Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

COMI O CU DA BRUNA CASADA E SEU AMIGO COMEU MEU CU

COMI O CU DA BRUNINHA CASADA E SEU AMIGO COMEU MEU CUZINHOrnrnrnComeçarei como sempre, me descrevendo. Sou mineiro, BISSEXUAL não assumido, loiro, alto, branco, pau de 16cm, rosado, grosso e cabeçudo, de onde sai muita porra cremosa. Não tenho nada de super, sou um cara normal, tenho barriguinha saliente, já que estou fora de forma. Porém, compenso tudo na cama, onde faço o que o tesão mandar, sendo bem safadinho e sem pudores. Fico e deixo o parceiro ou parceira louco de tesão. Estou sempre pronto pra arrombar um cuzinho ou uma bucetinha, nos quais meto forte e fundo, mas também com muito carinho, fazendo a putinha ou putinho gemerem, gritarem e gozarem bem gostoso. Meu rabo branco é muito volumoso, bem desenhado e afeminado, já que não tenho pêlos na bunda, que é bastante firme e com certeza o macho vai encher a mão com minha bunda gostosa e gulosa. Terei muito prazer em rebolar na cara do safado que quiser chupar meu cuzinho que é pequeno e apertado, visto que tenho estreitamento do esfíncter e portanto, apesar de meu cu já ter sido invadido, ele continua apertadinho, portanto o trate com carinho. Gosto de ser fodido bem de leve, com carinho, quero sentir a pica entrar e sair bem gostoso do meu cu. Quero sentir os pentelhos do macho roçarem meu rabo branco, sentir a barriga do safado bater contra meu bundão branco. Se me foder assim, vou gritar e gemer feito uma puta, como uma cadelinha no cio, como uma verdadeira vadiazinha, já que vou ser sua puta na cama.Meu cuzinho é muito guloso e anseia por recepcionar línguas ávidas, dedinhos exploradores e pirocas bem limpas, cheirosas, gostosas, com bastante leitinho pra jorrar no fundo do meu cu ou na minha garganta, já que tenho cede de leite-de-pau, o qual recebo entre meus lábios e engulo tudo, deixando o pau limpinho. Minha boca é bem desenhada, tenho lábios carnudos, volumosos e rosados, prontos para engolir cacete e chupar bucetinhas e cuzinhos. Mamo feito um bezerrinho, chupo os ovos, enfio o cacete todo na boca, até engasgar com a cabeça do pau batendo em minha garganta, amo fazer garganta profunda. Deixo o pau todo melado, pronto pra me fazer de fêmea, pronto pra entrar e sair do meu cuzinho, deixando-o arrombado, terei prazer em ser sua puta, sua cachorra vadia. A mesma boca que chupa pica chupa e lambe buceta. Enfio minha língua toda dentro de uma bucetinha, chupo o clitáris com força, até a vadia safada gozar na minha boca. Sorvo todo o gozo da putinha e deixo a xaninha pronta pra receber meu caralho. Também amo lamber cuzinhos e sentir o puto ou puta rebolando em minha cara, se contorcendo de tesão. Gosto de machos que gozam bastante, pois gosto de ficar meladinho de porra, senti-la escorrer por meu rosto. Gosto de sentir a porra encher minha boca e quando gozam no meu cu, gosto de senti-la escorrer pra fora, descendo por minhas pernas. Quero conhecer machos safados que queiram me foder bem gostoso e que me dêem seu leitinho quente em abundância. Quero conhecer fêmeas trepadeiras safadas que amem dar a bucetinha, na qual quero meter muito gostoso até a vadia gozar no meu pau e em minha boca. Quero conhecer casais safados pra foder a esposa ou a esposa e o marido e chupar a buceta da safada apás o maridão ter gozado nela. Quero chupar a bucetinha da esposa enquanto o marido fode meu cu. São várias fantasias a realizar e espero a cooperação dos safados e safadas de plantão. Quem se interessou é sá me adicionar no MSN ou mandar e-mail para [email protected] que terei o maior prazer em responder às mensagens e iniciar