Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

DEU O CÚ PARA 3 E FOI DISPUTADA NO CARTEADO

Olá, vou contar uma histária a paulistinha, minha amiga de São Paulo que convidei para passar uma semana comigo no Rio. Eu vou me identificar como Front, e minha amiga como paulistinha mesmo, essa combina muito comigo, a gente pensa em sexo o dia todo e vive com tesão!rnAo chegar ao Rio eu a recebi no aeroporto e levei para o meu apartamento em um bairro da zona oeste do Rio chamado Barra da Tijuca, ela gostou bastante do trajeto e do local por ser fácil acesso a tudo, shoppings, boates, praias... ela sabia que iria curtir bastante, mas mal poderia imaginar a surpresinha que eu já havia preparado. rn Antes de busca-la no aeroporto, eu havia convidado meu primo, que é segurança em uma casa de show na zona sul do Rio, vou chama-lo de San, e mais 1 amigo que trabalham comigo na marinha para tomar um whisky lá em meu apartamento, jogar conversa fora, vou chama-lo de Tiggo, (os nomes são fictícios e referente a carros, Frontier, Sandero e Tiggo) e avisei sobre a paulistinha que estava prestes a chegar, falei que queria fazer uma surpresinha para ela e contava com eles que são meus Brothers.rn Ao chegar no apartamento eu avisei que tinha alguns amigos em casa que chegaram de surpresa, que são tranquilos, parceiros e que ela iria conhece-los, falei para ela ficar a vontade e que o pessoal é bastante animado e divertido. Assim que entramos no apartamento, a galera estava lá jogando baralho e degustando um johnny walker 19 anos, o pessoal já estava no ?brilho?, dando risadas, zoando uns os outros... e então apresentei ela a cada um deles e mostrei para ela a minha suíte, onde ela iria ficar comigo aquela semana, falei que ela poderia guardar as coisas dela e tomar um banho, ficando a vontade, disse que meus amigos logo iriam embora e depois a gente iria sair para jantar.rn Enquanto a paulistinha estava guardando suas roupas e tomando seu banho eu estava com meus amigos na sala jogando o baralho, bebendo e já planejando com eles de todo mundo pegar ela, pra gente fazer uma festinha, quando ela saiu do banho ela estava muito cheirosa, a safada sabia que estava cheio de homem ali e mesmo assim colocou uma blusinha branca bem solta, sem sutiã que valorizava seus seios fartos e uma saia curtinha, a safada estava gostosa.rn A paulistinha já estava enturmada com geral, bebendo com a gente, zoando, e o pessoal cheio de maldade para cima dela, então comecei a colocar meu plano em prática, sugeri que a gente jogasse apostando alguma coisa, e olhei para ela pedindo uma sugestão de alguma coisa para gente botar na aposta, e ela respondeu: ?- Ahh, não sei, pode ser qualquer coisa, vai ser divertido, eu não sei jogar mas posso ajudar em qualquer coisa!?. Era tudo que eu queria ouvir, então falei para ela que a gente estava doido de tesão por ela, que ela estava muito gostosa, provocante, e que ela iria ter as boas vindas de um jeito especial, então falei que a gente iria jogar e que ela seria o grande prêmio, a gente preparou ate uma tabela de premiação, o primeiro poderia escolher onde foder ela, seguido do segundo, assim por diante.rn O jogo estava ficando interessante, eu comecei com sorte, já comecei ganhando os primeiros pontos, e ela foi provocando, a cachorra botava os peitos para fora, ficava olhando o jogo com cara de safada, mas a gente não poderia perder a concentração, pois era valioso o prêmio, teve uma hora que ela abriu as pernas e notamos que não tinha calcinha, o Tiggo até deixou cair sua carta na mesa virada, de tão desnorteado que ficou, ela estava provocando e a gente não podia fazer nada pelas regras do jogo, mas ela mal podia imaginar o que esperava ela. rnO jogo não desandou, estava emocionante, ela estava tirando a carta Naipe para gente nas partidas, na ultima rodada estava tão disputado que quando ela tirou o Naipe chegou a passar a carta na bucetinha antes de colocar na mesa e esfregou a carta na cara de cada um para gente já sentir o gostinho, o cheirinho da buceta... e enfim terminamos a partida, depois de algumas rodadas, o placar foi o seguinte: dupla vencedora, 1ª Front e2ª San, seguido de 3ª Tiggo.rn Nás 3 ficamos em volta dela, botamos ela de joelhos na nossa frente, sacamos o pau pra fora e eu falei: ?- Ta vendo minha putinha, trouxe meus amigos e agora você vai ter que dar conta de 4 pirocas bem dura, ficou provocando a gente durante o jogo, deixou minha pica latejando de tesão, e agora vai ter que pagar o premio para gente?. Ela respondeu ao ver as pirocas pulsando na frente dela: ?