Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

A GRANDE TREPADA

Bem, resisti muito a publicar algo aqui,apesar de gostar de escrever e de me deliciar com os contos aqui,mas,essa aventura deliciosa valeu muito a pena e é real.



Bem, tenho 39 anos, 1,87, 110kilos(barriga de cerveja), sou moreno jambo, cabelo preto grande, boca carnuda, olhos castanhos e amo trepar, sempre aberto para tudo com as mulheres.



Tem uma frase de um poema do Drummond, que é o meu guia, “O que se passa na cama é segredo de quem ama”. Foi com essa máxima drummoniana, que eu sempre me lancei as aventuras, e nos últimos anos passei com a minha lábia comer muitas mulheres da net, felizmente, sempre dei muita sorte, todas as mulheres que baixaram na minha cama, eram umas gostosas, nunca me preocupei com beleza, mas, o sex aple, pra mim sempre foi fundamental.



Essa histária foi real, e aconteceu a uns dois anos, e foi com uma menina de 21 anos que eu pesquei da net, nos falamos duas vezes e já marcamos, geralmente consigo convencer as mulheres a virem em minha casa, não foi diferente com essa garota que chamarei de Perva.



Encontrei ela práximo de casa,era uma morena de 1,70, uns 57k, deliciosa, tava com uma calça preta de blusinha leve, não era bonita,mas, era deliciosa e parecia amar sexo. Viemos logo pra minha casa, abri um vinho para distencionar, ela topou de imediato, depois de alguma conversa já não tínhamos mais segredo e não tinha mais motivo para continuar ali na sala, peguei a mão dela e fui apresentar meu quarto.



Quando ela olhou a minha cama adorou e já foi sentando, nada demais na verdade nem cama tenho é um colchão de casal de mola que eu deixo no chão,mas, como tudo é motivo, ela já foi provando,ábvio que eu não me fiz de rogado e já fui beijando a deliciosa Perva,mas, sem pressa sabendo que teríamos toda a noite para satisfazer todos os nossos desejos.



Comecei então a chupar o dedinho do pé, chupando um por um dos dedinhos de cada um dos pés, fui subindo pelas suas pernas, ela estava de costas e ainda vestida, tirei a calça dela e deixei ela sá de calcinha, subi com a minha língua, fazendo o reconhecimento de toda a extensão do corpo dela, que era um corpo jovial e firme.



Cheguei até sua bunda, a calcinha era pequena, aproveitei para enfiar a língua entre o fio da calcinha, ela ficou enlouquecida,naquela posição tentei chegar com ela por trás até tua buceta anunciando todo o meu desejo!



Ela estava com o corpo todo arrepiado de excitação, começava a gemer, percebi que esse era o caminho e não economizei.Continuei explorando ocorpo dela com a minha língua, subi pelas costas, que eram deliciosas e excitantes, ela usava um perfume delicioso perfume que me deixava louco de tesão, fui subindo chego ao pescoço, beijei e amaciei ele com a minha língua.



De leve virei ela, beijando os ombros, descendo lentamente, não perdendo nenhum porozinho, ela ainda estava de sutiã, eu tirei, levemente com meus dentes, paro um minuto para admirar os peitos dela, que eram deliciosos! Eram um poço maior que a minha mão, uma obra de arte. Fui me deliciando, com os dois seios maravilhoso, presto uma solene homenagem, a eles, passo a minha língua de leve nos biquinhos, ela se arrepia e ameaça se contorcer!



Vou de leve engolindo todo os seus seios, ela fica se contorcendo, desço a minha mão até xana enquanto homenageio seus seios, verifico, que ela estava molhadinha, esperando para receber minha língua com sua generosidade, ela faz um gesto de que não está aguentando mais que quer que eu desça rapidamente!



Mas, eu não queria ainda, achava que deveria aproveitar ao máximo aquele momento, então terminei a minha homenagem aqueles belos e deliciosos peitos e começo a descer lentamente por sua barriga, beijando cada pedacinho, cada detalhe, cada defeito, cada perfeição, chego a o umbigo, beijo ele e de leve toco nele varias vezes com a minha língua, ela responde com o corpo, ficou toda excitada. Passei a descer mais, cheirando o corpo dela, dei umas mordidinhas na barriga, desço ela ainda tava de calcinha, por cima da calcinha cheiro a buça dei umas mordidinhas por cima da calçinha, ela adorou!



Lentamente com os dentes, vou tirando a calcinha, cheirando a buça (amo cheiro de Xana!), e de leve enfio a minha língua, que desce em um ballet sincronizado, ela se contorce a língua que com sua flexibilidade, busca as paredes e o latejar da caverna dela, a minha língua vai aprofundando cada vez mais!



