Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

MINHA CRIANÇA, MINHA FILHINHA .

Olá a todos ... esse conto me foi confiado e contado por um pai que, vivendo isso tudo, já não se aguentando com tudo isso dentro dele, me pede para que eu monte essa historia REAL e mande para os sites de contos, talvez na intenção de querer AJUDAR aos pais que passam por esse mesmo problema ... PEDOFILIA ?? FALTA DE RESPEITO ?? ABUSO SEXUAL ?? cada um que leia e julgue como melhor convier pois eu, como escritor, so faço montar a historia e relatar aos leitores que gostam desse gênero de escrita...



Sou um cara, que muito cedo me casei com Regina ( nome fictício ) e muito cedo, 2 meses depois de casados, ela engravidou e nasceu Lorraine, uma bela menina, que sempre, desde bebê, me encantou ... e aos poucos, depois do nascimento da Lorraine, a minha vida com Regina foi se tornando insuportável, pelo ciúme doentio que ela tinha de mim na época, pois ate da filha ela tinha ciúmes e eu não podia nem ao menos dar um beijinho na minha gatinha ...



A nossa vida ia de mal a pior e eu . já prevendo o pior, tentei me separar dela e ela em um momento de loucura, tentou me matar, e me enfiou uma faca no meu peito quando eu dormia e por muita sorte, consegui sobreviver, mas por essa facada, passei 3 meses no hospital Souza Aguiar, do RJ, e ela, por este ato desvairado, foi presa e condenada a 19 anos de reclusão por tentativa de homicídio, acabando com isso, a nossa vida de casados e deixando a nossa florzinha, entregue a avo, minha mãe ...

Convalesci com muita dificuldade, pois a dor maior era o que Regina tinha feito comigo,,, tentando me matar por ciúmes de nossa florzinha adorada ...



Passaram-se 7 anos de tudo isso e eu me recuperei e fui morar com minha mãe e minha filha ... ela já com seus 8 anos de idade, se transformando em uma bela menina, cabelos negros, compridos, ate a cintura ... olhos negros como duas perolas, uma bela e carinhosa menina, que adora o pai ... pois sempre que eu chegava, la vinha Lorraine correndo e se jogava em meu colo ... era uma delicia ter o afago e o carinho daquela menina linda e aquilo me tirava todos os aborrecimentos que podia ter tido no meu dia de trabalho ... ate então, juro, nunca tinha tido nenhum pensamento libidinoso em relação aquela perola de menina que era a Lorraine ...



Mas o destino traça todas as linhas de nossas vidas e em um belo dia, minha mãe viaja a trabalho e diz que passará 19 dias fora e ficamos eu e Lorraine e como eu estava de férias, pude ficar com ela em tempo integral ... levamos mamãe

ate a rodoviária e la foi ela para seus 19 dias fora ... voltamos para casa e ela me pede para alugar filmes infantis e entramos em uma locadora e ela escolhe uns e eu pego um erático pois confesso estar sem mulher a uns 2 meses e queria aproveitar que mamãe estaria fora para me deliciar com uns filmes pornos pois ninguém é de ferro ne ?

Voltamos para casa e Lorraine logo ao chegar pos um filme e se deitou no sofá para assistir e eu pegando uma cerveja, fico admirando a minha pequena menina, deitadinha no sofá ...ela estava usando uma sainha branca, rodada, e como toda menina de sua idade, em casa, nem liga de que jeito se senta ou deita ... e pela primeira vez ... OLHO a minha menina ... deitadinha de perninhas abertinhas ... a sainha subiu ... e eu pela primeira vez ... VEJO a bucetinha de minha menina, por cima da calcinha branquinha ... de pano fininho ... e senti uma ereção automática, quase animal, por ver a rachinha da Lorraine... sim vi toda a extensão da sua xerequinha, pois estava sentado ao lado do sofá, muito perto e meus olhos teimavam em continuar vidrados no meio das perninhas de minha menina ... levantei como que impulsionado por uma mola e fui ate a varanda, ainda com o pau duro como uma rocha, com uma ereção total e acendi um cigarro tentando tirar de minha mente aquela visão proibida ... escurecia aos poucos e uma leve brisa soprava me ajudando a desanuviar os pensamentos e eu já nem lembrava de nada quando ela me chama... PAPAI ... ai me lembrei de que estávamos so nos dois em casa e que ela precisava de atenção e cuidados ...fui ate a sala e ela sorrindo veio correndo e se atirou em meu colo, mas tinha tirado a blusinha e a saia, estando so de calcinhas ...

