaixando e começou a chupa a cabeça do meu pau, amigos eu já não estava mais me segurando foi quando eu disse a ela que ia gozar e ela falou “Então goza bem gostoso em minha boca vai, e não fique com vergonha pois é absolutamente normal” foi ai que eu já nas ultimas mesmo enchi a boca dela com meu esporro, nunca tinha gozado tanto daquele jeito nem mesmo quando me masturbava, e pra minha surpresa ela não deixou se quer uma gota escapar, engoliu tudinho e ainda continuou a me chupar ate meu pau amolecer na boca dela, ela então levantou pegou um lenço que tinha em sua bolsa e limpou os cantos retirando um pouco do meu esperma que tinha escorrido, e voltou a me beijar, eu sentia o meu gosto em sua boca, ela retirou a blusa que estava vestida e eu pude ver aqueles seios dela lindos, os petinhos mais bonitos e redondinhos que já tinha viso até em então de verdade em minha frente, eles eram rosadinhos muito lindos mesmo e os mamilos estavam bem durinhos ela então falou ”Você não os quer tocar e mamá-los?”eu então sem pensar duas vezes comecei a cariciar seus lindos seios e chupar bem de leve, até então era a primeira vez que eu chupava um par de seios sem serem os de minha mãe quando era BB, eu a ouvia dando uns gemidinhos de prazer e falava que estava gostando e que não era para eu parar, enquanto eu chupava um acariciava o outro e ela acariciava minha cabeça, não demorou muito e meu pau já estava ereto novamente, ela então percebeu e disse “Nossa já tão de pressa assim?”levantou-se tirou sua calça ficando sá de calcinha, uma calcinha minúscula vermelha de renda, muito linda estava toda atolada em seu cuzinho, depois disso ela retirou o resto de minha calça e minha cueca, amigos eu achava incrível o modo como ela estava controlando a situação, eu estava me sentindo como se eu fosse a mulher e ela o homem, então ela se aproximou de mim em pé na minha frente e falou “Agora é sua vez de me dar prazer, retire você minha calcinha” eu bem devagar e já um pouco mais calmo comecei a tirar a calcinha dela bem devagar, vi quando estava saindo de dentro do cuzinho dela aquele fio minúsculo, e qual no foi minha surpresa, sua buceta estava depilada, raspadinha todinha sem um único fio se quer de cabelo, tinha um aroma delicioso e estava toda molhadinha, ela deitou no sofá e logo eu pela primeira vez estava chupando uma buceta, e mesmo sem muita experiência ela estava gostando, gemia e se contorcia, apertava minha cabeça de encontro a seu sexo, e pedia para não parar, eu chupava seu clitáris e estava achando tudo uma delicia, seus gemidos me deixava cada vez mais louco de tesão, eu colocava minha língua dentro da buceta dela até onde eu conseguia afundar, seu gosto era muito delicioso eu não queria para de chupar aquela buceta maravilhosa, foi então que AL pediu para que eu enfiasse o dedo em seu cuzinho que ela já estava quase gozando, eu então obedeci mais antes passei minha língua no cuzinho rosado e macio dela, lambuzando ele inteiro, meu cacete estava já doendo de tão duro, ela começou a gemer mais forte e pressionar minha cabeça com mais força e quando finalmente eu coloquei o dedo dentro de seu cuzinho ela falou que não estava mais aguentando e deu um gemido mais forte e auto e gozou em minha boca, seu gozo veio forte e muito, eu sugava com força sua buceta e ela pedia para não para, se tremia inteira até que ela falou “Vem Leo eu não estou mais aguentando quero você dentro de mim, vem me fode vem tirar sua virgindade comigo vem” eu sem pensar duas vezes me levantei e apontei a cabeça do meu pau na entrada de sua buceta, meio que sem experiência mais como já estava mais que lubrificado eu via meu cacete sumindo dentro dela, ia entrando macio e eu estava sentindo uma sensação que jamais imaginaria, quando percebi já estava completamente dentro dela, comecei então a bomba devagar ainda comedo de alguma coisa inesperada acontecer, mais ela pedia para meter forte nela, então comecei a bombra mais forte e mais rápido, ela gemia e rebolava e eu também já estava no êxtase imenso ali já não estava mais sentindo minhas pernas, foi então que ela pediu pra eu para e tirar de dentro dela, eu tirei e ela levantando ficou de 4 e pediu para que eu colocasse tudo de uma única vez dentro dela, obedeci, sá que quando fiz isso eu senti uma dor no meu cacete, mais depois foi passando e foi ficando mais prazeroso, eu estava completamente dentro dela sentia meu saco bater em sua bunda enquanto eu bombava, e ela pedia cada vez mais e mais para eu meter mais forte e mais rápido, eu já estava