Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

TRANSEI PELA PRIMEIRA VEZ COM UM TRAVESTI

Durante um tempo em que eu fiquei desempregado, arrumei uns bicos com um amigo meu fazendo manutenção em micros, instalando periféricos, formatando, instalando softwares, essas coisas. Num dia desses eu fui atender a um chamado domiciliar. A mulher que ligou se chamava Amanda e solicitou uma visita. Como meu amigo não estava, lá fui eu atender o chamado. Ela me passou mais ou menos as coordenadas do que havia acontecido e eu peguei alguns CD´s e ferramentas e fui. Era um sobrado muito bonito, muros altos cobertos por trepadeiras, grama na frente. O portão era todo fechado e não deixava ver lá dentro. Toquei o interfone e esperei.

“ – Quem é?”, uma voz feminina atendeu.

“ – É o técnico. Vim ver o computador.”

“ – Sá um momentinho.”

O portão abriu e eu entrei. Na porta da sala apareceu uma loira de quase dois metros de altura. Parecia uma modelo. Cabelos compridos até um pouco abaixo dos ombros, olhos verdes, bunda arrebitada, seios fartos. Realmente muito bonita. Ela estava usando um vestido de peça única que vinha até o meio das coxas, sem mangas e com um decote que deixa eu ver aqueles lindos seios.

“ – Pode vir por aqui.”

Entrei na casa e ela me levou até o andar de cima. O computador ficava numa sala grande com vários livros. Um tipo de biblioteca. Sentei na mesa e comecei o trabalho. Em quinze minutos já havia resolvido o problema. Sabe como é, o problema estava na peça que senta em frente ao monitor.

“ – Já acabei.”

“ – Nossa. Tão rápido assim. Achei que fosse demorar.”

“ – O problema era bem simples.”

“ – Além de bonito você também é rápido é?”

Com uma pergunta dessas, mesmo que tenha saído sem querer, eu tinha que soltar uma boa.

“ – Sou rápido sá quando é necessário. Geralmente prefiro ir mais devagar para poder curtir um pouco.”

“ – É mesmo?”

Ela se aproximou de mim e começou a passar a mão no meu peito.

“ – Que ferramenta você usa quando precisa ir mais devagar?”

“ – Esta aqui.”

Peguei a mão esquerda dela e pus sobre a minha calça. Ela abriu meu zíper e tirou meu cacete pra fora.

“ – Como ela é grande. Deixa eu testar pra ver se funciona.”

A Amanda se abaixou e começou a me chupar bem gostoso. Ela já tava me deixando louco. Depois de alguns minutos ela se levantou e fomos até uma outra sala onde tinha um sofá. Eu sentei e ela tirou minha calça e continuou a me chupar.

“ – Deixa eu ver essa gostosura que você tem aí debaixo deste vestido.”

Ela se levantou e virou de costas. Foi tirando o vestido me deixando admirar seu rabo. Ele se aproximou e começou a se esfregar no meu cacete. Puxei ela pra cima de mim e comecei a esfregar os seus seios. Quando coloquei minha mão dentro da calcinha tive uma surpresa. Ela era um travesti!

Cara bem que eu tinha desconfiado da voz. Mas também não tinha como desconfiar e agora que tinha começado iria até o fim.

“ – Gostou da surpresa?”

“ – Me surpreendi sim. Nunca tinha transado com um travesti antes.”

“ – Então aproveita bem.”

Ela se levantou, tirou a calcinha e voltou a me chupar.

“ – Já chupou um antes?”, ela perguntou.

“ – Não.”

“ – Experimenta o meu então.”

Ela se levantou e aproximou seu cacete de mim. Nunca tinha feito isso antes mas, como estava acostumado a ser chupado, sabia como deveria ser chupado. Coloquei o cacete da boneca na boca e chupei-o bem gostoso.

“ – Nossa. Como você chupa gostoso. Deixa eu te chupar também.”

Deitamos de lado no sofá e ficamos um chupando o outro. Depois de um tempo ela se levantou e eu sentei novamente no sofá. Ela veio de costas e eu enterrei meu cacete no rabo dela.

“ – AI, que gostoso. Mete em mim, vai.”

Meti gostoso nela. Mudamos de posição e ela ficou de quatro. Fodi ela por uma hora e depois gozei tudo na boca e nos seios dela.

