Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

FERNANDA RAPTADA E VIOLENTADA

Este fato ocorreu quando a Fernanda (eu) tinha 19 aninhos, um ano apás aquela festa que minha mãe havia dado para oficializar o nascimento da Fernanda. Era um fim de semana de outubro, mais precisamente sexta-feira, minha mãe estava indo viajar para um passeio na cidade de Gramado com uma amiga e ficaria fora até Domingo a noite, ela iria ainda na manhã de sexta. Ela me avisou que duas pessoas iriam vir para realizar alguns consertos em casa, e que deveriam durar dois dias, sexta e sábado. A minha mãe já havia saído quando os dois homens chegaram, um senhor de uns 48 anos e seu filho de 20 anos, dois homens muito bonitos, abri a porta para eles e já começaram a realizar os trabalhos. Fui para meu quarto para me produzir, pois estava apenas de pijaminha. Como minha mãe já estava me hormonizando a um ano, já tinha peitos e um corpo muito feminino, lindinha mesmo, fazendo o estilo gostosa, coxas grossas, lábios carnudos, boquinha pequena, cabelos loiros e compridos, lentes de contato azuis, unhas compridas, cintura bem fininha e quadris largos com o bumbum bem arrebitado, toda lisinha. Comecei a produção, tomei um banho e fui para meu quarto. Coloquei um sutiã meia-taça preto, calcinha asa delta preta bem enterradinha na minha bundinha, meias pretas 78, cinta liga preta, um corselet preto em lycra e renda bem apertado afinando mais ainda a minha cinturinha e realçando mais ainda meus peitos e meu bumbum, sapatos pretos envernizados com salto agulha de 19 cm, deixando a minha bundinha mais empinadinha, coloquei um vestidinho preto super colado e bem curtinho, deixando aparecer a renda das meias 78. Coloquei perfume, brincos, me maquiei, coloquei um batom vermelho bem forte e brilhante, sombra, cílios postiços, fiz um penteado com um pouco de volume e coloquei meus cabelos para os lados, quando me olhei no espelho, minha nossa, adorei o que vi, parecia aquelas atrizes (pin-ups) dos anos 50, com uma silueta fantástica, extremamente sexi e provocante. Nisso o telefone tocou, era o marcelo, um gato que já havia me comido algumas vezes e com quem eu estava tentando encorajar a realizar uma fantasia minha, ser raptada e violentada, o que não percebi, era que havia deixado a porta do meu quarto aberta e o senhor que estava trabalhando em casa escutou minha conversa, eu não percebi. Depois do telefonema, fui até a cozinha para tomar um café e vi que os dois, pai e filho me olhavam diferente, aquele tipo de olhar de tarados, fiquei muito excitada e comecei a andar pela casa e a passar por eles toda hora, rebolando e bem sensual, sá para provoca-los. Já eram umas 11:00 horas da manhã, quando fui na cozinha novamente, ao sair, fui agarrada por trás de surpresa, o filho estava me segurando e colocou a sua mão em minha boca para que eu não pudesse gritar, nisso, o seu pai apareceu e começou a me amarrar, amarraram meus braços atrás, nos pulsos e acima dos cotovelos, depois ele enfiou uma bola de pano em minha boca e uma faixa de pano amarrando atrás da minha cabeça, me colocaram no chão a força e amarraram minhas pernas juntas, nos tornozelos, abaixo e acima dos meus joelhos, depois amarraram uma corda entre meus pulsos e entre meus tornozelos, me obrigando a ficar com meus braços esticados e minhas pernas dobradas para trás. Estava completamente indefesa, imobilizada, tentava me libertar e gritar por socorro, mas era impossível, além de assustada, estava excitada como jamais havia ficado. Quando eram 05:00 horas da tarde, o senhor chegou perto de mim, puxou meus cabelos e disse que iria tirar a mordaça e que eu não gritasse, senão ele seria obrigado a machucar essa bonequinha linda e gostosa, então retirou minha mordaça, pegou um telefone e mandou que eu ligasse para minha mãe dizendo que iria na casa de uma amiga e que iria dormir lá, fiz isto e ele voltou a me amordaçar. Alguns minutos depois, eles chegaram, me agarraram e me colocaram no porta malas do carro deles e me levaram para a casa deles. Chegando lá, eles me levaram para um quarto, me soltaram e mandaram que eu tirasse minha roupa, ficando somente de lingerie e salto alto, fiz isto, assustada e excitada ao mesmo tempo. Durante a noite de sexta-feira, todo o sábado e até domingo as 17:00 horas, fui sodomizada, obrigada a fazer boquetes nos dois, fui violada pelos dois, enquanto um comia minha bundinha era a obrigada a fazer boquete no outro e vice-versa, fui obrigada a dançar para eles como se fosse dançarina de boate, chuparam meus peitos, deram palmadas muito gostosas na minha bundinha, fui violentada várias vezes estando amarrada e amordaçada e ainda me alugaram para vários amigos deles, fui usada como prostituta por eles, cada trepada era cobrado o valor que correspondia hoje a 50 reais. Nem lembro direito, mas acho que fui comida por uns 19 ou 19 homens. Minha bundinha quase ficou esfolada, de tantas estocadas que levei. No domingo a tardinha, eles me levaram para casa e disseram que se eu contasse para minha mãe, eles voltariam e me dariam uma surra que eu nunca esqueceria. Claro que nunca contei, mas sonho até hoje com este final de semana.

