Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

SOGRA PEGOU NO FLAGRA E ADIVINHA O QUE ACONTECEU?

Olá pessoal, estou de volta aqui, sou o ?Tourão?, 27 anos, moreno jambo, 1.74 de altura, cabelos pretos curtos, olhos castanhos escuros, pernas grossas, braços fortes. rnVou contar uma histária que aconteceu em meu penúltimo namoro. Vou chamar essa ex namorada de Vaninha, era morena clara, peitos muito fartos (ainda adorava usar decote), cabelos pretos compridos, boca carnuda, olhos negros e brilhantes, bunda grande, gostava de dançar lambaerábica e de cinema. Vaninha adorava sexo, fazia de tudo para poder me dar todos os dias, nem que fosse apenas por alguns minutos, ela era tão viciada em sexo que quando estava menstruada fazia questão de me dar o cuzinho, para eu não ficar sem comer ela por causa desse detalhe, e me dava em qualquer lugar, eu mesmo não me recordo de todas as fodas, de todos os lugares que já comi ela, sei que na minha casa eu já comi ela na sala vendo filme embaixo do edredom (mesmo com alguns amigos e amigas também vendo o filme, demos um jeito de meter), já comi ela na varanda, no carro, na garagem, as vezes a gente fingia que ia na cozinha pegar algo para comer e eu é que comia ela, ela já andava sempre de vestidinho e com calcinha pequena para facilitar e me dar o cu e a bucetinha em todos os lugares possíveis, no ônibus, no trem... enfim, mas vou me concentrar nas aventuras que ocorreram na casa dela.rnEu frequentava a casa dela pelo menos 3 vezes por semana, mas a gente se via quase todo dia, já na intensão de transar, e na casa dela morava o irmão que nunca ficava em casa e a mãe que já era viúva, a mãe dela vou chamar de Rose, devia ter uns 45 anos, inteiraça, um peito farto igual o da filha, uma bunda maior ainda, meia cheinha porém bem distribuída, era loira e tinha olhos verdes. Na casa da Vaninha eu sempre comia ela, é claro, mas lá era meio mecânico a estratégia, pois a mãe dela sempre ficava conosco na sala vendo TV até uma certa hora e depois ia para cozinha jogar caça-palavras, nessa hora a gente não pensava duas vezes, já botava a Vaninha de 4 no sofá, levantava o vestidinho, chega a calcinha simbálica e minúscula para o lado, posicionava a cabeça do pau na portinha da buceta que nessa altura já estava ensopada e empurrava com força minha vara, eu metia sem pena dela, sabia que gostava de fuder então eu usufruía dessa vantagem para castigar ela na piroca, eu metia muito, o som da TV era alto e não dava para escutar o barulho do meu pau fudendo aquela buceta molhada, não dava para ouvir meu saco batendo na bunda dela a cada socada fortíssima que dava sem dá da Vaninha, ficava metendo muito, eu em pé e ela de 4, as vezes botava ela de 4 no chão, as vezes era no papai e mamãe mesmo, ali sá não dava para inevtar muito porque a mãe dela estava na cozinha e eu sempre ficava em uma posição estratégica para ver a entrada da cozinha, qualquer coisa eu tirava o pau de dentro da buceta dela e o retornava ao short, por várias vezes precisamos fazer isso, eu notava que a mãe dela sabia que eu comia a filha na sala sempre que ia lá, pois meu pau ainda ficava duro nessas interrompidas inesperadas e eu notava a sra. Rose prestando atenção na minha rola dura, as vezes sem disfarçar, inclusive um dia eu fiz meu pau ficar pulsando por dentro da calça e ela deu um leve sorriso, que não entendi direito o motivo.rnUm certo dia comendo a Vaninha nás percebemos que a Sra. Rose estava lavando o quintal, então tínhamos mais liberdade, neste dia eu maltratei a Vaninha, comi muito o cu dela, a buceta, puxei o cabelo dela e gozei na cara toda deixei ela toda lambuzada, tive que fazer ela ir no banheiro se limpar e tudo, e nesse dia a Sra. Rose viu eu comendo sua filha (apesar de achar que ela já deve ter visto outras vezes ou percebido algo), eu vi que ela estava olhando a foda e disfarçando com a vassoura, mas tomei coragem e continuei comendo a vaninha, fazia inclusive movimentos acentuados para ela ver a rola entrando, os movimentos de vai e vem naquela foda, ela ficava olhando e rindo, e quando a Vaninha foi no banheiro se recompor a Sra. Rose entrou na casa e me pegou de pau duro de novo, mas dessa vez eu não fiz questão de disfarçar, pois eu já estava olhando minha sogrinha com outros olhos, eu fingi que ia beber uma água na cozinha e esbarrei o pau duro na perna dela passando no corredor, nessa hora ela falou: ?me deixou com água na boca, eu também quero!? e na hora respondi: ?vou te arrombar mais do que quando estou comendo sua filha?, eu não perdi tempo, já botei o pau para fora e mandei ela dar um beijinho, mas minha sogra era gulosa, já engoliu o pau até o talo e ficou lambendo meu saco, com o pau inteiro na boca dela, chamei ela de puta safada na hora e ela riu e começou a mamar mais forte, segurei a cabeça dela e comecei a fuder a boca da minha sogra, a Vaninha é muito caprichosa no banho, com o cabelo dela e tal, sempre linda e cheiora, então ela demorava bastante no banho, as vezes mais de meia hora, então aproveitei, foram mais de 20 minutos de mamada da sogrinha, tirava o pau todo babado e dava na cara dela, esfregava o pau na cara dela, ela chupava feito uma esfomeada, engolia com prazer o pau era uma mamada intensa, eu puxando o cabelo, xingando ela e ela sá mamando, dava ate uns tapinhas na cara dela, batia com o pau duro e ela sá mamando até que eu não aguentei e gozei, o primeiro jato foi na cara e os outros ela direcionou na boca para engolir todo o leite que saiu, ela ficou reclamando que queria mais leite então fiquei passando o pau na cara dela levando o leite que tinha espirrado no rosto até a boca e depois dei o pau lambuzado para ela terminar de se fartar...rnDepois desse dia eu comecei a ter um trabalho dobrado, tinha que comer a filha e a mãe quase todos os dias... depois conto como foi a primeira foda para valer na sogrinha, deixei ela ardida de tanto dar o cuzinho e a buceta.rnAté o práximo conto, MSNE-mail: [email protected] rnrn

