Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

JOGO DE GENIO!!!!!

Ola, esse é o terceiro conto que eu escrevo, mas para quem não leu os anteriores; eu me chamo Kátia e tenho 31 anos. Um dos meus leitores, me escreveu e resolvemos nos conhecer melhor; não é a primeira vez que resolvo conhecer um leitor meu, sendo assim, lá fui eu. Tivemos uma noite agradável, mas ele me deixou intrigada, pois não quis me comer logo de cara. Disse que tinha planos para mim e sendo assim, marcou outro encontro para outra semana. Até chegar a outra semana, ele me ligou todos os dias no mesmo horário e me fez gozar por telefone em todas as ligações, isso me deixou ainda mais ansiosa pelo nosso encontro. O dia marcado chegou e ele me buscou no horário marcado. No caminho, perguntou se eu estava interessada em participar de um jogo. Um jogo onde eu seria a peça principal. Aceitei sem nem mesmo pensar. Ele parou o carro na mesma hora e disse que teria de me vendar os olhos e eu sá poderia tirar a venda quando ele mandasse. Já com os olhos vendados, ele dirigiu por mais cerca de 5 minutos, até que parou o carro e me ajudou a descer sem tirar as vendas. Subimos uma escada e entramos num ambiente onde eu pude ouvir uma musica e nada mais. Logo ele tirou toda minha roupa e me sentou em uma poltrona. Foi aí que o jogo começou de verdade. Senti mãos abrindo minhas pernas e chupando meu grelo, em seguida, senti que tinha alguém ao meu lado pegando minha mão e colocando num pau grosso, duro e quente, o meti na boca e comecei a chupar sem dá, mas logo veio outro pau na outra mão e eu fiquei um pouco assustada, pois percebi que tinha no mínimo 3 pessoas ali, mas continuei no ritmo e passei a alternar entre um pau e outro. A boca que me chupava, foi substituída por uma pica enorme na minha bucetinha e eu gemia de tanto tesão. Houve momentos que eu tentava enfiar os dois paus de uma vez sá na boca. Sentia mãos virando o bico do meu peito, mãos me dando tapas por todo corpo, mãos me puxando os cabelos. Logo me colocaram de quatro e foi ainda melhor, pois eu adoro dar de quatro, quando comecei a chupar novamente um dos paus, pude sentir o meu gosto e percebi que aquele era o pau que estava me fodendo há pouco. Fiquei louca de tanto tesão e gritava: Isso, me comam, me fodam mesmo, vou dar conta de todos vocês, metam gostoso na puta aqui, enfiem seus paus sem dá em mim. Foi uma loucura que durou não sei dizer quanto tempo, mas sei dizer que sentia paus de vários tamanhos se revezando dentro de mim. Pedi, ou melhor, imporei que me comecem dois ao mesmo tempo e fui atendida de imediato. Logo me colocaram sentada de cú aberto em cima de um pau que diga-se passagem, era enorme e em seguida veio outro arrombar ainda mais minha buça. Abri a boca para gemer de tesão e ela foi de imediato inundada por outra pica dura. Que delicia, eu estava sendo fodida pelo rabo, pela xana e pela boca. Foi tão bom que logo gozei. Gozei muito, mas muito mesmo, a ponto de achar que meu orgasmo não ia ter fim. Cheguei a ficar tonta de tanto gozo. E eles perceberam isso, me estocando com mais vontade ainda até eu começar a ficar mole de estafa. Mesmo assim eles continuaram a me foder por mais alguns minutos até que de repente todos pararam ao mesmo tempo; foi aí que ouvi a voz daquele que me fez gozar a semana toda por fone; ele dizia para eu ficar de joelhos com a cabeça levantada e a boca aberta. Obedeci prontamente e tive uma deliciosa surpresa, pois todos, quase que ao mesmo tempo gozaram na minha boca, rosto, peitos, foi um banho de porra que mesmo que eu quisesse não daria conta de beber tudo. Quando ainda estava me deliciando com a porra que conseguia recolher, a venda foi tirada dos meus olhos e eu me deparei com uma cena fantástica. Aquele homem que havia me levado para aquela orgia estava sentado em uma poltrona a minha frente totalmente vestido e assistindo a tudo atentamente. Os 3 que me comeram, ainda esfregavam suas picas no meu rosto e seios e eu ficava chupando eles enquanto olhava nos olhos do meu gênio da lâmpada mágica. Eu tinha muita porra espalhada por todo corpo ainda, e tentava em vão lamber tudo, chupando meus práprios seios, que por serem grandes me dão essa vantagem. Neste momento, ele, apenas com um dedo me chamou e eu fui gatinhando até ele. Nos beijamos deliciosamente e ele disse que agora ele me queria sá para ele. Abriu as calças e segurando em meus cabelos forçou seu pau dentro da minha boca até o final. Senti a cabeça do pau alcançar minha garganta mas, continuei ali, totalmente submissa a aquele homem que me enchia de tesão cada vez mais. Ele me destruiu; me fez chupar ele por um bom tempo, mordeu o bico dos meus seios, me deu muitos tapas na cara, me xingava de galinha, vagabunda, que os meus contos eram pobres perto do que ele me proporcionou, que eu era uma puta, piranha, prostituta sem classe, arrombada, bucetuda, e que agora sim eu sei o que é uma transa de verdade. Ele comeu meu cu como nunca ninguém havia comido. De uma maneira incrível ele me fez ficar de ponta cabeça entre o encontro e o acento do sofá e ali me enrabou gostoso. Enquanto tudo isso acontecei, os outros três estavam sentados em outros sofás com seus paus duros não mão. Essa cena fez com que eu tivesse outro orgasmo que não sei dizer se foi até mais prolongado que o anterior, mas sei dizer que foi delicioso também. Pois enquanto gozava, ele berrava: goza vadia, goza vagabunda, você gosta de tomar no cú então goza dando o rabo para mim, cadela arrombada, hoje você teve pica de montão, hoje você vai sair daqui sem nenhuma prega. E eu gozei gostoso mesmo. Ele me soltou no sofá e dando a volta pelo mesmo veio se posicionar na minha frente onde fez eu engolir o pau dele todo melado do meu cuzinho. De repente, ele fez sinal para os outros que já estavam pronto para me servir. Todos vieram na minha direção e eu tive de fazer novo revezamento de boquete, até que ele anunciou que ia gozar e eu corri para mamar naquela pica maravilhosa. Ele uivava de prazer e gozou tudo dentro da minha boca, fazendo assim, com que os outros viessem, um a um, gozar na minha boca também, tive de tomar gota por gota da porra de cada um deles, e tomei com o maior prazer, sem deixar nada para fora. Depois disso, conversamos varias vezes por telefone e ele me prometeu pensar em uma nova idéia para me satisfazer por completo novamente. Quem tiver idéias maravilhosas e queiram me incluir nelas, me escrevam. Adoro receber filmes e fotos que me estiguem!!! Beijos no p...

