Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

A SOBRINHA

SobrinharnO que vou relatar aqui aconteceu de verdade e como foi muito bom pra mim, resolvi compartilhar com vocês!rnrnEra Junho de 2012 eu de férias sou branco casado 57 anos corpo normal pois corro todos os dias e Tenho 2 sobrinhas Debora! Ela é 13anos aparenta ter mais idade pelo seu corpo.rn Sempre foi mais apegada a mim e a minha mulher nás, sempre levamos ela para todos os lugares e viagem que faziamos criando assim um ciúmes nas Irma dela + nada de mais.rn Ela já havia dormido varias vezes em nossa casa e nunca aconteceu nada entre nos dois mais ela sempre se abria comigo sobre tudo que fazia! Até sei quem, quando e como aconteceu sua primeira vez rsrs mais vamos ao que interessa! Decidimos ir toda a família fazer churrasco em uma chacara que alugamos.rn Chegando lá arrumamos as coisa e preparamos tudo porque sempre ficamos até entardecer lárn Tudo certo, churrasco rolando e gente na piscina eu resolvi cair na água também! Quando entrei logo Debora veio para perto de mim e me pediu que há ensinasse a boiar! deitei ela sobre a água e coloquei minhas mãos em suas costas! Mais mesmo assim ela não conseguia então abri mais meu braço ficando um das mão em suas costa e outra em sua bunda! Fazendo ela fica retinha em minha frente! Conforme ela fazia algum movimento, eu podia ver os pêlinhos ralinhos de sua xoxota! e meu pau começou a ficar duro!rn Então disse para pararmos nisso no susto por não conseguir colocar o pé no chão, Debora me abraçou e travou suas perna na altura da minha cintura! Fiquei morrendo de vergonha pois notei que ela sentiu meu pau duro batendo em sua bunda! Ela não disse nada e fui em direção a saida da piscina com um tesão que não conseguia amolecer meu pau que a cada passada, fazia ele tocar sua bunda! Perto da saida,da piscina disse a ela para ir na frente que ficaria ali por mais alguns minutos!rn Ela sorriu, virou de costa pra mim e sem colocar o pé no chão me pediu que segurasse sua cintura que nadaria até a borda! Quando ela se virou, meu pau ficou certinho entre suas pernas e ela tentou sáir nadando mais não conseguiu! Novamente agora de barriga para baixo coloquei uma mão práximo ao seu peitos e outro quase em sua xoxotinha! E pedi que ela batesse os pés e as mão! A cada braçada que ela tentava dar eu descia mais minha mão ficando já exatamente em sua bucetinha! Ela se mexia muito e consegui passar um dedo para dentro do seu biquíni e pude tocar sua buceta pela primeira vez! Aquilo me fez te a sensação de que iria gozar ali mesmo! Ficamos nisso por alguns minutos até que chegamos a borda então parei mais não sai da água! Ela foi e não olhou para trás! Depois sai da água e não paramos mais de nos olhar! Ela sempre me pegava por debaixo do osculo olhando sua bucetinha e eu vendo ela olhara para meu Pau! Ficamos nisso por um bom tempo..... já era umas 19 horas quando meu irmão me disse que alguém teria que ir comprar gelo ! Pensei que seria uma boa eu ir pq assim dava para bater uma no caminho então disse que eu iria! Nessa hora ouço minha sobrinha pedindo ao Pai que há deixasse ir comigo! Como ele sabe que ela é muito agarrado a mim deixou na hora! Aquilo me fez tem um ereção involuntária escondida pela toalha que tinha nas mãos! Fui em direção das áreas dos carro sem trocar uma palavra com ela! Chegando lá, percebi que tinha esquecido a carteira. Então arrumei a toalha no banco do carro pra mim e para Debora e quando sentei ela me disse se poderia dirigir ate a cidade ! Ela me disse que eu poderia ensina-la! Nisso eu iame levantar para ir para o banco do corona ela disse que se fosse no meu colo apreenderia mais fácil! Então logo sentou no meu colo e segurou o volante! liguei o carro e mesmo ela no meu colo, ela sá ficou com a direção pois os outros comando freio e acelerado ficou por minha contarn Com o balançar do carro e aquela bundinha sobre meu pau o que fez ele começar a endurecer! Dessa vez não tentei esconder! Tirei as mão do volante e coloquei sobre suas pernas e disse que era para ela dirigir ! Eu notei que ela se mexia para sentir meu pau que não estava em uma boa posição! Quando estávamos chegando a cidade notei que havia esquecido a carteira voltamos novamente para a chacara para pegar a carteira pedi que ela fosse pegar minha carteira pois não queria e não podia sair do carro rsrsr!rn Ela me trouxe e eu fechei novamente os vidros e sai! Quando a Debora perguntou se poderia voltar a aprender a dirigir! Balancei a cabeça positivamente e ela saltou para meu colo novamente sentando já com meu pau entre suas pernas, eu notei que o biquíni dela já estava mais enfiado na bunda! Ela pegou minhas mão colocou na sua barriga e disse que ela ia dirigir! Deixei minha mão bem mole e no primeiro balanço deixei cair sobre sua bucetinha! ( queria ver sua reação ! se aquilo era coisa de minha cabeça ou se ela estava afim) e a confirmação veio de imediato! Quando ela me disse sem olhar pra trás ? seu negocio está apertando meu biquíni contra minha virilha e vai me assar! Chega meu biquíni um pouco para o lado? aquilo me fez esquecer quem eu era ou ela era e fui logo metendo a mão no biquíni dela e na minha bermuda fazendo assim meu pau e sua bucetinha ficarem a mostra! Inclinei meu banco quase deitando! Nossa velocidade are de quase 5km rsrs e devagar direcionei meu pau para sua bucetinha que logo o abraçou! Já fui pegando em seus seios e os deixando amostra e fui logo apalpando! Não estava mais aguentando! parei meu carro no meio do mato levantei ela e enfiei meu pau e deixei que ela fosse sentando bem devagar! Eu fiquei sá ouvindo ela gemendo ainda de costa pra mim a cada cm do meu pau que ia entrando! entrou tudo e ela gemeu aliviada. Comecei os movimentos ela então virou de frente pra mim e disse para eu parar que ela me faria gozar como o namoradinho dela e assim ela fez! Subia até quase meu pau sair e depois sentava com tudo! Foi aumentando os movimento deitou sobre meu peito e mexia apenas a bunda. Ficamos nessa posição por uns 19 minutos até que disse que ia gozar e me vi preocupado se gozaria dentro dela ela sem pensar aumentou os movimento me travou já que estava em cima de mim e já não aguentando ela pos meu pau na boca soltei um berro e gozei gostoso na boca da minha sobrinha que sugava me pau para tirar até a ultima gota da minha porra! e falou baixinho no meu ouvido que não se preocupasse que o namoradinho dela sempre gozava assim aquele teria sido o nossa primeira de muitas outras transa que teríamos. [email protected]

