Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

MINHA PRIMEIRA NOITE EM UMA CASA DE SWING

Era um dia normal para nos dois... fizemos sexo de manha e passamos o dia juntos mas no final da tarde nos desentendemos e ele foi embora, meio bravo comigo. Somos um casal explosivo... mas entre muito amor e brigas, descobri com ele como eh gostoso ser safada. rnrnEle e um homem de 36 anos, que sempre foi carinhoso e amigo. Em uma noitada regada a tequila acabei conhecendo outro lado dele. Sempre me perguntei se ele tinha pegada e nesse dia entre as escadas do hotel, a piscina e os nossos quartos, descobri que ele tinha. Em uma primeira noite bem quente, ficamos na maior pegacao, quando vi ele sem roupa fiquei cheia de tesao e chupei o pau dele por horas... que ele me lembra ate hoje como aquele boquete foi bom.rnrnFicamos quase um mes sem se ver depois disso e pensei nele todos os dias. Entre a duvida sobre nos dois e o tesao que estava sentindo por ele, passei dias e dias refletindo e me masturbando com gemidos altos pensando naquele homem tao gostoso.rnrnQuando nos encontramos novamente, entre pezinhos safados embaixo da mesa do bar e algumas ligações depois, fizemos sexo pela primeira vez e nunca mais conseguimos nos separar. Aos poucos descobri um parceiro ideal para a minha mente safada, e pra colocar em pratica muitos dos meus desejos que nunca tive coragem ou companhia para fazer. rnrnNa primeira vez que viajamos ele me pediu pra sair sem calcinha. Fomos a uma serie de baladas e passamos a noite se esfregando, eu toda molhada. Fui pela primeira vez acompanhada a um sex shop com ele e apesar da tentativa meio frustrada de comprar algo para nos divertirmos, quando voltamos para casa, paguei um boquete delicioso para ele no carro... morro de tesao de ver o pau dele duro e ele tentando se concentrar para dirigir, todo entregue enquanto eu chupo ele.rnrnSempre tive tesao em pensar em fazer sexo em publico, ir em uma casa de swing e ate mesmo em fazer sexo a três. Nunca tive coragem ou alguém tao parceiro e que fosse safado o suficiente para fazermos essas coisas juntos. E acho que também nunca senti tesao o suficiente por alguém para ir em frente com essas safadezas. rnrnMas ele me deixa molhada so de pensar nas mãos dele me pegando, me agarrando, quando ele tira a camisa morro de tesao por ele e toda vez que ele esta por perto, quero tirar a roupa dele e ver aquele pau gostoso, duro e pronto para me comer. E ele me come muito bem. Sou da teoria que quanto mais sexo você faz, mais você quer. E agora tenho certeza. As vezes, depois de uma noitada de sexo fantástico, ele vai embora de manha cedo para ir na academia e eu me masturbo, toda molhada so de pensar nos orgasmos da noite anterior e naquele pau duro dentro de mim. rnrnComo ele também e assim, cheio de vontade, formamos uma boa dupla e entre maratonas de sexo, almoços executivos (por sinal, tive um dos melhores orgasmos da minha vida em um desses almoços com ele) e muito tempo juntos, sempre falamos sobre nossas vontades, putarias que queremos fazer e outras coisas. E em uma dessas conversas comecamos a falar de ir em uma casa de swing. Meio que para conhecer e ver como seria, nada muito serio sobre trocarmos de casal. rnrnApesar do sexo quente com ele, nunca fui tao safada assim, sempre instiguei os caras que estavam comigo, mas mais porque sabia que eles nao iam pra frente com aquelas ideias. Mas com ele e diferente, e qualquer desejo pode virar realidade em um piscar de olhos. E foi assim que comecamos aquela noite. Minha primeira vez em uma balada liberal. rnrnEstava em casa e ele chegou... estávamos em um clima meio tenso ainda da discussão e os dois tentando amenizar a situação. Ele estava chateado porque nao sabíamos o que fazer aquele dia, eu nao sabia exatamente o que ele queria fazer e decidi que poderíamos tomar um drinque enquanto isso. Fomos nos acalmando e quando ja tínhamos bebido mais de uma garrafa de prosecco, surgiu o assunto da baladinha. Decidi ir em frente com a ideia. Coloquei um vestido soltinho, mas curto, salto alto e resolvi ir sem calcinha... nao sabia