Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

DANDO O CU I

Oi me chamo Bianca, sou morena queimada de praia, tenho 19 anos, moro no Rio de Janeiro num conhecido condomínio da Barra da Tijuca.

Nessa época eu tina 19 anos e como ainda era cabaço as únicas formas que eu tinha para apagar meu fogo eram: 1 – Transar com a minha irmã 2 – Chupar um belo pau 3 – Dar meu cu. Transar com a Taly alem de fácil era muito gostoso, chupar caralho também era fácil eu vivia com um sempre na boca no colégio, na praia, no estacionamento do shoping, etc. Mas dar meu cuzinho era mais difícil não era em qualquer lugar que eu podia dar o cu. Ai eu vivia enfiando de um tudo no meu cuzinho de cenoura a frascos de desodorante vazios. Teve um dia que experimentei enfiar um pepino, nossa doeu muito. Lembro que minha irmã chegou a se assustar com meu grito. Ao me ver com o pepino espetado do cu Taly me disse que, apesar de faltar muito pro meu aniversario, ia me dar um presente. Bem que eu tentei descobrir o que era mas ela não disse sá me adiantou que eu iria gostar muito. No dia seguinte, quando cheguei do colégio subi ora tomar banho, tinham vários presentes em cima da cama com um bilhete da minha irmã divirta-se. Nossa era tanta coisa que eu nem sabia por onde começar alguns eu não sábio como usar ate. Tinham:

1. três vibradores cada um de tamanho diferente 3.5x19, 6.5v23 e 9x32

2. dois plugs anais

3. três bolas pouco maiores que as de pimg-pong ligadas por um cordão de náilon

4. dois que eu não conhecia

Peguei o plug e fui tomar banho; já sai com ele enfiado no rabo. Dei duas voltas no quarto pra ver se incomodava muito me olhei no espelho coloquei a roupa pra ver se aparecia muito. Desci pra almoçar, estava adorando tanto que minha mãe perguntou como foi a aula hoje. Deve ter sido legal pela sua carinha feliz. Eu sá ri... depois do almoço fui ver a novela e subi pro quarto disse que ia estudar.

Quando minha irmã chegou me encontrou na cama dormindo com o plug ainda enfiado no cu. Ela me acordou com um beijo e perguntou se eu tinha gostado dos presentes. Adorei eu disse. To com ele enfiado desde que cheguei do colégio não tirei nem pra almoçar. Mamãe nem percebeu. Tem uns que eu não sei como usar... tipo o que é aquilo que parece um tubo de metal com uma cordinha. Taly riu e me disse é um vibrador... pode ser usado dentro ou fora como estimulador de clitáris. Ela disse abre as pernas que eu te mostro pecou o treco girou e encostou no meu grelinho. Nossa que sensação gostosa mas ela se apreçou a dizer dentro você sá pode usar nu cu. Tem um outro presente que é surpresa mas garanto que você vai adorar mais ainda na hora de dormir eu te mostro o que é. Eu já estava quase gozando com aquele estimulador de grelo foi ai que minha irmã deitou ao meu lado pegou o outro plug anal enfiou com certa dificuldade, pois era maior que o meu, pegou outro estimulador e enfiou na buceta. Ficamos viradas uma pra outra nos beijando; nem preciso dizer que gozamos muito três ou quatro vezes seguidinhas. Paramos quando mamãe nos chamou pra jantar descemos ainda com os com os plugs e a Taly também com o estimulador. Ainda bem que normalmente a janta era sopa ou então nos nem jantávamos fazíamos um lanche.

