Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

A CARONA DO PRAZER

A CARONA



Chamo-me Breno e como vendedor de moda intima em uma região extensa no meu estado tenho que viajar bastante, e isso faz com que de vez em quando eu sempre de carona pra algumas pessoas nas estradas. Apesar de ser perigoso, gosto de conhecer pessoas e de conversar, e sempre surge alguma novidade legal, sem contar que muitas vezes a gente acaba conhecendo e transando com muitas mulheres. Tenho 29 anos, moreno, corpo legal, um penis tamanho normal, enfim um cara que as mulheres gostam e tenho uma vida sexual bem ativa. Namorada firme nem pensar...todas querem te agarrar pra casar.

Estava vindo de uma reunião na fabrica sobre lançamentos da nova coleção de verão quando ao sair da cidade ao parar em um posto de gasolina, apos encherem o tanque de combustível, já estava escurecendo, devia ser quase umas 7.00 hrs da noite, quando uma morena alta de cabelos longos, um belo corpo deu com a mão pedindo carona. Na hora pensei em deixar pra lá, acelerei o carro, mas em segundos pensei que como estava cansado e a viagem ia ser longa até minha cidade, achei que seria

bom pra distrair e não ficar com sono, apesar de que nem imaginava pra onde a carona estava querendo ir. Parei o carro e logo a morena chegou do lado perguntando se poderia levá-la e quando eu perguntei pra onde ela estava indo ela sorriu dizendo que era pra cidade da placa do meu carro...e se eu não desse carona pra ela...ficaria muito triste comigo...Rss.

Gostei do sorriso e do raciocínio rápido dela e disse brincando:

-Tá bem morena...vamos então...entra...apesar de que não gosto de dar carona pra mulher bonita...

-Por que moreno...não entendi...gosta das feias?

-Não...rss...é que quase sempre....a viagem demora....mais...não sei por quê...RSS.

-já vi...que vc é safado...heim...cuidado...eu sou uma menina muito brava...sei lutar artes marciais...vc pode se surpreender...rss

-que medo...não tem problemas...de uma morena bonita como vc...a gente não liga de levar umas tapinhas. Rss.

Caímos na gargalhada juntos. Ela entrou se acomodou e disse se chamar Carla...segui a viagem e começamos a conversar. Eu

devagar ia reparando naquela morena gostosa sentada ao meu lado...Apesar da calça jeans dava pra perceber umas coxas grossas, um bundão, seios enormes, boca carnuda e o que me chamou a atenção desde o inicio era a voz da morena, grave e sensual. Foi então que depois de uma hr de viagem, praticamente já estávamos bem entrosados parecendo sermos amigos há tempos que resolvi perguntar em que ela trabalhava e ela me respondeu que fazia performances e danças eráticas em boates. E foi ai que a conversa começou a se tornar bem esclarecedora, principalmente pra mim...

-Breno...me fala uma coisa...vai me dizer que vc não percebeu...o que eu sou... de verdade?

-como...assim...que vc é uma garota de programa? Não to entendendo...

-vai me dizer que vc tá achando que eu sou garota mesmo? Vc não percebeu que eu sou uma travesti?

Fiquei por instante mudo...eu não sabia o que dizer....um cara tão vivido quanto eu....realmente sá naquele instante caiu a ficha,

a voz...e respondi sorrindo:

-Carla...realmente te achei diferente...mas eu achei que vc era mulher...com certeza...Rss...mas não tem problema não!

-Adorei saber que fui confundida com mulher...por vc...sinal que estou bem...um cara que vive viajando e vendedor de lingerie!

-eu...realmente...em tudo vc é mulher....bem feminina...mas....mas...e...lá...vc é...operada?

-claro que não...Breno...nos meus shows...travesti sem pau...não ganha nem pro café...rss...tem que mostrar...bem duro...rss.

-é...Carla...vivendo e aprendendo...eu já vi várias travestis nas ruas...mas vc é bem mais bonita...mais feminina...até tua voz eu achei sensual...mas...vc também...esconde bem...não aparece nada...ai na frente....parece uma bucetinha um pouco gordinha.

Ela riu e brincou dizendo que se eu quisesse depois ela me mostrava a “bucetinha”...eu também ri meio sem graça...mas ficou tudo tranquilo...depois da nossa conversa...Logo paramos em uma lanchonete a beira da estrada pra tomarmos um lanche e irmos ao banheiro...e brinquei com ela dizendo se ela iria ao banheiro comigo...e então ela disse:

-moreno...não fica brincando hein...estou começando a achar que vc tá muito curioso...hein...mas...eu vou no banheiro feminino.

