Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

FUDENDO A FILHA E A MÃE I

Olá leitores o careca esta cde volta com mais im conto veridico. Aconteceu no interior do R.G. do Norte. em 1965, fui mandado para a filial da empresa que eu trabalhava, ficando hospedado no ap no prédio do escritário,com sempre toda semana viajava a capital a negácios, toda a vila sabia dessa viagem que era sempre na última sextas do mês.



Nessa sexta chega um morena de 1.55 m, 48 ks, beitos 42+- perguntando se eu iria a capital, pq a sua mãe estava procisando de um remédio que a farmacia local não tinha, como sou muito estroventido, disse que mesmo se não fosse, eu iria buscar o referido remédio, em se tratando de um pedido da minha "DEUSA" Mônica que realmente ela era, bouzuda, lábois cernudos com seus 22 anos, é disse va buscar a receita que é trarei e remédio dA SUA MAMÃE. Quando ela me entregou a receita, eu perguntei se ela tamtém tomava aquele remédio, ela disse que não! pq? sube que vc não tem nomerado, é verdade? claro! ainda não escontrei o HOMEM dos seus sonhos, que esse remédio é para avitar filhos. Diga a sua mãe que eu vou trazer duas cxs, um para ele e a outra para nás,quando ela disse a mãe perguntou se o sr. poder ir lá na venda, ela gostario de ter um conversa com o sr. Claro, vamos, ai ela vai na minha frete se requerbando toda, eu que estava uns duas semanas sem dá um foda, vendo aquele monomento me deu uma tezão que quando chegamos na venda, o pau estava estourando de duro, ai adONA fRANCISCA convida-me a quando chegar ir jantar com elas. dizengo que era esparado e sá tinha a Mônica se eu aceitaqva a convite. Estarei chegando´`as20hs. . Ok!Fiu chegando, tomado banho, perfume e ir ao escontou das duas .

Pensando no momento trouxe umas garafas de vinho, Ai DEUSA levar-me à cuzinha e vai mostrando a casa, e o seu quarto, quando eu digo esta é o canto dos seus sonhos. Não é? Pois apartir de agora não é mais sonhos, eu estarei esmpre presente.Ok! ai, fomos ao jantar, abrimos um vinho e blidamos, e tma vinho la pelas tantas tanto ela quando a mãe ja estavam tontas, quando a mãe vai arumar a cuzinha e nos fomos para o sofá, a Mônica jã não dizia copisa com coisa, ai o careca comerça com os amassos e ela gostado,em seguida ela diz que esta com color, eu digo tira a roupa sõ estamos nás dois aqui. Imediatamente ela comerçuo a dazer o strip, que pernas, bunda empirada que a morona tinha, ai a minha tezão estava a mil,que eu ficava me reporrado o tempo todo que q cueca sambação estava toda melada, quando eu deito ela no sofá e comerço a chupar ela estra em delirio que a mãe escuta e vem olhar e diz que safadeza é essa. Mônica tonta e diz mãe vc não sabe o que esra perdendo. Venha a aproveite que o careca é gostoso . Ai. amãe joga a toalha não chão e vem.

Comerçou a tirat a roupa, era uma coroa enchuta tanto quando a filha, ai fomos para sua cama, comerecei a chupa a velha e a filha ghupando o eu pau sá fazia dizer vnão goza na minha boca . ´Tá! a mãe urrava, singava, e dizia se soubesse que era tão gostoso eu já tinho feito,sá que o seu pai não fazia isso, dizia que era nogento. Comeercei a dá um trato na velha para ganhar a filha, diquei deitado de costa com a pica para cima e pedir para a coroa sentar o que immediatamente ela veio e sentou e va devagar e dizendo nunca tinha fodido nessa posiçao, foi dessendo até encontar nos pentelhos e ficou cavalgando, ai eu peço a filha para montar com a buceta na minha boca, como ela estava super excitada e seu suco parecia uma mijada de gala e ru a beber que era mais gostoso que e vinho, ela chorava, cantava,delirava e dizia mãe vc ~já gozou tanto na vida, mas nunca como esta.Nã´é? ai a mãe dizia filha esse homem veio dos seús. Colocou afilha deitava a dou aquela chupada e comerço a bulinar no seu cusinho preperendo para fuder o seu cuzinho dá todo relachado, ponho ela de 4 e comerço a pincelar e a mãe diz não ! Ela é virgem, ai eu digo e vai continuar. Encontei a cabeça da pica no furico e mando ela rebolar e eu vou empurrado e ela a chorar edizendo dá doendo,mas, tá gostoso,entrou a cabeça, ai eu seguro ela com uma mão e a outra comerço a ticar um seririca, ai é quando ela vai ao delirio e diz bota maisssss que mãe vc precisa espremertar essa posição que para mi m tá maravilhosa, apezar de nunca tê tido um relação saxual. Apartir de hoje mãe posso dizer que escontrei o HOMEM dos seus sonhos.Esperei que tem continoação do babaço da filha. até breve.......