Se kiserem ver as fotos deste conto,em cenas explicitas,e tb ver fotos de artistas (homens e mulheres) pelados e outras imagens de sexo brasileiro,entrem em nosso flog=TVADULTO.GIGAFOTO.COM.BRla tem outru link pra votar para este site!!!!!!!!!!!!!

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


conto primeira suruba com minha esposaconto corno raboContos erotcos eu e meu marido num acampamento nudistaconto erótico gay taxista manausleitinho gostoso de polacontos eroticos mais exitantes mais fufidoscontos eroticos diarista casadaContos lesbica come nerdconto meti no cu da mae e ela chupou o pau do cao contos erotico papai vai cabercontos eróticos mostrei meu saco p minha maeuma buceta enchada de ter cido estruprada samgrandocontos eroticos gay femeaconto ertico lambendo buceta ela gem mtocache:j0q8EtsB_AUJ:okinawa-ufa.ru/conto_28654_minha-segunda-transa-com-o-namorado-da-minha-ex.html Eu sou negra e dei gostoso contos eroticoadoro andar sem calcinha contosConto erótico qual é a cadela mais receptivachantageada e submetida contos eroticosbobadinho condo o priminho gaycontos o amigo do filho me errabou no tanque lavando roupacontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentepeguei no pauzao do primo que durnia sou tarada contominha esposa me contou suas aventuras sexuaiscontos eroticos dormi na casa da tiavídeos de lésbicas com grandes mentes se massageandoa filhinha do meu amigo contos pornocontos eróticos sobre irmã bucetudase exibindo pro.moleques conto eroticomeu pai e meu filho me comen contoscheguei da escola vi minha p*** s***** dando para o meu tio minha prima piranha s*****contoseroticos assaltocontos eroticos meu amigo comeu minha mulher e minha filhasites porno contos eroticos de incesto mae com brincadeiras maliciosas com o filho fica de pau duro ela fica com tesaomeu filho meu machocontos eroticos mulhersibha do papaisurra de chinelo contosexplorando a irma na siricacontos boquetezoofiliacoroas boascommini vidio porno so rabudas epitudascontos eroticos de esposa fazendo o marido limpar sua bucwta goAdamulheres xorte mostrando vaginavoyeur de esposa conto eroticocontos de pau grandeconto erotico tarado comendo buceta da cabrita no.zoofiliacontos eroticos arrombando a gordacontos eróticos de mulher ensinando potro f****buceta napicagrosacasada desfilado de calcinha contos eroticocontos gays gemeoscontos eroticosnegaocontos eroticos colega da faculdadecontos eroticos tio da vendinha tirou meu cabacinhocontos eróticos enormes nadegascontos gay negaoMinha namorada deu a bucetaconto erótico nossa primeira troca de casal começou com um strip teasecomo o cheiro da maça contoscontos tia com fome de picacontos eroticos primeiro empregocontos eroticos as amigas da minha filhaContos eroticos dei a minha buceta para negroconto sem calcinha a troco de docecontos eroticos namorada virgem do cornocontos eroticos gay meu vizinho negro de dezesseis anos me enrabou quando eu tinha oito anosMinha irma e minha sobrinha conto eroticocontos eroticos arrombando a gordaDeusa mulata levando pica branca na bucetadoce nanda contos eroticosContos eróticos e roseContos Eroticos ROBERTAmasagista se marturbando no meio do espediente porminha mulher me comeu