Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

A TRAVESTI E UM ESTRANHO

Meu nome PCJ e tenho 19 anos, estudante e resido em Porto Alegre. Naquela noite por volta das 19:00h estava com muito tesão e com uma vontade de fazer alguma coisa diferente. Já havia saido com travesti antes, mas sabia que seria diferente e foi então que tudo começou.



Passei na casa da minha cunhada, Vanessa, para disfarçar e bater um papo com ela e foi quando aconteceu o que eu queria. Ela disse que tinha um compromisso e precisava tomar banho e pediu para que eu ficasse a vontade.



Quando ela fechou a porta do banheiro eu ouvi o chuveiro e no mesmo momento fui abrir sua gaveta de calcinhas que eu já conhecia muito bem. Vanessa era uma mulher gostosa, vaidosa e tinha roupas maravilhosas.



Escolhi uma calcinha preta bem pequena com rendinha nas laterais e uma meia calça também preta para combinar, escondi rapidamente no bolso do meu jeans esperei ela sair do banho e fui até o ponto dos travestis ver se achava alguém interessante e não precisou rodar muito que encontrei a Tais uma morena linha com 1,80 vestida com roupas esportivas, parecia uma gata fazenda sua caminhada para manter a forma.



Acertamos o preço e fomos direto para o driving. Pedi para Tais tirar sua roupa e ficar a penas de calcinha. seu pau estava meio duro por dentro da calcinha e fomos para o banco de trás do caro namorar um pouco. Nos beijamos, passava a mão em todo o seu corpo até que seu pau ficou completamente duro e enorme, 20 x 4 cm, era bem maior que o meu.







Comecei a massagear aquele pau e sem perde tempo cai de boca na maior vara que havia visto na minha vida. Tirei minha roupa e vesti minha calcinha preta com as meias, eram meias rendadas e estava me sentindo muito sexy. Coloquei uma camisinha no pau dela fiquei de quatro no banco traseiro do carro e disse para Tais que apartir daquele momento seria sua mulherzinha.







Tais ficou alisando minha bunda e esfregando seu pau por cima da meia-calça. Eu abaixei a meia e puxei a calcinha para o lado e ficou forçando minha bunda contra seu pau. Tais puxou um KY de sua bolsa e lubrificou bem o seu pau e com um dedo foi lufrificando meu anelzinho.







Seu pau era grande e doía muito, Tais consegui colocar apenas até a metade, eu estava desconfortavel e não estava curtindo. Nesta momento Tais segurou minha cintura e pediu para que eu relaxasse e simulasse que estivesse evacuando. Pareceu uma mágica porque seu pau encontrou o lugar certo dentro de mim e começou um vai e vem até que ela gozasse.







Vieram muitas coisas na minha mente, até a situação da minha cunhada estar fazendo sexo e vestindo aquela calcinha, é gostoso usar meia-calça e fazer sexo porque minhas prenas deslizavam uma sobre a outra e com isso eu ficava com mais tesão.







Tais deitou sobre o meu corpo, e relaxou e eu estava com tesão, mas meu pau estava bem mole. Estava com desejo de continuar sendo sua mulherzinha e foi quando Tais comentou que o programa havia acabado.







Fiquei de quatro com meu cuzinho aparecendo, estava com minha calcinha puxada para o lado e fiquei esperando e neste momento vi que um homem havia entrando no estacionamento do carro e começou a conversar com Tais, pareciam que se conheciam. Fiquei com vergonha e quando fui levantar ele pediu para que eu continuasse na posição porque ele tinha visto tudo e seu pau estava estourando de tesão.







Senti aquele estranho pegando na minha cintura e forçando a entrada da minha bundinha. Seu pau era menor e entrou muito fácil, senti seu saco batendo no meu. Ele ficou fazendo um vai e vem com força e ficou assim por alguns minutos. Ficava me chamando de putinha até que pediu para que eu virasse e começássemos um papai e mamãe onde ele beijava minha boca,lambia meu pescoço até gozar.







