Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

MEU PRIMEIRO SWING

Bom dia pessoas, leitores de contos eráticos, vou me apresentar, tenho 56 anos, 1,68 de altura, 82 kg, digamos de passagem bem distribuídos, não sou sarado, mas dá para o gasto, minha esposa tem 1,60 de altura, seios fartos e durinhos, com os bicos bem gostoso de chupar, ela está um pouco cheinha, mas é muito gostosa, uma bundinha gostosa de comer, um cuzinho bem apertado, uma xoxotinha bem molhada, que quando o pau entra escorrega gostoso, sentindo as paredes da bucetinha pegando a cabeça do pau, o que dá uma tremendo excitação.rnMas vamos o que interessa nossas experiências sexuais sempre foram muito loucas, já experimentamos de tudo entre quatro paredes, menos sadomasoquismo, do resto já foi de tudo, estávamos procurando algo diferente para apimentar mais ainda nosso relacionamento sexual, por isso entramos na net para ver se achava algo diferente, e nessa pesquisa achamos uma casa de swing, lemos o que a casa oferecia, lemos alguns relatos de frequentadores, vimos algumas fotos postadas, o que deu uma excitação muito grande, dai já partimos para uma deliciosa foda, fantasiando outro casal com a gente, temos alguns brinquedos, o que usamos para apimentar nossa fantasia, fizemos dupla penetração, com meu pau e outro consolo, uma hora no cuzinho, outra hora na xoxota, ela gosava, muito de escorrer pelas pernas seu goso. E nos pensando como seria bom ter outra xoxota para chupar e outro pau verdadeiro para entrar todinho nela.rnDepois dessa foda gostosa partimos para a ação, mandamos um e-mail para a casa a fim de podermos nos cadastrar, sá assim conseguiríamos entrar, pois a casa é muito exigente com isso, sá entra casal, para não haver certos problemas, sendo feito o cadastro esperamos a resposta, mas até chegar essa resposta ficamos ansiosos, estávamos muito a fim de participar desse grupo de pessoas que tem um pensamento mais aberto que gosta de sexo sem frescuras e preconceitos, chegou o dia de irmos para nossa festinha, na sexta feira, dia 310912, sendo que ela foi a uma depiladora e deixou sua xoxotinha toda peladinha, o que gosto muito, fica uma delicia para chupar, eu também por sua vez fiz uma depilação em todo meu pau, não deixando nenhum pelinho.rnChegando a hora partimos para a festa, chegando à casa de swing encontramos vários casais, muitos deles bem bonitos, tanto as mulheres como os homens, bem arrumados e cheirosos. Sentamos em uma mesa, pedimos um drink, e começamos a observar as pessoas, muitas já estavam na maior sacanagem, uns se beijando muito, outros chupando os peitos, outras chupando o pau dos maridos, outros chupando xoxotas, uma orgia completa. Nisso sinta minha esposa com a mão em cima de meu pau, que a essa altura estava duríssimo, ela o tira para fora da calça, eu estava sem cueca e ela sem calcinha e sutiã, para ficar mais fácil para se bolinar, começa uma punhetinha bem gostosa, que sá ela sabe fazer no meu pau, nessa já coloco para fora seus peitos e começo a mamar muito gostoso, ela por sua fez começa a gemer e suspirar, ai não deu outra ela abaixou e colocou minha rola todinha na boca, como ela chupa gostoso, ficando assim mais ou menos uns 19 minutos, não me fiz de rogado, abaixei e levantei sua sai e comecei a chupar aquela xoxota, colocava o língua dentro da buceta dela, chupava seu grelhinho, e ela suspirava muito e gemia também, nisso chega um casal e pede para sentar a nossa mesa, nos recompomos e começamos a bater um papo com esse casal, ela uma loira alta, mais ou menos 1,73 de altura um corpo bonito, e seus seios também fartos, como o da minha esposa, o marido também alto, um corpo um tanto quanto fora de forma, mas bem arrumados e cheirosos.rnA conversa ocorreu normalmente, falamos de diversos assuntos até que chegou ao papo que interessava nos perguntaram se já tinhas feito isso tipo de coisa, troca de casais, falamos que não era a nossa primeira vez, ai eles tentaram nos deixar mais relaxados, falando que isso é muito bom, deixa o relacionamento mais solto às pessoas confiam