“ – Não precisa pagar pelo serviço. Já está bem paga. Quando precisar novamente, pode me chamar.”

“ – Acho que esse computador vai começar a dar pau toda semana.”

Essa foi a primeira vez transei com um travesti. O micro da Amanda deu pau outras vezes e numa delas conheci uma outra boneca amiga dela, a Paloma, morena clara, uma delícia.



Caso alguma boneca bem feminina de campinas queira se corresponder comigo, meu e-mail é: j[email protected]

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


encoxador no tremSo video de 5 minutos porno buceta e rolas de 16centimetroEsposa puta pagou a conta contoscurtos relatos eróticos de estupro forticontos erotico eu meu filho no sofa e ele comeu minha bundaCantos erótico minha irmã grito quando estava cumendo elacontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentesobrinho dopa sua tia historia eroticaconto erotico comendo minha vizinha carminha contos exoticos no.cinemacontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentecoletania foto engatada caocontos eroticos arrombando a gordaCU arrombado ABERTO madrasta contocu arrombado da minha esposa depois da noitadaConto erótico namorada mestiçacontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentecontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crenteconto sexual com cadela zoofiliaIncesto com meu irmao casado eu confessometendoo con vpontadi pornocontos eroticos arrombando a gordaconto zoofilia na casa da vovócontos eroticos zoofilia cadelaConto de putaria com todos os machos da favelanao contar para ninguem da familia. Quando eu achei que o papo ia terminar ali, ela me fez a pergunta que levou a tudo: perguntou porque eu tinha tanta coisa sobre lésbicas incestuosas no pc? Quando ela me perguntou isso, confesso que pensei em desconversar, mas aí pensei também que ela não faria essa pergunta à toa. Aí comecei a falar que aquilo me excitava muito, que gostava de ler sobre aquilo. Sem brincadeira, acho que a gente deve ter ficado uns 10 segundos em silencio ali na cama, depois que eu falei isso. Uma olhando para a outra. Aí, ainda bem, ela tomou a iniciativa, colocou a mão na minha perna e perguntou: Você pensa em mim?  www.conto mimha mae min torturou com vibradores na bucetacuzinho de entiada contos veridicoxvedio nerga da cu pertaconto erotico incesto sonifero filhacontos eroticos gay meu vizinho de dezenove anos me comeu quando eu tinha dez anosconto erotico trepei com meu primo engravideieu minha esposa demos carona o cara era um pintudocontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentecomeram meu cuzinho conto gaycontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crenteconto erotico incesto sonifero filhacontos zoofilia namorada e a prima dela dando o cu pro cãocontos eroticos flagrei minha mae fudendo com travestiConto erotico bunda a enteada mas velha.contoseroticos fiz chantagem com minha chefecache:K5a2T1gNGzgJ:https://okinawa-ufa.ru/home.php?pag=497 contos eroticos incesto fis minha nora chupar na maraa primeira vez que transei com dois homenscontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crenteconto erotico sobrinha inocenteno acampamento enquanto eu dormia contos eróticosconto de mulher de sc fodendo com cachorrocontos zoofilia namorada e a prima dela dando o cu pro cãocontos eroticos arrombando a gordameu cao taradodei carona pra vizinha casada vadias reaisincerto mae com punheta contocontos ,minha noiva nao deu mas chupou ate gozarcontos eróticos fragei meu tio comendo minha tiahistoria porno de meninas com seu irmao tarado nocampconto ante de comer minha boceta papai lambeu ate meu cumulher escanxa no cachorro e goza gostosocontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crenteContos eroticos minha esposa foi molhada e revelou seu peitos no churrasco de casaContos eroticos minha amiga me contounovos contos eróticos entre namorados dpContoseroticosdesolteirascontos eroticos comendo minha sogra na cozinhaele me seduzio e quebrou meu cabaço historeas reaisvídeos pornô Santa Rita taxistacontos pornô de incesto a mamãe gritou igual uma puta quando enfiei o meu pauzao na sua bucetinha cabeludacontos mulher coloca silicone no peito e na bunda para ficar gostosacoroas ensaboando cacete do jovencontos submissa crentemulher sentada e retando calcinha para homen ver sua bucetaviciei em chupar contosmega rolas mega bucetas mega gozadas profundascontos,meu padastro disse vou enrrabar sua filha negrinhacontos eróticos de Paula de Floripa Santa Catarina