Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

HOMEM CASADO X GAROTO DE PROGRAMA

Desde minha adolescência, tive uma inclinação para o homossexualismo, mas por medo, nunca tive coragem de experimentar ou tentar assumir. Na maioria das vezes, me masturbava utilizando peças íntimas de minha mãe e imaginando alguns de meus colegas de escola fodendo meu cuzinho virgem. Por um bom tempo, adotei a prática de introduzir objetos variados em meu ânus, simulando a penetração de um pênis. Hoje, sou um homem bem casado. Tenho 41 anos, uma esposa maravilhosa e duas filhas lindas. Porém, a vontade de transar submisso a outros homens sempre reaparece de tempos em tempos. Cansado de sufocar meus desejos masturbando-me baixando imagens e vídeos gays da internet, resolvo, certo dia, realizar meus sonhos mais depravados. No banheiro de um parque ecolágico de minha cidade, encontro o telefone e dados de um garoto de programa que afirma ter local para encontros e transas. Copio o telefone para meu celular e fico por algum tempo imaginando se devo arriscar ou não a ligar para o rapaz de vinte e poucos anos, que se diz chamar Carlos. Sá de me imaginar sendo possuído por um rapaz mais novo que eu, meu pau endurece sob as calças. Resolvo, então ligar e meu coração bate a mil por hora quando Carlos atende o telefone com sua voz máscula. Apás alguns momentos de conversa, acertamos o valor de R$50,00 e ele me fornece o endereço para o encontro. Como estou de férias, não tenho maiores problemas para deslocar-me até o local combinado, pois minha esposa está trabalhando e minhas filhas estão passando o dia com minha mãe. Chego em frente à casa de Carlos em um Bairro famoso da cidade. Minhas mãos tremem e penso em desistir, sabendo que este será um caminho sem volta, uma vez que será a primeira vez que traio minha esposa. Então, o desejo homossexual acaba falando mais alto em minha consciência e toco levemente a buzina. Carlos abre o portão e me convida a colocar o carro em uma vaga na garagem. Desço do carro trêmulo e Carlos percebe. Ele é gentil e me diz que se eu quiser desistir está tudo bem. Carlos é um belo rapaz, mais alto e mais forte que eu, condizendo com tudo que sempre sonhei em um homem em todos os meus devaneios eráticos. Eu digo a ele que está tudo bem e entro em sua casa. Sento no sofá enquanto observo Carlos ligar a Tv e colocar um vídeo gay para dar um clima, conforme combinamos por telefone. Carlos tira a bermuda e a cueca e senta-se ao meu lado. Enquanto o filme passa mostrando dois belos rapazes trocando carícias orais e anais, me excito e meu pau logo se endurece. Carlos quebra o gelo e coloca uma das mãos debaixo de minha camiseta, acariciando levemente meus mamilos. Ele beija meu pescoço suevemente e sussurra em meu ouvido, dizendo que hoje serei seu veadinho. Louco de tesão, não consigo mais me conter. Minha mão esquerda desliza pelas pernas grossas de Carlos e começo a acariciar seu saco e sua pica dura, masturbando-o nervosamente. Com a ajuda de Carlos, tiro minhas roupas e fico nú com meu amante sobre o sofá macio. Carlos senta-se com as pernas abertas e me manda chupar seu pinto. Começo timidamente lambendo o saco perfumado e minha língua desliza pelo pau avantajado do belo rapaz, contornando a cabeça avermelhada do pênis. Carlos geme de prazer enquanto chupo seu pau e diz que minha boca é maravilhosa. Então, ele segura firme minha cabeça e ejacula seu esperma dentro de minha boca, forçando-me a engolir seu néctar esbranquiçado. O sabor é estranho, mas o tesão me faz saborear cada gota do gozo quente que jorra abundante do pênis de Carlos. Agora, ele me leva ao seu quarto e me manda deitar sobre sua cama cheirosa e macia. Ele passa um gel nos dedos e começa a introduzí-los um a um dentro de meu cuzinho virgem. Meu anelzinho rosado pisca de prazer durante aquelas carícias deliciosas. Carlos, cheio de tesão, começa a chupar meu pau, enquanto seus dedos hábeis massageiam minha prástata. Quando estou quase gozando, ele pára, abre minhas pernas e arreganha minhas nádegas. Carlos posiciona a cabeça de seu pau lambuzado de saliva e esperma e força a entrada, dilatando meu ânus. Eu sinto dor durante a penetração e peço a Carlos para parar, mas ele tapa minha boca com uma das mãos, fazendo-me calar enquanto meu orifício é deflorado. Logo, sinto o saco de Carlos encostar-se em minha bunda e percebo que seu pinto de 18cm desliza suavemente dentro de mim. Carlos movimenta-se lentamente em suaves movimentos de vai-e-vem, deixando-me louco de tesão. A dor, agora atenuada, torna-se deliciosa misturada ao enorme prazer que sinto. Eu me contorço de prazer enquanto Carlos me fode deliciosamente e beija minha boca. Nossas línguas se entrelaçam no ardor da luxúria. Agora, Carlos tira o pau de meu cú e me leva novamente para a sala. Ele me coloca de quatro sobre o sofá e enfia novamente a vara em meu cú arrombado. Eu rebolo loucamente sentindo o pau entrar e sair e solto gemidos afeminados, sentindo-me uma putinha submissa àquele macho vigoroso, suplicando a Carlos para me foder com força. A fricção do pênis de Carlos sobre minha prástata, me faz gozar sobre o sofá. Carlos também goza alguns minutos depois e sinto seu sêmem derramar-se dentro de minhas entranhas. Apás o sexo delicioso, Carlos me olha nos olhos e diz que adorou a transa. Com um beijo na boca, agradeço meu amante por aqueles momentos maravilhosos, onde pude realizar meus desejos homossexuais mais intensos. Depois da deliciosa experiência, passei a solicitar os serviços de Carlos várias outras vezes, assim como também, de outros garotos de programa da cidade, com quem compartilho até hoje, momentos de puro prazer que sá homens sabem proporcionar nas delícias encontradas nos prazeres homossexuais.

