Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

GAROTA EMBEBEDADA

O QUE VOU CONTAR AQUI SERÁ UMA FORMA DE ME DESABAFAR ESTOU COM ISTO NA MINHA CABEÇA, DE VEZ ENQUANDO PENSO E ME EXCITO OUTRAS FICO COM DOR NA CONCIÊNCIA, ME CHAMO ROBERTO, 36 ANOS, PUBLICITÁRIO E MORO SOZINHO. NO MES DE JUNHO MEU IRMÃO CAÇULA DE 19 ANOS ME PEDIU PRA FAZER SUA FESTA DE ANIVERSÁRIO NO SALÃO DE FESTAS DO MEU PREDIO ONDE MORO, QUE É BEM LEGAL POR SER MAIS PERTO DE SEUS AMIGOS E OS NOSSOS PAIS QUE SÃO IDOSOS NÃO VIRIAM DEIXANDO-OS A VONTADE, CONCORDEI A FESTA ERA TIPO JUNINA EU ME SENTI UM PEIXE FORA D"AGUA PERTO DAQUELA MOLECADA, VI MEU IRMÃO BEIJANDO UMAS DUAS MENINAS ANTES DA NAMORADA DELE CHEGAR,TOMANDO QUENTÃO ALGUMAS VEZES ME VI FLERTANDO UMAS MENININHAS MAS SABIA QUE NÃO DARIA EM NADA, MEU IRMÃOZINHO ME APRESENTOU SUA NAMORADA, GABI, UMA MENINA BONITA, O CORPO PEQUENO MAS COM LINHAS DEFINIDAS ERA REALMENTE LINDA DE CABELOS LISOS E LONGOS OLHOS BEM EXPRESSIVOS E VERDES ME ENCANTOU, PARABENIZEI MEU IRMÃO NA FRENTE DELA PELO ACHADO E A ELOGIEI, A FESTA ESTA ESTAVA BEM ANIMADA A MOLECADA SE ENTUPIAM DE COMER E BEBIAM VINHO QUENTE OU QUENTÃO, EU ERA O UNICO FORA DA FAIXA DE IDADE DELES, ME DELICIAVA TENTANDO ADIVINHAR QUAL DAS MENINAS ERAM VIRGENS EU RI SOZINHO, LÁ PELAS DEZ E MEIA MEU IRMÃO QUE EU JÁ NàO VIA A ALGUMAS HORAS CHEGA AFLITO PRA MIM DIZENDO QUE A GABI ESTAVA BEBADA E PRA DESMAIAR, FOMOS ATÉ ELA, GABI VESTIA UM VESTIDINHO COM UMA JAQUETA JEANS, ELA ESTAVA GROGUE SENTADA JUNTO UMA AMIGA, A MESMA QUE MEU IRMÃO BEIJAVA NO COMEÇO DA FESTA, ESTAVAM PERTO DO HALL DE ENTRADA, EU NÃO PODIA DEIXAR A MENINA ALI, FALEI PRA ELES ME AJUDAR LEVA-LA PRO APARTAMENTO, DISCRETAMENTE CARREGAMOS PRO ELEVADOR ANTES DA PORTA FECHAR MEU IRMÃO FALOU NO MEU OUVIDO IA FICAR COM A AMIGA SE EU PODIA LEVAR A GABI SOZINHO, MEIO ME SENTINDO USADO CONCORDEI PEGUEI GABI NO COLO E FUI,ERA UMA DELICIA O CHEIRO DELA O CONTATO DO NOSSOS CORPOS ME FEZ PENSAR BESTEIRAS MAS ME RECOMPUS AINDA IMAGINEI QUE ALGUEM PODIA ENTRAR NO ELEVADOR E ME VER SEGURANDO UMA MENINA DESMAIADA NO COLO, CHEGUEI AO APE. LEVEI-A PRO QUARTO DEITEI A MENINA NA MINHA CAMA, ELA BABUCIAVA COISAS QUE EU NÃO ENTENDIA, O QUENTÃO TINHA DERRUBADO LITERALMENTE A