Meu DEUS, pensei eu ... e a ereção voltou mais forte ainda, sentindo aquele corpinho nu colado ao meu pois eu estava so de bermudas ...PAPAI, QUERO TOMAR BANHO ... nossa, quase tenho um troço pois ela . ainda em meu colo, me pede para que a leve ate ao banheiro ... sá aí é que eu vi o quanto ela tinha crescido... os peitinhos, tipo limõeszinhos, quase furando o meu peito e as coxas, peludinhas, trançadas em meu corpo .... ummmm, podia ate sentir o calorzinho da bucetinha de minha menina em minha barriga ... o que fazer ? pensei eu ... sozinho e com aquele tesão louco aflorando em mim com o pau quase estourando de tão duro ... mas era a minha menina, de apenas 8 anos que estava em meu colo ... pedindo banho ...tentei de todas as formas possíveis, afastar de meus pensamentos, aquela idéia de que uma bucetinha estava me queimando a barriga ...tentei agir naturalmente e a levei para o banheiro e ela me pede para tomar banho de banheira ... abaixo ela no chão e abro as torneiras para encher a benheira de hidro e ela pede para deixar a água bem quentinha ...saio do banheiro enquanto enche a banheira, pego uma cerevja gelada e tento não me ligar na minha filhinha querida ... mas ...quando estou bebendo, ela me chama ... PAIZINHO ... VEM AQUI ... e la fui eu, como um robô, sem vontade ... chegando ao banheiro, a banheira já cheia ... ela me pede o que eu tanto venho tentando fugir ...PAI, TOMA BANHO COMIGO ? e dizendo isso, ela vem ate perto de mim e abre a minha bermuda ...devagar ela vai abaixando a minha bermuda e ficando de sunga ... quase o piru saindo pelas beiradas da sunga ...de tão duro... e ela fica olhando ... extasiada e pergunta ... O QUE É ISSO PAPAI ? ... difícil explicar ne ? ainda tento dizer para que ela tome banho sozinha mas ela insiste que fique com ela...pois diz ter medo de se afogar e cai na risada, me pegando pelo braço e me levando ate a banheira ... me solta, tira a calcinha e me pergunta ...POSSO ARRIAR A SUA SUNGA PAPAI ? ... pensamentos loucos e controversos me invadem a mente ...mas ... acho eu .... o caminho era sem volta ... simplesmente, olho dentro daqueles olhos lindos, negros e balanço a cabeça, consentindo e fecho os olhos ...sinto aquelas mãozinhas pequenas pegarem na beirada da minha sunga e abaixando a sunga, ela diz ...PAI .. SEU PINTO É GRANDE... POSSO PEGAR NELE ? quase caio duro, ouvindo a minha menininha dizer aquilo ...

So consegui balançar a cabeça e sentir aquelas mãozinhas pegarem com muito carinho no meu pauzao e pude sentir o calor daquelas mãos e olhando para ela, vi que ela olhava curiosa para ele...aproveitei e pegando-a no colo, me deitei com ela na banheira e ela sorrindo me abraça e o meu pau entra no meio das pernas de Lorraine e quase gozo com o contato daquela bucetinha com o meu cacete ... já não pensava em mais nada a não ser aproveitar aquela xerequinha gordinha ...aí, ela sempre me olhando, se vira e eu sinto o meu pau entrar entre as nádegas dela ...ummmm, ela, uma menininha de 8 anos quase me faz gozar, so com aquele contato ...abraço ela bem devagar e pego naqueles peitinhos deliciosos, começando a crescer ... ela geme e eu pergunto ... VC TA GOSTANDO DOS CARINHOS DO PAPAI ? e ela se encostando mais ainda, forçando aquele bumbumzinho lindo em mim, responde... PAPAI QUERO MAIS CARINHOS ... sem pensar duas vezes, me levanto e pegando-a no colo, enrolo-a em uma toalha e a levo para a cama ... deito-a com muito carinho e abro a toalha e pela primeira vez na vida, olho a minha menina como uma mulher ...pergunto a ela se ela quer mais carinhos e ela balança a cabeça assentindo ... e eu bem devagar coloco a boca naqueles peitinhos recém nascidos ... chupando-os com muito prazer ... ela so olha e se mexe um pouco...continuo chupando os peitinhos de minha menina e bem devagar vou descendo a língua pela barriguinha dela e lambo bem devagar o seu umbiguinho e desço lentamente a língua em direção àquela xerequinha carequinha e gordinha ... os meus pudores e respeito práprios e pela minha menina, se foram embora de vez, quando ela lentamente abre as perninhas, separando aquelas coxas roliças e me mostrando em todo o seu esplendor ... as duas bandinhas daquela bucetinha linda ... sem retorno,,, enfio a língua bem devagar no meio daquela bucetinha ... ela geme e eu avanço, abrindo de vez as pernas dela e penetro-a com a língua ... ela se contorce e eu me virando fico em posição de 69 e volto a lamber aquela xerequinha e sinto ela pegando no meu pau que chegava a doer ...enfiei mais uma vez a língua na minha menininha e sentindo ela apertar os meus ovos ... GOZO LOUCAMENTE NO ROSTO DA MINHA GATINHA MARAVILHOSA ... ela se assusta e eu enfio mais uma vez a língua dentro da sua xerequinha ... explico a ela o que foi aquilo e ela diz que era quentinho e grosso o leitinho que saiu de dentro de meu pinto ... pergunto a ela se ela gostou e ela disse que sim e que queria mais ... mandei ela virar de bruços e começo a lamber aquelas costas lindas, peludinhas e bem devagar vou descendo até a sua bundinha ... enfio a língua entre suas nádegas e ela, talvez por intuição, levanta um pouco a bundinha e eu ponho um travesseiro embaixo de sua barriguinha...levantando-a e enfiando lentamente a língua pelo reguinho dela, chego ate o seu cuzinho, que pisca ao contato de minha língua ...nisso meu pau já lateja de novo e eu passo um lubrificante nele e bem devagar vou passando a cabeça dele naquele buraquinho virgem ... pequenino, e bem devagar vou roçando em seu cuzinho e quando consigo, depois de passar mais lubrificante nele...penetro..devagar ... lentamente .sempre perguntando se estava doendo e ela diz que sim ...paro e tiro o pauzao e olho...aquele cuzinho estava inaugurado...abertinho e ela pede de novo...POE MAIS UM POUQUINHO PAIZINHO ?? ...passo mais creme nele e na sua bundinha e devagarzinho a penetro...sentindo a cabeça dele sumir dentro daquela bundinha .... so coloco a cabeça e paro ...ela geme ... digo que vou tirar e ela pede que não .... enfio mais um pouquinho e ela se remexe ...retiro e enfio novamente ... com todo o carinho do mundo ...atolo todo o meu pau naquele cuzinho de criança-mulher ... e não aguentando mais ... GOZO NOVAMENTE E ELA GEMENDO DIZ ...PAIZINHO QUE DELICIA ...QUE QUE É ISSO ??? E EU PASSO A LINGUA NA SUA BUCETINHA E ELA TA MELADINHA. ...