como funcionava o lugar, mas andar de vestido sem calcinha me deixa com tesao, como se pudesse dar para ele em qualquer lugar.rnrnAcabamos a segunda garrafa, chamamos um taxi e fomos. Ele pediu pro taxi parar um pouco para baixo da balada. Adoro esse jeito dele safado mas aind cheio de pudores. Quando entramos no lugar, fiquei impressionada. Era uma baladinha normal. Mas so de estar em uma casa de swing, mesmo que ?leve?, eu ja estava cheia de tesao. Sentamos em uma mesa nos camarotezinhos em volta da pista e tomamos mais um drink. Eu ja estava com a mao no pau dele. Adoro colocar a mao nele quando estamos em algum lugar publico. E adoro ver que ele sempre deixa e fica de pau duro. rnrnTomamos mais alguns drinques e ficamos olhando as pessoas e se beijando... tinha um showzinho de strip bem leve no palco, Garotas com vestidos bem curtos e a balada estava legal... uma musiquinha boa e o lugar era interessante. Mas eu queria saber onde era a putaria. Fomos dar uma volta e vi uma escada. Me empolguei e subimos. NAo tinha niguem... Era um espaço enorme e dava apra ver a pista toda la de cima. Achei que estava muito cedo e ninguém tinha se animado para subir la ainda, mas imaginei que aquele era o lugar da pegacao. rnrnAproveitei que estávamos so nos dois, mas que as pessoas podiam ver a gente de alguma forma e abaixei a calca dele para chupar seu pau. Eu adoro o pau dele. E uma delicia, gostoso duro e so de pensar em coloca-lo na boca fico com tesao. Ele encostou em um banco eu comecei a chupa-lo com vontade. Aquele clima de estar em um lugar aberto, a ideia da putaria, e aquele pau grande e duro na minha boca, tudo me deixava molhada. Ouvi alguém falando algo mas continuei chupando o pau dele. Ate que percebi ele me tirando dali e olhando para alguém. Era um segurança. Estavamos em um lugar proibido. Era o camarote do dono da balada. Chupei mais um pouco o pau dele e tivemos que descer. Me deu ainda mais tesao. Fizemos algo proibido em uma balada liberal. rnrnResolvi perguntar para um outro segurança onde era que rolava a putaria... e ele me apontou uma cortina no fundo da balada. Fomos direto para la. Voce entra e eh um corredor cheio de salas de cada lado, de tamanhos diferentes, iluminação baixa... algumas pessoas se pegando. Nada muito agressivo, mas dava tesao de ver e pensar nas possibilidades. No final do corredor um espaço mais amplo, algumas camas redondas e dois quartos de vidro com casais fazendo sexo exibicionista dentro... nao faz meu estilo mas foi interessante ver aqueles casais ali, totalmente sem roupa fazendo sexo selvagem para os outros verem.rnrnTodo mundo tem um fetiche. E todo casal devia ter coragem de por em pratica. A noite estava uma delicia e fomos entrando em algumas salas. Chupei ainda mais o pau dele e ele colocava a mao por baixo do meu vestido, so pra sentir que eu esta completamente molhada. Depois de algumas voltas paramos em uma das salas e eu precisava dar para ele. Sentir aquele pau gostoso dentro de mim. Ele ja tinha me pegado de costas em uma parede, mas nessa ultima sala, sentei ele na bancada e sentei por cima dele. rnrnEsqueci o resto das pessoas e do ambiente. Sentar no pau dele era tudo o que eu queria naquela hora. Enquanto estávamos ali, e eu ja tinha gozado umas duas vezes naquela noite, e ja estava práxima de gozar de novo, senti uma mao na minha cintura. Quando olhei, era uma outra garota, sentada em cima de um cara, mas de costas para ele. Me deu um frio na barriga mas ja estávamos ali mesmo e eu sempre quis beijar uma outra mulher. Coloquei a mao na cintura dela também, que ja estava com a blusinha toda solta meio caída e fui subindo... os peitos dela eram uma delicia... fui passando a mao neles e o meu tesao foi aumentando ainda mais. Resolvi beija-la na boca. Pareceram horas e eu gozei intensamente no meu namorado... o beijo dela era uma delicia... aqueles beijos calmos que vao te dando mais tesao e quando vi, estava chupando os peitos dela... eram grandes e duros, gostosos de pegar e de chupar. Ela tentou tirar meu vestido, me chupou um pouco e quando vi a sala estava lotada, todos