Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

O CHEIRADOR DE CALCINHA

Sou Fernanda, tenho 55 anos, casada e foi ai que aconteceu comigo. Eu e minha família fomos passar um dias de férias na fazenda do meu sogro no interior do Estado do Rio de Janeiro. Com os dias ensolarados curtíamos cachoeira e a piscina da fazenda, estou bronzeadinha e com as marquinhas do meu biquíni, o meu marido fica “ enfemadinho “.

Todos os dias eu tiro a minha calcinha e coloco no cesto de roupas para lavar e quando fui colocar na maquina de lavar verifiquei que estava faltando duas calcinhas que me deixou encucada. Aquilo passou a ser uma rotina, o desaparecimento das minhas calcinhas, e passei a vigiar para descobrir. No mesmo horário de meu banho, tirei a minha calcinha e coloquei no cesto e fiquei de guarda!. Passou uma hora na espera quando vi o filho do caseiro abrir o cesto e pagar a minha calcinha. Segui ele a distância quando ele entrou no paiol de milho, era um quarto fechado com bambu e pela fresta da cerca observava ele cheirando a minha calcinha e tocando uma punheta, esperei e não demorou muito ele gozou e gozou, muita porra escorria do seu cacete. E assim foi passando os dias e as cenas se repetiam. Contei para o meu marido e ele passou a observar junto comigo, aquela cena me enchia de tesão e a minha buceta ficava enxarcada. Percebi o meu marido me encaixar por trás de pau duro e passar a sua mão sobre a minha buceta e com um leve toque bulia o meu clitáres, eu gozava muito vendo aquele rapaz se masturbar sentindo o meu cheiro, passei a sonhar com aquela pica grande me penetrando, era um gozo atrás do outro. Conversava com o meu marido procurando uma solução, sabia que algo tinha que acontecer. Meu marido percebia o tesão que aquilo esta me proporcionando e a vontade que eu estava para que algo acontecesse, foi ai que chegamos a uma solução. Era sexta feira a tarde quando o rapaz pegou a minha calcinha e se dirigiu para o paiol, esperei até o momento que ele estava para atingir o clímax e abri a porta do paiol, ele de cacete duro na mão não sabia o que fazer e tentava se justificar, eu olhei dentro dos seus olhos e não aguentei, passei a minha mãozinha no seu cacete, que latejava e estava muito quente, comecei a tocar uma punheta nele, era maravilhoso e pedi a ele para cheirar diretamente a minha buceta, me encostei na palha do milho, abri as pernas que já estava sem a calcinha e ele começo a me cheirar, sua língua friccionava o meu grelo no sentindo vai e vem e o seu dedo bulia o meu cuzinho e comecei a gozar, ele penetrava o meu buraquinho virgem, era uma coisa maravilhosa, um gozo duplo. Logo ele me colocou de quatro e me penetrou violentamente, sentia a pica toda dentro de mim e gozei sem parar . Apás alguns minutos, eu coloquei o seu cacete na minha boca e chupei até ele gozar, senti o seu gosto diferente.

A noite contei para o meu marido a nova experiência e me surpreendi quando ele me contou que assistiu tudo pela fresta da cerca. Parece mentira mas o nosso relacionamento melhorou muito apás esta experiência.

Sempre que vou a fazenda me recordo deste experiência, uma vez que o rapaz mudou para o Rio de Janeiro.

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


contos eroticos entiado madrasta gordaenfiando na bucetavarias coisasconto de o tenente me chupou muito gayeu meu irmaozinho e nossa cadela contos de sexorelatos arrombei a amiga da minha irmacontos eróticos ninfeta bem novinha com 10 aninhoscontos eroticos as amigas da minha filhacontos eroticos comi o menino de ruaConto erotico contando minhas tranzas para meu pai e acabou me comendopornodoido transando na frente dos outros discretamenteContos eróticos me violentoufiz bacanal com minha filha e o filho do caseiro contosContos com cuzinhos rosadosp****** do papai contos eróticostica cuzinho piscando na camcontos eróticos mulher vai ate afazenda trepar com capatazcontos eróticos gay com monstrosconto de encesto eu engravidei minha irmãsubo em cima do teu pauContos eróticos de comi a mae do meu colrguero asistir filmi porno as freiras virgem goxando na bucetaMeu amigo deu sonifero pra sua mulher pra eu ver ela peladinhacontos eroticos amiga negracontos eroticos de como meu amigo me comendofotos de irmanzinhas gostosas mostrando a bucetinha pequena para seu irmãouma travesti usou camisinha colocou na boca da mulher no filme pornôconto erotico meu cunhado fez meu cu sair sanguecontos eroticos bucetinhacontos eroticos fui violentada fudidae deu xoxotaela chupeu monhas bolas a noite inteiracontos eroticos flagrei minha mae fudendo com travestitirei o cabaço da minha tiacontos eróticosgaysmeu primo de menorele era um lindo anjoconto vendado sexo cornocontos picantes desejo de marido e negaocontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crenteConto herotico lesbica entre mãe e filhinhameu cachorro meu machoFodido na construçãoflagrei meu pai cheirando minha calcinha nijadacontos nininha putacontos gays papaizinhoeu liberei minha esposaos policias comero minha muler porno contos eroticoGay passiva com dois negoes contoscontos traição no bailea mulher do pasteleiro contoconto eroticos comendo a irma de perna quebradacontos eroticos incesto a neném do papaicontos eroticos dominada por mulequinhosbucetao arombada de adivogada conto eroticoadoro dar para o nosso cachorro contos eróticoscontos eroticos arrombando a gordavídeo de bocado de mulher dançando de fio dentalpapai me come contosf****** irmã mora nos peitos das gostosasconto erótico irmão vomitou roupafamílias se encontram em praia de nudismo contos eróticoestórias eróticas abusivasconto gozei no cuxinho da mamae dormindo o cu latejava e apertava meu pau ahhh gostosacontos comendo a enfermeiracomi a adilhada novinha loira olho azul contocontos de putas estradasexo com maior tesao com a negona de vestidocontos eróticos adoida te insistir comi minha tiacontos erotico patricinha debaixo do edredomnovinha do Recife masturbando assim tão pequeninaminha prima me deu conto eroticocontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crenteIncesto com meu irmao casado eu confessocontos meu primo comeu minhas filhasmassagem incomparável faz cara senti tesão e gozamulher se esfregandono travesseiro conto