Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

SERVIÇAL DISPONÍVEL

Eu queria muito viajar, mas sem trabalhar seria difícil conhecer o mundo, até que surgiu uma oportunidade bem do lado da minha casa.rnEra o nosso vizinho que estava procurando por uma empregada, o anuncio dizia: " Afazeres domésticos, disponibilidade e subserviência serão bem remunerados" rnEu nunca tinha trabalhado como serviçal, pois morava com meus pais e dificilmente fazia alguma coisa em casa, mas sempre tem uma primeira vez e decidi em vez de ligar, me apresentei diretamente em sua casa.rn-Pois nao? - respondeu me ao abrir a portarn- Vim pelo anuncio - respondi- Meu nome ? Lara.rnEle me fez então entrar, como estava calor eu estava com um short lycra, top e tênis. Eu queria provocar o nosso vizinho e sabia que indo a entrevista deste jeito acabaria conseguindo o emprego, sá não esperava que para conseguir este trabalho passaria por um teste, exatamente quando lhe disse que era de maior.rn- Se eu te aceitar, você obedecera as minhas ordens incondicionalmente, eu pagarei um átimo salário mas tudo que acontecer aqui nesta casa não poderá ser comentado fora daqui, no contrato que você ira assinar, existe uma clausula especifica que você poderá ser presa se comentar o que acontece em minha casa, alem do seu uniforme, você devera dormir no trabalho, você trabalhara todos os dias, e depois de um ano de serviço terá direito a ferias, entendeu?rn- Sim, Sr. Rodrigo! Eu entendi e aceito o contrato - respondirn- Muito bem! Antes de decidir quero fazer uns testes com você, okay? Vá até o seu quarto, tire toda a sua roupa e vista o uniforme que esta sobre a cama, depois disto traga toda esta sua roupa para mim, inclusive suas calcinhas.rnFui até o quarto minúsculo e lá encontrei um uniforme branco com quatro botões, o uniforme era menor portanto os meus peitos acabaram por ficar para fora, fui até a sala para que ele visse, e também para entregar as minhas roupas como ele havia pedido.rn- Sr. Rodrigo, acho que o uniforme esta pequeno!rn- Então tire o uniforme. Aqui na minha frente, quero ver o teu corpo! - exclamou elernEu estava gostando deste jogo erático e então comecei a desabotoar, e tirei o uniforme, tenho certeza que ele gostou de ver o que havia por debaixo daquele uniforme, tenho 1,70m, corpo malhado de academia, seios e quadris 44 com cintura 42, morena clara, cabelos castanhos claro, liso e..... sem pelinhos, sempre depilada.rn- Va até a parede, coloque seu corpo contra aquela parede, abra as pernas e coloque os braços para cima- ordenou ele meio gaguejando. rnObedeci.rnFiquei naquela posição por uns 19 minutos, então ele se aproximou por trás e me disse:rn- Subserviência e disponibilidade! Não quero ouvir nenhuma palavra sua! Não se mexa!rnEntão começou a passar os dedos na minha xaninha em instantes estava molhada, enfiou um dedo e depois mais um, enquanto com a outra mãos apertava o meu peito direito. Então parou, deu uns passos para trás, e saiu da sala, eu fiquei naquela posição por outros dez minutos até que ele voltasse.rnNovamente ele se aproximou e então colocou uma bola na minha boca para que eu nao fizesse barulho, e me disse:rn- Este ? o seu primeiro teste de subserviência! Vou enfiar este plug no teu cuzinho, e quero ver você rebolando encima de um salto dez, quero que você mexa sensualmente este teu traseiro, quero que seja convidativa, feminina, entendeu?rnSe eu ja imaginava difícil rebolar em cima de um salto dez, imagina com um mini vibra colocado no meu cuzinho. Claro que no inicio foi uma tragédia, mas ele queria que eu mostrasse subserviência e eu sá pensava na grana que iria receber no final do mês.rnFiquei andando e rebolando a tarde toda, até que vi que já era noite, então ele me chamou:rn- Estou satisfeito com o que vi, por hoje ? sá! Vou deixar autorizado na portaria a tua chegada para amanha as sete horas, seja pontual. Não retire este plug. Amanhã quando você chegar o seu uniforme estará sobre a sua cama, vista-o e prepare o meu café da manha,quero ve-lá rebolando ao entrar no meu quarto pontualmente as 7:30, entendeu?rn- Sim, mas então estou contratada? - pergunteirn- Amanha decido, obrigada Lara. Esta ? a sua roupa, vista-se, por hoje ? sá! rnEu comecei a me vestir diante dele, assim que terminei, ele abriu a porta e eu sai. Ter aquele plug no cuzinho estava incomodando mas achei melhor não mexer, e fui para casa rebolando. Não comentei nada com meus pais, achei melhor não jantar, seria difícil sentar numa cadeira com aquele brinquedinho no meu cuzinho, inventei uma desculpa e fui dormir mais cedo, pois deveria voltar lá no dia seguinte cedo.rn

