Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

SÓ NA BUNDA DA CORôA

Meu nome é Rodrigo, tenho 42 anos, casado e tarado por uma bunda,como minha mulher não consegue saciar meu desejo por sexo sou obrigado a buscar fora de casa, sexo c segurança é claro. Apareceu essa coroa de 48 anos, aparenta ser mais nova, boa aparência, um peitão gostoso, 1,77 alt. e não preciso falar: aquela bunda imensa carnuda e casada também. Começamos a sair e um dos nossos encotros q aconteceu dentro do meu carro, uma Van esses carros grandes p fazer turismo, pois trabalho no ramo. Agente sá transava anal, pois o marido dela não pudia fazer filho e agente tinha medo de arrebentar a camisinha se eu metesse na bucetinha dela. Marcamos no estacionamento de um supermercado, eu cheguei antes ela em seguida estacionou do lado do meu. Entrou e eu já tava lá dentro de pau duro, ela é muito safada gosta de mamar legal, e o mais gostoso: sente um tesão enorme no cú, ela veio de saia p facilitar a coisa. A van tem insulfilme e cortinas. Ela entrou e sem demora caiu de boca p valer no meu pau, subiu e deceu c vontade um bom tempo fazendo meu cacete ficar inchadão, depois passou a chupar sá na cabeça p me deixar mais doido. Depois de um bom tempo chupando sá na cabecinha, começou decer a boca até o cabo tentando engulir ele quase q inteiro. Comecei a mamar bem gostoso naqueles peitões dela e ela gemendo mais grudada no meu cacete batendo uma punheta, chupei tanto aqueles peitos chegou a ficar avermelhados. Depois botei ela inclinada no encosto do bco. de bunda p mim, levantei a saia dela e c o dente fui buscar o fio dental da sua calcinha intalado lá dentro da bundona dela.



Ela não aguentava mais gemia e se torcia inteira pedindo rola, mais eu precisava chupar aquela buceta antes. E comecei.

Passei a língua por toda a bucetinha e subindo pelo seu cuzinho me demorei um pouco no seu anelzinho labi em círculos molhei bem, e depois deci até aquela bucetona e fiquei ali um bom tempo, enfiava a lingua lá dentro o máximo q pudia, lambia por toda sua extensão, chupava o seu grelinho c força, e dando mordidas leves, acabou gozando na minha boca. Mais não parou continuou daquele jeito empinada c a bundona na minha cara se contorcendo toda segurando c uma das mãos a minha cabeça forçando meu rosto no meio de sua bundona. Dai eu subi mais um pouco até seu cuzinho e comecei a enfiar a língua bem fundo com força, enfiava, tirava, enfiava, tirava, ai ela começou a ficar doida de novo. Ai se virou doidona p mim, me sentou no outro bco. se ajoelhou e voltou a mamar novamente dessa vêz c mais violencia engulia quase q inteiro meu cacete pedindo leitinho queria retribuir a gozada q teve minutos atraz, e como eu tava muito doido também falei, p ela caprichar q tava quase chegando, e ela mamou c vontade parecia uma puta, chupando minhas bolas uma de cada vêz, quando foi chegando o gozo avisei. E ela ficou mais tarada esperando encher a boca de leite. Na hora de gozar, segurei o máximo q é pro jato vim bem forte, e bater no céu da boca c força, e assim foi. Ela como sempre enguliu tudo fazendo aquela cara de vadia, depois continuou lambendo todo o pau não deixando escapar nada.



Como já falei, o carro é espaçoso, os bcos. são reclináveis e ela voltou a ficar de bruços c aquela bundona virada p mim, fiquei ali alisando e o pau subiu de novo. Ela se inclinou de novo me oferecendo aquele rabão, comecei a lamber dar uns beijinhos, umas mordidas e o tesão acendeu de novo. Adoro um cú de mulher, lambi aquele cuzinho novamente dei umas chupadas fortes, coloquei um dedo, depois o outro e ela ficou doida, pois sentia muito tesão no cú.

às vezes q fazíamos um 69, eu colocava um dedo no seu cuzinho, mais tinha q tirar logo se não ela gozava.

Então ela pediu p ser enrabada, pois sá eu comia o seu cuzinho, pois o marido não gostava. Começou pedir p eu enrabar logo ela, mais antes pediu p chupar meu pau mais um pouco. Mamou gulosamente pois falava q queria ele bem inchadão p entrar forçado no seu rabão. Quando meu pau tava no ponto ela ficou primeiro na posição frango assado, e c as perninhas p cima coloquei no seu rabo c vontade, segurando naquelas ancas q mais parecia uma potranca. Ela gosta q eu começe a enfiar lentamente p ela sentir todo o comprimento do meu cacete, da cabeça, introduzindo tudo até lá no fundo, apertando bém as bolas contra ela, pois gosta de penetração profunda.



Começei a bombar um pouco mais rápido pois ela gemia e já tava se contorcendo c meu cacete cravado naquele cu.



Pediu p ficar de 4 p q já queria gozar. Se inclinou e abriu aquele imenso bundão pedindo p eu meter logo e mandou eu olhar como tava piscando seu cuzinho querendo rola. Quando observei ela tava lentamente: contraindo e relaxando; bem forte, aquele cuzinho, e pedindo p eu gozar bem lá no fundo.

