Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

ENCOXEI DANIELA NA ÁGUA E ALI MESMO COMI.

Este conto que vou narrar aconteceu quando eu tinha 19 anos. Sempre que saía da escola encontrava com os amigos na rua para combinarmos alguma coisa para fazer à tarde. Como estava calor combinamos nadar numa lagoa afastada da cidade. Fui para casa almoçar coloquei um calção e fui encontrar com a turma.rnrnChegando no lugar combinado um dos meus amigos, o Josimar, disse que algumas amigas da irmã dele estavam querendo ir também. Nás concordamos e fomos conversando besteiras de molecada.rnrnQuando chegamos no local já fomos logo entrando na água. As meninas ficaram sentadas olhando e conversando entre elas. Então Osvaldo disse:rnrn- Meninas vocês não vêm não?rnrnCompletou Ivair:rnrn- É mesmo se veio sá para bater papo estão marcando bobeira pois a água está uma delícia!rnrnAs meninas olharam uma para as outras e já foram tirando a roupa. Todas eram muito gostosas mas uma me chamou atenção o nome dela era Daniela. Estava com um shortinho branco e uma blusinha azul clara. Daniela quando tirou o short deixou saltar uma bela bundinha. Os meninos não disfarçavam o desejo.rnrnA irmã do Josimar também não era de se jogar fora, rolava até um papo que ela gostava de chupar pica pois um dos nossos amigos já teve seu pau chupado por ela. Seu nome era Márcia. Ela disse:rnrn- Credo gente parem de olhar para a Daniela parece que nunca viram mulher!rnrnVoltamos a nos concentrar na água para não deixar as meninas sem graça. No todo eram 6 meninos e 4 meninas estas muito gostosas. Mergulhavamos, pulavamos de uma pedra...estava muito divertido. Eu não parava de olhar para a bundinha arrebitada e peitinhos deliciosos da Daniela. Meu pau já estava duro desde que ela entrou na água. Daniela aproximou-se de mim e perguntou:rnrn- D. onde você está é fundo?rnrn- É um pouco. Por que, você quer vir até aqui?rnrn- Tenho medo não sei nadar muito bem!rnrnNessa hora meu pau ficou mais duro ainda. Meu saco já doía de tanta ereção e desejo por aquela garota.rnrn- Me dá sua mão eu te ajudo!rnrnDaniele segurou minha mão e veio devagar ao meu encontro. Os outros continuavam a brincar do outro lado. rnrn- Pode vir Dani não tem perigo!rnrnClaro que minha intenção era levá-la um pouco mais para o fundo e segurá-la com vontade. Daniele vendo que não dava mais pé segurou no meu ombro e ali ficou.rnrn- Tenho medo D. não me solte tá!rnrn- Pode deixar!rnrnNeste lugar acima do tanque tinha muito maracujá no mato a turma então decidiu ir ver se achava alguma coisa. Convidaram eu a Daniele mas a convenci ficar. Quando se foram aproveitei um pouco mais da situação. Voltamos para o raso e fui para trás da Daniele encostando de leve meu cacete na sua bundinha.rnrn- O que você está fazendo D.?rnrn- Relaxa estou sá te segurando!rnrnNão aguentava mais de vontade de comer aquela gostosa. Fui aumentando a pressão do meu pau na sua bundinha. Comecei a perceber que ela começava a gostar da encoxada. Esfregava meu pau com vontade no rabinho dela, a cabeça do cacete já estava atolado na calcinha dela. Dani então exclamou:rnrn- Huuuuummmmm...nossa D. como está duro!rnrnNão disse nada sá encoxava. Não aguentando mais afastei o calcinha dela e encostei meu pau no cuzinho. Daniela então entre gemidos disse:rnrn- Aaaaaaa...huuuuummmm...tudo bem D. Mas vai devagar tá!rnrnDaniela empinava a bundinha para trás enquanto eu mordia de leve sua orelhinha. Preocupada disse:rnrn- E se os outros chegarem?rnrn- Relaxa Dani se chegarem eu te solto e vamos para outro lugar!rnrn- Está bem mas antes de comer meu cú deixa eu chupar seu pau!rnrnDaniela então abaixou-se e começou mamar meu pau. A água estava na altura do seu queixo que visão linda. Ela chupava inteirinho até o saco. Para não perder tempo ela virou-se de novo e encostei meu cacete no cuzinho dela.rnrn- Dani deixa agora comer seu cú ?rnrn- Come, pode comer mas vai devagar tá!rnrnPassava a mão na sua bucetinha e apertava o pau no cuzinho dela. De repente a cabeça foi escorregando para dentro.rnrn- Ai D. vai devagar, aaaa...sssss...rnrnQue delicia de cuzinho apertado meu pau entrava e saia do rabinho dela. Daniele choramingava e gemia baixinho.rnrn- Aaaaiiiii...tá doeeeeendooo...huuuummmmm...sssss...rnrn- Quer que eu pare lindinha!?rnrn- Não pode comer eu aguento, tá gostoso!rnrnQue maravilha de cú. Meu pau estava atolado no cú dela. Adoro comer bunda principalmente de uma safada igual a Daniela. rnrn- Dani vou gozar no seu cú bem gostoso tá?rnrn- Goza, goza logo se não os outros chegam...rnrn- Queria comer sua bucetinha também Dani!rnrn- Quando eles voltarem do mato nás vamos lá também e aí você come. Mas meu cú eu quero dar aqui!rnrnComecei a bombar forte no rabo da Daniela. Não aguentando mais apertei meu pau fundo no cuzinho dela e despejei minha porra.rnrn- AAAAAAAAA...huuuuuummmmm...toma minha porra sua putinhaaaa...rnrn- Isso D. goza no meu cuzinho gooozaaaaa...!rnrnFoi uma gozada deliciosa. Meu pau ainda estava duro dentro do rabinho da Daniela. Alguns minutos depois ouvimos barulhos dos nossos amigos chegando tirei meu pau e Dani ajeitou a calcinha. Continuamos a brincar na água. Josimar veio trazendo alguns maracujás e disse:rnrn- Tem uma porrada lá D. Vai lá pegar também!rnrnE completou Marcia:rnrn- Vai lá também Daniela aproveita e pega minha piranha que esqueci em cima de um tronco de árvore lá!rnrnFomos felizes da vida mas quem iria pegar a piranha era eu mas com o nome de Daniela. Chegando lá comi a bucetinha da Dani dentro de uma moita. Que delicia de buceta. Ela até deixou comer o cú de novo mas como estava dolorido pediu que parasse. rnrnDaniela deu para mim o verão inteiro. Comia o cuzinho e a bucetinha dela toda semana. Depois fiquei sabendo que os outros meninos também comiam, ou seja, Daniela gostava de ir com os meninos na lagoa ou no mato sá para soltar o cú e dar a xoxotinha dela e chupar o pau dos garotos. Mas valeu, foi muito bom.rnrnTenho muitas aventuras sexuais que pretendo narrar neste site Aguardem. rnrnCaso alguma mulher queira trocar experiência me escreva para contato. [email protected]