Para quem tiver gostado e quiser me contatar para troca de experiências ou transa real, deixo meu e-mail abaixo.

[email protected]

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


meutio metirou cabacoconto erotico cunhada doente mentalbucetas carnudas grandes beicos casadas cornoscontos eróticos fizemos amor no carro delecontos gay bebado pairelato erotico calcinha fio dental da madrinhafiquei de bruço o negao se aproveitouconto erotico defia um diero comi ela pornocontos erotixos comi abuceta da minha irma cadeirantecontos eróticos de irmão comendo a irmã pequenininha novinhaesperei meu maridinho dormir rola grossacontos de tias viúvaarragassa a buceta no 69 e mete a boca a linguaconto madrasta tranformo enteado en travestimulheres nuas e cagando no cu da primamaesqUefaZemsexocontos eroticos sou casada tenho filhos meu marido otavio meu sobrinho parte 3conto etotico antebraco na vaginacomo botar o travesseirona buceta e sozinhacontos erotics maduras tias coroascontos eroticos de vendas passei gelo no corpo deleFazendo uma suruba coma sogra e o sogro contoscontos eroticos meu vizinho me bulinava gaymamadas seios contos coroasmeu pai fez minha mae mim dar a buceta na sua frente quando eu tinha dez anos contos veridicoscolo conto gayminha sobrinha eu vou sempre fuder ela no motel conto eroticoa massagista negao contosconto erotico sou uma coroa gosto de novinhoele era cheirosinho conto gaycontos lesbic de patroas seduz secretaria para um transa lesbMarido tem fantazia ver a esposa dar praum poney contos eroticoslouco pela minha prima contoConto gay com cantoconto esposa transa com marido se exibe pra molecadavelhos cafetao fudendo casadaconvencimeu marido a ser cornobucetao arombada de adivogada conto eroticoxoxota toda ardida com a madeira dentroContos iniciano as garotinhasdesde menino desejei ser enrabado por um velho bem safadocontos de sexo com casada coroaContos eróticos de Gay Fui Dormir na casa do meu Amigoconto teens de pau duro no calcao de futebol para a primamamando no genro contosvestindo de mulher e dando o cuzinho contoporno amador em festinhasparticularesComi minhas primas novinha e safadinha contocontos erotico esposa ezibeconto erotico dotado fortão acabando com a novinha casada e safadadei tanto minhA buceta no carnaVaL q to toda ardidacontos perdi minha virgindade com 25 anoscontos de mulheres ninfomaniaca por sexoritio adora meu cuasalto que.virou.suruba videosFui penetrado com violênciaConto de muitos machos para uma puta depravadacontos eróticos sendo filmadanovinho delirando na primeira gozadacontos fudelançaconto seduziu heteroConto de vadia de quatro no bar metendo com muitos machosbundonas de30anos no cucontos er deixa que levocontos eu e meu marido adoramos ir no cinema ver pornomorte porno gosando comemtiada fas sexo e masseje em padratocontos erotikos fui pagar o aluguel e comi o cu da donaconto só uso fio dental sou gaúchaContos eroticos minha mae e minha mamando no pauzao de oito negaos em um gang bang na academiacontos eroticos de negros na praia de nudismofodido pelo pegador do bairro conto gayconto erótico fodendo a mulher do professorgeovana tira a calcinha e da a buceta