-Eu adoro pica, quero ser a puta de vocês, o prêmio de vocês, prometo ser bem obediente, se acharam que eu iria correr se deram mal... provoquei, assumo e aguento as consequências!?.rn O meu primo San chegou a soltar: ?-Essa é muito cachorra, é das nossas, vamos estender esse passeio dela para ela levar tanta rola pra pensar duas vezes antes de provocar a gente tirando essa onda toda, vamos botar ela no lugar de cachorra, no lugar de puta!?rn Eu como ganhei o jogo com mais pontos feitos, comecei escolhendo e disse logo em alto e bom som: ?- O cú dessa puta é meu, ganhei e quero o cú, depois de arrombar ele e abrir passagem para pica de vocês eu libero esse rabo?.rnO San que ficou em segundo disse: ?-Quero a buceta molhada e ensopada, vou chupar e fuder a buceta até ela ficar ardida?.rnO Tiggo pediu a buceta: ?- Quero ver lagrimas saindo dos olhos dela quando ficar com minha pica engasgada na garganta, quero foder a boca da puta!?.rn Tudo resolvido, galera satisfeita, mas antes de tomarmos qualquer atitude a paulistinha abocanhou o pau do Eco, que mal cabia na boca dela, ela meteu a boca com raiva olhando para cara dele com um olhar de desafio, pois o cara ia cuidar de deixar ela com a boca ocupada o tempo todo, putinha mamava com vontade, e ao mesmo tempo punhetava um pau com a mão direita, outro cacete com a mão esquerda, depois começou com um revezamento mamando dois paus ao mesmo tempo, depois trocava chupando as picas que ela estava punhetando, mostrava que gosta de pica e de chupar e também que sabe o que faz.rnA paulistinha chupava o pau babando o cacete todo, engolia e tirava tudo da boca deixando um fio de baba e depois resgatava a baba abocanhando a pica, chupava gemendo alto, olhando para cara de cada um com aquele olhar de vadia, de cachorra safada, ela engolia meu caralho bravamente até o talo, chegava a engasgar de tão fundo que botava a piroca, a cachorra ficou mais de meia hora assim sá chupando pau por pau, a vadia veio mamar meu pau de novo e eu disse logo: ?- Chupa cachorra, chupa esse pau com cara de puta, de vadia, vai mama, babando meu pau todo, olhando para mim...vamos te fazer de puta aqui hoje, vai obedecer e colaborar com tudo sua vadia?. Eu xingava muito ela, de cadela, puta, cachorra, vadia, batia com pau na cara dela, enfiava tudo na boca...rnO San que ganhou a oportunidade de comer a buceta da puta, puxou ela e a colocou de 4, mas não para meter ainda, para chupar a buceta, enquanto ele abocanhava aquela buceta, chupando grelo, cuzinho, enfiando dedo na buceta, metendo a língua... Enquanto isso, ela continuava com a boca ocupada mamando duas pirocas, enfiava as duas na boca demonstrando um esforço enorme em chupar, parecia que ia rasgar a boca dela de tanto que ela abria para chupar, tinha hora que ela olhava para trás vendo sua buceta sendo devorada pela língua do San, foi foda!rnO San já não aguentando disse: ?-Sua puta, se prepara que agora você vai tomar pau na buceta, quero deixar ardida, com a buceta latejando!?. Nessa hora ele não perdeu tempo posicionou a cabeça do pau na buceta e empurrou tudo ate o final sem falar mais nada, socou forte, a paulistinha chegou a dar um grito de tesão, enfiou a madeira toda ate o talo, e começou a bombar, ficou comendo a buceta dela feito um louco, como um cachorro no cio, ficou socando muito naquela buceta, ele até me chamou para compartilhar aquele momento, quando ele sacou a pica da buceta eu já enfiei a minha rola até o útero da vadia. Ficamos muito tempo comendo aquela buceta, revezando na xota da cachorra, na boca e a vadia pedia pica insaciavelmente, pedia para foder a buceta dela, pedia rola na boca para bater na cara dela com o pau, para levar tapas na bunda.rnA paulistinha estava se comportando bem aguentando firme as 3 pirocas na buceta e na boca, até que eu falei: ?-quero comer o cu dessa cachorra? e ela respondeu:?-Vem seu filha da puta, cachorro, vem comer meu cu, fode esse cu vai, arromba meu cu porra!?.rnO San que estava fodendo a buceta foi para baixo dela e ela sentou na pica, ficou com a vara dele atolada na buceta expondo o cu todo para mim, então peguei um lubrificante KY que tinha guardado para comer o cu dela todos os dias na minha casa, passei o KY no cú com o dedo e no meu pau, apontei na portinha do rabo dela e comecei a enfiar, depois que entrou a cabeça do pau fui empurrando tudo ate o saco, falei para ela:?