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


Contos porno dei cu p me sogro por chantagemhome dar cu usano calcianhao homem abre a periquita da mulher e chupa e coloca um botijão dentro da vajinhacontos eroticos da minha tia amadorascontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentecomeu familia toda contos eroticoscontos eroticos dormindocontos eroticos humilhando podollatriabucetinhas perusinhoScu do sobrinho menor contos eróticoscontos fode mesmocontos porno em quadrinhos de casais de amigoscontoseroticos desde pequena adoro dar o cuzinhobianca casada dando a bunda ea buceta contos eroticoschorou na pica/contoestórias eróticas abusivasabusada pelo filho contocontos.putinhas do papai.d.oito.anoscontos gay padrasto cuidou de mimcontos eroticos arrombando a gordaninguém subiu para o meu primo escondido ele gozou na minha bocacontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentemenino pau grande me arrombou o cu contosComtos namorada fodida por varios machoscontos minha cadela virgemcontos porno eu amo caga na picahomem chupa b***** depois coloca rola dentro da b***** e AdeleContos eróticos por acasocontos casada novinha trai marido com cão contos de 2017contos eroticos fudendo a amiga da minha mae crenteCdzinhas litoralMulherbrasileira ensinando a filha, meter contosContos de putinhos casadosvídeos pornô muller que esta usando vestido de veludo analcontos eroticos estava fudendo a empregada e meu pai pegoupau na boca da namorada dpcontos eroticos de virgems estrupadas no mato por 2eróticos de casadas com a filha do negão na papudasogra pegou eu no fraga batendo polheta e depois trazamosmulheres batendo punheta po patrao inche aboca de porraconto incesto com a filhinha da/vizinha perguntando tudo terminei fudenocontos eróticos enteadoscontos eroticos vou gozar dentroContos ai no cuzinho naofinalmente o telefone tocou conto erotico cornoWww.xoxotinhanovinha.comcontos gay treinadorque bucetao da neguinha novinha baba di meu filho contosconto sapequei coroa crentecontos fodi menininha por docesconto erotico sentei no colo com o carro lotadocontos eróticos gay dei o cú sem quererNovinho bate papo uol contos eróticos gaysrelatos arrombei a amiga da minha irmaContos eroticos interraciais no escritoroslesbica humilhada contos eróticosconto erotico incesto sonifero filhacontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crenteFamília contos eróticosmeu irmão me viciou em chupar pau conto gayContos sobre beijos e podolatriacontos gay descobri a mulherzinha que havia em mimCasada narra conto dando o cucontos eróticos de amigos com mts mamadascontos eroticos arrombando a gordacontos minha esposa ainda resisteporno contos eroticos fui enrabada pelo meu irmaocontos erotucos comi umad meninas que morava na fazendacontos eroticos casado medico gordinhoContos reais de sodomiaesposa gemendo tentando escappar da geba no cu