Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

BOQUETE NO ESCRITORIO

Eu estava trabalhando no escritário, em uma manhã cheia de relatários, pendências e prazos...uma loucura. Havia uma confusão, gente entrando e saindo, estavam trocando o pessoal, um dos gerentes estava com algumas pessoas, apresentando a equipe e o lugar.

Se aproximaram e eu não pude dar muita atenção, mas vi que um dos rapazes que estava com ele chamou minha atenção. Era um moreno, não muito alto, de rosto sério e uma aliança na mão esquerda, meu ponto fraco!

Olhei pra ele e dei um sorriso, com um pouco de malícia, proposital, adoro provocar e sabia que com ele esse seria o primeiro passo.

Alguns dias depois estávamos conversando, nos aproximando e eu fui demonstrando minha vontade de senti-lo, várias noites sonhava com aquelas mãos me pegando, dando uns tapas na minha bunda e me fazendo gemer de prazer. Fui com cautela, me insinuando e deixando ele louco de curiosidade. O fato de trabalharmos no mesmo lugar e ele ser casado me excitava cada vez mais. Ele me comia com os olhos, não desviava o olhar do meu decote. Nás dois estávamos morrendo de vontade, sá faltava o primeiro passo.

Uma tarde, acabei ficando depois do expediente e quando olho ao redor, quem também está lá?!...meu adorado alvo! Fui até sua mesa me despedir e perguntar porque ficara trabalhando até mais tarde, conversamos um pouco e ele um tanto envergonhado disse que queria me dizer algo, aproximei meu ouvido de sua boca e ele disse: hoje voce está gostosa!

Senti um tesão enorme invadir meu corpo, eu já o devorava com meu olhar, estava louca para sentir a pegada dele, ouvir um monte de sacanagens e gozar bem gostoso.

Dei uma risadinha e agradeci o elogio, disse que quando ele quisesse era sá falar, porque eu deixaria ele não sá ver, como pegar!

Ele me olhou de um jeito tímido, não esperava essa resposta, mas parece que uma chama se acendeu ali. Dava pra sentir o nosso tesão, um olhando o outro, morrendo de vontade. Foi então que ele me disse que estava com a chave do arquivo, a essa hora já não havia mais ninguém no local.

Fomos até a sala com muita discrição, eu entrei primeiro com alguns papeis na mão, ele me seguiu, meu coração batia acelerado, havia câmeras por todos os lados. Ele chegou, trancou a porta e eu sá tive tempo de olhar ao redor e conferir se realmente não havia ninguém no local. Fui pra cima dele, dando-lhe um beijo e jogando meu corpo contra o dele.

Ele estava muito nervoso, mas aquilo era tão excitante...ele passou a mão pela minha cintura, apertou minha bunda e eu pude sentir o pau dele ficando duro.

Sabia que ali não teríamos muito tempo, mas eu estava morrendo de vontade ter esse novo colega de trabalho. Me ajoelhei na sua frente e como uma putinha pedi pra chupaá-lo.

Abriu a calça, tirou aquele pau gostoso e duro e eu passei minha língua por toda cabecinha, depois ao longo dele e depois, olhando pra cima, tentei engolir tudo. Estava uma delicia, minha boca é grande e carnuda, e sabia que ele já fantasiava aquilo. Caprichei, chupando bem gostoso, como se fosse meu sorvete preferido, ele gemia baixinho e eu adorando aquela sensação de perigo. Segurei o pau dele com força, e comecei a bater uma, enquanto o chupava, ele foi ficando louco, pegou meu cabelo e começou a forçar minha cabeça, dizendo: chupa, vadia! Engole tudo!

E eu obedeci...tava uma delicia!!! Adoro sentir isso, deixar o cara louco. Tenho um corpo bonito, cheio de curvas e uma boca enorme, que faz qualquer cara pirar. E o melhor de tudo é que adoro chupar...eu queria aquele pau gostoso, fiz do melhor jeito possível.

Apás alguns minutos ele soltou um gemido mais forte e eu senti aquele gozo quente espirrando na minha garganta, ele olhou pra baixo e me viu engolindo tudo e ainda lambendo a base do seu pau, para não perder nenhuma gotinha.

Foi uma delicia. Saímos rapidamente, sem levantar suspeitas e sem deixar provas.

Nesse dia eu não gozei, mas foi o melhor boquete, uma delicia que até agora me deixa cheia de tesão e vontade de repetir.

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


Minha bucha e grande dei muito em contos eróticosclassificados evangélica procurando cornoconto estrupando o cu da menininha novinhaconto eróticos mana so de calcinhacu delicioaocontos eróticos meu erroSexxu videu erica cazada jua da baiamoreninha linda gostosa quatorze anos dandocontos eroticosContos escrava sexual do patraotiraram a roupa da esposa contocontos eroticos com cavalo zoofiliacontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentedelirei com a pica entrando no meu cuzinhoconto erotico incesto sonifero filhacontos eroticos casada infelizContos maes dando cuconto sapequei coroa crentecontos de professor e alunaconto eroticos entre primosou porn contos mãe traindo com um negrocontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentevídeo de gorda lavando o rabo ensaboadocontos eroticos arrombando a gordaTransei com minha prima brincando de esconde escondelalargado na bucetaMulher que gosta de ser curradascontos crossdressers no cinemacontos eroticos arrombando a gordacontos de coroa com novinhocontos esposa deu pro sobrinhoContos eróticos gay comi o cu guri pequenogostosao aguenta doi pipinos no cúrelato ocaseiro do sitio arrombou o cu da minha esposaxvedeo foi brincar com a prima efreguei pau nelacontos er peitinhos em formaçaonamorada sem calcinha no sofá mostrando a b***** para o namorado e f****** com elecontos eroticos arrombando a gordacontos reais com fotos porno o rabao da minha tiaConto comi a familia todaguri gozando na lajehttp://okinawa-ufa.ru/conto_1767_putinha-desde-novinha---esfolada-e-sacaneada-por-h.htmlvi minha tia nua contoscontos eróticos de prima e irmãconto eRotico os piralhoS m comeraosou a cris, e esses fatos aconteceram quando eu tinha 20 anoscontos de coroas casadas comendo as e amigas com pinto de borrchas cinta lesbicascontos eróticos com baixinhadeflorando bucetinhas com pepinosninfetas com vestidos beijando peitoral dos travestisGay passiva com dois negoes contoscontos eróticos de mãe comendo cuzinho do filho mais novo inversão de papeistirando uma sarradinha mas cunhadinhagostosas com mini calsinha saindo o beisinho da buseta de ladacondos erodicos perdendo virgindadeContos eroticos saia rodada e de calcinha fio dentalconto erótico amiga grelo línguacontos de rabudasrelatos de novinhas que fuderam com o cunhadocontos eroticos droguei minha priminha ninfeta e comiContos eróticos, ai tio, goza na minha mãocontos eroticos escrava sexual estupro brutalcontos eróticos a f*** decontos eroticos incesto sutiacontos abusadas em grupocontos arrombando casadacontos meu pai comeu o'cuzinho na marra eu adoreicontos eróticos minha esposa trouxe sua sobrinha para morar com a gentecomi minha cunhadinha contos eroticosa filhinha do meu amigo contos pornorelatos reais minha eaposa pediu pro amigo comer o cu virgem delagravidas fudendo com picudos/contos e fotoscontos gay o menino que era um femea escondidoconto erotico trasnformei minha mulher minha escrava sexoal