Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

MINHA PRIMEIRA VEZ

Meu nome é Mila, minha historia começou quando eu tinha 19 anos, morava em São Paulo para estudar e uma garota chamada Ciça que veio da mesma cidade que a minha, Pitanga interior do Paraná, mais que não a conhecia de lá acabou passando em direito na USP e pediu para morar comigo, já que minha família era bem conhecida na cidade e eu já morava em São Paulo a pelo menos 2 anos, depois que ele passou a residir comigo e mais 4 garotas no ape, acabei procurando informações sobre ela e fiquei assustada quando me contaram que ela tinha uma fama no colégio de curtir zoofilia, que uma vez admitira para uma amiga e a historia acabou ganhando dimensões, fiquei curiosa mais sá depois de 5 meses morando juntas e com um pouco mais de intimidade, acabei perguntando, e ela negou, mais um tempo e ficamos cada vez mais amigas, saindo juntas, compartilhando coisas, bebendo e uma vez ou outra ficando, já havia ficado com as outras meninas que dividiam o ape comigo e desde os 19 fico com meninas e também descobri que tinha certa fama em minha cidade, passando o tempo e cada vez mais intima, ficamos um final de semana sozinhas no ape, depois de usar muita droga e beber e transar, ela acabou me confessando que curtia transar com seu cachorro, que era verdade o rumor sobre ela, que ela admitira para uma amiga e essa “melhor amiga” a traiu, mais que ela confiava em mim, mais pelo fato de eu também ter muito a esconder, eu não falei nada a respeito, mais confesso que na hora, fiquei com muito excitação.

Minha primeira vez aconteceu depois disso, não vou me alongar muito contando a historia, Ciça é uma loira, de olhos verdes 1,75 m, peitos lindos, típica menina da nossa região, e eu sou morena, tenho 1,79m e sempre sofri preconceito quando criança por ser muito alta, tentei a carreira de modelo mais sempre achei chata e inútil, e por ser muito estudiosa acabei me focando mais em ter uma profissão relacionada à engenharia civil como meu pai, tanto eu como ela estamos escrevendo aqui agora e não temos vergonha do que fazemos, foi numa tarde de sábado, na nossa cidade natal que rolou, ela me chamou para ir a casa dela e eu já estava a fim de transar com o cachorro dela, pelos relatos dela que me deixaram com muito tesão, e naquele sábado ela estava sozinha, ela me apresentou ao Voltrain, um labrador de 2 anos de 26 kg, primeiro ela disse que era pra apenas observar, pediu pra eu tirar a roupa dela, Voltrain ficou sá observando, deitado com a cabeça em suas patas, depois de tirar a roupa ela pediu que a masturbasse, com o indicador enfiei em sua vagina, que exibia alguns pelinhos loira, mais tão delicada que parecia de uma criança, a minha já é um pouco mais peludinha, gosto dos meus pelos, são enroladinhos e macios, depois de deixa-la molhada ela chamou Voltrain que prontamente ficou nas 4 patas, ela disse que fazia isso com Voltrain a 1 ano e que ele sabia bem o que fazer, tanto que bastou ela ficar de 4 que ele começou a chapa-la, Ciça passou a gemer e a se contorcer, e eu a ficar muito excitada, Voltrain subitamente subiu nas costas de Ciça e ela pediu para eu ajudar e direcionar o pênis dele que já estava pra fora, e foi o que fiz, sem nunca imaginar fazer isso na vida, lá esta eu, segurando o pênis de um cachorro e confesso que não senti nojo nem nada, logo o pênis entrou e nos movimentos de vai e vem escorriam o que acho ser o esperma do cachorro e os sucos da Ciça, depois de uns 5 minutos de penetração e muito gemer, ela perguntou se eu queria, prontamente, mais um pouco tímida, disse que sim, e ela tirou Voltrain de cima e pediu pra ela ficar quieto, logo ela começou a tirar minha roupa e me chupar, minha vagina sempre se encheu de sucos rápido e daquela vez já estava cheia a tempos, ela disse pra eu ficar calma, que ele me chuparia primeiro e daí subiria em mim, pra que se as unhas me machucassem, eu avisa-se para ela tirar ele de cima e colocar umas meias nas patas, então depois dela me chupar foi a vez dele, a língua viscosa, macia, quase sá sentia mesmo quando ele batia o focinho nos meus lábios vaginais, tamanho era a quantidade de liquido que escorria de mim, chegou a encharcar o chão da casa da Ciça, ela ria muito e se masturbava do meu lado, logo Voltrain se cansou e num movimento rápido subiu em mim, nem precisou de ajuda para penetrar, nunca vou esquecer a sensação, me sentia uma puta, nojo, medo, tesão, tudo misturado, sá não queria sair dali, debaixo do Voltrain, a cada penetração minha vagina jorrava, as unhas dele encravavam em meu corpo, mais era a melhor coisa que já senti, olhar no espelho sá aumentou mais meu tesão, pensava em meus pai vendo aquilo, minha irmã, os pais da ciça, e tudo isso sá me deixava com mais tesão e mais puta, femea eu me sentia, o pinto dele não foi o maior que me penetrou, mais o mais gostoso, a cada movimento dele mais eu gemia, mais eu agradecia a ciça por me proporcionar aquilo, foi a vez mais rápida que gozei, durou muito e não aguentei mais ficar de 4, sá consegui por que Voltrain também estava gozando e foi magico, é uma sensação incrível, eu uma menina tão tarada, havia experimentado algo inimaginável, meus pelinhos da vagina estavam encharcados, e eu tremia, a Ciça então perguntou se não era a melhor sensação do mundo, e eu disse apenas que sim, e chorei deitada no chão de seu quarto... tomamos banho juntas e estávamos em felizes por termos descoberto uma a outra.