Beijos.

Me escrevam – [email protected]

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


fudeu com um cavalo fetixe d mulher contocomi minha filha pensando que era a minha mulhercontos de mulheres que tomaram ativador sexual18oras.pornesposa traiu seu marido com um deiciente dotado contos eroticoscontos eroticos deixei minha namorada no camping e quando voltei ela tava com outrocontos de traicao anal,postados no facebookcontos flagrei minha irmã e seu filhocontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentevideos porno enfiando a mao nao buceta da egua zoofiliacontos erótico estuprada pelo chefinhocontos eroticos realizei meu sonho comi minha cunhada novinhaf****** a b******** da minha enteada Camila e ela Gozou muito no meu pauContos eroticos dei pros mendingosenfiando a.pica..comdificuldadeMulher que fica çarando o priquito uma na outra ate sair galacontos eróticos meu amigo negro enfiou sua rola no meu cuzinho branquinhoconto gay sendo estuprado com muita violência e tem muito sanguecontos sacudo e casal safadocontos eroticos.os velhos meterao gostoso em mimcontos porno eu amo caga na picaFui fudido pelo velho contos gaysobrinho convida ha tia para tomar banho debica e transacontos de sexo depilei minha bucetacontos não resisti ao cacetaocontos.veridicos erabando uma,.pretinhacontos erotico comendo eguaconto erotico as pregas da empregadaensabuou o pauzao e enfio na gostosaContos gay carnaval em Veneza filho adotivo punheteiro contoscontos eróticos realizando a fantasia da minha mulher no nosso aniversário de casamentoultimos contos eroticos fazendo a festa da molecadacontos de sehoras coxudas que deram o cuconto engravideiconto cunhada e sogra safadinhacontos eroticos peguei a mulher do amigo a força ela dormindo e soquei nelavideos para deixar o namoradoexitadocontos primeira surubacontos tiachupa rolacontos eróticos me pegaram a força no meu trabalhocomendo minha irmazinhano escuro.com/videomendigo contos eroticoswww.conto erotico novinha virgem virando putinha no pau grandecontos eroticos fui comida pelo meu chefe e chingada feito uma puta vadiaconto uma viagem muito gostosaminha enteada gost contosNamorando a vizinha mais velha contosdilataram minha buceta contosarromba contos incestochupo por dinheiro contoscotos heroticos gay me comeu no riorelatos de meninas que quando viu ja engatou com seu dogconto erótico com foto titio me rasgoucache:HVsxZOrs15AJ:http://okinawa-ufa.ru/m/conto_12619_quando-eu-dei-pela-primeira-vez.html+"dei pela primeira"Giovana transando de joelhosporno os caes mais aloprados do mundo gozando em novinhascontos eróticos fui visitar a esposa do meu tio Ela tá de babydollconto gay dando ao catadorAs gost mamando os maiores picaggminha esposa adora segurar o pau do meu sobrinhonovinhos fodeno apremira veizEstuprada pelos cachorros contos eroticostia muito r***** lavando o quintal não aguenteiConto gozou muita porra no meu curu cdzinhacontos eroticos de Araguaina Tocontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crenteContos eroticos com foto eu era novinha nao tinha nem peitinho e meu padrasto tirou a virgindade da minha bucetinha e do meu cuzinhoeu meu irmaozinho e nossa cadela contos de sexocontos eroticos fudendo as filhinhas da minha namoradacontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentecontos gays reais/a anaconda do meu primoconto comendo a coroa gostosa