mais nos parceiros, não existe o fantasma da traição e desconfiança, existem mais respeitos entre os casais.rnNesse momento ele se levantou e foi ao bar pegar mais algumas bebidas para nás e ela por sua vez trocou de lugar e sentou-se ao meu lado, quando ele voltou com as bebidas, sentou-se ao lado de minha esposa, e essa por sua vez, começou a colocar a mão em meu pau por cima da calça ainda, fazendo-o ficar durinho novamente, a outra mulher que vamos chamar de Mirela e o marido de João Paulo, o meu Pedro e minha esposa Cristina, nomes fictícios. Nisso Mirela pede para minha esposa tirar meu pau para fora, e ela assim o fez, quando ela viu meu pau ficou alucinada, pois é bem maior do que seu marido, João Paulo, pegou e começou a bater uma punhetinha gostosa, bem devagar, com certo ritmo, fazendo com que ele começasse a babar, minha espessa também pegou no pau do marido dela, ficou um pouco decepcionada, pois como disse o pau dele era um pouco menos que o meu. Ps. Quando saímos de casa ela me confidenciou que queria um pau bem grande, uns 23 cm por 6 cm de diâmetro no mínimo, queria ser alargada, tanto no cuzinho quando na bucetinha, mas como estava com muito tesão deixou prá-la o tamanho, pegou e começou a alisar, punhetar até deixa-lo bem duro, nisso as duas mulheres começaram a chupar nossos paus, Mirela colocava todinho dentro da boca, chegando a engasgar algumas vezes, minha esposa não teve esse problema, chupava o pau de João Paulo muito gostoso também.rnFicamos nessa bulinação durante mais ou menos uma meia hora, de onde veio a proposta de irmos para um quarto, ficarmos mais a vontade, chegando lá Mirela já foi tirando toda a roupa ficando peladinha partindo para cima de minha esposa, que ficou um pouco assustada, pois nunca tinha feito com outra mulher, mas como estava na chupa partiu para se molhar, depois de alguns beijos, Mirela tirou os peitos dela para fora e começou a chupar, minha esposa se rendeu, tirou o vestido, como estava sem nada por baixo, ficou peladinha na mesma hora, ai começamos a ver uma deliciosa foda entre duas mulheres, Mirela chupava minha esposa e vice-versa, até que partiram para um 69 que foi de tirar o folego, nisso olho para o lado e vejo João Paulo sem roupa também, não tive duvidas fiquei pelado também e partimos para a sacanagem, eu chupava Mirela e ele minha esposa, de repente minha esposa cai de boca no meu pau, sendo chupada por ele, ai fizemos um carrossel. Minha esposa me chupava, era chupada por João Paulo, enquanto eu chupava Mirela ela chupava marido. Uma delicia.rnFicamos nessa chupação durante uns 20 minutos, até que João Paulo coloca minha esposa de quatro e começa a comer a bucetinha dela, com estocadas fundas e cadenciadas, minha esposa gemia muito alto e pedia para ele colocar com mais força, Mirela deita de e abre as pernas e pede come-la bem gostoso, devagarinho, queria sentir meu pau entrar nela, rasgando tudo, queria sentir cada centímetro entrando bem gostoso, quando entrou tudo ela começou a fazer movimentos com a buceta que tirava meu pau de dentro e eu colocava de novo, é uma sensação indescritível, ela levantou toda a perna colocando-a no meu ombro, e assim sua xoxotinha ficava toda a minha disposição, ela e minha esposa gosaram muito.rnDescasamos um pouco, um bolinando o outro, nisso minha esposa senta em cima do meu pau, deixando sua bundona para cima, Mirela vem por baixo e começa a chupar o grelhinho dela, o que faz com que ela fique com muito mais tesão, e em algumas vezes meu pau escapava e ela chupava, e colocava de novo na xoxota de minha esposa, nisso João Paulo vendo aquele bundão para cima não teve duvidas chamou Mirela e pediu para ela lamber o cuzinho de minha esposa, deixa-lo bem molhado, que ele iria come-lo bem gostoso, minha esposa achou muito bom, pois seria a primeira vez que teria uma dupla penetração com dois paus de verdade, quando ele atolou tudo no cuzinho dela ela gritava me come seus putos, me arrombem bem gostoso, Mirela olhava aquilo extasiada, e falava eu também quero sentir esses dois paus dentro de