Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

MINHA SOBRINHA LUNA !!!

Ola amigos, acho que esse meu conto deveria ter sido publicado na categoria de INCESTOS e nao em fetiches !!!

caso possa ser publicado em INCESTOS !!!

AQUI VAI ELE DE NOVO







Minha sobrinha LUNA !!!



Minha sobrinha LUNA !!!





Começarei descrevendo essa deusa do amor ...

Ela tem a pele muito clarinha, branquinha mesmo, muito macia, bem cuidada, sempre muito cheirosa e sorridente, olhos castanhos escuros, profundos e envolventes, lindos e que dao muita felicidade a quem tem sorte de receber uma olhada, cabelos castanhos, tipo marrom, alta e linda, ela tem 72 kg distribuidos pelo seu maravilhoso corpo o que dá a Ana um tipo delicioso de corpo mignon, seios grandes,

nao enormes, mas grandes e deliciosos, firmes com os biquinhos pequenos e redon-dinhos, firmes, duros mesmo, empinadoes, sempre chamando uma boca avida de mamar como a minha, para chupa-los ate nao mais aguentar, as pernas sao lindas, roliças e firmes, as coxas, ummmm, as coxas, sempre me dao muito prazer em pensar nas coxas dela, que estao sempre esperando-me, para abri-las e me acabar, tudo isso sustentado em cima de uns pezinhos deli- ciosamente lindos, numero 37 e que fariam qualquer pedola- tra ficar louco de desejo por eles ...



Quem a ve, durante o dia, compor- tadinha, se comportando como uma Lady, que ela é real- mente, toda certinha, adimirada por todos, mas mantendo a devida distancia que merece, mas o que ninguem imagina, sao as lan-geries que ela usa debaixo daquela comportada vestimenta, ela adora usar soutiens meia taça, daqueles que deixam os lindos seios dela, atrevidamente maravilhosos,

as calcinhas, ummmm, sempre limpinhas e de rendas, lindas ...



Ana Lunas, minha querida sobrinha, linda, branquinha, filha de meu irmao mais velho e que sempre foi muito agarrada a mim . para minha grande alegria, Aninha veio passar o fim de semana em meu sitio, em Teresopolis . Em uma sexta feira de tarde, ela chega com meu irmao e minha cunhada, sem avisar nada, eles chegam e ela vai direto ao meu escritorio, onde eu trabalhava em um projeto que teria que entregar na segunda feira ... meu sonho sempre foi a menininha do cole-gio, com aquele uniforme que tanto me encanta e la vem Aninha, justamente assim pois tinham vindo dirteo depois do colegio dela, sem se trocarem e ela, assim estava de uniforme colegial e veio direto correndo e se jogou em cima de mim, que delicia, eu ali sentado e ela linda e cheirosinha, com aquele perfume juvenil a me abraçar e a me beijar no rosto, bem pertinho da boca, assim no cantinho da boca ... TIO, QUAN-TA SAUDADE DE VC ... ela frisa isso e me aperta contra aquele seio delicioso, com os

biquinhos durinhos, e eu a aperto contra o meu peito e aproveito para colocar a mao boba em sua bundinha deliciosa por cima da saia, mas ela, justo nessa hora, me agarra pelo pescoço e a minha mao entra por debaixo de sua saia e eu posso sentir a sua calcinha de renda em minha mao e eu sinto ela soltar um suspiro, quando eu delicadamente aperto uma das bandinhas de sua bundinha durinha dissimuladamente..

mas para nao assustar demais a minha querida menininha, eu retiro rapidamente a mao e a coloco sentadinha em cima de minha mesa de trabalho e a fico adimirando ...NOSSA, COMO VC ESTA CRESCIDA ANINHA ... JA ESTA UMA LINDA MULHER ... qual a garotinha, da idade dela, que nao gosta de ser com- parada a uma mulher adulta, pois o que mais irrita a uma menina é ser chamada de criança e eu que nao sou bobo