-sá...perguntei...morena...não fique nervosa...rss...sá to brincando...rss...pode ir...

O lanche foi rápido e logo seguimos viagem, ainda faltava um longo trecho. Mas durante aquela parada deu pra reparar bem que Carla era uma travesti muito bonita...linda mesmo...se colocasse um vestido então...ia ficar mais gostosa ainda...coisa de louco

...eu senti que meu pau...ficou querendo dar sinal de vida...rss. Mas durante a sequência da viagem tentei parecer que estava tudo normal...mas foi então que Carla disse com malicia:

-e ai moreno...ficou diferente comigo é?...tá com receio de alguma coisa?

-porque Carla...pra mim não mudou nada...tá tudo bem...diferente como?

-antes, vc ficava passando a mão...bem discreto...nas minhas pernas...no meu braço...depois vc...não pegou mais...confessa...

ficou com medo...de que?...eu tava gostando de sentir....seus dedos ligeiros...moreno...rss.

-não...não é isso...Carla...não sei por quê...é que nunca fiquei assim com uma travesti...tão bonita...fiquei meio sem saber...mas eu agora pouco...tava pensando em vc...com um vestidinho...como ia ficar mais bonita ainda...

-qualquer dia....vc pode ver...é sá ir ao show que eu faço...ou....quem sabe...eu resolvo te mostrar antes... se vc não ficar com medo de mim...rss.

Eu sorri timidamente e ela então me fez um carinho passando a mão em meus cabelos e em minha nuca...e disse sensual:

-não precisa ter medo...moreno...eu não arranco pedaços...sá dou mordidinhas de carinho...adoro dar mordidas de leve em uma bunda carnuda de homens...bonitos...iguais vc...

Ela chegou bem pertinho e me beijou o pescoço, e levou uma mão até meu pau e continuou:

-Deixa eu pegar um pouquinho no teu pau...pra mim sentir...posso moreno?

Eu sentia que meu pau já tava duro....e balancei a cabeça concordando rápido...sá me concentrando na estrada...rss.

Ela pegou e começou a alisar...meu pau...e beijando meu pescoço e minhas orelhas...dizendo bem safada:

-Nossa como o pau do meu moreno tá durinho...tá com tesão...por mim...não é gato gostoso...

Eu não aguentei e parei o carro no acostamento da estrada e sem pensar em mais nada...beijei aquela delicia boca...deslizando a mão por todo corpo daquela gostosa...apertei aqueles seios maravilhosos...ela gemeu e disse toda safada:

-aii..que delicia...pega em tudo...macho gostoso...assim que eu gosto...que boca gostosa...

Ficamos nos beijando e nos acariciando por alguns minutos...sá não peguei no meio das coxas dela...mas logo sai dali e seguimos em frente, era perigoso ficar ali.

Passava da meia noite quando cheguei à minha cidade...durante o restante da viagem Carla foi me deixando completamente tarado ...tirou meu pau pra fora das calças e ficou pegando nele...e algumas vezes dava umas mamadas de leve...e ao notar que chegávamos ela perguntou toda safada:

-e ai...moreno gostoso...vai me deixar no hotel ou vai querer me levar pra sua casa...vc disse que morava sozinho...eu posso te mostrar como fico de vestido e fio dental...tem coragem...gato?

-Claro que sim...ainda mais do jeito que vc me deixou...meu pau tá até doendo de tão duro...sua safada...rss.

Cheguei em casa...guardei o carro na garagem e entramos...já na maior pegação...mas Carla então disse toda sensual:

-meu gato gostoso....vamos fazer direitinho...vamos tomar um banho delicioso...e eu vou colocar um vestidinho e uma calcinha bem linda...eu vou dançar sá pra vc...vc vai adorar...

Tomei um banho bem demorado...tentando dar uma relaxada...a presença de uma travesti ali na minha casa...deixava-me muito

excitado...sai do banho sá com uma toalha enrolada no corpo...sentei no sofá e fiquei aguardando aquela beldade aparecer na sala. Quando Carla apareceu...estava deslumbrante, um micro vestido vermelho que deixava aquelas pernas longas e torneadas exuberantes...um sapato de salto altíssimo...fazia com que sua bunda maravilhosa ficasse ainda mais arrebitada...os seios qua-se saltando pra fora do decote...demais...a musica que vinha do aparelho de som era bem sensual e ela começou a dançar... sentado no sofá eu ficava de boca aberta...e de pau completamente duro...ela rebolava devagar quase sentando no meu colo...