MENINA, QUANDO A COLOQUEI NA CAMA MINHA MÃO SEM QUERER PASSOU PELOS PEITINHO SENTI A RIGIDEZ COLOQUEI ELA DEITADA NA MINHA CAMA DE BRUÇOS NÃO RESISTI EM VER SUA CALCINHA QUE APARECIA, PASSEI A MÃO NAS COXAS E FUI SUBINDO, A PELE ERA MARAVILHOSA, APERTEI SUA BUNDA ERA BEM DURINHA COLOQUEI MEUS DEDOS NO ELASTICO DA CALCINHAQUE ESTAVA ENCRAVADA E DESCI EM DIREÇÃO AO REGUINHO NO MEIO DAS PERNAS, APERTEI E SENTI QUE SUA BUCETINHA ESTAVA QUENTE E MELADINHA, DE CERTO POR QUE MEU IRMÃO TINHA DADOS UM AMASSOS NELA, ENDOIDECI, O TECIDO BRANQUINHO ESTAVA UMIDO E ESCORREGAVA NA XANINHA, EU TINHA QUE VER, ME LEVANTEI PRA TRANCAR A PORTA DO APE. NUM IMPETO DE CONCIENCIA CAÍ NA REAL, SAÍ DALI RAPIDO TRANQUEI A PORTA POR FORA ENTREI NO ELEVADOR E DESCI, MEU PAU ESTAVA DURO EU ESTAVA TRANSTORNADO, CHEGUEI A FESTA BEBI MAIS QUENTÃO VI MEU IRMÃO NUM CANTO COM A OUTRA MENINA, ELE FEZ UM SINAL DE POSITIVO PRA MIM E CONTINUOU A AGARRAR A GAROTA, MINHA CABEÇA ESTAVA A MIL MEU PAU DOÍA DE TESÃO, NEM CINCO MINUTOS SE PASSARAM E SEM QUERER PUS A MÃO NO MEU NAIZ E SENTI O CHEIRO DA XANINHA DA GABI, FOI A CONTA NÃO ME CONTIVE E FUI PRO MEU APE. TRANQUEI A PORTA, NO QUARTO ELA ESTAVA DO JEITO QUE EU A TINHA DEIXADO, DE BRUÇOS E COM A BUNDINHA DE FORA COM A CALCINHA ENTERRADA, CHAMEI-A PELO NOME BALANCEI-A PELO BRAÇO PRA VER O QUANTO ESTAVA DOPADA PELA EMBRIAGUES ELA NEM SE MOVEU INERTE E AO MEU DISPOR VI QUE ERA A HORA FUI PRA PONTA DA CAMA DE ONDE EU VIA SUA BUNDA, PENSEI VOU BATER UMA PUNHETA OLHANDO PRA ELA GOZO ME ACALMO E DESÇO PRA FESTA ABAIXEI MINHA CALÇA COM A CUECA E ME SENTEI NA POLTRONA, PUNHETEI EU OLHAVA FIXAMENTE PRA AQUELE CORPO ME PERGUNTAVA SE ERA VIRGEM SE ALGUEM TINHA SE APOSSADO DELA ALGUMA VEZ IMAGINEI O SEM VERGONHA DO MEU IRMÃO A FODENDO, MAS NÃO AGUENTEI QUANDO REPAREI QUE A CALCINHA EM CIMA DA BUCETA ESTAVA COM UMA MANCHINHA DE UMIDADE, LEMBREI DO CHEIRO, PUS A MÃO NO NARIZ O CHEIRO ESTAVA FRACO, PERDI TOTALMENTE A RAZÃO E FUI PRA ELA COM A CABEÇA NA BUNDA DELA ENFIE A CARA NO REGO O CHEIRO ME INEBRIOU, EMPURREI SUA PERNA ABRINDO MAIS COM A LINGUA PRA FORA LAMBI A CALCINHA SENTINDO O GOSTO, SEM NADA NA CABEÇA A NÃO SER UM TESÃO DOENTIO PEGUEI NO ELASTICO E PUXEI A CALCINHA DE LADO ME DANDO A VISÃO DO REGO