a chamei de uma maravilhosa mulher, e ela toda sorridente disse ... SAO SEUS OLHOS TITIO ... MAS EU ADORO SER CHA- MADA ASSSIM, AINDA MAIS PELO SENHOR, QUE EU TANTO ADORO ...ai nesse momento o meu pau já está para lá de duro, quase rasgando o short que eu usava naquele momento ... é foda vc ter uma menininha linda daquelas ali sentadinha na sua frente e com aquelas coxas gossas 'a mostra bem alí na minha frente ...ai nao sei o que deu na Aninha, que ela, nao sei se de proposito ou nao, fingindo se desiquilibrar, tombou para o lado e abriu as perninhas, deixando a mostra a calcinha branquinha de rendas, que me deixava antever a sua bucetinha linda, de lábios grossos, coladinhos, que lindo, a bucetinha de minha sobrinha, que maravilha que eu estava vendo, mesmo que por uns poucos momentos, mas deu para que eu visse como estava maravilhosa a minha pequena sobrinha ...ai eu vi que era de propásito que ela estava assim de perninhas abertas, pois logo a seguir ela fecha as pernas e entra meu irmão dizendo ... E AI MANO ? ESSA SAPEQUINHA JA VEIO TE PERTURBAR ? ... me levantando digo pra ele abra- çando-o ... QUE NADA MANO ESSA MINHA SOBRINHA SO ME DA ALEGRIA E SATISFAÇAO ... nisso Aninha pula de cima da mesa e me beija de novo, so que dessa vez, no rosto, provando a sua Mali -cia no primeiro beijo de canto de boca ...dali saimos os tres abraçados com ela no meio e dizendo ... QUANDO EU CRESCER, QUERO TER DOIS NAMORADOS LINDOS ASSIM.

rimos os tres a nao mais querer e fomos para a sala onde estavam a minha esposa e minha cunhada ...como ja era tarde, eles foram para o quarto de hospedes e Aninha pra o quarto de nossa filha que estava viajando e portanto a minha querida sobrinha podia ficar em seu quarto e o meu irmao e sua es- posa podiam ficar a sás no quarto de hospedes ... subiram, tomaram banho e voltaram para o jantar ... meu irmao de ber- mudas, minha cunhada com uma saia e blusa e Aninha ... nossa ... parecia que queria me provocar ... vestia um vestidinho branquinho de alcinhas, soltinho, sem soutiens e com os peitinhos lindos, soltinhos, com os biquinhos eriçados, durinhos, lindos e maravilhosos, como a implorar por minha boca que já estava ávida de vontade de chupa-los ... eu tentei nao olhar para ela mas ela parecia disposta a me testar e ai foi até dificil me aguentar quando ela vindo em minha direçao, me abraçou e me perguntou no meu ouvido se ela estava cheirosa ... e eu dando uma cheirada em seu pescoço lhe disse ... VOCE NAO DEVIA FAZER ESSA MALDADE COM O TITIO ... ai ela me olhando dentro de meus olhos, pergunta de novo ... VOCE NAO RESPONDEU TIO ... ESTOU OU NAO BONITA E CHEI- ROSA ? ... nisso os outros tres tinham se afastado, rindo, em

direçao a sala de jantar e eu a olhando de frente lhe disse ... OLHE MINHA NAMORADA LINDA, VOCE ESTÁ MUITO MAIS LINDA E CHEIROSA DO QUE PARECE ... VOCE ESTÁ MARAVILHOSAMEN- TE DESLUMBRANTE ... e dizendo isso a abraçei e ela se achegou em mim com muita vontade e se colou em meu corpo, que na mesma hora o meu pau ficou como uma estaca de tao duro e ela, sentindo isso, apertou o seu corpo de princesa contra mim, fazendo força com a sua bucetinha em cima dele e disse ... TITIO, TE ADORO MUITO, SABIA ? ... e nisso me deu um selinho delicioso no qual pude sentir a quenturinha de seus lábios juvenis ... nisso minha cunhada diz ... LUNA, DEIXE SEU TIO EM PAZ, MENINA ... e ela se soltou e saiu rindo e olhando profundamente dentro de meus olhos e dizendo ... TIO, VOCE ACHA QUE TE PERTURBO ? e eu disse sem pensar muito no que dizia ... VOCE SO ME DA PRAZER, MINHA PRINCESINHA LINDA ...ai ela se desmanchou em um sorriso lindo e radiante e fo- mos para jantar com os outras que ja estavam sentados à mesa, rindo e falado sobre amenidades ... nes-se clima de descontraçao total, nás jantamos e depois tomamos café e ela acabando com a sua coca-cola, disse ... TIO, DEIXA EU EN- TRAR NA INTERNET, NO SEU ESCRI -TORIO ? ... como podia eu negar algo àquela menina linda que desabrochava como mu