Tais já havia indo embora e quando o estranho saiu de cima de mim ele rapidamente subiu a sua calça e foi embora.







Fiquei aproximadamente meia hora sozinho e deitado no banco do carro.











Fui realmente uma mulherzinha naquela noite, não tinha gozado. Joguei minha calcinha fora e fui embora. Fui bater uma punhetinha no meu banho em casa

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


contos eroticos com cavalosenrabado no campingContos eroticos como chantagieiContos eroticos minha sogra me chantageou oara comelalambendo a calcinha da esposa safada contosminha mae morreu no parto e meu pai mim criou contoszoofilia bruda com mininascontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentecontos eroticos papai 40 amigas i eu arrumacu esfolada negao contosconto eroticos meu filho mecomeu dormindorelatos comendo o cu da crente na marracontos eroticos incesto fis minha nora chupar na maraWww.videos sexo selvagem com palmadas chineladas na buceta e na bundaconsultora pega a cliente e a faz gemer de prazercontos eroticos arrombando a gordacontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentecontos eróticos eu e minha mãe na praiacom doze anos fui brincar com meu amigo acabei sendo enrrabado por seu pai contos eróticoscontos eroticos esposa safada pintada de indiacontos eróticos minha namorada e amigo no banheiro juntoscontos tomei no cu gostosover video porno isaura vendo o marido traindo ela transando tambemMeu primeiro Hetero espoca hetero finalContoseroticos meninas novinhas virgem estupradas pelo tioe Deus que cavalo inteiro transando ai ele tem pinando amolecer botar a mão na orelha Ela empinaconto erotico fraldario do mercadoviuvo fode filho gay contoconto erotico mamae viu eu comendo o papaicontos eroticos arrombando a gordaContos eroticos o professor de quimica me comeu varias vesses e tirou minha virgidadecontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crenteelas chuparam meu pau.contos de incestocontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentedando desde pequeno contos eroticos gayscontos gay fui comida por um cachorrocontos/meu primeiro broche e fodacontos eroticos com subrinhasbrinquedos eróticos para estender o buraco do anuscontos eroticos timidas coroasminha amiga pervertidacontos eroticos incesto fazendo minha filha gozar no meu paucontos chupando o pau do tio da creccontos eroticos.de coroa.de 47anos.fudendo com gordinh.de.20casada e o tarado contosContoseroticosdevirgemscomo se comportar na primeira transa com colega de trabalho contos eroticos escravizou minha namoradacache:HVsxZOrs15AJ:http://okinawa-ufa.ru/m/conto_12619_quando-eu-dei-pela-primeira-vez.html+"dei pela primeira"contos erotico comi cu da tia no conventozoofilia gay extraordinárias bizarrosso mrninas na mastubando n causinha toda melada video mobilcontos gozando em menina de 08anos sem calcinhaMelhores contos eroticos sobre bem.dotadoContos fudendo a bucetinha apertadacontos de machos que tomou atitude e ficou bem safadinhoflagrei meu pai cheirando minha calcinha nijadatiti do cu apertado emncontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentehistorias porno reais de chantagem com sograsesposa na pescaria contoTenho uma tara incrível em ver mulheres lutando e foi com muito custo que consegui convencer minha então noiva a se atracar com mulheres semi nua, e em algumas lutas completamente nua, para o meu prazer. às vezes fico com peso na consciência pois oContos porno meu amigo pintudo arrombo minha esposacontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crenteA obesa bebada caida de short contocomi minha mae no caminhão do meu pai contos incestostransformação contos eroticos3negros-_contos eróticoscontos eróticos teen apostacontos eroticos minha mulher me castiga apertando minhas bolascontos com fotos de zóofilia de casadas que curte sexo com animaiscontos eroticos fodi minhas enteada gemeas