DA BUNDA O CUZINHO E DA BUCETA MELADINHA GABI NÃO TINHA PELOS DO LADO DA XANA, EU LAMBI O CHEIRO EO GOSTO DELA ERA BARBARO, EU NUNCA NA MINHA VIDA CHEGUEI A O PONTO DE TESÃO QUE ME ENCONTRAVA NAQUELA HORA O SABOR DA MENINA PARECIA UMA PORÇÃO MAGICA, LAMBI E CHUPEI ENGOLI SEU MELZINHO ENFIEI A LINGUA DENTRO DELA ERA DEMAIS, QUERIA VER SE SENTIA O HIMEN NO FUNDO DELA, LAMBIA TAMBEM SEU REGO DESDE O GRELO ATÉ SEU CUZINHO, EU ESTAVA FORA DE CONTROLE MINHA RESPIRAÇÃO ESTAVA DESCOMPASSADA MEU CORAÇÃO NÃO BATIA, APANHAVA, ENFIEI MINHAS MÃOS POR DEBAIXO DO PUBIS DELA E ERGUI FAZENDO ELA SE ARREBITAR VI SEUS PELOS BEIJEI, CHEIREI, LAMBI MEU NARIZ ESTAVA BEM NA ENTRADA DA XANINHA, ERA UMA COISA FORA DO COMUM EU TRANSPIRAVA ARRANQUEI MINHA CAMISA, ME ESFREGUEI EM SUA BUNDA EU QUERIA TUDO, COM MINHAS MÃO SUBI POR DENTRO DO VESTI PROCURANDO SEUS PEITINHOS PEGUEI ERAM CONSISTENTES OS BICOS ESTAVA DUROS O VESTIDO TINHA SUBIDO JUNTO COM MEUS BRAÇOS DESNUDANDO O CORPO DE GABI ATÉ A CINTURA OLHEI SEUS CABELOS SEU ROSTO QUE ESTAVA DE LADO SEUS OMBROS A JAQUETA E O VESTIDO DESARRUMADOS COM AS DUAS MÃOS EU PEGAVA NOS PEITNHOS EU ESTAVA EM CIMA DELA SUTENTADO PELOS MEUS PES E BRAÇOS MEU OLHAR DESCIA EM SEU CORPO OLHEI PRO QUADRIL E PRA CALCINHA DELA QUE ESTAVA APENAS DE UM LADO DA BUNDA COM O REGO TODO A MOSTRA VI MEU PAU DURO QUE ESTAVA APONTANDO PRA BUNDA ABAIXEI MEU QUADRIL E DEIXEI MEU PAU ENCOSTAR NELA, PRIMEIRO NA BANDA, DEPOIS ENCAIXEI BEM NO REGUINHO A CABEÇA DO MEU PAU ESCORREGOU E PAROU NO CUZINHO, SEM NENHUM CONTROLE SOBRE MEUS ATOS, ENTORPECIDO POR UM TESÃO ARRAZADOR, FORCEI O CORPO CONTRA O DE GABI, MEU CACETE ESCORREGOU DE NOVO, SAIU DO CUZINHO E PAROU BEM NA ENTRADA DA XANINHA, SENTI UM CHOQUE UM RAIO TINHA ME ATINGIDO COM CALOR MELADINHO DA BUCETA DELA ME FEZ FORÇAR O PAU PRA DENTRO DELA, ESCUTEI UM GEMIDO BAIXINHOCOM A CABEÇA DA MINHA PICA ENTRANDO NA SUA BUCETINHA, O SOM ME TROUXE DE VOLTA PARA ESTE PLANETA, RESIGNEI-ME FIQUE PARADO POR UNS INSTANTES MAS A PROCURA DO PRAZER FUI ME ABAIXANDO E O PAU DESLIZANDO PRA DENTRO PREOCUPADO E DECIDIDO A PARAR QUANDO MEU PAU ENCOSTASSE NO HIMEM, MEXI PRA CIMA E PRA BAIXO O CORPO FAZENDO A CABEÇA DO PAU ENTRAR E SAIR A PASSAGEM NA ENTRADA DA BUCETA ERA MUITO