lher ? ... e minha esposa e minha cunhada ainda deram força para que eu deixasse e que eu mesmo fosse ate la para ligar o micro para a gatinha navegar ... VAI LA CUNHADO E DEIXA ESSA SAPECA FICAR LA, ASSIM ELA DEIXA A GENTE EM PAZ ... e minha esposa ainda emenda ... VAI LA AMOR E ENSINA OS MA- CETES A LUNA ? no que eu disse ...QUERIA CONVERSAR COM O MANO ... mas as coisas quando estao predestinadas, nao tem jeito, tem que acontecer mesmo ...o mano disse logo ... VAI MANO, DEPOIS A GENTE CONVERSA, POIS A LUNA VAI TE EN- CHER O SACO ATE CONSEGUIR O QUE QUER, ELA É ASSIM MES- MO ... no que eu disse ... JÁ QUE É ASSIM, VAMOS ANINHA ? ... no qual ela sorrindo, se agarrou em meu braço e fomos para o escritário pa-ra entrar na net ...já dentro da sala, ela me per- gunta ... TIO, EU TE ENCHO O SACO ? no qual eu respondi de imediato ... QUE QUE É ISSO, PRINCESINHA, VOCE SÓ ME DA PRAZER, JÁ TE DISSE ISSO ... e ela rindo disse ...É QUE O SR DISSE QUE PREFERIA CONVERSAR COM PAPAI, INVÉS DE FICAR COMIGO ... rindo, eu disse para ela que nada no mundo, hoje, me daria mais prazer do que ficar com ela ... isso saiu espon- tâneo, sem nem ao menos eu me dar conta disso ...liguei o micro e ela logo se instalou na cadeira em frente ao micro, di- zendo ser a titular daquele lugar e rindo muito ...

Nossa, ninguém imagina o que é ser um homem maduro e ter uma garotinha linda, cheirosa, novinha e maravilhosamente sensual, ali sentada na minha frente e eu com os pensamentos mais libidinosos possíveis em relação a ela ...

Me acheguei até ela e começamos a navegar ... aquele vestido larguinho e vaporoso, me deixava ver os seios deliciosos e lindos de Ana, minha querida sobri- nha ... sem soutiens, livres, aquele vestido de tecido fininho, me dava a visao de todo o seu seio ... com os biquinhos duri- nhos ...me levando à loucura por aquela visao em que eu me hipnotizava, ela ali teclando e eu embasbacado me deliciando com aquela menina ali sentada ... de repente ela me pergunta ... TIO, DEIXA EU ENTRAR EM UM SITE DIFERENTE ? ... perguntei a ela ... QUE TIPO DE SITE MINHA MENININHA QUER ENTRAR ? e ela me diz que gostaria muito de entrar em um site desses ...de adultos, O SR SABE QUAL NE TIO ? ... eu me fingindo de desenten-dido mas ja com um tesao incontido, pergunto a ela ... QUAL SITE VC QUER ENTRAR ? e ela diz que queria conhecer um site de sexo ... um site em que os adultos ficam vendo as " COISAS PROIBIDAS" e eu, rapidamente assumo o controle do micro e entro em um site sexo bem quente e de cara abre uma foto em que uma menina chupa um pauzao de um cara ... nossa, ela ficou vidrada com aquela cena e eu fiquei vidrado em suas coxas que ficaram a mostra quando o seu vestido subiu, deixando a mostra uma calcinha linda, de rendinhas, branca, transparente, deixando eu ver uma buce-tinha gordinha, com os pelinhos começando a crescer e o que muito me impressionou foi que ela ao ver que eu estava vidrado em sua calcinha, abriu ainda mais as pernas e ai eu pude ver como era linda a sua bucetinha ... de lábios grossos e bem juntinhos e eu fui me arriando para poder ver mais de perto aquela visão maravilhosa, quando ouvimos che- gando gente ... eram os 3 que vinham entrando, mas ainda assim, ela me deu um beijo delicioso ... quase entro em cho- que com aquele beijo molhadinho ...e ela me diz baixinho ... TIO, VOCE É O MAXIMO E EU TE QUERO TA ? ... e ai os 3 en- traram pela porta e eu voltei a me compor e entrei em uma página comum...