Começei a me deparar com uma deliciosa seiva que começava escorrer de dentro da caverna dela, ela pega os meus cabelos puxa ele, como se desejasse que eu subisse, dou uma leve olhada para seu rosto, ela demonstrava um enorme prazer o seu rosto esta desfigurado de prazer, muito prazer, sinto quando ela se contorce, sua perna sobe como se o seu corpo desejasse o prazer em seu limite!



Voltei a caverna dela e senti o liquido em minha boca, até a minha língua passa a ser mais abusada, entra mais e mais e deforma cada vez mais cadenciada com o corpo, ai vc começa a soltar pequenos gritos puxar meu cabelo!Ela começa a gritar “Para! Para!”, eu não paro continuo, enfio um dedinho em sua bocetinha e outro em eu cuzinho e continuo chupando ela grita de uma forma diferente parecendo que alcançou a apíce da sua tensão sexual, e goza!!!Goza muito em minha boca!





E eu sugo todo o prazer dela, ainda quando ta se recompondo. Nesse momento, já estou excitado o suficiente, sei que ela iria querer chupar meu pau e queria mesmo, mas, eu tava querendo sentir o corpo dela, então, delicadamente, ainda querendo mais, vira de costas e vai se agachando de quatro.Vou roçando o meu pau duro, na bunda dela, brinco como se fosse introduzir no cuzinho, ela me pede para ainda não e vai procurando meu pau entre as pernas dela, ela acha ele com facilidade e arruma ele dentro da buça, apesar de molhada, o meu pau feliz, escorrega um pouco.



Ela pega de novo e recoloca, eu pego ela de jeito pela abas, aperto bem e começo fazer o movimento de entrar o meu na buça, ela não demora e já ta enlouquecida.Vou fazendo movimento, começo socar com força porque ela pede, seguro firme a aba, ela gosta.Vou enfiando, fazendo movimentos rápidos e devagar, procurando toda a dimensão do tesão dela, do prazer em seu limite!



Ela então grita, pede mais, faço movimentos, mas rápido e ela geme deliciosamente, contrai sua vagina em meu pau, dando sinais que ta gozando muito!Eu continuo, ela fica pedindo para eu parar, eu peço para ela gozar mais pra mim, e continuo socando, ela pede para eu deitar de frente, me deitou ela vem por cima, ajeita meu pau na buceta e começa a cavalgar, ela rebolava que era uma delicia, comecei a começar a querer gozar,mas, antes queria que ela gozasse, levantei um pouco e pedi para ela gozar para mim, ela ficou excitada com a minha voz e cavalgava mais e soltou um grito de que tinha gozado, e começou a falar, vem meu safado goza em mim goza! Quando eu comecei a gozar, ela pulou do meu pau e mamou todo o meu gozo! Foi uma delicia!



Nos deitamos sabendo que ainda muita coisa vai rolar!Um tempinho depois, ela começou a brincar com o meu pau e ábvio, ele deu sinal que ainda aguentava mais alguma brincadeira, ela então dirige a boca para o meu pau, vai baixando a cabeça e vai lambendo o meu corpo, de repente ela abocanha o meu pau e começa uma chupada que eu nunca tinha experimentado antes, parecia que a língua dela era um veludo, e chupava com tanta maestria que eu estava a ponto de gozar, ela engolia ele todinho, lambendo a cabeça até o saco e me levava ao delírio!!Em determinado momento, ela enfiou o dedo em meu cu, eu confesso estranhei, ainda não tinha feito fio terra, nenhuma mulher tinha, me apresentado essa variação de prazer, estranhei,mas, gostei(rsrs). Quando o meu pau ficou bem duro, ela nota que eu vou gozar, ela da um tempo, pois diz que não quer terminar logo com nossa festinha.



Vira-se então, levanta a bundinha deliciosa, e pede-me para penetrar por trás que iria fazer uma coisa que tinha feito poucas vezes, mas que iria fazer comigo aquele dia, pois não sabia se teria outra chance,fica de quatro em cima da cama, e pede-me para penetrar em seu cuzinho. Não me fiz de rogado, e começo a penetrar o seu orifício. Encostei a cabeça de meu pau em seu cu e fui empurrando devagarzinho. Como estava apertadinho, ela falou que tava doendo então, falo pra que podemos fazer isso bem melhor e de forma muito mais prazerosa.