APERTADINHA, ME ALUCINANDO DEIXEI O PESO DO MEU CORPO TOMAR A ATITUDE DE ENTRAR MAIS, DESCI DEVAGAR A PROCURA DO CABACINHO, MEU PAU ESTAVA QUASE TODO DENTRO, ELA NÃO ERA VIRGEM!, METI A PICA, MEU PAU FOI INTEIRO ACOLHIDO PELA XANINHA DA GABI, QUANDO ME ENTREI TODO ESCUTEI MAIS UM GEMIDINHO, MEU PAU ESTAVA INTEIRO, DENTRO, NÃO ACREDITANDO TIREI TODO O CACETE PRA FORA OLHEI PRO PAU, MELADO, QUE PARECIA TER DOBRADO DE TAMANHO, AGORA SEM MEDO ENFIEI, DESLIZOU GOSTOSO, MEU CORPO ESTAVA INTEIRO VIBRANDO RETESADO, REPETI ESSE MOVIMENTO DE TIRAR E COLOCAR TODO O PAU NELE VARIAS VEZES, O CAMINHO QUE MINHA ROLA PERCORRIA DENTRO DELA PODE SER CHAMADO DE PARAISO, ERA ISSO EU ESTAVA NO PARAISO DENTRO DA NAMORADINHA DO MEU IRMÃO, ATOLEI ATÉ O TALO, MESMO COM O PAU TODO DENTRO AINDA FORCEI O CORPO PARA UMA JUNÇÃO TOTAL, DEITEI EM CIMA DELA, SENTI SEU CORPINHO QUENTE TREMER, ABRACEI A GAROTA BEIJEI SEU ROSTO INDO PRA SEUS LABIOS, SUA RESPIRAÇÃO ESTAVA ALTERADA, EU BOMBAVA FORTE QUANDO MINHA PICA BATIA NO FUNDO EU PRESTAVA BEM A ATENÇÃO NELA, MAS ELA NàO TINHA NENHUMA REAÇÃO, ME LIBERANDO PRA METER COM GOSTO, COMI ELA ASSIM POR UNS QUINZE MINUTOS, A BUCETA QUENTE E APERTADA PARECIA QUE MORDIA MEU CACETE, O TESÃO ME ENDOIDECIA CADA VEZ MAIS, EU FALAVA COISAS EM SEU OUVIDO, TIPO QUE EU ESTAVA FODENDO A NAMORADA DO MEU IRMÃZINHO E ESTAVA METENDO SEM DÓ, SABIA QUE ELA GOSTAVA POIS SUA BUCETINHA ESTAVA ENSOPADA, ELA GEMEU COM MEUS LABIOS ENCOSTADOS NO SEU, VI QUE GABI ESTAVA GOZANDO, SE SURPREEDI FIZ A MENINA GOZAR, COMO EU HAVIA DITO NO OUVIDO DELA ELA REALMENTE GOSTAVA DE DAR, ELA ESTAVA COM UM POUCO DE LUCIDEZ, GOZAVA NA MINHA ROLA DELICIOSAMENTE, SUA BUCETINHA MEXEU OS MUSCULOS DEVIDO AO ORGASMO, EU NÃO AGUENTEI E COMECEI GEMER QUE IA ENCHE-LA DE PORRA QUE IA GOZAR DENTRO, ELA SE MEXEU, ERA SEU UNICO MOVIMENTO EM MAIS OU MENOS 30 MINUTOS, TENTOU ME TIRAR DE CIMA MAS PEQUENA E FRAQUINHA COMO SE ENCONTRAVA NÃO CONSEGUIU EU AINDA NUM ULTIMO CONTATO COM A REALIDADE CHEGUEI A PENSAR EM GOZAR FORA MAS O TESÃO AVASSALADOR DO GOZO ME FEZ SEGURAR A MENINA EMBAIXO DE MIM COM FORÇA E NEM ME ESQUENTEI, APROFUNDEI-ME O QUE PODIA NELA E DERRAMEI TODA MINHA PORRA DENTRO DA MENINA, MEU PAU ESGUICHAVA JATOS DE ESPERMA, INUNDANDO A MENINA