Quando voltamos para o quarto minha irmã me beijou e disse tira a roupa o plug e se prepara pra surpresa. Pegou um embrulho e se trancou no banheiro. Eu fiz exatamente o que ela disse, tirei tudo e me deitei na cama toda arreganhada. Do banheiro, minha irmã me mandou apagar a luz. Assim eu fiz, meio chateada porque o quarto ficava muito escuro. Escutei quando a Taly saiu do banheiro mas não consegui ver nada. Minha irmã me disse pra ficar de 4 na beirada da cama e se colocou atrás de mim. Me arrepiei toda quando senti um troço duro encostar no meu cu e ir entrando. Devia ter mais de 25 centímetros e era bem grosso. Eu comecei a gemer e pedir mais mesmo sem ter certeza do que era que estava me penetrando. Quando ela terminou de enfiar segurou minha cintura e começou a dar bombadas cada vez mais rápidas ... cada vez mais profundas me levando a loucura. Eu gemia cada vez mais alto e pedia mais. Quando minha irmã sentiu que eu estava gozando ela acelerou mais ainda quase esfolando meu cu. Sá então ela saiu de trás de mim e acendeu a luz ficando de costas perguntou – E ai gostou?

Eu disse – Adorei,nunca gozei com tanta intensidade. Você foi maravilhosa.

Ela se virou. Eu pude então ver qual tinha sido a surpresa. Minha irmã estava usando uma espécie de cinto do qual saia um caralho com 25x5. ela me disse vou te comer toda noite a partir de hoje...

(continua)

Se você gostou de sua nota e entre em contato comigo pelo email [email protected]

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


meu noivo me preparo uma despedida de solteira conto eróticoscontos durante a balada com meu irmaodando desde pequeno contos eroticos gaysloira cinquentona muito putonaConto mete ai ai uiui no cuamigas da empresa contoscontos eróticos minha buceta aregacada entregou que traimeladas de margarinas em todo corpomuito tempo sem mamar no pauContos eróticos mãe apavoradao corpo da colegial tem que ser magro fetichecorno gemendo cu contocontos eroticos homens que usam calcinhacontoseroticosnamoradavirgemcontos eroticos arrombando a gordacontos eroticos vestido colado e curtocomvidando e comendo amiga de sua mãesurba com um casal de amigo sem querer primera ves comtoseu confesso mijopredador esposas cornos contoschupei o grelo da minha amante contos eroticoscontos arrombei mãeMeu sogro cheirou minha calcinhaso um pouquinho contos eroticoscontos eroticos mae desnaturada 2nao acreito que minha sogra me chupou contoconto mamando vizinho casadoContos eroticos seios mautradoscontos eroticos enganado virei travesticontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentepolicial feminina contos eroticoscontos eróticos falando de orgia em faculdade de juazeiro do Norte contos lesbicos visita ao ginecologistacontos eroticos com fotos de mulheres casadas que foi violentada por bem dotadoscontos fazendo vovô gozarcontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentesogra safada dos peitinhos bicudosrealizei meu sonho transar com um cavaloconto erótico de sequestradoressexo em okinawa casada flagacontos eroticos a mae do meu amigocontos muito grosso e grande sofricontos eróticos encaixada viado da bunda grande no ônibuso corpo da colegial tem que ser magro feticheconto peguei a coroa dona do cormeciocontos eroticos gay problemas mentaiscontos vizinha dona de casa tetuda caidaContos homem fudendo a vizinha lesbicaconto erótico comi minha esposa e minha cunhadaconsultora pega a cliente e a faz gemer de prazerviado dando o rabo desfasandoContos eróticos vizinho novinhos gay Manauscomto gay mecamico perfeitomunher tira a roupa e faz putaria com sua primaeróticos ah ah aaaah chupa a minha bucetinha vai ah deliciacontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crenteo tio caçula contos eroticos porno gayContos eroticos sobre irma fazendo faxinatravestis arombadores de cu contoContos de cdzinha afeminada provocando com shortinhocontos eroticos de viadinhos de calsinhachupava a noite inteira ele amarradodei gostoso. pro meu pai pistoludogay espaquete peledo pornocontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentecontos de mototaxista e gaybuceta da Chiquinha na minha pistolacontoserticos.com icesto mae filho minha mae de 80 anoscontos eroticos arrombando a gordacontos mulher fode com vizinha e com a filha delaconto esposa assediando garotocurrada no caminhao contoscontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentecontos eroticos crossdresseres na escolacontos erodicos de cabrito macho fazendo sexo com gostosa zoolofia