- sua cachorra, sente minha pica entrando no seu cu olha, você com um pau na buceta, um na boca e agora um no cú, quero arrombar seu cu, quero ver o buraco aberto.rnFiquei socando muito no cu dela enquanto ela levava vara na buceta, na boca o Tiggo enfiava ate ela engasgar, chegava sair lagrimas dos olhos da cachorra, ele cuspia na cara dela, dava tapa na cara da puta e fodia a boca como se tivesse metendo no cu dela. Eu enfiava a piroca inteira e tirava tudo do cú, visualizando aquele buraco aberto se fechando e enfiava a pica para violar de novo aquele rabo... rnEstava todo mundo alucinado arrombando a paulistinha, a gente começou a revezar sá no cu dela, fazendo de cachorra mesmo ela de 4 dando o cu para 3, estava foda o tesão, eu falei para o pessoal: ?- vamos encher a cara dessa puta de leite, a boca e tudo mais!?. Na hora a gente botou ela de 4 e o primeiro a gozar foi o Tiggo que estava fudendo a boca dela, gozou tudo na boca da vadia, depois o San gozou nos peitos dela e eu finalizei jogando leite na cara dela, ficamos olhando ela toda gozada de porra e mandamos ela lamber os paus até deixar bem limpinho... depois dessa foda eu liberei os caras e levei ela para jantar, depois conto como foi a semana, os lugares que ela levou pica...rnmsn email [email protected]

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


contos encesto na praia de nudismocache:FPfKk_mm7mAJ:okinawa-ufa.ru/conto-categoria-mais-lidos_9_9_zoofilia.html a loira e o cavalo contocontos eroticos minha mulher piranhacontos narcejaincestos como Virei p*** é obediente dentro de casa numa festacontos eróticos brasileiro primeira vez mãe fazendo dupla penetração com seus filhoscontos erotico dormindosexo grupal flagrante incesto usando calcinha contostroca troca de homens adultos contoscontos eroticos de choronasconto titia e eu no banhovagina que contrai o peniscontos eroticos so no cuzinhos das meninasComtos namorado ve namorada ser fodida pelo irmao delaarregaçado pelo cachorro contoscontos eróticos, esposa safada, puta dos patrõesso masoquismo contos eroticos so com pais safados e filhas escravascontos eroticos gay meu vizinho de dezenove anos me comeu quando eu tinha dez anosa minha cunhada casada e saia justa contos com fotosContos eróticos enteada larissa viajarvídeos de porno mulher gazando espirrando no caralho grande tremorContodeputaEu, minha sogra e meu marido-contos-incestothararam thararam gostoso mãozinha pelo corpoadoro usar as calcinhas da minha esposapinto pequeno apontando para cima punhetaeu trinquei o meu pau na mão dela contos eróticoscontos eróticos caminhoneiro seduziumamando na vara feita bezerrinhaconto erotico de bucetas folozadarelato erotico calcinha fio dental da madrinhacontos eroticos troca casais com gravidezquero tua jeba rasgando meu cucontos eróticos abusada virgem"amor vou dar" amigo colegasem querer vi a rola do meu enteado contosvelha aqueles tempos do capô de fusca bem rapadinhapraia de nudismo contospassei pirulito na bucetazoofilia cachorro engatado no Rio de Janeiro cariocacontos.putinhas do papai.d.oito.anoscontoseroticosfuicornocontos erotico fui fudida no banheiro do posto de gasolina pelo tarado roludocontos erotics maduras tias coroasensabuou o pauzao e enfio na gostosasou casado meu cunhado vem morar com nós acabei transando com ele contos eróticoscontos anal tio totado tirou avircontos eróticos bumbum grande no ônibusvideo de morena clara casada traindo com um bem dotado acima de 22 cmContos eróticos exclusivamente entre mãe e filhocontos de incestos detei de conchinha fiquei de pau duromeu marido pois pinto na boca da nossa filha contosme comeram dormindo no ônibuscontos eroticos minha sogra franciscamaravilha conto heterocontos minha amiga viu minha buçeta e pegou nelaflagas de encesto com zoofolia contoscontos de chorei com a pica grande do meu vizinhocontos mordidinha na bucetacontos de primeira vez com meu cunhadoContos eroticos mamae gulosa mamando no pau de seus cinco filhos bem dotados em orgia no sitioContos eroticos dei minha munher pro negãoporno insesto na hora gue o tamanho do pau me asusteicontos eróticos de gay comi o cu do filho do meu amigofui acordar o sogro pauzudocontos de mulher com cachorrocontos eroticos enteadamorando sozinho com irman gostosa contoConto erotico de tia e sobrinhoContos eroticos de homem que estava batendo punheta no trem na frente de todo mundo semvergonhaNovinha e chantageada.contoscontos eroticos arrombando a gordacontos gozeimulatas do bundao e pitos caido gostosa.contos eroticos pivete semen  Minha vontade era de explodir de tesão quando ela me perguntou isso. Mas me controlei e falei só que sim, que pensava muito nela!! Aí foi meio automático, a gente já estava bem próxima mesmo. Ela se aproximou, eu me aproximei. Não sei bem quem tomou a iniciativa, mas o nosso primeiro beijo rolou ali mesmo. Foi maravilhoso. A lí  Gozando na boca Abrantes dela chuparcontos sentando no colo novelacont erot recem casada um velho me