Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

8 GOZADAS PRO MEU CORNIHO

Parece até brincadeira, mas aquele corninho do meu marido adora, quando saio de casa para dar uma boa trepada, hoje não foi diferente, aposto que esse cachorro ficou de pau duro todo o tempo em que eu estava fora, trepando igual uma cadela no cio, chegando a ficar com a bucetinha inchada, sá pq hoje não estava tão disposta, afinal estou com um puto dum resfriado.

ele ( um garotão, puro tesão, tem um corpo muito gostoso, pesado, sá de imaginar tudo aquilo em cima de mim... ai...aguarde para saber mais...) eu 32 anos 1,60 de altura quadris largos bumbum firme e gostosa, marquinha de biquíni fio dental, pés 34 e pernas grossas, cabelos lisos e ruivos, e modéstia a parte uma verdadeira maquina de foder, como meu marido diz. Chegamos ao motel e ele estava mais eufárico que nunca. Mal entramos, ele selvagemente me jogou na cama e começou a me beijar, esfregando todo o meu corpo com seu corpo gostoso e pesado, ele me apertava cada vez mais e sem muita demora foi tirando a minha roupa e a sua, começou novamente beijando meu pescoço, apertando meus seios foi descendo beijando minha barriga e passando sua língua suavemente pela minha barriga e descendo para minha virilha, eu já podia sentir que estava toda meladinha de tesão, ele começou a tirar minha calcinha e começou a chupar minha xoxota, comecei a gemer de tanto tesão. Rapidamente ele tirou sua cueca, puxou me para ele, por cima de mim puxou minha perna e cravou bem fundo aquela pica que estava tão dura, que parecia que ia explodir, estava tão gostoso que quase gozei com ele por cima de mim, porém ele me virou, me colocando de quatro, e continuando a me meter a vara com todo o tesão, ai pedi a ele que puxasse meus cabelos, ele começou a puxar com tanta força que parecia que ia tirar me o fôlego, foi ficando tão bom que comecei a gozar de quatro, ele me virou e colocou me sentada por cima, já está sabendo que gosto de ficar por cima,, ele por baixo, eu rebolando no seu cacete, apertava seu cacete com a minha buceta, ele por baixo me segurava pela cintura e tome, nesta brincadeira foram mais 3 gozadas seguidas em seguida me colocou novamente de 4, ai eu disse puxa de novo o meu cabelo, do jeito q gosto, ele começou a puxar ai eu disse pode me xingar, foi o suficiente para q ele começasse a me chamar de safada, cachorra, putinha,sem vergonha tudo isso enquanto me comia de quatro igual a um cachorro no cio, de tanto a rola entrar e sair tão profundamente, gozei mais uma vez, inacreditável não é, mais é a mais pura verdade leitores.Depois de me ver urrando como louca eu ainda de quatro comecei a rebolar freneticamente no seu cacete, e apertar seu pau com a pressão de minha xoxota, de um jeito que qualquer um ficaria viciado, até que ele não resistiu mais e gozou como um cavalo.