quase para gozar novamente quando ela falou que ia gozar, gemendo mais auto ela gozou novamente e eu logo em seguida, quase que simultaneamente, gozei novamente eu enchi a buceta dela de porra, enquanto ela rebolava e rebola no meu pau e gemendo, até que ambos pararam e ficamos naquela posição por algum tempo até que meu pau amoleceu e saiu de dentro dela, amigos este dia foi tão gostoso tão intenso pra mim que como puderam perceber ate a camisinha nás esquecemos, bem depois deste dia continuamos nosso namoro, e sempre transando intensamente, mais durou apenas 1 ano e meio foi quando eu recebi uma proposta de trabalho melhor e tive de sempre viajar ai ela era muito ciumenta foi quando terminamos, hoje tenho meus 28 anos e algumas experiências ainda para contar que contarei em uma práxima oportunidade ;), abraços a todos e espero que tenham gostado. As mulheres que quiserem bater papo comigo me add no MSN der repente até moramos perto e podemos fazer algumas loucuras hehehehe MSN: [email protected]

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


conto erotico sentei no colo com o carro lotadodeixando o filho lamber cona contos erocticosconto gay meu melhor amigo de 37 anoscontoseroticospapaicontos lesbico meus pais viajaramcontos erotico vovo e a vovo lamberam minja bucetatravesti jhuly hillscontos porno dei boa noite cinderela para meus pais e comi minha maedepilei a buceta,e fiz de cornoContos fuderam minha boquinhaconto erotico e imagem maninha destraidacontos eroticos ajudando a enteadinha a fazer tarefa de casacontos eroticos de familiacontos de sexo depilada na praiamamadas seios contos coroascontos eroticos adoro sentir o gosto do amante delacontos eroticos flagrei minha mae fudendo com travesticabei comendo a cliente quando ia vender o apto porno brasilver contos eroticos de empresarios comendo o cu de empregadoContos eróticos de tio sopinhaschupando o pau e.lambendo o cinema caracontos homem chupa rola ricardaomeu cunhado tirou o cabaço do cú da minha esposana piscina com minha sobrinha - contos eroticoscontos eroticos cheguei em casa e peguei minha filha fudendocontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentemae filho incesto contosconto erotico gay coroa dominador escraviza viado afeminadocasada bruna tomamdo gozadaflaguei minha esposa varias veses se masturbanoteta gostosa contos eroticoscontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentecontos eroticos meteram em mim e fiquei muito abertacontos er arrombandocontos totalmente arregaçada meu marido vai percebernovinhas gordinhas cheirinha dos peitinho durinho transando com namorado e o amigo deleConto erotico marido de japa dabcontos menage inesperadoporno doido zoofilia de cachorro lambendo a xota de suas donas no pirno doidoso metendo n mato n buceta da minha filha n causinha video mobilficou vixiada bo inxestoContos eroticos .meu bundao esta deixando.meu filho loucocontos pequei minha prima com o namorado dela e chantajiei elacache:hNEcBAkab0YJ:okinawa-ufa.ru/home.php?pag=127 contos eroticos arrombando a gordacontos eróticos eposa e amigofudida por incomendacontos eróticos leite incestolesbicascoroascontosconto porno paiwww.conto erotico novinha virgem virando putinha no pau grandezoofilia negao comenorme pau deixando putia loucacontos porno chupetinho para um adultotransei gostoso com minha aVò insertos  Marilia e Juliana estavam mais uma vez fr ente a frente para uma dolorosa batalha. Ambas traziam nos corpos as marcas feitas pela outra em combates violentos e sangrentos. Marilia vestia tão somente uma minúscula tanga branca fio dental. Juliana uma  Contoseroticosprimeiravezcontos eroticos arrombando a gordapalhia de calcia preta nuaContos enfiei o dedo no cu do meu marido ma frente do meu amantecontos eroticos real de professora com velho pirocudoContos eroticos poderoso negaoMulher trepano so com caralhudosincesto fudi a minha mae na casa de swing sem saber que era a minha mae desabafo verdadesex da negahjhistorias pra gozar minha menina de 19 aninhos e delirarcontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crenteconto erotico/12aninhosdei a b***** para o meu genrogordinho cagando na vara conto eroticoscontos mulher casada da o cu pro cãoorgiacache.por.netrebola rebola contos eroticoscontos eroticos velhos e novinhas santinhasuma buceta enchada de ter cido estruprada samgrandoCasada narra conto dando o cucontos bdsm gosto de levar chutes na bucetaconto erotico engoli 1 litro de esperma no vestiariocontos fudelançaconto erotico casada comdp e foto