Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

PEDI CARONA E FUI ESTUPRADO

Bom dia,



Moro em Téofilo Otoni-MG e resolvi ir a Governador Valadares-MG que fica à 150km de distância. Sou branco, olhos claros, cabelos negros, 1,73 de altura, lisinho. Sempre vi pessoas pegando carona no posto da policia rodoviária e achei que poderia econimizar um grana indo de carona. Sai do trabalho, tomei um banho, fiz a barba e peguei minha mochila e fui para o posto pedir carona, ja eram umas 21 horas quando finalmente parou um caminhão enorme. Perguntou para onde queria ir disse que era até Governador Valadares, ele disse que ia para o Rio de Janeiro e se eu quisesse poderia pegar carona com ele que me deixaria na cidade. Como vi que era um coroa de mais ou menos um 58 anos e que estava sozinho resolvi entrar pois não vi perigo nenhum. Entrei e percebi que ele estava de camiseta e uma bermuda larga. Tinha um volume enorme na frente, pensei comigo que o cara deveria ser um jumento. Começamos a bater papo, ele me disse que era do Rio que ja estava longe de casa a um mês e meio, pois fez vários fretes na Bahia. Contou-me que era separado e que sentia muita falta da sua esposa, pois ela sempre deu o cuzinho para ele, e que ele adorava um cuzinho e me perguntou se eu gostava. Disse que nunca tinha comido, ele me falou que quando eu comer um não vou querer outra coisa, inclusive que os melhores são os de homem. Fiquei meio sem graça, mas como estava de carona tive que ir ouvindo. Ele me disse que adoro pegar um macho a força e dominá-lo, ir colocando o bruto todo dentro do macho e vê-lo tentar fugir. A medida que falava fui vendo que algo acontecia dentro de sua bermuda. Ele falou: veja sá em falar minha ferramenta já fica dura, e puxou pela berada da perna para fora um pau enorme e duro. Fiquei ainda mais sem graça, pois apesar de gostar de uma vara sou discreto e não queria dar na pinta. Falei para ele que estava com sede ele me disse tem água gelada ai na geladeira da boleia, pode pegar. me virei e fui pegar, como estava com uma permuda de tactel ao fazer o movimento para me inclinar para trás realçou minha bunda e percebi que ele deu uma olhada. voltei e coloquei a água no copo e comecei a beber. Acredito que ele tenha feito de sacanagem, pois deu uma freada brusca e água caiu toda em cima de mim. Fiquei todo molhado, ele pediu desculpas e disse que eu poderia me trocar sem problemas, pois tinha um buraco na pista e se não freasse seus pneus iriam embora. Falei que tudo bem, não precisaria trocar que daria para viajar assim. Ele me disse que é ruim viajar a noite molhado pois poderia pegar um gripe. Deu seta e encostou o caminhão no posto que ja estava fechado. Falou pode ir ai para a boleia e se trocar que espero. Fui para trás e tirei a roupa toda, me abaxei para pegar a roupa na mochila e minha bunda ficou exposta, acho que ele não resistiu e veio para tras com o pau para fora e disse que cuzinho lindo, vou te comer agora, pois ja tem mais de um mês que não como um cuzinho. Disse para ele que não sou o que ela pensava e ele disse se não é vai ser agora, pois vou te comer a força. Pedi para ele parar, pois não iria aguentar um pau do tamanho do dele, ele disse quenta sim. Pegou um lubrificante liquido e untou o pau todinho como estava de gosta não tinha com fugir, me segurou os quadris e disse: aguenta que vou enterrar tudo em você, veio e deu uma linguada no meu cuzinho, fiquei todo arrepiado, ele derramou lubrificante e enviou um dedo, a essa altura meu pau ja estava duro e ele disse: não falei que vocẽ ia gostar, agora vai sentir o que é um homem de verdade. Apontou a cabeça em direção ao meu anel e tentou entrar, nada de conseguir, pois era muito grossa, tentou de novo e nada, então enviou um dedo, depois outro, e outro, até alargar meu anel. Ai tentou de novo e foi forçando até que passou a cabeça, pensei que tinha me rasgado, ele me disse: agora vocẽ vai sentir o que é um pau de verdade, enterrou tudo de uma sá vez, pensei que ia morrer, desmaiei em cima da cama da boleia e ele deitou em cima, não consegui me mexer, sá sentia ele estocando, estocando, estocando, estocando até que sentir seu pau dilatar e encher meu cuzinho de porra. Ele se levantou e eu fiquei la sem forças para me levantar, simplesmente dormir, acredito que ele tenha descido e ido ao banheiro do posto, depois ouvi algumas vozes do lado de fora, de repente sinto alguem me pegar pela cintura novamente e encaixar o pau no meu anel arrombado. O cara falou no me ouvido, bem que o Paulão falou que você estava no ponto certinho era sá colocar o bruto na caragem. Enterrou uma vara enorme em mim e bombou, bombou, bombou, ate gozar. Pensei nossa deve que estava na seca. De repente a porta se abre e entra outro caminhoneiro e faz a mesma coisa, isso se repetiu umas 5 vezes, ja não senti meu cuzinho, pois estava enchargado de porra e arrombado. O Paulão entrou e disse agora até chegar lá em Governador vem para frente e meu chupa gostoso, pois quero gozar em sua boca a viajem toda. Assim fiz, tomei leite umas duas vezes e fui dormir peladinho na cama da boleia, todo gozado. Acordei com o Paulão no meu ouvido dizendo que iria tomar o café da manhã no meu cuzinho, e enterrou a vara até gozar. Ele resolveu não seguir viagem aquele dia e ficou me comendo o dia inteiro. Sá paramos para almoção e tomar banho, e até no banho ele me comeu, e ainda chamou outro caminhoneiro que estava no banheiro para comer.