PAUSA

Deixei o tranquilo por alguns minutos, em seguida comecei novamente a morder sua orelha, pescoço, lamber seu peito,sua barriguinha, em volta do umbigo, ameaçando descer para seu membro que já podia sentir duro novamente, cheio de tesão, então cai de boca e comecei a chupar primeiro suavemente e depois como se quisesse mata-lo de tesão, engolindo todo seu cacete e estava conseguindo, ele me puxou e começou a beijar minha boca com tanto tesão que.......ai. Ele falou que ver o que faço com vc, me colocou em cima novamente e agarrou me pela cintura me obrigando a cavalgar do jeito que gosto, rebolava no seu pau, com tanta vontade que comecei a gozar, ele me perguntou, quer mais? e eu disse claro que sim, ele começou a me bombardear por baixo e apertava meus seios e falava: - quer mais safada, eu acabei gozando de novo, para me dar uma trégua me virou e continuou me socando, sá que agora por cima(papai e mamãe), e em poucos minutos estava eu gozando de novo, ele cinicamente me olhou e falou ainda quer mais, claro que não ia dizer q não, então ele me virou de quatro, aquele safado adorou me foder de quatro, ou melhor ele adora me foder de qualquer jeito, me desculpem se estou sendo um tanto quanto modesta ..., como estou dizendo mais uma vez ele não resistiu e gozou dentro de mim sem parar de socar. Paramos por aí, como o corno do meu marido pediu para que eu não tomasse banho, fui para o banheiro e despistei como se estivesse tomando, e voltei para casa com aquele cheiro de homem no meu corpo, e logo que entrei o corno safado, vem com aquela cara mais deslavada querendo cheirar minha xoxota, que estava inchada e mal podia ser tocada, também depois de uma trepada desta e 8 gozadas daquela, o que se podia esperar, ele se conteve apenas em me colocar no sofá peladinha e analisar o estrago feito, e agora contando mal posso esperar por outra desta, sá que desta quero aumentar o número de gozadas pois ouvi dizer que depois da décima gozada consecutiva a mulher entra em sono profundo, fazer o que vou pagar para ver, e vcs caros leitores sei que vão aguardar ansiosamente a práxima.

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


conto so como o cuzinho da empregada casadaconto de irmanegao marido de aluguel com casadas contoscontos bebendo porrswww.video.de.irma.pego.o.seu.irmao.pelado.escundido.atras.da.porta.do.quarto.dela.para.ver.ela.pelada.sem.calcinhabronzeamento com a amiga greluda contoquase matei amiga da minha mae contosgostosas de caixote apertadinhacontos porno pedreiro pica jumentocontos eroticos travesti ativa camioneiraComendo bucetas gostozas na roça comtos eroticosScu do sobrinho menor contos eróticoscontos zoo mastiff taradoconto erotico minha prima que considero irmãempregadinha empolgadaContos eróticos vizinho novinhos gay Manauscontos eroticos so eu e meu gato na chacaraporno conto maecontos eroticos arrombando a gordacontos eroticos fodida pelo deficientecontos eroticos arrombando a gordasubstitui o papai contos eróticospessoas fazendo sexo gostossooooMinha mulher pedio pra mim errabar ela contosamigos de infancia tomando banho contosmarido realizando sonhos eroticos da esposaContos Eroticos ROBERTAbianca casada dando a bunda ea buceta contos eroticosso mulheres escravas de seus maridos contos eroticossou o tesaozinho do papaicontos gay papaigozei gozou dentro dormia contoscontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentecontos eroticos vizinha de camizola curtinhaconto erotico travesti desobediente castigada pelo donocontos erotico vo netinhasver travesti dano o cu pra sincaras r chupano pimtocontos eróticos de Paula de Floripa Santa Catarinamamae papai me comeuatolando pau grosso nas.vellinhasconto erotico dominando mãe e filhacontos vi minha espisa fodendo com outrocontos de sexo depilei minha bucetaContos eroticos encoxadascoroas homens velhos nojentos sexo relatotocando punheta no maracanaHistória narrada de sexo- Trepando com a nifeta safada gostosa huummmtesudas contoconto casada quarentona transando com desconhecidoconto gay tirei o atraso do meu primoconto erótico ajudando a irmã na faltaTransei Com Minha Prima"meu marido" "virei puta" contoContos eróticos de lésbicas gemeas sarrando a bundacontos comendo mulher do amigo meia noiteSexo contos visinhos virgindadecontos estupro sai na rua e min estupraramcontos eroticos trai meu marido com ele do ladoconto erotico em familiaanita mijando no copoFlagra plugcontos excitantescoroa dona de banca em teresina dando bucetaver pica bonira gozandoenfia esse pintão pai contocontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentecontos eroticos esposa em uma orgiaContos comeu o cu virgem day minhamulher conto erotico desde pequena fui putinha do meu paieu sem querer transei com meu sobrinho contos erótico