nos olhando e chegando mais perto. Uma garota se ajoelhou na frente dela para chupar sua buceta e nessa loucura toda, tanto tesao, meu namorado gozou com forca dentro de mim e eu também.rnrnResolvemos sair da sala. A experiência tinha sido fantástica. Dancamos mais um pouco e ficamos por ali por mais algum tempo esperando baixar a adrenalina. Voltamos para casa. Eu estava acabada e ele também. O dia seguinte era domingo e poderíamos descansar. Mas quando acordamos, ainda estávamos cheios de tesao daquela noite diferente e divertida e fizemos sexo o dia todo, entre conversas sobre tudo aquilo e planos de putaria pro futuro. Estamos sempre planejando a práxima putaria, ainda nao sei o que sera. Queria dar para ele em uma balada normal, meio escondido, meio em publico. Ele quer fazer sexo a três. Ainda nao sei... mas com certeza faremos um dia. Adoro ver ele cheio de tesao e saber que além do amor da minha vida, encontrei um cara safado e divertido para curtir esses momentos. rn

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


conto erotíco fui sedusida nova e gosteicontos eróticos ailhadasconto de arrebentando o meu cu com a pica grandecontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crenteconto sem calcinha a troco de docecache:FPfKk_mm7mAJ:okinawa-ufa.ru/conto-categoria-mais-lidos_9_9_zoofilia.html conto erotico minha sobrinha de toalha enrolada no meu colocontos estupradamulher botando a x*** para o cachorro lamberconto erótico evangélico  Marilia e Juliana estavam mais uma vez fr ente a frente para uma dolorosa batalha. Ambas traziam nos corpos as marcas feitas pela outra em combates violentos e sangrentos. Marilia vestia tão somente uma minúscula tanga branca fio dental. Juliana uma  contos eroticos de incesto veridicoconto erotico com velho caralhudoComendo a mulher do amigo contosconto cutuquei pai na bundia delacontos eróticos sobre irmã bucetudacontos/piroca grossa/dp/Conto surpreendi meu maridocontos eróticos caminhoneiro seduziuVidios porno meu irmao cravo tudo eminConto de gang bang no posto de gasolinabrinquei com a afilhada contocontos fui chupa a bucetinha da minha amiguinha na infancia ele mijou em minha bocacdzinha passiva. viciada em sexo contomoreninha linda gostosa quatorze anos dandocontos eroticoscontos eroticos casadas traindo e tranzand cm 2homensconto erótico gay acordando com carinhosocontos eroticos com fotos de mulheres casadas que foi violentada por bem dotadospau etrano de maujeito nu cu porno com muitadorcarla dando a buceta ora o seu filho de 18Histórias eróticas verídicas tesão entre mâe e filha menina incestocontos eróticos prima gordinhacontos eróticos leite incestocontos gays meu pai gozou na minha bocacontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crenteÇonto casada dado iii rabocomendo 5 casadas na festa de confraternizacai casa dos contosContos eróticos minha mulher apanhandoconto erotico minha namorada e meu tioPuta merda!!!para!(conto teen gay)Novinha e chantageada.contoscontos erotucos comi umad meninas que morava na fazendacontos de dei o cu para um jumento Negrãomulheres gosadasnacamaconto erotico meu chefe me comeu meu marido consentiufamily sex 2 - contos eroticosa massagista negao contoscontos dos podolatrasanal com negao contosContos eróticos bizarrosChaves enfia o dedo no cu da chikinhacontos sobre velhos taradoscontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentecu furico bunda peito pênis contos eroiticoscontos er gozando na boquinhacontos mulher fode com vizinha e com a filha delanovinha falou que ia pozcontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crenteconto minha tia de calcinha andandoPorno contos familhas incestuosas grandes diasde grandes orgias vale tudo com todosafeminados de praia grande contatosconto erotico de bucetas folozadacontos eroticos arrombando a gordaContos visitou o culhado na cadeiafrutapornovelhamae fode com filho contos eroticoscontos eroticos xongando.e batendo.na putaconto erótico ajudando a irmã na faltaah e. mist traSado no chuveirocontos felipe comeu minha mulhrercontos eroticos adoro sentir o gosto do amante dela