mim, enquanto isso minha esposa chupava a xoxota de Mirela que também gritava muito de tesão.rnTrocamos de mulher, mas sá que a Mirela queria que eu comesse seu cuzinho, queria sentir-se arrombada, ela sentou no pau de seu marido e eu comi o cuzinho dela bem gostoso, colocava fundo e ela gritava gemia muito, minha esposa também deixou Mirela chupar a bucetinha dela. Ai todos nás gozamos intensamente, nos despedimos trocamos telefones e a qualquer hora marcamos outras trepadas gostosas.rnMas ainda não fomos embora da casa de swing, partimos para outras trasas que contarei em outro conto.rnObs.: TUDO ISSO FIZEMOS COM PROTEÇÃO, NÃO SE ESQUEÇA DO H.I.V. rn

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


Contos eroticos gay funkeiroconto novinha gravida do tioConto Erotico: o macho se rendeu a minha rolacontos eroticos um negro me arrombandocontos eroticos casal voyeur sem querercontos eroticos que saudade da lingua dela na minha bContos eróticos de comi a mae do meu colrContos eroticos minha esposa e um meninocontos bem quente de casada e sua intida lesbicaa foder a policial na rua contoscomigo a mulher do meu irmão transando sexo prima irmã titicontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crenteconto enteando querendo da para o padrastoxvidio desejo incesto proibidocontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentecontos eróticos muleque pega no flagra muleques tocando punheta no matoContos erótico Encojando minha Irmacontos: safadezas de um velhoComtos mae fodida pelo filho e sobrinhoconto titio me fudendocontos eroticos travesti sendo estrupadagostosas de caixote apertadinhacontos d zoof de ferias na fazenda com meu maridocontos: puto dando ao ar livrecontos gays pedreirosempregada ê chantageada e tem que dar para seu patrao o cabacinhominha mulher enrabada na boatecontos eroticos q bocA e essa desse baianocontos eróticos curiosidade novinhacontos eróticos sadomasoquismo argola enfiada na bucetacontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crenteeu confesso mijowww.punheta de calcinha fio dental contosContos eróticos comendo um garotinho de 08aninhoscontos eróticos estupradaviolada pelo tio contocontos eróticos casais com excontos eroticos esposa na de bronzearcontos eroticos meu cunhado lambuzou a minha cara de porracomi o cu da tia no acampamento na barracacontos comi a sobrinha novinha da minha mulhercontos esfrega buc gozada corninhocontos eroticos corno e amigo mesmcontos eróticos me bater castigoconti gay minha tia me fagrou de calcinhacontoseroticocoroasmeu filho mete o dedo no meu cu e eu gostocontos meu tio pauzudo fodeu minha mulher e filhacontos eroticos sentada no colo do.velhomarido de marleni vendo ela transarminha mae morreu no parto e meu pai mim criou contosconto lesbico tia iniciando a sobrinhaconto erotico da mulher de nome cris que gosta de varios cacetes e fez festa pra comemorar o casamentocontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentegostosa acediou o massagista pornocontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentever travesti dano o cu pra sincaras r chupano pimtoContos eroticos eu paguei pra fuder a minha sobrinha casadaContos comeu o cu virgem day minhamulher zoofilia a chapeuzinho vermelhoContos eróticos malíciaperdendo a virgindade com o meu namoradoporno zoo insesto e dominacao en contos eroticosConto sogra e nora esfregando a buceta na buceta da filha  Marilia e Juliana estavam mais uma vez fr ente a frente para uma dolorosa batalha. Ambas traziam nos corpos as marcas feitas pela outra em combates violentos e sangrentos. Marilia vestia tão somente uma minúscula tanga branca fio dental. Juliana uma  filho delicia contoconto erotico sentei no colo com o carro lotadoconto mulher casada rabuda dei pedreiroContos dei o cuzinho para a travesti fabiola voguela minha mulher e o casetao cavalarmeu viadinho querido gostoso novinho doze anos contos eroticoscontos meu marido descobriu quando cheguei arrombadapornobuceta.com/homens so quer saber de mamar em peitoes das safadasincesto meu sobrinho contos erotico