Pego um KY, peço para vc ir chupando o meu pau em posição de 69, ela começa chupar meu pau, eu chupando a buça dela, e deslizo minha língua pelo seu cuzinho dela, ela, arrepia todinha! Então, começo a passar o ky no cuzinho, brincando com ele, enfiando um dedinho, e vou movimentando ele em circulo para abrir o cuzinho dela, fico brincando assim e chupando a buça dela e ela o meu pau um tempinho, quando percebo que ela ta ficando louquinha e que será um prazer, porque o caminho está feito, falo pra ela se deitar de costas, que doera menos, ela deita e ai, começo a enfiar de leve meu pau em seu cuzinho, ela já sente menos dor e meu pau vai deslizando para dentro do seu cuzinho, ela começa a rebolar e ajeitando o pau dentro do seu cuzinho!



Começo a perceber que ela ta gostando muito, começa a rebolar e empurrar sua bunda em direção ao meu pau, e os movimentos ficam mais rápidos.Coloco o dedo na buceta,ela parece que vai subir aos céus, rebola, pede mais, me pede para chamá-la de cadelinha!Putinha!Eu chamo e dou umas tapinhas na bunda, ela geme, começa a falar, mais!Mais!E grita, grita de prazer e goza e eu gozo dentro dela!



Bem, vocês podem imaginar, passamos a noite toda trepando, infelizmente, logo em seguida ela começou a namorar sério e não pudemos ter muitas chances, até hoje nos falamos pelo MSN, e ela me fala que foi a melhor trepada da vida dela e promete que quando o namorado afrouxar ela repetirá tudinho!



É isso, as meninas que gostaram da minha histária, e não espera nenhum malhado ou qualquer coisa que o va-lha e sim sexo, fiquem à vontade para me mandar e-mail; [email protected]



VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


contos/comi a mae e tirei o cabaco da filhacontoseroticos as 2 filhas daminha visinha vierao brincar com minha filhinha wuen brincou foi euconto erptico ajudamdo a filha aperder o cabaçominha iniciação gay contoscontos eróticos incesto férias com mamãecontos sexo meu filho meu homem contos sexo meu filho meu homem Estuprada pelos cachorros contos eroticosContos eróticos sessão sado com meu paienquanto eu dormia ele botava o cao pra me chupar incesto e zoofiluaminha namorada e putinha do meu pai contoscome o cu da soggra adormecidamulhe sora no pau fudedomeu vizinho m comeu ao meus dez anos contosgayfilho adotivo punheteiro contoscontos gay transformado em putatitia s***** invade quarto do sobrinho e pede para tomar no c******contos eroticos cabaco menininhascoroas peladas com o corpo melado de margarinaconto eróticos calcinha pedreirosbuceta abertassa muito aberta gozadaconto erotico imsesto emtre familiaContos eroticos sexo gozada desejos traicao e morteContos eroticos sobre irma fazendo faxinageladinho queria tar na pica no meu pai conto eróticocontos eroticos dando o cu mais que xuxuler contos de sexo de mulheres sendo chantageada na estrada e dando cuzinho pra dotadoscontos pornos estuprada no assaltoloiro do olho verde me fazendo um boquete gostoso perto da piscinaContos eróticos meu patrão do pau gg arrombou minha linda noivame comeram contosencoxada em coroa em Jundiai conto realdescubri q ela tinha um amante e chantagiei contoscontos transex mobilelora baixinha de fildental cpm a buceta rasspadinhaminha sogra pediu pra ver meu pintofiquei atolada na picaminha mulher foi faser uma tatoo e chupou contosfilme porno com gay aguentado dois punho no cu de uma vez mais grinta de dornetinhascontosconto de sexo com casada com eletricistacontos estuprada por um cavalocontos de velhos taradoConto erótico meu nome é Lucinda evangelica pegou carona traiu contos reaisconto eroticos aguentei mais d vinte e dois sentimetro d rola d meu sogroAcordei com o pau dentro da minha bucetamorte porno gosando comcontos eroticos de homem chupando a buceta esperadaconto erótico fui chantageada pelo meu primo Fernando que comeu a minha mulherMinha esposa no rancho com outrocontos aniversario sogra gostosacontos eroticos apanhandocontos de crossdresserporno um homem e um travest no oniboscontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentecontos sexo eu meu marido e meu filhocontos não resisti ao cacetaoContos eroticos. Meu rabo gostoso abertoComtos casadas fodidas em matagalConto erótico filhacontos eroticos excitantesContos eroticos minha namorada me fez de corno no estacionamentoler contos de sexo de mulheres sendo chantageada na estrada e dando cuzinho pra dotadoscontos erotco tirando caboso do filhocontos eroticos com estorias ocorridas na infanciaminha iniciação gay contoshuuuuummmm gozeiwww.meucontoerotico.com delisiosoContos heroticos de mulher que soltou um pum na hora que tranzavachupando o pau e.lambendo o cinema caraeu meu caseiro e minha filha e suas amigas contoscontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentesó um pouquinho contos relatos eroticos forçado