Aquela cena não me saiu da cabeça, e depois de um certo tempo fo -mos nos deitar ... mas eu não conse- guia conciliar no sono e lá pelas 3 horas da manha me levanto e vou até a cozinha tomar água e como o meu quarto é no final do corredor eu vou andando e quando passo pelo quarto da minha sobrinha, fico excitado so pelo fato de saber que ali, atrás daquela porta está uma menininha linda e deliciosa dor- mindo ... coloco a mao na fechadura, mas desisto e continuo em direção da cozi -nha para beber a minha agua ... vou até o quintal e sinto aquele ar da madrugada a penetrar os meus pulmoes e me sento um pouco para desanuviar a cabeça, mas nao adianta muito pois a visão da calcinha de Aninha não sai de minha mente ... aquela visao da menininha de perninhas abertas, o vestidinho suspenso, aquela bucetinha linda, com aqueles labios grossos e magicamente juntos ... é demais e eu ali mesmo fico de pau duro, como uma rocha ... excitado des- se jeito, volto, entro em casa e vou indo bem devagar pelo corredor, mas a tentaçao é muito mais forte e eu pego na maçaneta da prota e dessa vez a abro, bem devagar, com um medo terrivel de que alguem da casa, ou mesmo a minha sobrinha, me vejam ... mas assim mesmo abro a porta e lá está a princesinha ... deitada ... de bruços ... de camisolinha curtinha que nao tapa aquela bundinha de meus sonhos ... e ela esta com a mesma calcinha, bran-ca e transparente que permite-me uma visao maravilhosa, pois ela esta de perni- nhas abertinhas e eu posso ver por tras, aquela bucetinha linda e maravilhos que tanto tem me perturbado ... o meu co- raçao parece que vai explodir de tanta força que bate..quero sair, ir-me dali, mas parece que estou preso ao solo por uma força misteriosa e que nao me deixa eu sair daquele quarto ... como a luz do corredor incide bem em cima daquela visao ma- ravilhosa, fico como que hipnotizado por aquilo ... o meu pau chega a doer de tao duro que ficou ... vou me achegando ... um medo voraz a me con-sumir as entranhas, mas a tentaçao de ver mais de perto aquela menininha linda com as perninhas abertinhas é mais forte do que tudo e eu me aproximo ... ela é branqui -nha e na sua xerequinha está nascendo uns pelinhos lindos e loirinhos, mas bem rali-nhos, como nas mulheres que depilam a buceta ... Já tenho na cabeça a desculpa de que entrei ali para cobri-la, se algo der errado ... me agacho na beirada da cama e fi-co olhando aquelas pernas abertas e aquela florzinha fechadinha, bem la no fundo das pernas da minha sobrinha ... tiro o meu pau para fora, pois nesse ponto a razão ja foi embora, deixando em seu lugar, o tesao e a loucura daquele momento ...fico olhando e tocando uma pu- nheta ... fico ainda mais ousado e vou me aproximando das pernas abertas dela e a sua bundinha está a apenas uns 2 centímetros de meu nariz e eu posso sentir o cheiro delicioso que emana daquela bundinha deliciosa ... sentindo esse per fume, esse cheiro de sexo e de prazer que emana daqueles dois buraquinhos deliciosos ali na minha frente, sá separados de minha lingua ávida de lambe-los, por aquela simples cal cinha transparente ... fico cada vez mais ousado e toco a sua bundinha com o nariz... NOSSA, QUE CHEIRO DELICIOSO ... vou deixando o nariz escorregar e chego bem na entrada daquela florzinha de amor e de sexo ...a cabeça está a mil ... nao consigo pensar em outra coisa que nao seja CHUPAR AQUE

