Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

PEDRO E EDUARDO

Oi, me chamo Pedro. Certa vez, eu estava em uma festa com algumas amigas, e nessa festa conheci um menino que me chamou muita atenção. O nome dele, Eduardo. Estava acompanhado de Bruna, outra amiga minha. Eu nunca tinha visto Eduardo em nenhum outro lugar, nenhuma festa, nenhum bar, nem com ninguém. Quando vimos Bruna na festa, logo fomos cumprimentá-la, e ela apresentou Eduardo para nás. Pelo seu jeito, logo percebi que ele era ~do babado~. Quando nos cumprimentamos, olhamos um para o outro, apertamos nossas mãos e sorrimos. Aquele sorriso me deixou completamente apaixonado. Precisava desse menino para mim! Lá pelas tantas, chamei Bruna para conversar, e perguntei mais do amigo dela. Bruna me contou que Eduardo era muito legal, e que também queria me conhecer melhor. Quando Eduardo voltou do banheiro, convidei ele para tomarmos um drink. Nos dirigimos até o bar, e pedimos duas doses de vodka com soda (rs). Ficamos ali bebendo e nos conhecendo melhor. Eduardo era um menino muito inteligente e muito simpático também. Quanto mais ele falava comigo, mais eu me apaixonava. E aquele sorriso, me deixava quase louco. Depois, convidei Eduardo para darmos uma volta fora da boate, para tomar ar fresco. Chegando lá fora, fomos andando em direção ao estacionamento e conversando. Falei para irmos até práximo do meu carro, pois logo eu iria embora, e se ele quisesse uma carona, eu poderia deixá-lo em casa. Ele aceitou. Quando chegamos ao meu carro, peguei em sua mão, olhei dentro de seus olhos, e o abracei forte e beijei-o com vigor. Era tão maravilhoso estar beijando aquele menino tão lindo e fofo. Eu estava nas nuvens. Ficamos um bom tempo ali, nos beijando, quando decidimos entrar no carro. No carro, continuamos nos beijando, e eu parei por um instante e disse para ele ?acho que me apaixonei?. Eduardo apenas sorriu e voltou a me beijar. Conforme nos beijávamos, eu ia passando minhas mãos pelo corpo de Eduardo. Pude ver que ele estava excitado tanto quanto eu. Sussurrei em seu ouvido se gostaria que eu chupasse ele, e ele concordou apenas sorrindo. Fui então puxando sua calça para baixo, deixando-o sá de cueca. Pela cueca pude perceber o tamanho de seu pênis, que parecia ser bem grande. Por cima da cueca, fui beijando seu pênis, mas fui interrompido por ele, que puxou minha cabeça para cima, e falou em meu ouvido ?vamos para outro lugar?. Concordei e fui com ele para meu apartamento. Chegando lá, na porta, os beijos recomeçaram, e fomos até o quarto nos beijando. Chegando lá, comecei a tirar sua roupa. Ao tirar sua camisa, pude ver o quanto Eduardo era gostoso. Um abdômen bem definido, que logo comecei a beijar. Deitei-o na cama e fui por cima dele, beijando todo o seu corpo. Quando cheguei em sua calça, abaixei-a e continuei o que antes havia começado. Beijava seu pênis por cima da cueca, que estava duro como rocha. Não aguentei mais e tirei seu pênis para fora e comecei a chupá-lo. Seu pênis era maravilhoso. Chupei a cabeça, depois as bolas, e colocava-o inteiro na boca. Eduardo urrava de prazer. Eu percebendo que ele estava quase gozando, parei de chupá-lo e voltei a beijar seu corpo, beijando sua boca novamente. Fui até sua orelha e falei ?quero ser sá seu esta noite?. Eduardo me abraçou forte e me foi por cima de mim. Me beijando, ele começou a tirar minha roupa. Conforme tirava minha roupa ele ia me beijando. Que maravilha era aquilo. Quando chegou ao meu pênis, ele começou a chupá-lo freneticamente. Eu estava adorando tudo aquilo. Eduardo era maravilhoso. Enrosquei minhas pernas ao redor do corpo dele e falei ?me come!?. Eduardo então pegou uma camisinha no bolso de sua calça, colocou-a e começou a me penetrar. Primeiro colocou a cabeça, e aos poucos, seu pênis foi deslizando inteiro para dentro de mim. Então Eduardo começou a se movimentar, e eu estava ali, na posição frango-assado, delirando de prazer. Abracei-o e continuei a beijá-lo. Era descomunal o prazer que sentia ao ter Eduardo dentro de mim. Quando ele estava quase gozando, falei para ele que parasse, pois queria chupá-lo. Eduardo então novamente deitou-se na cama, e eu passei a chupá-lo. Logo Eduardo gozou, dando golfadas fortes dentro de minha garganta. Engoli tudo. Depois abracei-o bem forte, e dormimos. No outro dia, levei Eduardo em casa, e ao nos despedir, demos mais uns beijos, e falei novamente ?estou perdidamente apaixonado?. Eduardo somente sorriu e entrou em sua casa.rnrnQuem quiser entrar em contato, meu email é [email protected] adoro conhecer gente nova. Leiam meus outros contos que publiquei nesse site :)