contato para, quem sabe, começar uma amizade bem gostosa. Meu pau está de pé e meu cu aberto a proposta de casais, machos e fêmeas safadas para amizade, curtição e prazer, sempre com sigilo, discrição, educação e muita putaria. Beijos do seu putinho - [email protected] Bruna tem aproximadamente 25 anos, linda, loira de cabelos lisos e curtos, até os ombros, pele branca como neve, corpo de violão, pois tem cintura fina, quadris largos, pernas grossas e uma bunda que deixa qualquer um de pau duro. Aquele rabo é uma delícia, grande, duro, balança pra lá e pra cá quando aquela linda mulher anda, tem o cuzinho rosadinho, a bucetinha idem e toda peladinha, macia e cheirosa.rnO Marcos é um mulato de olhos verdes, barrigudinho, mais ou menos 1,70m, barba por fazer, boca carnuda, pênis pequeno, mas delicioso... rsrsrs.rnSábado estava em casa sem nada pra fazer, já estava angustiado, foi então que recebi uma ligação. Atendi e pra minha surpresa era a Bruna. Me disse que tinha acabado de sair do serviço e que gostaria de ir a um pagode e pediu pra acompanhá-la. De pronto meu pau endureceu, claro que aceitei. Combinei de pega-la práximo a sua casa às 16:00 horas. Ela me disse que levaria um amigo e eu perguntei se não geraria problema e ela disse que não. Quando fui buscá-la fiquei com muito tesão. A Bruna usava uma minissaia jeans, salto alto e um top que deixava aquela barriguinha deliciosa de fora, que cintura linda. O decote era enorme, seus seios quase pulavam do top. Ela entrou no carro e já me deu um beijo na boca, e que beijo. Coloquei sua mão sobre meu pau e mostrei como estava duro. Ela apenas disse que mais tarde daria um jeito. Sorri e fomos buscar o seu amigo, Marcos.rnO Marcos já aguardava na esquina práxima a sua casa. Entrou, nos cumprimentou e fomos pra o pagode. A Bruna logo de cara já foi chamando a atenção, também, linda e deliciosa como ela é não seria diferente. Bebemos, dançamos e quando já era quase 20:00 horas resolvemos ir a outro lugar. Aproveitei que o Marcos foi ao banheiro e perguntei se era hora e deixá-lo em casa, porém a Bruna disse que de jeito nenhum, ele ia junto. Me surpreendi com aquilo e ela me confidenciou que o Marcos é cliente antigo da loja onde ela trabalha e que ele é bi, assim como eu e que ela tem um tesão enorme em ver dois homens se fodendo. Olhei pra ela, a chamei de safada e a beijei. Já estávamos meio embriagados, portanto nem pensamos nas consequências de um beijo em público de uma mulher casada e seu amante.rnPagamos a conta e fomos direto e reto pra o motel. No carro fomos nos abrindo, contando coisas da vida, ficando mais íntimos. Desafiei todos a já chegarmos nus ao motel. Tiramos a roupa dentro do carro e fomos pelados. Como o vidro é escuro, não tínhamos muitas preocupações. Quando ficamos nus a Bruna já caiu de boca no meu pau. Que boquete gostoso, melado, com direito a garganta profunda. Enquanto isso ela levava dedadas na buceta, o Marcos socava 3 dedos em sua bucetinha. Quanto mais forte e fundo os dedos entravam na vadia mais ela abocanhava meu pau.rnChegamos ao Motel e fomos para uma suíte. A putaria já começou assim que fechei a porta. A Bruninha se deitou na cama de pernas abertas e eu me posicionei pra chupá-la ficando de quatro com o cu pra cima. Caí de boca em sua buceta e o Marcos caiu de boca em meu cu. Estava morrendo de tesão. A Bruna rebolava em minha cara e eu na do Marcos. Depois trocamos de posição e enquanto o Marcos chupava a Bruna eu chupava seu cuzinho. Aquele cuzinho piscava em minha língua, que delícia. Estava louco de tesão, saquei uma camisinha e coloquei em meu pau, passei gel no cu do Marcos e enfiava