COM MEU PRAZER MAIS ALTO, MINHA PORRA QUE FAZIA MEU PAU PULSAR NA GAROTA EMBEBEDADA, MEU CACETE NÃO PARAVA DE ESPELIR PORRA, BOMBEI MAIS UMAS VEZES E SENTI MEU PAU DESLIZAR QUENTE NA XANA EMPAPADA DE PORRA ERA EXTRAORDINARIAMENTE GOSTOSA A MENINA, FIQUEI PARADO EM CIMA DELA RECUPERANDO O FOLEGO E ESPERANDO MEU CORPO ATERRIÇAR NA TERRA DE NOVO, ASSUSTADO COM O QUE ACABARA DE FAZER, NÃO CONSEGUIA ME MEXER, RETOMANDO E AJUNTANDO MINHAS ULTIMAS FORÇAS QUE RESTAVAM EM MEU CORPO FUI SAINDO DELA DEVAGAR, OLHAVA SUA BUNDA E VIA MEU PAU ESCORREGAR PRA FORA TODO MELADO, QUANDO SAÍ INTEIRO DELA A BUCETINHA FEZ UM BARULHO, UNICO, QUE ESTA GRAVADO NA MINHA CABEÇA COMO UMA TATUAGEM NA PELE, PRA SEMPRE, SAI DELA INDO PRA TRAZ, OLHANDO SEU CORPO TODO INERTE, DIFERENTE DO COMEÇO DA FODA, AS PERNAS ESTAVAM MAIS ABERTAS A BUCETINHA ESCORRENDO ESPERMA ESTAVA BRILHANDO E BEM VERMELHA E TODA MELADA DE PORRA A BUNDA ARREBITADA POR FORÇA PROPRIA DELA, CONFIRMAVA QUE ELA HAVIA CONTRIBUIDO RELATIVAMENTE E QUE ELA ESTAVA CONCIENTE DA FODIDA QUE TINHA LEVADO, E ATÉ OBTEVE UM ORGASMO QUE PARECEU SER BASTANTE FORTE, PEGUEI UMA TOALHA LIMPEI A XOXOTINHA ENXUGUEI TUDO VOLTEI A CALCINHA NO LUGAR MEXI NA JAQUETA PUXEI O VESTIDO COBRINDO SUA BUNDA AJEITEI-A TODA, COM UMA ESCOVA ALISEI SEU CABELO, ESTIQUEI O EDREDON EM BAIXO DELA E ELA CONTINUAVA IMOVEL, APENAS SUA BUNDA ABAIXOU VI QUE ELA RELAXOU QUANDO DEU UM SUSPIRO QUE ACREDITO TER SIDO DE SATISFAÇÃO, ME AJEITEI TAMBEM FUI PRA SALA DEIXEI A PORTA DO HALL TODA ABERTA ME SENTEI NO SOFÁ E AGUARDEI MEU IRMÃO SUBIR A QUALQUER HORA, EU ESTAVA COM MINHA CABEÇA A MIL ACHANDO QUE TINHA FEITO A MAIOR BESTEIRA DA MINHA VIDA, QUE TINHA DESTRUIDO TUDO QUE TINHA CONSEGUIDO COM AQUELA FODA, QUE DIGA-SE DE PASSAGEM A MELHOR DE TODA MINHA VIDA, LEVEI O MAIOR SUSTO QUANDO VI DE PÉ NA SALA, GABRIELA, ELA ME OLHAVA SORRINDO, LINDA, EXPLENDOROSA, CELESTE QUE PARECIA ME EMANAVA LUZ ME PERGUNTOU COM UMA CARA DE INGENUA QUANTO TEMPO ELA TINHA DORMIDO EU BABUCIEI QUE QUASE UMA HORA E MEIA ELA SORRIU SE ESPREGUIÇOU SE DESPIDIU E FOI, EU FIQUEI APENAS OLHANDO ELA APERTAR O BOTÃO DO ELEVADOR E ESPERAR, ABRIU A PORTA E ANTES DE DESAPARECER DISSE QUE FOI O SONO MAIS DELICIOSO QUE TINHA TIDO,E SE FOI ...

