Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

A VENDEDORA DE BRINDES IV A AMIGA CURIOSA

bom pessoal hoje vou contar a vcs a aventura que tive com minha vendedora puta e sua amiga curiosa,eu fiquei viciado no seus boquetes,pois ela sempre me deixava maluco, todos os dias ela ia no auto peças e me dava beijos deliciosos que acabavam com uma belza gozada em sua boca e ela passou a me confessar que sempre que chegava no seu local de trabalho, tinha uma colega em que ela confessava tudo, mas tudo mesmo, eu fiquei com medo,pois sou casado,mas ela me disse que a claudia era de confiança, eu disse, bom se está dizendo né.mas me bateu uma curiosadade e sempre que teclavamos pelo msn,eu fazia questão de perguntar se ela contou pra claudia, ela dizia que sim, e eu perguntava o que a claudia axava das nossas loucuras, ela confessava que axava nás 2 uns verdadeiros loucos,mas ela percebia q a claudia ficava com os olhos brilhando e etc. bom passaram alguns dias eu já havia comido o cuzinho dela por várias vzs, até perdí a conta. estava em minha sala, quando entra a claudia dizendo que precisava desabafar com alguem e que como sua amiga, disse a ela q costumava se desabafar comigo ela pensou em ir até a mim, eu claudia, pode dizer, o que foi que aconteceu, ela começou me contar, que seu marido, estava traindo ela, e que ela, estava com medo, porque ele era bastante rude com ela, que a tratava muito mal e assim foi, por uns 30 min. ou mais, ela me confessava as coisas, eu então disse a ela varias coisa. obs: a claudia é uma falsa loira, um pouco gordinha,seios fartos, bunda grande,28 anos, e casada, nunca tinha imaginado ela transando comigo, nao até ela ficar curiosa com minhas historias com sua amiga, bom, ela me relatou sua vida, eu dei alguns conselhos e quando vi já estava na hora de ir embora, ela então me disse se poderia usar o banheiro, eu disse que sim,enquanto ela foi ao banheiro o auto peças foi se fechando pois já estava tarde, eu fiquei la fora, esperando apenas ela sair, dai ela me grita dizendo que nao tinha papel higienico lá, eu disse a ella q iria pegar, e levei até ela, ela simplismente abriu a porta do banheiro e da forma que estava, saia levantada até a cintura e calcinha arriada, pegou o papel higienico, nao tive como deixar de notar aquele corpo, voltei e esperei ela, ela então saiu e me pediu desculpas,mas eu disse a ela, q estava tud bem, e ela falou"uai cade os outros" eu disse: estamos somente nás 02 aqui. nossa eu vi que ela ficou afoita, ela me disse>posso te perguntar uma coisa, eu disse, sim claro que pode. ela disse:me deixa ver seu pau, nossa na bucha assim, confesso a voces que meu pau subiu de imediato, eu fui até a porta e abaixei-a, xeguei perto dela e tasquei-lhe um beijo e disse a ela, eu sei o que voce veio buscar, ela disse: sabe é, eu disse sim eu sei, e descí minha claça, depois a cuéca e ela disse, nossa que delicia, posso xupar, eu disse,nao foi isso que veio fazer, ela apenas balançou a cabeça em sinal de sim e começou a xupar, e nisso o meu cel tocou, era sua amiga, perguntando onde eu estava, eu disse q estva em ksa, ela disse q axou estranho, pois meu carro estava em frente ao auto peças ainda, eu disse a ela q tinha saido para fazer uma caminhada até em ksa e que logo voltaria a buscar o carro, ela acreditou, pois sempre fazia isso, então ela desligou e a claudia, estava xupando cada vez melhor, e com um detalhe, meu pau sumia naquela boca carnuda e grande, nossa ela sugava ele como se fosse um picolé, passava a ligua na cabeça dele, voltava a coloca-lo todo até o talo e depois cuspia nele, eu disse, claudia, nao vou aguentar, ela disse, eu quero teu leite, e repetia isso e voltava a xupar, " eu quero teu leite, eu quero, me dá, me dá, me dá,me faz sentir o gosto de tua porra, nossa gozei que urrei, a puta safada, nao engoliu, mas abriu a boca me mostrou a porra e depois engoliu e ao terminar se levantou e disse:meu boquete é ou nao é melhor que o dela, eu disse: sim, mas profundo, mais molhado, mais safado, ela me disse, amanhã viajo para o pará mas na semana que vem, essa bunda aqui será toda sua, se voce quiser, nossa eu engolí a seco. e disse, nao vejo a hora.