em uma destas quase sentadas...tirou minha toalha me deixando completamente nu...logo ela se ajoelhou na minha frente e co-meçou a chupar meu pau com muita volúpia...ela engolia todo ele...não era grande...tinha um tamanho normal...de vez em quan-do colocava minhas duas bolas dentro da boca...e fazia sucção de uma maneira que eu nunca tinha sentido....sem perceber a safada levantava minhas pernas e senti pela primeira vez sua língua deslizando no meu cuzinho...eu quis fugir daquela sensação estranha...mas isso durou apenas alguns instantes a tentativa de fuga. Quando a língua quente e úmida da Carla penetrou den-tro do meu cuzinho...passei a rebolar sem parar...e gemer despudoradamente. A safada sabia como deixar um “homem” louco... ela colocou meu pau todo inteiro na boca e chupava com maestria...a língua no meu cuzinho tinha sido substituída por dois de-dos enterrados nele...eu rebolava como louco...em instantes dei um grito e gozei como nunca tinha gozado em toda minha vida heterossexual. Ela engoliu toda minha porra...e nos beijamos ardentemente. Depois de alguns minutos eu comecei a me recupe-rar daquelas fortes emoções. Carla tinha tirado o vestido e estava apenas com uma pequena calcinha vermelha...um grande volume na frente era a única coisa que fazia com que ela não fosse realmente uma mulher...a cada instante eu olhava entre suas coxas...querendo ver...o que existia realmente...não tinha passado a mão ali ainda...Carla com certeza devia saber como lidar com homens como eu...sem experiências nenhuma...e agora era eu que era conduzido pelas vontades de Carla. Ela se sentara no sofá....colocara-me ajoelhado entre suas pernas...ela beijava minha boca e fazia eu chupar seus seios dizendo toda sensual:

-isso...assim moreno...chupa meus seios...mama gostoso...passa a língua na minha barriga...bem devagar...assim...meu gato...

A calcinha com aquele volume cada vez maior continuava ali...eu fazia tudo que ela mandava...ela gemia...bem safadinha...com certeza ela estava me deixando muito mais excitado...e então quando ela me deu um beijo bem mais prolongado sugando minha língua com força...fez com meu rosto deslizasse colado em seus seios enormes...quando cheguei a seu umbigo...tive uma surpresa....ela tinha tirado a calcinha sem que eu percebesse...e entre suas coxas havia uma pica enorme, grossa e completamente dura...a cabeça vermelha estava toda úmida...bem molhadinha...eu fiquei por instantes olhando admirado...era quase o dobro do tamanho do meu pau...e Carla então sussurrou sensual em meu ouvido:

-põe na boca...moreno...chupa...chupa gostoso...vc vai gostar...eu sei que vc quer....chupa...bem gostoso...

Quando pensei em dizer alguma coisa...Carla pegou minha nuca com uma mão e com a outra levou aquela pica enorme até mi-nha boca e enfiou-a entre meus lábios...sem perceber...comecei timidamente a chupar...e ela dizia sussurrando:

-Isso...isso...assim....meu gato...chupa gostoso...mama no meu pau...vc vai adorar...chupa com vontade...mostra que vc gosta...

Ela fazia o que queria de mim....eu deixara de ser macho...transformara-me em um viadinho...fazendo-me ficar um pouco de lado enquanto enfiava aquela pica imensa dentro da minha boca...fazendo-me engasgar...ela já enfiava uns 02 dedos no meu cuzinho novamente...eu rebolava novamente...e ela sabendo que eu tava completamente dominado dizia toda safada:

-Que boca deliciosa....tem o meu moreno...aprendeu rápido a chupar meu pau...parece que nasceu pra isso...que cuzinho gosto-so...eu adoro sentir seu cuzinho mordendo meus dedos...ja já quero sentir morder meu pau...vou te comer gostoso...quero ver o viadinho moreno....rebolando gostoso...na vara da Carla...fica de quatro viadinho...que vou te comer agora...

Eu tentei resmungar alguma coisa...mas ela me deu uns tapas bem fortes na bunda...e disse bem firme:

-fica de quatro...viadinho...deixa de frescura...senão eu vou embora...vc tá doido pra sentir minha pica no teu cuzinho...ja sentiu o gosto dele na boca...agora vc o quer todo na bundinha....cala a boca...vou te comer....agora....seja bonzinho...vc tá doido pra dar pra mim...vou satisfazer seu desejo...vc vai gozar...pelo cuzinho...bem gostoso!