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


padastro vio a enteada de bebidou e pateu uma poeta xvidiohistoria de contos eroticos com pasteleiroConto com foto vizinha peluda de vestido no matoirmar brasileira goza tremi pau irmazinhocoroa gostosa se arrumando namorada em Pouso AlegreConto erotico zoofilia o menino e a porcaamanda boquete contosconto gay pirocao imensocontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crenteconto erotico de garoto pelado com primo com primo .como mato dando o cu pra o amigo mais velhoContos erotico.crente metrover relato picantes da professora transando com a aluna sexopornô irado a mulher que tem a minha branca e tem aquela bundona fome morte elamulher casada e evangelica dando o cu,contos sexcontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crenteContos eroticos minha primeira vez foi quase um estupro e eu gosteicontos dois gemeos chupandocontos vizinha feiafilme porno tia gostosa faz uma viajem dormi com saudade do sobrinho da cucoroa de 40 carentecontos eróticos esposa disfarçadochorou na pica/contosexo com a inpregada ea esposa prechanoContos eróticos minha mulher apanhandocontos eróticos irmão e irmafotos chapéu ao traveco até ele gozaFui fudido pelo velho contos gayCONTO DEPRAVADAcontoseroticos/pauzudocasadaputinha do papai desde-conto eroticotransei gostoso com minha aVò insertosconto sapequei coroa crenteminha irmã muito gostosa e eu morando sozinhos contocontos eróticos traindo marido na salacontos eróticos casada não resistiu e traiucontos eróticos vc me acha bonitacontos gozei na bundinha dela de 10 aninhoscontos eroticos atrizes chupando pau recebercontos eroticos gays gabriel o gatinho da outra salacontos eróticos comi o c* da minha cunhada na ilhaprofessor cacetudo comendo o cuzinho do menino afeminado no banheirowww.punheta de calcinha fio dental contoscontos eroticos mulher humilhadasurba com um casal de amigo sem querer primera ves comtoscontos eroticos eu e minha cunhada pintando o apartamentoquando eu estava com o meu namorado e ele estava chupando o mwu peito ele me chamou de safada o que sera que ele quis dizer com issoprofessor cacetudo comendo o cuzinho do menino afeminado no banheiroghupa ghupi pornminha esposa com dois negros dotados contos e relatos eroticos com fotoscontos comiminha primaeu meu irmaozinho e nossa cadela contos de sexocontos de velhas dos seios bicudocontoerotico guria patricinha com menino pobrecontos eroticos orgia eu marido com as casais de amigos na chacarapunhetabdo no hospitalcontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crenteliliane sabe quero seu curapaz chupa seios com gula pornodoidoAmigos metem em espoza enquanto corno ve futebol contosmeu marido viu os amigos dele me comerem contosnao era pra gozar maninho to gravida conto eroticoConto erótico pausudo capixabahistória erotica garotada enrabada surubameu cao meu machocontos eroticos com genrocache:j0q8EtsB_AUJ:okinawa-ufa.ru/conto_28654_minha-segunda-transa-com-o-namorado-da-minha-ex.html contos eroticoso cu da cadelinhaContos.encesto.relacha.maeContos esposa e filha amigosconto erotico gozar dentro bucetacasa dos contos pastora ds buceta peludacontos flagrando a mãe cavalona traindo o pai classificados evangélica procurando corno