TE AMO LORRAINE QUERIDA ...



Esse foi o relato que recebi desse pai, que em seu momento desvairado, comeu aquele cuzinho ...



Meu e-mail é [email protected]

Meu msn é [email protected]





VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


contos eroticos gays excitantescontos gay padrasto cuidou de mimContos.eroticos traindo marido na.sala ao ladocontos eroticos flagrei minha mae fudendo com travesticonto gay peniscontos menina do papaicontos eroticos arrombando a gordaMãe boqueteirá contoseroticoscontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentecontos esposa deu pro sobrinhoEstouraram meu cuzinho na viagem contoscontos eroticos gay acordado na noite pelo meu paicontos eroticos meninas filhinhas subrinhas priminhasporno +doidocontos eroticos com fotos de mulheres casadas que foi violentada por bem dotadosminha pequena filha mas ordináriacontos eroticos primeira vez no cuzinho da esposahistoria quadrinho eroticos de sexo na chuva biAmigos metem em espoza enquanto corno ve futebol contosamigas da empresa contosporno finho brexa tia tocado de rupacontos eroticos suruba na represa com amigospono gay. de homens taxetacontos bdsm a porca marianacontos eróticos traindo marido na festacontos eroticos arrombando a gordaContos eroticos meu papai safado me comeu no meu quartocontos erótico coroa da parada enrabou novinho gayvídeos pornô Santa Rita taxistacomto erotico comeno mulher do meu filhocontos d zoof pegei minha sobrinha c um cachorrocontos eroticos com a dona da pensão casadacontos eróticos infânciaPrimeiro Boquete Contos Eroticoeu ja comia Minha filhinha decidir compatilhar ela contos eroticossó um pouquinho contos kiko masturbando a chiquinhaprovoquei e fui estuprada contoMinha sogra me pegou contoscristine putinha desde novinha contos eroticoscontos eroticos arrombando a gordacontos eroticos já nasci putinhacontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crenteconto comeu afamilha todaArombaram meu cuzinho quando pikena conto eroticocontosminha enteada gosta de dar a bundscontos erotico meu pai e meu tio armaram pra fuder eu e minha primacontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentehttp://okinawa-ufa.ru/conto-categoria-mais-lidos_7_5_sadomasoquismo.htmlanita mijando no copoConto sogra e nora esfregando a buceta na buceta da filhaVideo porno de duas coroas de 45anoa saindo juntas pelaprimeira vezDona florinda abrido cu e a chiquinhacontos eroticos enteadabosque conto heterocontoso tecnico em informatica me comeucontos amigo dorme em casa esposaler contos pornô de i****** pistola gostosa do meu filhocontos eroticos flagrei minha mae fudendo com travestigay "engole vagabunda" contocontos sexuais titia e esposocontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentecontos eroticos taradinhascontos eroticos arrombando a gordaComtos casadas fodidas pelos amigos do filhoconto erotico minha namorada trouxe amiga pra fuder com a genteeu fui arrombadoconto herorico comendo enteada na força analse eu deixar no seu sobrinho como é lá dentro da piscina e gozar na sua caraconto erotico amigo pauzudo do marido comeu eu e minha filhaDESDE GAROTINHA GOSTAVA DE SENTAR NO COLO DELES CONTOSContos eroticos gay funkeirovideo de homens nu de pau grosso e barriguinha salientecontos eroticos primeira vez infância incestocontos minha mae baixinha gostosa