LA FRUTINHA MARAVILHOSA QUE ESTÁ A MINHA MERCÊ ...continuo punhetando e meaproximo mais ainda da bucetinha dela... ela me dá a impressão de abrir ainda mais as perninhas, como a me covidar ao prazer, como a me convidar a beber daquele nectar que parece escorrer daquela flor fechadinha, pois dá até para se notar a umidade no rasguinho daquela bucetinha ... consigo afastar a calcinha dela e alí está, a meu alcance, ao alcance da minha boca e da minha língua ... toco aqueles labios grossos com a lingua e percorro a trilha dos prazeres da minha sobrinha ... UMMMMM .... QUE DELICIA ... ESTÁ TODA MELADINHA A XEREQUINHA DELA ... quando vou chupar com vontade, escuto uma porta se abrindo e me es condo no canto do quarto, apertando o pau, pois justo no momento em que eu sentia o melzinho escorrendo da xerequi nha dela, começava a gozar ... olho para a cama e Ana está coberta ... passa minha cunhada em direçao da cozinha ... olha para dentro do quarto... escuto ela descendo as escadas ... Ana está coberta ... ENTAO ELA ESTAVA ACORDADA ? mas nao dá para pensar nisso agora ... já pensaram ... EU ALÍ, APER TANDO O PAU CHEIO DE ESPERMA ?... saí rápido e entrei no banheiro do corredor e alí pude soltar o pau que jorrou porra pa

ra fora ... me limpei rápido e entrei em meu quarto, pensando ... ELA ESTAVA ACOR-DADA ...

tive um sono atribulado e acordei mais tarde do que os outros e quando me levantei, ela estava to mando café na cozinha ... entrei meio cabreiro pois nao sabia qual seria a sua reaçao, mas ela se levantou e veio me abra çar ... me aper-tando contra aquele corpo delicioso, coberto por um shortinho de malha, que realçava ainda mais aquela bucetinha gordinha ... OI TIO, SONHEI COM O SR ... disse ela ain-da abraçada a mim, pressionando a bucetinha contra o meu pirú, que respondeu na hora, ficando duro e ela sentin do ele, ainda dá uma esfregada forte nele antes de se soltar e se sentar de novo ... É MESMO ? ... perguntei eu ... FOI UM PE SADELO ? falei rindo e ela disse ... QUE NADA TIO, FOI UM SO NHO MARAVILHOSO EM QUE O SR .... ai ela para de falar pois entram todos nos chamando para irmos até a cachoeira curtir o sol que estava lindo ... SEUS DORMINHOCOS, O SOL ESTÁ LINDO ...

Tirando aquele nosso papo no café, o sabado passou sem novida-des, a nao ser a visao linda dela na cachoeira, de biquini que de tao pequeno, deixava à mos tra, as bandinhas lindas da bucetinha de fora ... sá pude dar uma agarra-dinha muito depressa nela pois todos estavam por perto e eu nao queria arriscar ...voltamos para casa e eu por estar meio indisposto, disse a todos que iria me deitar ..

Deitei e dormi ... so acordei no outro dia, ainda meio indisposto e todos queriam ir até a fazenda de um outro irmao nosso, que fica a uns 40 km de distancia de nos sa casa e eu alegando nao estar muito bem, disse que iria mais tarde quando me levantasse e a minha esposa disse que iria com o mano e os outros ... disse a ela ... TUDO BEM, VOU MAIS TARDE ... e lá se foi o carro do mano, descendo a ladeira para pegar a estrada la embaixo ...

