Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

1A VEZ COM UMA BONECA

Eu sempre tive tesão por mulheres, sá que de vez em quando gosto de experimentar novas aventuras. Eu já havia mamado uma vez e não fiquei satisfeito com a minha performance, queria encontrar de novo com o mesmo gato e fazer loucuras.rnCerta noite trabalhei até tarde e, como de costume, no trajeto de volta para casa passava por uma avenida cheia de bonecas. Estava de moto e cansado, sem nenhuma pretensão. De repente, avistei uma boneca linda em uma esquina: mulata, seios fartos, sá de shortinho e uma blusa transparente. Não hesitei e encostei a moto. Acertamos o preço, ela abriu um sorriso, me chamou de safadinho e subiu na moto.rnNo caminho senti aqueles peitos nas minhas costas e ela passava a mão no meu pau. No motel, ela foi tomar uma ducha e pude ver aquela maravilha, era mais gostosa sem a roupa. Eu também tirei a roupa e entrei no chuveiro. Ela me deu o sabonete, pediu para eu passar no seu corpo e virou de costas. Passei no seu ombro, peguei aquele peitão com vontade e ralei o meu pau naquela bunda. Fui descendo o sabonete pela barriga e peguei seu pau. Nossa, era enorme. Comecei a bater uma punheta e passava a outra mão no cuzinho. Nesse momento ela virou de frente e empurrou minha cabeça para baixo. Eu sá tinha chupado uma vez e foi muito rápido, dessa vez eu queria fazer direito. Desci e abocanhei aquela pica. Pouco tempo depois ela desligou o chuveiro e fomos para cama. Ela deitou de frente, abriu as pernas e falou: "faça o que quiser". Eu estava menos ansioso e comecei a lamber a parte interna da sua perna, arranhando de leve a barriga e passando a mão no seu peito. Passava a lingua bem de leve no saco e subi até a cabeça. Foi nessa hora que ela me pediu com uma voz de tesão que a chupasse, que hoje ela iria gozar. Mesmo apás o pedido segurei o nervosismo e continuei provocando. Passei a mão e comecei a punhetar devagar, tirando a pele e deixando a cabeça a mostra. Eu não aguentei aquela visão e comecei a passar a lingua na cabeça. Desci de novo até o saco e cai de boca, chupei enquanto punhetava. Já com muito tesão, fiquei por cima e fizemos um 69 inesquecível. Pouco tempo depois, deitei na cama e ela veio por cima. Coloquei a camisinha e ela lambuzou seu cu de gel. Ela começou a sentar no meu pau e quase gozei de tesão. Foi descendo bem devagar, foi até o final e subiu novamente. Foi uma visão incrível, comer aquela boneca e ver sua pica dura batendo na minha barriga. Ela foi aumentando o ritmo enquanto eu batia uma punheta para ela. Quando estava quase gozando ela pediu para eu bater a punheta mais rápido, que também queria gozar. Gozamos juntos e senti aquele jato de porra no meu corpo. Deitamos um do lado do outro e, ja com o pau mole, ela pediu que eu limpasse a porra com a boca. Chupei ela novamente e senti sua pica crescer na minha boca. Voltamos para o 69 e gozei de novo. Já sem forças, vestimos a roupa e deixei ela no ponto, na esperança de repetir aquele encontro.

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


meu subrinho enfiou o dedo no meu cu contofudendo a sobrinha contoscontos velho tarado por bucetascontos eroticos amiga seduz sua amigafiz bacanal com minha filha e o filho do caseiro contoscontos de um viadinho tarado que è humilhadorelatos eroticos romanticodei minha buceta para os amigo do meu filho contos eroticoconto erotico mulher fodendo com varios vizinhosContos porno um gigante rasgando meucontos encesto na praia de nudismoContos eroticos c imagens v puta de meu sogro e do cunhadovideo de subrinho a proveitando a brincadeira para encochar a tiacache:R-bg7J8nF7YJ:https://mozhaiskiy-mos.ru/m/conto_14382_mamae-velha-mais-bucetuda.html e dos velhinhos gays no pinto mole fudendo velhinhos contos eróticosconto eróticos incesto pai arrombamencontos eroticos pai estupra filha com amigosContos eróticos uma menina virou putinhaporque eles bunduda gostosacontos erotico dei sonifero e comi minha tiaConto minha mulher santinhacontos eroticos comi minha sogra evangélica maduraconto erotico comendo minha sogra minha dobrinha pegou no fragacontos eroticos fiz amor c minha mae na primeira vez que fui pra cama c elacontos  entao fiquei sozinha com o meu pai , no primeiro dia vi ele tomar banho e vi o  conto erótico gay com estuprobucetas encharcada de babacontos eroticos arrombando a gordaConto erotico bigodexxx videos mulheris bem safadas que brinca com o pauzinho pequeno do marido tampinhaagora sou viado dominado pelo machocontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crenteContos eroticosnao resisti ao tamanho da pica deleesposa na praia de nudismo conto buceta carnuda comtos de sexo lesbicas conto incesto mae praiaContos pirralha inocentecontos de sexo de ladinho com com a irma dormindo ao ladocontos meu pai me arrastava pro matovideo fui brinca de lutonha acabei gosandoxxvideos tia chopano a sobrinha novinha Contos eroticos corno panacacontos eroticos de choronasconto erotico incesto sonifero filhacontos eroticos de prima puta safada e com um rabo de puta que foi fazer uma visitinha pra tiaconto gay sai da urgia acabadaconto erotico dotado fortão acabando com a novinha casada e safadacontos de corno triangulo amoroso de minha esposaagora sou viado dominado pelo machoseu madruga coloca pau no cu da dona florindaFui confessar e comi a madre contoscontos gay favelacontos eróticos eu inocente meu vizinho me pegou no flagra transandoconto - bundinha durinha , cuzinhoapertadocontos/meu primeiro broche e fodacontos gay novinha chupando mendigo na barraca na ruabumbuns empinados grande com rolas animis tracandocontos meu primo gordinho foi dormir comigo e comi o cuzinho deleContos sogra mulher e cunhadas peladinhas na piscinameu viadinho querido gostoso novinho doze anos contos eroticoscontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentecontos eroticos o cuzao da mamaecontos eróticos ela levou ferrocontos eroticos levei rola com meu marido en casacontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crenteConto eroticos ex namorada safadaconto erotico meu filho meu machoconto eroticos minha irma de vestido rosasarrou a bucetinha no meu ombro no onibuscontos tio no carrocontos eróticos dupla penetração anal em travestis zoofiliacontos eroticos arrombando a gorda  Marilia e Juliana estavam mais uma vez fr ente a frente para uma dolorosa batalha. Ambas traziam nos corpos as marcas feitas pela outra em combates violentos e sangrentos. Marilia vestia tão somente uma minúscula tanga branca fio dental. Juliana uma  contos eroticos flagrei minha mae fudendo com travestiminha mulher dormindo nua,vi o rombo no cu dela