Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

PAI E FILHA

Bom, é o primeiro conto que escrevo, por isso peço desculpas, não sei se vai ficar bom. Tudo aconteceu faz 1 ano. Vamos às apresentações. Me chamo Andressa, tenho 22 anos (em relação ao corpo, faço um estilo mulherão, seios fartos, coxas grossas e um bumbum bastante avantajado que chama atenção por onde passa). Minha familia do interior de Minas Gerais sempre foi muito tradicional, e por isso o tema incesto nunca fez parte da minha vida. Meu pai se chama Elmer, um homem maduro,com seus 51 anos, cabelo grisalho e um corpo normal,sem grandes exageros. Muito rigido em tudo que fazia, por isso nunca tivemos certas liberdades em casa, como vejo em muitos dos contos aqui. Minha mae Andreia, muito bonita, morena assim como eu, apesar dos seus 47 anos chamava atençao por onde passava. Tinham um casamento aparentemente feliz e realizado, pois nunca tinha sequer presenciado alguma discussao entre eles. Meu irmao, Felipe de 29 anos, musculoso, olhos verdes e um corpo de fazer qualquer mulher ficar louca de desejo.rn Mas entao... Passadas as apresentaçoes vamos aos fatos. Tudo aconteceu num domingo que minha mae precisou viajar pra visitar uma tia que havia sofrido um acidente, como meu pai nao poderia ir, pois tinha um compromisso no sabado, meu irmao a levou. Foram a Sexta a noite e voltariam segunda de manha. Tudo ocorreu normalmente, meu pai mantendo a distancia que sempre mantinha. Passou o fim de semana todo, no quarto e quase não nos falamos. Para minha sorte rs, bem na hora do jogo a TV estraga e meu querido paizinho, acho que ficou com dá porque eu queria muito ver o classico, cruzeiro e atletico, entao ele me chamou pra assistir com ele em seu quarto. Naquele momento, mesmo sem entender muito bem o porque, eu tinha ficado excitada com a situaçao. Gelei quando meu pai me pediu desculpas por estar so de cueca, e por isso havia se cobrido com um lençol. Quando eu disse que estava calor e ele poderia tirar se quisesse, ele apenas riu, mas não tirou. Como me deitei bem a vontade na cama, ficando com as pernas levementes erguidas, meu pai via praticamente minhas coxas totalmente descobertas, estava com uma sainha bem curta e perbebia que ele não tirava os olhos da minha perna. Sem perceber, eu fui fazendo akele jogo de seduçao com ele,e estava adorando, cada vez mais excitada, e percebia que ele tambem gostava. Foi ai que resolvi ser mais ousada, logo que o jogo terminou, eu puxei o lençol pra cima de mim com a desculpa que tinha esfriado de repente. Quando enscostei minha perna na dele,fiquei louca de tesão e decidi que queria que ele me comesse bem ali.Arrumei uma desculpa ridicula, disse que queria trocar de lugar com ele na cama e humm...claro que passei por cima dele, bem devagar, e como já imaginava, senti seu pau que parecia ser bem avantajado, duro como rocha. Enquando passava por cima dele, o olhava com muito tesao e ele me comia com os olhos.rn Logo que me ajeitei do outro lado, ele colocou a mao sobre minha perna, e como não fiz menção de reclamar ele ficou ali, passando de leve a mao sobre minhas coxas se aproximando bem devagar da virilha,quando ele tocou minha calcinha, dei um leve gemido, que serviu como sinal pra ele avançar. Eu não podia acreditar no que estava acontecendo, mas nesse momento o tesão já tinha tomado conta de nás dois. Apenas fechei os olhos e sem dizer uma palavra ele foi acariciando minha bucetinha, que melava, pedindo mais e mais. Ele entao tirou de vez minha calcinha e minha saia e subiu em cima de mim, apenas de cueca. Uiiiii que delicia! Ele me deu o beijo mais gostoso da minha vida, sempre com tanto carinho, sem pressa...apenas curtindo o tesão daquele momento. Tirou minha blusa e caiu de boca nos meus seios. Mamou com vontade, como um bebê faminto, chupou, sugou, mordiscou, fez tudo, me arrancando suspiros. Sá nesse momento, eu quebrei o silencio, quando pedi pra ele me fuder. Pensei que tinha estragado tudo! Por um momento ele parou, me olhou fixamente e depois me deu um beijo delicioso e depois disse apenas ?calma que primeiro quero deixar minha putinha louca de tesão?. Nisso ele caiu de boca na minha bucetinha, chupava com vontade enquanto me fodia com os dedos, metia a lingua fundo e me fazia ir a loucura, rebolando feito uma cadela no cio, na lingua do meu proprio pai. O safado ainda pra me castigar, tira seu pau delicioso pra fora fica pincelando na entrada da minha bucetinha, me fazendo implorar pra ele me fuder. Ele apenas dizia: ?Isso! Implora...implora o pau do seu paizinho, implora pra ele te fuder de jeito vai, safada? As palavras dele me levavam ao delirio e gozeii loucamente sentindo a cabeçona do pau dele na minha entradinha. Depois disso ele disse que queria saber se eu era tao recatada como minha mae, disse isso segurando aquele pau que já tava me deixando louca. Entendi o recado e cai de boca, como se fosse um doce bem gostoso, chupei com vontade, arrancando gemidos, ele louco de tesão me segura a cabeça e literalmente me fode pela boca, forte, goza bem gostoso Hummmm que delicia, que porra gostosa, engoli tudo. Depois disso ele me senta carinhosamente no meu colo e me agradece, me confidencia que há muito tempo não comia minha mãe e que ela não gostava de sexo. Me deu um beijo terno, cheio de amor e disse que me amava. Ficamos ali nos beijando, curtindo o momento. Até que ele me mandou ficar de 4, foi metendo aquele pauzao na minha bucetinha bem apertada. Metia com vontade, me fazia gritar de tesão, ir as nuvens. ?Isso paizinho me fode...me come...com força...vai mais vai..issoo...come a cadela da sua filha come, faz a filhinha gemer de tesao... faz... isso... não para?. Ate que não aguentamos mais, gozamos ao mesmo temo, o sentia inundar minha bucetinha. Dessa foda em diante, minha relação com meu pai mudou completamente. Me tornei, mais que sua filha, mas tambem lhe proporciono deliciosos momentos de prazer. Até o dia que fomos descobertos... Mas isso é historia pra outro conto.rn Espero que tenham gostado, Beijos...rn