Me viro para o lado e qual nao é a minha surpresa ao ver Aninha ali parada na porta a me olhar e a sorrir ... UE ? VOCE NAO FOI COM ELES ? e ai ela responde rin do ... NAO, FIQUEI PARA IR COM O MEU TIO QUERIDO ... pulei da cama e logo fiquei bom do meu mal estar ... olhei para ela e vi que ela estava com aquele seu babydool preto ... sá que ela tinha trocado a calcinha, pois vestia uma de cor preta de renda...aquela menina branquinha, ali parada me chamando para conhecer o prazer ...cheguei ate a ela e a abracei dizendo ... VOCE NAO SABE A ALEGRIA QUE ME DEU, FICANDO ... ai ela me disse uma coisa que me deixou de pau duro na hora ... TITIO QUERIA QUE VOCE ACABASSE O QUE COMEÇOU DE NOITE NA MINHA CAMA ... ai eu tive a certeza de que ela estava acor dada mesmo, cheguei ate ela e a peguei no colo levando-a ate a minha cama, que seria a nossa cama ... cheirosa daque le jeito nem precisava de mais nada ... a deitei com muito cari nho, olhando-a dentro dos olhos lhe perguntei ... VC SABIA QUE EU ESTAVA TE BEIJANDO ONTEM ? ela responde ... TIO SEI QUE VC QUER O QUE EU QUERO ... FAZ DE MIM A SUA MULHER ... ai eu fiquei doido, tirei o babydoll dela deixando-a so de calcinha ... que lindo, aquela menina branquinha deitada ali com aqueles seios maravilhosos, que eu beijei com muito carinho fazendo-os ficarem durinhos ... e que peitinhos lindos, duros e com as aureolas cor de rosa ... chupei-os e Ana gemeu gostoso e eu fiquei mamando nela por algum tempo ate que fui descendo a lingua pela sua barriga e ela se esticando como se quizesse que eu chegasse logo no seu campo de prazer ... e eu fui ate a sua calcinha e beijei aquela bucetinha por cima da calcinha e ela gemendo me pede ...TIO POR FAVOR, TIRE A MINHA CALCINHA ... com um pedido desses quem resiste ? e eu fui arriando a sua calcinha e a deixei peladinha ... com aquela bucetinha linda, com aqueles labios grossos que eu ja tinha visto a noite ... linda ... cheirosa... fui chegando ate a sua xerequinha e comecei a cheirar ... UMMMM QUE CHEIRO DELI CIOSO VC TEM MINHA GATINHA ... e ela pede ...TIO ME CHUPE GOSTOSO ... ONTEM EU QUERIA TANTO TIO ... ai eu nao mais resistindo, enfiei a lingua naquela grutinha meladinha e cheiro sa e ai eu senti ela gozando em minha boca e eu chupando aquele nectar de amor e de paixao e ela pedindo que eu a chu passe mais e ela gozando e tendo orgasmos multiplos ... qua se desfalecida, se virou de bruços, deixando a minha merce, aquele bumbumzinho lindo e sedoso, com aqueles pelinhos loirinhos .. comecei a beijar e a enfiar a lingua pelo seu regui nho e logo chegava ate aquele buraquinho quentinho que piscava na minha lingua e ai ela me pede ... TIO ME COME GOSTOSO, COME O MEU CUZINHO TIO .... POR FAVOR, ENFIA O SEU PIROCAO NO MEU CUZINHO TIO ... EU QUE NAO ME FAÇO DE ROGADO, PEGUEI UM TUBO DE KY E DISSE A ELA... MINHA QUERIDA, VC QUER MESMO ISSO ? e ela responde ... SIM TIO, QUERO TE SENTIR DENTRO DE MEU CUZINHO ... QUERO QUE VC GOZE DENTRO DELE E ME ENCHA O CUZINHO DE PORRA ... passei o ky em meu pau que estava quase estou rando e depois de mais uma vez, lamber aquele cuzinho, encostei o meu pau naquele cuzinho quentinho e apertadinho e fui forçando, enquanto ela gemia e pedia VAI TIO, ENFIA NO MEU CUZINHO VAI ...forçei e a cabeçorra de meu pau entrou naquele bumbumzinho delicioso... e ela pedia mais ... e se jo gando para cima, enterrou o pau todinho dentro de seu cuzinho e ela gemendo pedia ... TIO QUERO QUE VC ENCHA O MEU CUZINHO DE LEITE ... e eu entrando e saindo daquele cuzinho, fui acelerando ate que a disse ... FILHINHA ... O TIO VAIIIIIIIII GOZARRRRRRRR... e gritando, explodi de tesao e de paixao, gozando igual a um cavalo, dentro daquele cuzi -nho delicioso, que piscava muito e continuava a CHUPAR O MEU PAU ... ela arriou e eu arriei em cima dela ... bufando e arfando ... de tanto gozar ...QUE DELICIA ... AQUELE CUZINHO MORDENDO O MEU PAU E O ESPERMA ESCORRENDO PELAS PER NAS DELA QUE QUASE DESMAIADA, gemia de prazer ... QUE DELICIA,,, AMEI COMER O SEU CUZINHO MINHA GATINHA ... e ela disse ... E EU QUERIA E MUITO SENTIR O SEU PAUZAO DEN TRO DE MEU CUZINHO TIO ... AINDA SOU VIRGEM ... QUER CO MER A MINHA FLORZINHA ??? ai pensei ... comer aquela buce tinha podia me trazer aborreci-mentos com o mano e eu disse ... MINHA GATINHA, DEIXE PARA OUTRA VEZ TA ??