bom depois eu conto, como comi aquela bunda deliciosa.



valeu

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


mulhe da bucetinha peqena fudedo com cara da pica grande e grosa asitidocontos porno casada abusada no assalto no acampamentocontos eroticos sentada no colo do.velhotive dar para um dotadoContos eroticos de incesto familia incetuosa em um gang bang no sitioContos heroticos esposa quer muitas picascontos eroticos com mastim napolitano gozando em meninaconto de botei a novinha pra chora com a pica grande no cucontos eroticos encoxadas no busao por mulherescache:CR2s6nKZoKEJ:mozhaiskiy-mos.ru/conto_17928_iniciacao-bi-sexual-em-familia.html padastro vio a enteada de bebidou e pateu uma poeta xvidiocontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentecontos eroticos tres homens uma mulhercontos eróticos mulheres p****conto erotico putinha desde novinhaCONTOSPORNO sapecacontos fode mesmovideos de cornos que chuupamcontos eróticos infânciacomo alisar minha mae para conseguir transarcontos eroticos de primos com primas que engravidamcontos eróticos mulheres vadiascontoseroticos madrastconto erotico de faxineira casada safadacontos eróticos cdzinhacontos eroticos arrombando a gordafilme com historia de erotico de tiozinho taradaonoiva fabiana cu pra 5tranzando com o cavalo enquamto meu pai se masturbacontos duas gostosas dando o cu para um cara pausudocontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentecontos eroticos sobre gay arrombado pelo bombeirocontos eróticos fode ai rebola vadia isso abre isso aí que pau grandecontos eroticos com fotos de mulheres casadas que foi violentada por bem dotadoscontos eróticos comi minha vizinhanao era pra gozar maninho to gravida conto eroticoSou agora casada com meu ex primo viuvo conto eroticoEu contratei uma garota pra ela ser meu presente de casamento eu e ela e meu marido fomos pra lancha conto eroticocontos sem calcinhaeu e a amiga da esposa contocontos eroticos na infanciasempre fui safadinha contos corno agradando os outros com a esposa contoComo e bom fuder com o velhinho contoscontos exitantes eroticos deixando os velhos me chuparConto eu peguei meu genro me brechando no banhochupando coroa empinadinha boa de f***contos erotico fis boauetes nos amigs de meu marido e ele nem sabecontos malicia incestuosaarrombada no rodeio comtosconto porno crente coroa casadacontos eroticos depilando a bucetaContos eroticos pega a força por pmvelha boketeira x vidiobem novinha ja fazia gamg bamg contos eroticosmoleque no ônibus contos eróticos gayContos quero goza muito na minha filha quando ela nascedesvirginando a clarinha contoscontos eroticos de mae chupandoconto gay virei viadinhotia casada dando j cucontos gay afeminadospolicial feminina contos eroticosminha cunhada casada estava sozinha na noite em casa contoscontos não resisti ao cacetaoConto erotico acordei com um estranho me comendocontos família liberalrelatos eroticosde portuguesas de noVinhas menina abrindo a buceta saindo gosocontos eróticos chantagiei estrupei minha irmazinhacontos porno eu e minha mulher curradosconto de sexo com o pai ou irmão ou tiocontos eroticos arrombando a gordaConto erotico revistando bundudaContos eroticos picantes arrombado novinhotirei o cabaço do meu irmaona viajem de trabalho a mulher transa com o chefe e gostou contocaralhudo contocorno mijado contos