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


contos traidoracontos meu marido ajudou amigo dele me comerminha esposa de shortinho na obraconto erotico eu e minha sobrinha amanda safadinha em casacabei comendo a cliente quando ia vender o apto porno brasilcontos eroticos de meninos gay o dia q dei o cuzinho pela primeira vez e virei menina da molecadacontos eroticos segredos de familia parte 4contos eroticos comendo a coroa virgem de saiacontos encesto minha mae dopada meu pai rosando no meu cuContos eroticos de incesto putaria entre familias em gang bang so de homens pauzudos no sitioo tio caçula contos eroticos porno gaycontos picantes desejo de marido e negaohistorias porno reais de chantagem com sograsmeu sobrinho de treze ano conto gayEnage de busetacontos maninha adora meu paucontos erotico dominadaContos eroticos de solteiras rabudascontos eroticos casei com um velhocontos eroticos de pai e filho travesti bundudocontos eróticos de casadas evangelicas vagabundas dando tudo por tesãoContos sexo com pai da amiga e engravideiGozou na minha buceta contos eroticosconto minha estagiáriacontos de rasguei o cuzinho da minha avófotos e imagem de cuzinho irma contosamo cheirar a boceta da minha esposa pela calçaHistórias contos ficticios e reais de sexo com travestisconto erotico trepei com meu primo engravideiconto erotico era pra ser brincadeira e virei cornoContos eróticos gay de menino de menor idade dando o cuzinho pro professor de reforçobunda grandíssima contos gay travesti apostaminha esposa adora segurar o pau do meu sobrinhover contos erótico mãe gordinha concebido gostosa s*****conto negro taradocontos erotico papai vai cabercontos eroticos minha tia tomando banho de solmeladas de margarinas em todo corpoFomos a um churrasco bebemos muito e aí rolou contos eroticoscomo fica a bucetaalargada com garrafa?contos eroticos comendo cu da tia com primo e tioporno mamei tanto o peitinho q inchoumenininha safada contos eroticosmeninas piranhas de calcinha fio dentalcontos eroticos.os velhos meterao gostoso em mimmulher depravadaContos eroticos selvagem com meu amigoler conto erótico f****** a minha tia numa festa fantasiacontos eroticos com caesContos eróticos mãe nãocontos eroticos iniciando os maridospornô grátis cunhada de calcinha fio-dental para vocalcontos eróticos um cavaloContos erotico meu filho acariciou minha xoxotacomendo cunhada asm que minha mulher saifudi as dua sobrinhas de nove e onze anos contocontos ela me punhetoumeu primo e minha amiga contos eróticosfotosesposas de cornos bucetas cheias de porracontos eróticos gay meu meio irmãoconto incesto mae praiaenrabada pelo meu filho especialConto de viciados em travestiscontos eroticos com fotos de mulheres casadas que foi violentada por bem dotadostrveco deicha o cu do mrmanjo escorrendo Leite contos delícia de cacetaomulhe vais boguete em bebudoContos eroticos estupradachupando buceta com gosto como se beijase uma bocacontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crenterelatos eroticos tornado femea