E AI ELA CONCORDANDO DISSE... TIO ESSE CABACINHO SERÁ SEU ...GUARDAREI ELE ATE VC QUERER COME-LO ...mas essa é outra historia... estarei contando o resto em berve ...

caso queiram [email protected]









VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


fiquei olhando o travesti encoxando meu marido no onibuscontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crenteporno finho brexa tia tocado de rupacontos fudendo casal bi drive innnao contar para ninguem da familia. Quando eu achei que o papo ia terminar ali, ela me fez a pergunta que levou a tudo: perguntou porque eu tinha tanta coisa sobre lésbicas incestuosas no pc? Quando ela me perguntou isso, confesso que pensei em desconversar, mas aí pensei também que ela não faria essa pergunta à toa. Aí comecei a falar que aquilo me excitava muito, que gostava de ler sobre aquilo. Sem brincadeira, acho que a gente deve ter ficado uns 10 segundos em silencio ali na cama, depois que eu falei isso. Uma olhando para a outra. Aí, ainda bem, ela tomou a iniciativa, colocou a mão na minha perna e perguntou: Você pensa em mim?  contos eroticostio e sobrinhachaves jupano a bucefa da chiquinhacontos horoticos verdadeiras pelotascomentário de. mulher que ja a buceta pro donzelocontos eroticos ai ai ai mete safadocontos eróticos cantada na rua não resisti e traía mulher do caminhoneiro deu sonifero pro marido pra fode comigo. conto.conto erótico nru marido me fez da pra um cão contos virei femea na republica gayContos Eroticos Dando a Buceta Pro Meu Vizinho Brennofui afeminado por uma dommeContos eroticos saia rodada e fio dentalcontos eróticos tiosafadocontos gay novinho e pastorcontos eroticos com fotos de mulheres casadas que foi violentada por bem dotadosvídeo de gorda lavando o rabo ensaboadocontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentecontos eroticos comi minha sogra de calcinha fio dentalcontos... me atrasei para casar pois estava sendo arregaçada por carios negoescontos eroticos de vendas passei gelo no corpo deleCONTOS DO CAMIONEIRO DA PICA 32CMo ajudante de pedreiro chupou minha rola quando eu tinha dez anoscontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentecontos eroticos com pedreirosmulheres cavalas de quarenta de bucenta inxada e grelo inormebunda grandíssima humilhada e fodida contosem piedade nem caridade no cu da putinhaconto eróticos zoofilia estrupei cadelacontos eroticos estrupocontos ,minha noiva nao deu mas chupou ate gozarcontos eroticos tia suruba com sobrinhosComi.a cunhada na marra contoscumi a prostituta na esquina contos eroticosconto erotíco fui sedusida nova e gosteienrabando a boneca contoscontos eroticos arrombando a gordacontos eroticos de pijaminha provocandomamando na vara feita bezerrinhaflagrei minha maé com socio de meu pai contosmeu lobo gostosocontos eróticos pai sabe o k faz incestoContos de zoo dei a buceta pro cavalocontos eroticos flagrei minha mae fudendo com travesticontos eróticos gay e casal bicontos eróticos de incesto minha mae no meu colouma travesti usou camisinha colocou na boca da mulher no filme pornôContos eroticos selvagensconto eroticos ,tio e pai dando banho na sobrinha de 6ou 7conto erotico meu marido descobriufodendo com desconhecido no motel contosvideos porno ti estrubus ti mininas novinhadcontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentecondos erodicos vizinho lindoconto erotico minha namorada e meu tiocojtos erotigos com fotos apimentantes isso me deica chupar sua buceta e rebola na minha caracontos eroticos bv e virgindadeContos mulher coloca silicone no peito e marido vira cornoContos eroticos da mamae que pega seu filho se mastubando ela procura ver fica molhadaflagras de fodas em no parque da cidadepeito peludo conto gayNovinha mamando no cinema contoseroticoscontos eroticos arrombando a gordacontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentecontos eroticos de roçadei a buceta pro catador de lixoContos eróticos família liberal.2,contos eroticos mulher dopada e fudida