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


contos eroticos arrombando a gordagayzinho passou rebolando na minha frente contoaregasando a b da nContos de mulheres, fudendo com seu avôContos droticos com coroas gostosas perdendo ocabaço do cu com seus genrosbrinquedos eróticos para estender o buraco do anuscontos eroticos arrombando a gordacontos de cornos asumidosChat Amo sexoavivocomi meu aluno lercontos curtpscontos minha irma foi meu rolaoconto erotico meu marido ficou bebado e aproveitei a festaContos eroticos de homem que estava batendo punheta no trem na frente de todo mundo semvergonhacontos erotico meu pai e meu tio armaram pra fuder eu e minha primacontos eroticos arrombando a gordacasa dos contos eroticos/Três é demaiscontos eroticos casada em casa sozinha com enteado fazendo massagemcontos gozando em menina de 08anos sem calcinhacaipirinha conto eroticoviolada pelo tio contogarota no cio brincando com cachorrofui dormir na casa da tia e comeu o HelenaComo posso acaricialo com tesaoContos eroticos fudi o cu de uma defiente mentalconto erotico desde pequena fui putinha do meu paicontos eróticos devemos dividir o mesmo quarto com um casal de amigocoroa da buceta griluda espirando poro logecontos de zoofilia com cavalocontos dexei minha mulhe tomando no cu na minha frentecontos eroticos arrombando a gordaArrombaram minha namoradacunhada sem calçinha contoscontos crossdressers no cinemaminha cunhada mim chamo pra trnzarapostou a filha conto eroticocontos com fotos flagrei meu marido com a viúva do vizinhopai que fica rosado.o pau na buseta da filha bebadaconto eróticos mãe p*** e baunilhasaboreando a cunhadacontos eroticos de sexo de toda familacoroa gostosa se arrumando namorada em Pouso AlegreSexo contos visinhos virgindadeconto erótico gay em cinema. De Recifecontos de encoxada em ônibusEstouraram meu cuzinho na viagem contoscontos eróticos traficantehome afuder mulher com penis mais grandecomeram meu cuzinho conto gayeu minha esposa demos carona o cara era um pintudosiririca na frente dele conto eróticoWww.garotinhasafada.comContos eróticos por acasocontos porno rasguei o cu da mamae com ajuda do papaicontos eroticos pai escravo da filhacontos eroticos com fotos de mulheres casadas que foi violentada por bem dotadosminha mulher contou que ficou com a buceta arrombada em floripaconto erotico fui no pagode e comi um travesticontos gay afeminadoscontos eroticos flagrei minha mae fudendo com travestimarido fas esposa virar puta e comer bota contos eroticosConto enteada na pescariacontos eroticos gay meu tio de vinte anos me comeu bebado quando eu tinha oito anosContos eróticos na cozinhaContos erotico minha tia coroa gostuma anda nua em casacontos eroticos que corpasso ,bunda coxas grossasMinha esposa saiu de shortinho socado no rabo contosContos eroticos currada no onibus de fio dentalcontos eróticos cara do pau gigantescoconto uma viagem muito gostosaVer casadas falado de conto eroticos que corneo o marido com homem do pau bem grandeconto erotico travesti trabalhando e foi fodida no trabalhoa mulher do meu amigo e muito safada contos eroticosconto erotico fui no pagode e comi um travestioai fudendi a noivaempinoi o cu e levou rrolascontos de filhos chera causinhaslésbicas ninfetas comendo peitorais de travestispor causa da zoofilia virei escrava 3 Casa dos Contos Eróticostou tardainha pra um me xupar