dois dedos dentro. No momento que posicionei meu pau na entrada de seu buraquinho marron ele parou de chupar a Bruna e olhou pra trás. Calmamente fui introduzindo meu pau pra dentro do seu furico gostoso e apertado. Agora ele olhava pra Bruna que se deliciava com o rosto de prazer do Marcos. Com meu pau todo dentro eu aguardei e assim que o cu dele relaxou comecei a socar. Ele gemia, me chamava de safado, de puto e gemendo chupava a bucetinha da Bruna. Eu ja estava metendo forte no cu do Marcos que gritava de tesão quando a Bruna começou a tremer e gozar na boca do Marcos. Depois ela ficou mole, nos chamando de cachorros. Tirei o pau do cu do Marcos e parti pra chupar a buceta gozada da Bruninha cachorra casada. Enquanto isso novamente tinha a língua do Marcos no cu. Depois vi ele colocando camisinha, passando gel no meu furico rosado e apás meter dois dedos meteu seu pau. É uma pua pequeno e fino, portanto não provocou muita dor. Ficamos assim um bom tempo. Depois coloquei o Marcos deitado na cama e me sentei sobre seu pau. Enterrei aquela vara toda no meu rabo e comecei a pular feito uma égua. Eu gemia, gritava, pedia pra ele meter, enterrava tudo no meu cu. A Bruna estava sentada em uma cadeira em frente a cama numa siririca frenética. A piroca do Marcos sumia no meu cu. O Marcos disse que não aguentava mais e ia gozar. Saí de sua vara e chamei a Bruna. Nos ajoelhamos no chão e como duas cadelinhas ficamos de boca aberta e o Marcos se masturbando em nossa frente. O filho da puta gozou em nossos rostos e bocas, nos deixando melados de porra. Bruna e eu ainda nos beijamos, passando porra da boca de um para o outro.rnColoquei a Bruna de quatro na cama enquanto o Marcos foi tomar um banho. Disse à Bruna que aquela era a hora de ela perder o cabaço do cuzinho. Ela ficou com medo mas eu a fiz relaxar. Chupei sua buceta enquanto metia do dedo no seu anelzinho, depois passei a lamber seu cuzinho enquanto ela batia uma siririca. Passei gel em seu cu e no meu pau. A coloquei de lado na cama e disse a ela que relaxasse e que à medida que meu pau fosse entrando ela fizesse como se fosse fazer coco. Ela sorriu mas fez como eu disse. Fui metendo o pau e ela gemendo, saindo lágrimas dos olhos, choramingando. Senti suas pregas estourando e meu pau se acomodando naquele reto apertado. Quando ela sentiu que eu encostei minha barriga em sua bunda ela perguntou se já estava tudo dentro. Respondi que sim. Esperei um pouco e lentamente fui comendo seu cu. Ela foi relaxando aos poucos, gemendo dizia que estava doendo mas que eu continuasse. Que cuzinho delicioso. Quando o Marcos voltou ele ficou maravilhado com a cena. Coloquei a Bruninha de 4 e então o Marcos se sentou à sua frente. Eu fodia o cuzinho da Bruna que chupava o pau do Marcos e se siriricava. Que delícia de cu! Meu pau entrava todo naquele buraquinho delicioso e a Bruna gemia com o pau do Marcos na boca. Senti quando o corpo da Bruna começou a tremer e seu cu a contrair. Ela tirou o pau do Marcos da boca e disse que estava gozando, que nunca tinha gozado tão gostoso. Sinceramente ela ficou se contraindo por uns dois minutos. O Marcos vendo aquilo gozou na cara da Bruna. Não me aguentei e enchi seu cu de porra.rnCaímos os três na cama. Depois de descansar um pouco fui ao banheiro me lavar e deixei o Marcos e a Bruna na cama. Não é que quando eu voltei o filho da puta estava socando no cuzinho da Bruna! Tomei uma cerveja esperando eles terminarem, porém o Marcos pediu arrego dizendo que estava cansado e que demoraria muito a gozar. Vendo aquela delícia de mulher de quatro, com o cu e a bucetinha expostos, não me contive e enfiei a rola em