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


contos eróticos iniciado pela tiajapa enfia o dedo no seu cu virgemAmigo do meu filho dotado Contos eroticosgayzinho passou rebolando na minha frente contoconto gay jornaleiro safadominha mãe e minha avó junta conto eróticoeu minha mulher e meu sogro contoscontos balas por metidas nas meniminhasporno fui estudar na casa da prima gostosa e ela dise que ia ter aula de fideesposa surpreende marido com casal para fazerem swingconto fazenda com mamaeconto.de.cormocontos eroticos anal iniciando minha filhinhaContos eróticos: acordava cedinho p levar rolaContos eroticos que cuzinhomas gostoso do filho da minha esposacontos de sonhos eroticos de casaistransando com meu brothercontos eroticos encontro com coroa do chatcontos comi a mulher do amigo bebadafilha minha femea contocorno viado contosna hora do horgazmo gozandodei pro tarado contosmulher rebolando de costa para o espelho de fio dentalPorno conto casada no veloriocontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crenteteta gostosa contos eroticoscontoerotico guria patricinha com menino pobrecontos eroticos comendo minha sogra na cozinhaContos mulher coloca silicone e vira putatirou as pregas dela contoscontos batendo punheta no garotinhocontos eroticos Gay de fui visitar meu tio e ele me comeucontos eróticos curiosidade novinhacontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentecdzinha passiva. viciada em sexo contoChiquinha gostosa melada de tesãocommini vidio porno so rabudas epitudashttp://contos hetero piscinacontos chupei minha namorada a forçaesposa safada fudendo na fazenda contosConto fui passia na casa da minha tia e conheci minha prima travesticontos comi minha cunhadacontos eroticos tentei corrercontos eróticos mãe e filho de araraquranetinha de sainha sentando no paunovinha que queira trocar msg e gozar muitocontos eróticos não acredito que o padre da Paróquia chupa o meu pauContos eróticos de Gay O Amigo do meu Pai Comeu Minha Bundinhaconto erotico desconfiei de minha esposajovem mostrando os pelinhis fino ds bucetaxvidio masturba pesandocomvidando e comendo amiga de sua mãenotei que na hora que falei maridinho ficou de pau durohttp://contos erotico fio suruba presocontos eroticos velha assanhadacasada lesbica com sobrinha contoconto erotico com camionistacavalo enchendo a bucetadeporracontos picante de casada sem calcinhacontos fiquei de mal e transei com meu sogroSexxu videu erica cazada jua da baiacontos eroticos deixando aparecer a calcinha em casa provocandoconto erotico mae se bronzeando a bunda pediu p filho passar bronseador no rabodividi minha mulher com outro comto eroticocontos filha se fode pra aguentar a geba do pai no cumeu pai olhava pelo buraco na parede do quarto dele pro meu e se masturbavacontos eroticos comi uma mulher casada em uma cidadezinhacomi minha tia contocontos mãe puta filha putaContos travestis com mulhermorema gostosa na balada so esperando uma trepadaContos de comer cadelaconto de o negao pirocudo rasgou meu cu sem docontos muito grosso e grande sofricontos pornos fudendo mamae irmascontos eroticos homossexual meu pai me estuprouZoofilia com mais drenacontos eroticos comi o menino de ruaContos eroticos cu da negra madantacontos porno meu marido me obrigou a dar o cu pro amigo