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


sogra muito linda na praia contoscontos de putas casadas tramandaicontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentecontos eróticos minha esposa trouxe sua sobrinha para morar com a genteContos eroticos velho tarado por meninas bobinhasconto iroticos comedo minha entiada novinhaconto de uma testemunha de jeová casadaconto erotico eu gozei dentroagora sou viado dominado pelo machocontos minha garotinhacontos com rabudasZoofilia contos menininha chega do colégio animaisContos Bota no cu tiotravestiszoofiliafotosContos pornos-estuprei minha avómetendoo con vpontadi pornocontos eroticos com coroa taradoconto lesbica humilhei minha amigacomendo a mulher do amigo contovoyeur de esposa conto eroticocontos eróticos comi o bundao da sograConto erotic velho taradoatolando pau grosso nas.vellinhasquerendo dar a bucetinha pro meu padrasto contosConto erótico marcinho enteadocontos lésbicas amo minha cunhadaposso dilatar a porta do meu anus todo dia?contos perdi minha virgindade com 25 anosporno minha vizinha safada mim chama para segurar a escada para elasiririca na frente dele conto eróticoconto erotico piveteviado dando o rabo desfasandocontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentecontos eroticos meu amigo comeu minha mulher e minha filhamulher louca de tesão gozando no peito na boca o dedo na bocaDeixando a novinha laceadacontos eroticos tias e sogras casadascontos sou puta e insaciável por rolaconto gay iniciado parente sozinho cuzinho leiteTramsar comtosfui criado para ser gay ContosAcordei com o pau dentro da minha bucetacontos coroas terceira idadecontos sex obrigconto erotico pra igreja sem calcinhafotos e vidio e contos eroticos estava sucegado em casa quando minha irmã começou a me procarContos pirralha inocentemae entra no quarto de filho sem calcinhacontos eroticos arrombando a gordacontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crenteContos porno minha namorada mi engañome apaixonei pelo um bandido conto heroticocontos eroticos sexo a tresContos fui nadar com minha avó acabei comendo elacontos depois de 20 anos fui morar com minha mae e no banho ela vou meu rolaoContos eróticos de incesto filinha mimada do papaifudendo com manequim na fazencontos lesbic de patroas seduz secretaria para um transa lesbconto erotico traveco e casalContos gay fazendo a barbacontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crenteSo contos eroticos com maridos violentos sadomasoquismogozando la dentro da buceta vermelhinha da dimenocontoscomsograsContos eroticos no onibusmeu marido me amarrou e deixou quatro negros me estupraram. contos eróticosa calcinha toda travada no rabodirigindo sem calcinha contoscontos eróticos coroas lindascontos eróticos "peladinho" sobrinhoConto morena 37 anos