Coloquei a cabeça na entrada e meti até passar somente a cabeça, e parei. Ela começou a contrair bem forte o músculo do seu cuzinho fazendo massagem na cabeça do meu pau, às vezes mordia e puxava a cabeça me deixando muito louco. Ficou assim por alguns minutos, dai começei a bombar, dessa vêz c força, pois eu tava doido e ela tarada mexendo aquela bundona p todos os lados pedindo p eu penetrar bem lá no fundo. Segurei bem forte no seu quadril dando aquelas interradas c força, tava conseguindo segurar bem o gozo, pois já havia gozado uma vêz, dai aproveitei p satisfazer minha coroa q tava seca por uma rola no rabo, e sá eu comia aquele cú gostoso.



Bombei naquele cú até sentir meu pau ficar quase esfolado, e minha coroa gozando uma vêz atraz da outra. Quando tava p gozar novamente ela pediu p eu gozar junto dessa vêz.

A essa altura as estocadas tavam violentas, eu mandando c força e ela batendo aquele rabão de encontro a mim, e empinando mais a bunda p meu pau entrar lá no fundo deixando ela doida e descontrolada. Anunciou q ia gozar e fomos juntos, na hora do gozo interrei a rola e deixei lá dentro pra ela ficar rebolando c meu pau cravado até o cabo no cú dela, é assim q ela gosta. Descansamos um pouco depois ela pegou seu carro, e fomos embora.

Nossas trepadas eram sempre c muito tesão, eu adoro comer um cu de mulher, e ela adora uma rola e dar o rabo bem safada. Isso durou 3 anos, depois tive q me mudar.



Agora tô aqui em Londrina-Pr, a procura de uma mulher sem limite de idade, casada, solteira, separada;o importante é q seja safada, goste de uma rola, dar o cuzinho, chupar e ser chupada, e se tiver uma bela bunda, como em dobro...



Mulheres de outros Estados entrem em contato também, como disse no começo trabalho c viajens e tô sempre viajando.

meu e-mail. [email protected]







VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


mulheres estourandascontos de coroa com novinhocontos de maecontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentecontos eroticos tios gordinhos tirando o cabaço do cu do sobrinho novinhotrepando69 contosMais pinto contos gaycontos desde pequena meu pai mandava eu xupa pauconto erótico novinho flagra sustocontos eróticos porno brasileiro grátis de incesto entre genro e sogra mais recentesContos eroticos quintalContos eroticos selvagem com meu amigoconto erotico flagramulher contando putaria em manauscontos eroticos a dona da lanchonetefodida junto com o marido contos eróticoseu mae e filha contos de sexocontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentecontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentecontos eroticos flagrei minha mae fudendo com travestienteada novinha conto eroticocontos eroticos flagrei minha mae fudendo com travestifilme pornô minha prima gravata preta para mimconto de sexo Fodeno minha irma e minha maecontos erodicos toma no cu tomacontos eroticos a.xasada dot trabalhominha avó na punheta contoscontos eroticos arrombando a gordacontos eroticos fui ao ginecologista ele me fudeufamílias se encontram em praia de nudismo contos eróticocontos eroticos japonesa casadaMinha sobrinha ligia conto eroticocontos tava batando uma derrepente minha prima me pegacontos eroticos com fotos de mulheres casadas que foi violentada por bem dotadoscontos eroticos esposas adora pau grande e muita porra levei ela pra dar pum cavaloConto comi minha mae no celeiroconto sexual com cadela zoofiliacontos de encoxada em ônibuscontos eroticos arrombando a gordabuceta abertassa muito aberta gozadaContos a mendiga da buceta largacontos chantagiei minha mae e mi dei bemwww.ver contos eroticos de professoras gostosas ruivas de 20 ate 30 anos tranzando com seu alunos de 16 a 19 anos de idadeContos travestis com mulhereróticos ah ah aaaah chupa a minha bucetinha vai ah deliciafui chupada igual uva contosconto gay negro trapezistaflagrei minha maé com socio de meu pai contospornô contos sobrinha se assusta com o pau mostro do tiochantageada e humilhada pela empregada negraconto erotico mulher fodendo com varios vizinhossogra contando como chorou na pica do genro contos eroticosdeixei minha esposa baixinha ser arregaçada e nao entrou tudo pau monstro do meu camarada contosContos eroticos de incesto putaria entre familias em gang bang so de homens pauzudos no sitiofilmes mulheres sentando e gosando em um pirocaomulher se esfregandono travesseiro contoamigo negro do pau grande comendo o cu do amigo branco contos eróticosrapas casado efiamdo a banana no vucontos genrorelato ocaseiro do sitio arrombou o cu da minha esposaminha dani me fodeu me quando dormicontos eróticos gay lambendo o cu do macho heteroPorno pesado gordao arromba magrinha pono doidomeu amigo me deu a sua esposa contosdando bobeira de baby doll em dentro de casacontos esposa sentiu uma rola giganteComtos professoras casadas fodidas pelos alunos na aulacontos eróticos aiiii tesão chupa a buceta aiiivelhos viciados contos eroticoempregadinha contocoroas homens velhos nojentos sexo relatocontos balas por metidas nas meniminhascontos eroticos dei tanto a bucetinho pro meu cunhado k engravideivizinho tezudocontos er deixa que levo