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


contos eróticos com idosacontogayporno cunhada no cio contoscontos sobre velhos taradoscontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crenteminha irma só de calcinhacontos eroticos com fotos de mulheres casadas que foi violentada por bem dotadosConto erotico botei minha pica nao aguentoucontos eroticos esposa em uma orgiaincestodesenhopornôcontos de coroa com novinhoContos eroticos gay primeira vez traumaticavoyeur de esposa conto eroticoinfância;contos eróticos;enrabadocontos comi minha cunhadacontos dei a xota pro mendigoOlha so pai como ta minha bucetinhacontos eroticos de escrava de madameContos eroticos tente fujir 28cmconto porno come o cu da minha cunhada e a amante e sua amigaConto erotico de sexo incesto cheiro da buceta suada da irmacontos de zoofilia com cavalogozei no copo e dei pra minha tia bebeu contoscontos tava batando uma derrepente minha prima me pegafilho fudendo sua mãe na freeti de seu paicomi minha priminha loirinha da bundinhadeliciosacontos encoxada com o maridocontos eróticos iniciado pela tiacontos garoto comeu minha mãeempresaria casada safadas contos eróticos reaiscontos eroticos minha mulher apanhacontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crenteContos eroticos minha mae e minha mamando no pauzao de oito negaos em um gang bang na academiaconto de o negao pirocudo rasgou meu cu sem docontos eróticos de gay Comi o cuzinho do Pai da minha MADRINHAfetiche mulher atola cueca no rabo do cararabuda fudendo e adora contoscontos aprendendo o que e uma buçeta com a mamaecontos eroticos arrombando a gordacontos enbebedei minha mulher para meu irmao comerchaves.comendo cu da chiquenhacontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentecontoseróticoamigascontos gay treinadorGozando na boca Abrantes dela chuparmulherpedi picagrandeFlagra plugconto com cunhada chantagistacontos eroticos gay meu vizinho de dezenove anos me comeu quando eu tinha dez anosContos eroticos eu paguei pra fuder a minha sobrinha casadaContos eroticos comadrecontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentecontos eróticos comendo cuzinho da gordinhaConto erótico filhinha putinhahetero batendo punheta conto gaycontos eroticos garotinha dormindo no colo do padrinho de pijaminhaLóira safada narra conto metendo na coberturatrocando as filhas gemeas contos eroticoscontos eroticos de tio fodendo sobrinha a forçacontos eroticos de empresarias no hotelbuceta cheia de porra corno contos ccontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crenteContoseroticosnafazenda[email protected]cunhada no cio contoscache:HVsxZOrs15AJ:http://okinawa-ufa.ru/m/conto_12619_quando-eu-dei-pela-primeira-vez.html+"dei pela primeira"contos eroticoso cu da cadelinhaconto chupei a bucetinha da minha sobrinha de sete anos que ficava na minha casacontos eroticos esfregando devagarinho o pau por trasconto erotico muito sexo com agalera esposa puta com10 negros marido cornomulher querendo contos eroticospaucontos meu meu filho bruto me deichou ardidacontos eroticos o porteiropelada e o cu melado de manteiga no corpo inteiroMinha madrinha ela mora sozinha com sua filha eu vou sempre na casa da minha madrinha fuder ela eu fui na sua casa ela tava sozinha eu fui com ela pro seu quarto eu tava fundendo ela sua filha chegou sem fazer barulho ela entrou no quarto ela viu eu fundendo minha madrinha ela disse pra minha madrinha que ela queria perder sua virgindade da sua buceta minha madrinha disse pra ela tirar sua roupa pra ela deitar na cama eu chupei sua buceta virgem raspadinha minha madrinha disse pra ela chupar meu pau ela chupou meu pau minha madrinha disse pra ela abri bem suas pernas minha madrinha disse pra eu meter meu pau bem devagar na buceta virgem dela conto erotico