Quem quiser provar é sá me dar uma carona, [email protected]

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


porno boquete linguada no pau eno saco orgiascontos eroticos marido querendo que mulher foda com outro para ele chupar ela em seguidaconvencimeu marido a ser cornocontos eroticos possuida por uma estranha gostosafudendo as vizinhas crentes contos adultoscontos meterao o pau na boca da minha namoradacontos lesbic de patroas seduz secretaria para um transa lesbcheirei o fundinho da calcinha usada da minha tia safada contoscontos eroticos arrombando a gordaproposta indecente novinha contoscontos erotico viajando com paiContos eroticos eu e minha familiacontos com fotos no carnaval levei chifrenão perdoei a gostosa contoscumi minha cunhada afossa contos roticoscontos eróticos bebêcontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crenteContos eroticos chupando peito casais amigoscomendo ela de saia com vizita discretamenteconto gay cu cheio porracontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crenteeu sem querer transei com meu sobrinho contos eróticoContos no cu da tiaMulheres se jutao para fazer xexo contoscontos cdzinhasContos eroticos bem comida e chupada em cada tetas por dois machosContos erotico casei com minha primacontos eroticos ônibuscomtos eroticos humilhada e currada por molequescontos minha mãe foi para o pagode acabou dando para o negão dentro do banheiroMae com a mao quebrada conto incestoContos eroticos de meninas estupradas.ver história de putaria entre famíliaconto primeiro boquetecontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentesem cadastro zoofilia sai mijando leitecontos de filhos chera causinhasmulher cagou durante o anal numa festa contos eróticoscontos eroticos empregadaIncesto irmas safadas relatos atuaisComo fazer um cabacinho liberar(conto gay teen)contos eroticos casada e comida por traficantescontos zoofilia namorada e a prima dela dando o cu pro cãoSexo com papai contos eróticocontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentecontos eróticos de deficientesMeu irmão mandou eu deitar com eleCONTOS EROTICOS pivetes safadosContos eroticos de estrupocontos eroticos pai estupra filha com amigosbucetiha tihofilho fudendo sua mãe na freeti de seu paicontos fudendo com priminhs de dose snoscontos-gays sou gay e fui arrombado pelo pauzao grosso e grande do meu patraoloirinha do cabelo cachiado se assustou com o tamanho da rola do cunhadocontos e roticos de de mãe a tapando filhoconto erotico eu e minha sobrinha amanda safadinha em casaContos eróticos fedorentacontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentecomi a prima do meu pai com mais de 50 anos contos eroticos publicadossarrando a tia de saia curtinha contocontos traindo o marido com o sobrinho roludo 2eu quro v chiquinha em pornocontos eroticos metende devagar na buceta chupando os seios mordendo os bicis cavalgando gememdopessoas fazendo sexo gostossoooorelatos de novinhas que fuderam com o cunhadocontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentecantos erotico brincando de baralho com sobrinhaconto erótico gay taxista manauscontos chupei um paucontos com fotos flagrei meu marido com a viúva do vizinhocontos sofrendo na piconacontos eróticos punheta da primaencoxador no tremconto troquei de papel com a minha mulherpredador esposas cornos contostravesti do pau vermelho cabeça g****** jato sexocontos erotico ruiva cheia de sardas perdendo a virgindade depois do casamentocontos erotico fujonasou a cris, e esses fatos aconteceram quando eu tinha 20 anosasmininas fudenu de camisinhaxontos erotios menino com roupa de menina