sua buceta. Enterrava meu pau fundo, em estocadas fortes e jorrei porra no fundo daquela buceta. Sentindo minha porra em sua buceta a Bruna gozou também. Caímos na cama e ficamos conversando. Ela dizia que foi a melhor foda de sua vida. Realmente foi maravilhoso.rnTomamos algumas cervejas e depois fomos a uma churrascaria comer algo. Deixei os safados em casa e estou aqui, de pau duro, escrevendo esse conto. Bruna, te quero de novo gata. Marcos, vamos combinar algo hein! Rsrs Beijos a essas delícias.rnSe algum casal, mulher ou homem se interessar, é sá fazer contato pelo e-mail [email protected]é mais galera!rn

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


contos eróticos vi minha vizinha dando pro meu cãoConto comi esposa do meu irmao e gozei dentrorapazes peladoes se exercitando na academiamulheres da buceta cabeluda que dar e nao aguentou a rola grosa e pedia para parar videocontos estoricos travedir fode marido e a esposa n salao d depilacaoComtos casadas fodidas pelos empregados do maridocontos eroticos gay mulherzinhacontos eroticos shortinho ppphistoria de contos eroticos com pasteleirocontos eróticos come a irmazinha no ônibus lotadohumberto de pau durogostosa da propaganda da Tininhavideos insesto no cusinho nao engravifaContos erotico eu e minha tia no jogo da garrafaencaixei o cacete do amigo de meu marido q tava ao lado e nem percebeu contosrelatos eroticos de lesbicas minha mulher e outracontos eroticos arrombando a gordacomtos bdsmContos eróticos entre parentescontos eróticos bem depravado de bem picantecontos malicia incestuosacontos de coroa com novinhocontos novinha rabuda deu p paicomigo a mulher do meu irmão transando sexo prima irmã titiContos eroticos teens gay no banho com meu paimulher forçada com homem colocado garrafa na buceta delapadastro vio a enteada de bebidou e pateu uma poeta xvidiocontos de buceta é cúComtos casadas fodidas pelo filho novinho do vizinhocontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crenteMaes gostosas fudendo relatos recentesconto namorada virgem amigospalestra buceta divididaconto minha estagiáriaCasa dos contos eroticos novonhas 10 aninhoscrente velha chantageada contos eróticos contos eroticos comendo a funcionaria novata casada da lojacontos eroticos eu e minha filha pecando carona com meu sogrofode a mulher de dono contocontos eroticos comi a irmazinhaenrabando a boneca contoswww. indiando a rola na gostosa por baixo do vestidominha mulher explorando meu cu contocontos depois de 20 anos fui morar com minha mae e no banho ela vou meu rolaocontos eroticos Lebicas Tirei virgindade da minha irma com um cenouraconto sem calcinha a troco de docemeu primo mobral contocontos eroticos dormindoSentir tezao por tênis feminino e normalcontos massagem na tiaConto erotico pintor comeu filha de sua patroaMeu tio que chupa no meu peniscontos eroticos com professora travestiFodendo com mamae bunduda contosdopando sogra contoscontos duas gostosas dando o cu para um cara pausudocomeno a xaninha da menina bem pequenamãe não deixa filho fude.com ela.na.vuzinhacontos minha irma foi meu rolaoabusada pelo filho contoMulher trepano so com caralhudoscontos sem calcinhacontos erotcos minha sogracontos eróticos sou corno e gostocontos eróticos de lesbicas na piscinacontos eroticos comi minha prima enquanto ela dormiasubindo na escada de saia para ajuda pintor pornodando/o cabaço pro titio conto exitantecontos eroticos de esposa safadascontos arrombei o cu dela no pique escondehomens com pau instigantecorno gemendo cu contocontoseroticocoroascontos meu irmão e eu betinha vendo contos punheta na calcinha sobrinhacorno no cinema contos