Nem percebi que fiz o que ela queria...de quatro com a bundinha toda exposta...Carla me deu umas linguadas...pra lubrificar...e quando senti aquela cabeçona na portinha do meu cuzinho virgem...pensei em desistir...mas ela nem deu tempo pra nada...foi enfiando aquela vara grossa e enorme na minha bundinha com firmeza...sá parou quando senti o saco dela encostado-se à minha bunda. Eu gritei de dor mas ela me segurou firme pelos quadris...e apás deixar eu me acostumar com aquilo tudo enterrado em mim....começou a enfiar e tirar bem devagar...logo...minha dor se transformou em prazer e devagar comecei a rebolar naquela vara dura como aço...ela então dizia toda safada:

-que delicia de cuzinho...tem o meu viadinho moreno...assim....rebola...minha putinha...isso...vou encher este cuzinho de porra...

vc vai viciar....em pica seu viadinho safado....rebola minha putinha...que cuzinho gostoso....vou gozar...

Eu gritei de prazer e gozei sem pegar no meu pau...ao sentir meu cuzinho ser inundado de porra quente...ela gozava sem parar.

Sentir o calor daquele liquido dentro de mim...fez-me sentir um prazer tão inacreditável que com certeza eu iria querer repetir sempre...Carla ficou em minha casa durante os 3 meses que trabalhou na boate...nás transavamos constantemente...eu adora-va sentir aquela pica grossa na minha bundinha...e depois que Carla foi embora passei a procurar outros travestis...de prefe-rência que tivessem paus enormes.

Viciei....rss.



======================OTC====01052011==========CLUBE DO [email protected]====REV============

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


contos lesbic de patroas seduz secretaria para um transa lesbcontos eroticos pagando divida do filhoele me seduzio e quebrou meu cabaço historeas reaisComtos mae e filha fodidas pelos amigos do paicontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentecontos eroticos com fotos de mulheres casadas que foi violentada por bem dotadoscontos eroticos de meninas que ja perdram a virgindadecomendo a dona da locadoracomi minha cunhada, contosminha amiga sapa e eu chupando contocontos nascendo pelinhosconto a ninfeta sendo enrabada pelo o tioXoxota contosContos eroticos fui a putinha desde pequeninhasexo aos14 pornodoidocontos er¨®tica lesbicosnao resisti a buceta da minha maecontos eróticos de gays novinhos bonitos loiras namorado com muitos beijos namarido chupando a x*** delacontos eroticos dormindo incestorolas grandesno cu e gritosporno fetiche dar mendigosvídeo de pornô com as moletinho as mulatinha pornô vídeos sexocoroas donas marta,bundudasContos eroticos esfregando a bunda da menina gordinhacontos eroticos gay mulherzinhaFilha babando pau do pai contoseroticosgritei gemi na rola grossa contos eroticos incestocontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentegozando no pau do velho contos eróticoscontos eroticos,peguei minha filha e sua amiga transandocontos eroticos rex meu donoconto de não aguentei a pica grande no meu cucontos eroticos gay meu tio de dezenove anos me estuprou dormindo quando eu tinha nove anosvídeo de sexo de duas mulher gulosa beijo gosmentocontos usando plug o dia todo e anel no sacochupou tio i phoneencochada com vestido fino crentinhacontos eroticos soniferoprofessor cacetudo comendo o cuzinho do menino afeminado no banheirocontos porno casadas o negrinho safadoHistórias eróticas verídicas tesão entre mâe e filha menina incestofetiche mulher atola cueca no rabo do caracache:GAEDmAeFVBUJ:okinawa-ufa.ru/m/conto_18319_fodendo-gostoso-minha-paciente.html Quero o pau do meu filho no meu cumostrei os meus seios webcamcontos eróticos eposa e amigocontos quase bicontos sexo eu meu marido e meu filhocontos no cuzinho da crentecontos meu cuzinho aberto escorrendo porraContos filha de 7 com papaicontos eróticos CCBContos eroticos currada no onibus de fio dentalcontos com fotos esposas com a buceta cheia de porra de negrosconto trepada fortecontos pediu uma massagem e acabei comendoContos eroticos novinha estuprada pelo borracheironua e corpo inteiro melado de margarinaCantos erótico minha irmã grito quando estava cumendo elacontos eroticos de cornos e veiascontos eroticos arrombando a gordaconto erótico de zoofilia vários filhotes xupando minha bucetacontos eroticos arrombando a gordameu sobrinho pau contoscontos veridico uma maluquice com meu marido e um travesticontos eroticos pique esconde com tiaputa entra em desepero ao gozar esegerada mentepegando hetero casado conto gaycomo fuder com banana verdeconto porno gay cinemaconto gaguei mas gostei de dar o cuContos de sexo... A mini saia mal cobria a bunda delasiririquei contocache:fvTAICqerA8J:https://mozhaiskiy-mos.ru/m/conto_20666_aconteceu-comigo..html contos porno a novinha inocente malhandocontos esfrega buc gozada corninho