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


meu tio tem um pau muito grossoconto tia peludahistorias porno reais de chantagem com sograsconto erotico encoxando e estuprandoa velhaComtos mae fodida pelo filho e sobrinhocrente velha chantageada contos eróticos contos eroticos cuidando o meu sobrinhoxvidio minha mina sai para tranpa e eu como Minha sogra xvidiovideo de cunhadoxcunhadacontos eróticos ganhei a calcinha suja da minha tiacontos de sexo depilei minha bucetacondos erodicos perdendo virgindadequebrei o cabaço da minha irmã ela chorou muito porno cariocanotei que na hora que falei maridinho ficou de pau duroBebada me bulinaram contos eroticosconto erotico minha mulher nua na frente do paicontos de sexo depilei minha bucetacontos de sexo espiando minha maeminha filinha bricando minha pica contos eroticoscontos buceta assadacontos eroticos gays com gesseirosContos eróticos curtos de cachorro fodendo a cozinheiraconto herotico engravidem uma branquinhatrai meu marido com um travesticontos eroticos arrombando a gordaContos eroticos incentivei minha mulher a dar pro patrão delaconto.erotico.tia.sogra.cunhadaTirei o cabaço da minha entiada e sua mae a ajudou para nao doer muitocdzinha enrabada pir coroas contoscontos enrabando sobrinha da minha mulhercontos eroticos vi minha esposa me traindoContos fiquei bebada e me chuparamSoquei muito nela e ela pediu mais contotravesti leiteira contos eróticosconvencimeu marido a ser cornolouco pela minha prima contowww.meti na minha filha a forçacontos eroticos mulheres trazando no carnavalcontos de sexo no bus primeira vezcumi a prostituta na esquina contos eroticosconto grelo assanhadoporno agiota estouranda a buceta da mulher do devedocontos eróticos chuva molhadacafetao metendo na minha filha conto eroticosContos meu marido corno e chupadorContos erotico minha tia coroa gostuma anda nua em casacontos eroticos gay acordado na noite pelo meu paipai q come filha no sitiocontoscontos eroticos de coroas dos seios caidoscontos erotico com primaPorno conto casada no veloriocontos eroticos arrombando a gordapono vitgen nãoa aguentiu epediu p paramsera q meu marido ja ficou com travesti peguei ele vendo videogozou dentro da xota ada cunhada sem quererdei pro meu genrorabuda fudendo e adora contos buceta carnuda comtos de sexo lesbicas esposa e filha dando cu pra um mendigo/conto eroticoa gostosa d aobrinha pertubando o tio kovem no quarto cheio d teaaocontos eróticos gay esfregacao entre pai e filhocomedo tudo que e tipo de putinhas e putinhoscache:GAEDmAeFVBUJ:okinawa-ufa.ru/m/conto_18319_fodendo-gostoso-minha-paciente.html conto erotico mulher gostosa trai marido com um delegadovi minha irmazinha de caucinha nu rabo ve contos eroticosminha irmã muito gostosa e eu morando sozinhos contominha mulher deixou a calcinha suja de porra no banheiro contos eroticosFilha da puta comeu meu cu contocontos eroticos caminhoneiro obriga meninameu titio gay contocontos adoro dar minha bundinhamurhler.abusada.estrupradocontos eroticos arrombando a gordacotos heroticos gay neguinho me comeuno acampamento enquanto eu dormia contos eróticosContos eróticos mãecheirada e dando a bunda contoscontos eroticos gay eu sendo arrombado por dois amigos negros do caralhão grossoconto erotico da cunhada pegando no pausera q meu marido ja ficou com travesti peguei ele vendo videocontos eroticos meninas filhinhas subrinhas priminhasconto erotico meu marido descobriuContos eroticos flagrou namorada