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


contos eroticos de estuprosno carnaval de ruaconto eroticos acampando em familiacontos eroticostio e sobrinhadia dos namorados incesto contocontos minha esposa pediu para levar o amigoVideo porno safada sendo fudida homem rolaque so jegueContos eroticos minha esposa rabudatias envangelica dando a buceta ao sobrinho em historia realcontos de casadas rabudas que adoram uma piroca preta enterrada no rabovideo porno no cinema julio dantascontos eróticos trair namorado atrãocunhada sem calçinha contoscontos eroticos arrombando a gordadoido pra brincar na bundinha da sobrinha novinha inocente gratisirmão f****** a irmã gostosa dopada gostosa bemConto transa rabudamulher tem fetiche tama pirocada de travesticontos eróticos mendigo no ônibusamigas peladas passando margarina no corpo inteirocontos erotico fujonaconto vi meu irmao dando cuhistorias pra gozar minha menina de 19 aninhos e delirarcontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentecontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentecontos eróticos comi minha amiga skatistaAs gost mamando os maiores picaggporno velho cafetao ajeita macho pra mulhet de cornoMuller casada quer jumento para me ter nelazoofilia cavalo violentos o dedãocontos eroticos velhos e novinhas santinhasO pai da minha amiga me enganou contos eroticoscalcinhas sujas contos eroticos da tia safadacontos nascendo pelinhoscontos eroticos já nasci putinhacontos de esposa gordinha tambabamulher rebolando de costa para o espelho de fio dentalcontoseroticosdeflorandoporno boquete linguada no pau eno saco orgiascontos eroticos traindo marido ao ladoporno doido mae víolentada variospauVer casadas falado de conto eroticos que corneo o marido com homem do pau bem grandecontos eróticos puta testemunha de jeováconto herotico engravidem uma branquinhaMeu sogro me seduziu contocontos eróticos de casadas rabudas traindocontos eroticos espermaComtos casadas fodidas pelo filho novinho do vizinhofada do sexo morena de xorte gem apertado volume da bucetafilha apaixonada pelo pai contos eroticisQuero treinar o vinha perdendo a virgindade da bucetinhaesfregando na irma caçula contoscontos de velhos gayNo cuzinho desde pequenaMinha mulher adora reparar na piroca dos machosMinha filha Caçula contos eroticoscontos eroticos arrombando a gordaconto acampando com a vizinharebentando o cu da irma pequena contosAcordei com o pau dentro da minha bucetaconto depravadacontos eróticos mastiguei minha calcinhafodido pelo pegador do bairro conto gaypornocontossiriricacontos oamigo do meu marido 2contos eroticos do R.G.do Sulcontos eroticos arrombando a gordacontos eroticos cavalocontos eroticos chupei a buceta da namorada do meu amigo com ele olhando e me falando como chupara piriquita da theulma moreninhaempregada é chatagiada pelo patra e tem qui sar a bucetacontos eróticos enormes nadegascontos de coroa com novinho