Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

A GRÁVIDA QUE CAGOU NO MEU PAU

Sou conhecido como o Jardineiro-Shameless. Sou de Sampa.

Adoro uma aventura com mulheres casadas, coroas, mães carentes, e, inclusive, com mulheres grávidas. Curto muito sexo anal, principalmente, com as cagonas e mijonas. Já fiz três mulheres cagarem no meu pau. Adoro ter no meu pau o cheiro da dona. Também curto chuva dourada.

Mas, vamos ao fato !!!

Em dezembro, minha vizinha Dona Dalva que estava grávida de 6 meses, me contratou para fazer o seu jardim.

Ela preferiu marcar para um sábado que estaria sázinha em casa, pois com o marido e seus filhos viajando, ninguém nos atrapalharia. Achei magnífico, pois eu tinha muito tesão por ela. A Dona Dalva, 35 anos, é loira, olhos verdes, linda !!! Eu fiquei sá fantasiando se rolaria alguma coisa. E, rolou !!! Assim que, cheguei lá, a Dona Dalva começou a conversar e foi bem direta no assunto. Disse-me que, há tempos, percebia o meu olhar de tarado pro lado dela. Perguntou-me se estava correta em suas conclusões. Mesmo arriscando a perder a sua amizade, e também, aquele serviço, resolví encarar a situação. Respondí que era apenas a uma fantasia. Aproveitei e me aproximei dela. Por impulso ao tesão da conversa, agarrei-a pela cintura e beijei-a na boca. A safada não sá permitiu, como enroscou a sua língua na minha. Em instante, estávamos pelados na sua cama de casal. Fizémos um torturante 69. Fiz a Dona Dalva gozar três vezes na minha boca. Depois, coloquei-a de joelhos na minha frente e falei que antes, iria gozar na boca dela, pois eu pretendia demorar o máximo possível no sexo anal. Estando um pouco aliviado, com certeza, eu conseguiria retardar a ejaculação e ficaria um tempão enrabando-a. A Dona Dalva entendeu o recado. Obediente, ela abocanhou o meu pau e mamou carinhosamente. Levando-me à loucura. Gozei intensamente, enchendo-lhe a boca de porra. Ela engoliu tudo, até a última gota. Sem dar tempo para relaxar, ainda de pau duro, coloquei ela de quatro em cima da cama. Cuspi em seu ânus e no meu pau. Assim que escostei a cabeçona roxa do meu pausão naquele orifício anal marron, a Dona Dalva chegou a peidar de tanto tesão. Fui forçando aos poucos, até enterrar a minha tora naquele cú piscante. Ela apertava o seu anelzinho em torno do meu pau. Apertava, soltava, apertava, soltava. Aquela grávida cagava o meu pau prá fora e eu tornava a enfiar. Enquanto enrabava ela, fui dedilhando a sua vagina. A Dona Dalva chegou a mijar na minha mão e eu começava a soltar aos poucos o meu esperma. Não aguentando mais, gozei fartamente dentro daquele rabo guloso. O meu pau saiu com fezes dela. Depois daquele dia, transamos outras vezes. Se alguma madame querer me contratar para fazer o jardim é sá me procurar. E-mail [email protected]

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


contos eroticos arrombando a gordaconto erotico virei escravo de minha professora safadaMulher que gosta de ser curradascontos eroticos arrombando a gordaContos eroticos A reforma Viciada em sexosogra loira novinha chupa maridos Eugênioconto nao guentei a pica de jumento choreiconto estrangeiro picudorelatos porno incesto lasquei o cuzinho da sobrinha moreninhacontos eroticos arrombando a gordaifeta sandalilhafogosá taradahttp://okinawa-ufa.ru/conto_24058_eu-e-minha-madrinha.htmlconto erótico "totalmente peladinha" ruacurrada no caminhao contosmulher safada do meu amigo deu uma calcnha usada p mim cheirar contos eroticosbucetao arombada de adivogada conto eroticocontos de estupro nao resiste minha enteadacontos eroticos - arrombando cuzinhoConto papai mg fudeu de jeitoNegao pausudo botando corno chupar cu da mulher enquato fodecasalgozou muitoContos espiando a sogra lesbicaComtos casadas fodidas em matagalContoseroticos estuprando Vitóriacontos fui brincar amoite de esconde esconde e dei o cu pra todos mulequesContos eróticos teens boys jogando video game com o amiguinhofamílias se encontram em praia de nudismo contos eróticocontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentecontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crenteContos d uma mulher virgem amarrada no curral e estupradacontos eroticos filho da minha vizinha amante maravilhosogrelao 4cm contosviado dando o rabo desfasandomeu marido adora me ver toda gozadaSo contos eroticos com maridos violentos sadomasoquismocontos eroticos dando o cu mais que xuxucontos sexo meu filho meu homem contos eroticos q bocA e essa desse baianocontos maninha adora meu pauxvidio transas arrecei casadosMinha empregada tem uma buceta inchada contos de lésbicas femininoContos eroticos em onibusmulher do gelou grande fudedoFodendo com mamae bunduda contoscontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crenteconto erotico titia coroaeu minha sobrinha na praia contocasadas safadas e o marido sabe q ela da para os outroscontoscontos esposa carona para travestivídeo de bocado de mulher dançando de fio dentalcontos eróticos e fetiches paguei boquete no meu irmãocontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentecontos meu primo gordinho foi dormir comigo e comi o cuzinho deledominado e submisso contoscontos er gozando na boquinhafui desvirginada pelo meu namoradoContos heroticos de mulher que soltou um pum na hora que tranzavacontos eroticos com a tiaapostei com o cunhado e tive q dar contos eroticosContoseroticoscavaloMeu sogro dividiu minha sogra comigo contos eroticoscontos eroticos presente para cunhadaAbrindo as pernas para o sobrinho contonegao marido de aluguel com casadas contoscontos rael eu miha mae sobrimascontos sou puta e insaciável por rolacontoerotico quase corri negrinho caralhudoconto erotico bolinada na infanciaContos Bota no cu tioler contos eroticos fortesFuderan meu cu e minha esposa ajudou os caras