Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

O MEU VIZINHO AJUDOU O MEU CAHORRO A ME COMER.

Contos eroticos

O meu vizinho ajudou o meu cahorro a me comer.

Oi meu nome é fernanda tenho 19 anos de idade, tenho cabelos negros que bate na bunda, sou alta 1.70 de altura e 55 quilos sou braquinha meus seios e bem empinadinho tamanho medio me considero uma moça bem gostosa.

O que vou contar aqui realmete aconteceu comigo de verdade, moro com meus pais e nás criamos um cachorro chamado rex da raça pastor alemão ele e bem grande e toma todas as vacinas e muito bem cuidado. Um belo dia o sol estava muito quente era um final de semana e eu estava em casa com meus pais, meus pais vira que o rex estava muito agoniado por causa do calor e pediram para mim dar um banho nele, eu foi para o quintal e liguei o manqueiro e comecei a banhar o rex. Eu estava usado uma sainha bem curtinha e uma blusinha bem trasparente que quando a agúa caia sobre mim dava para perceber meus seios pela blusa, eu gosto de vestir esse tipo de roupa quando estou em casa me sinto mais avontade.Bem eu estava passando o sabonete no rex quando de repente o rex começou a lamber minhas coxas eu falei para ele para mais ele não deu a minima, quando comecei passar o sabonete em baixo dele percebi que o cachorro estava um pouco excitado e seu cacete vermelho começou a sair para fora e eu briguei com ele falei para rex com isso, mais aquilo me deu um tesão e meu corpo começou a ficar um pouco tremulo, então eu me lembrei de um dia que quando eu estava voltando pra casa da faculdade eu tinha visto uma cadela no cio e varios cachorros atrás dela para fuder com ela, aquela cena ainda não tinha saindo da minha mente e quando uns dos cachorros começou a fuder a cadelinha e ficar grudado com ela eu me imaginava no lugar daquela cadelinha no cio.

Agora dando banho no rex e vendo aquele cacete grande e grosso bem na minha frente eu estava louca de tesão e passar a mão naquele cacete bem vermelho na verdade a minha vontade naquela hora era colocar tudo aquilo na minha boca, meus pais estava assintindo televisão na sala e eu estava sozinha com o rex no quintal, não aguentei e comecei a masturbar o pau do cahorro eu sabia que tinha que ser rapida pois meus pais podia me pegar no fraga a qualquer momento.

Quando de repente eu vejo o meu vizinho em cima do muro olhando aquela cena em cima de um adaime que tinha no fundo do quintal, parece que ele estava batendo uma punheta eu fiquei um pouco costraginda então termine o banho no cachorro e entrei para dentro de casa.

Eu nunca tinha tido uma experiencia de sexo com cachorros mais confesso sempre tive vontade de dar minha bucetinha para um cachorrão, queria me sentir uma cadelinha no cio, mais realmente aqueles dias eu estava no cio. Não é que deu tudo certo meus pais falaram para mim que eles iriam viajar no outro final de semana então me pergutaram se eu queria e junto, eu disse que não preveria ficar estudando e fazendo os trabalhos da faculdade.

Quando chegou no domingo finalmente eu estava sozinha com o rex em casa, eu estava pensado se realmente eu iar ou não dar para aquele cachorro, pois toda vez que me lembrava daquele cacete grande vermelho e grosso eu faltava subir pelas paredes. Então decide vou dar para o rex hoje vou realizar minha fatasia sexual.

Eu entrei no meu quarto e coloquei a calcinha mais pequena que eu tinha, coloquei também a sainha mais curtinha do meu guarda roupa a blusinha mais trasparente e foi para o quintal dar um banho no rex. Chamei o rex e comecei a molhar ele e passar sabonete nele logo seu cacete começou a crescer, eu dexei o magueiro de lado e comecei alisar o pau do cachorro que faltava estora de tão duro que tava, fiz o que sempre tive vontade coloquei aquele cacetão na minha boca e comecei a mama bem gostoso, eu mamava feito uma desesperada quando percebir o vizinho estava novamente olhando aquela cena maravilhosa, eu não me importei e continuei agora era tarde demais para desistir.

O vizinho pulou o muro e me disse sua putinha eu sempre tive vontade de te come, e você querendo dar para esse cahorro, eu disse para ele hoje eu vou dar para o meu cachorro eu nimquém vai me impedir, ele me disse então vou ajudar esse cachorro a te come, eu respodir para ele poder ajudar mais que vai fuder comigo e sá o rex.

Eu continuei a mama o cacete do rex, enguanto eu mamava naquele cacete o marcos meu vizinho passava as suas mãos em minhas pernas em minha bundinha começou alisar meus peitinhos, parei de mama no rex e o meu vizinho me disse eu vou te preparar para o rex fuder você. Ele começou a tira minha blusinha que estava toda molhada e meus seios estava amostra, começou a passar a lingúa nos bicos dos meus peitinhos mordeu bem devagazinho enquanto suas mão passeava ruma a minha bucetinha apertava minha xaninha com força e aquilo sá aumentava o meu desejo de dar para o rex.

Por ultimo o marcos tirou minha saia e minha calcinha e deu minha calcinha que já estava toda meladinha para o rex cheira, aquilo deixou o cachorro mais doido então percebir que era a hora de realizar o meu sonho. O marcos chupou minha xaninha e me colocou de quatro o rex pulou na minhas costas e começou a bombar, no começo não acertava mais marcos direcionou bem o cachorro e sentir quando a primeira bombada entrou com muita força na minha xana dei um grito de dor misturando com prazer estava nas nuves que momento bom.

O rex continou a bombar eu gritava e gemia feito uma louca e o marcos falava sua cadelinha fode com seu macho, vc e uma putinha bem gostosinha, o marcos saiu de trás onde estava posicionando e foi para frente, colocou seu pau em minha boca, agora eu estava sendo comida por rex na bucetinha e com o pau de marcos na minha boca, de repente marcos gozou e minha boca e melou toda minha cara de porra, eu engolir tudo que consequir, depois rex também gozou mais eu fiquei grudada com ele por quase meia hora, quando o pau do cachorro amoleceu então ele se soltou de mim e saiu correndo para o beco da casa.

Passando alguns dias eu recompecei o marcos pela ajuda que ele me deu, fudi com o marcos na casa dele, agora toda vez que meus pais sair para viajar eu chamo o marcos lá para minha casa para ele ajudar o rex a me comer, e eu deixo passar alguns dias e trepo com o marcos ele sempre me come me chamando de cadelinha, sempre que temos orpotunidades eu dou para eles e quero que isso continue assim por um bom tempo.























































VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


com doze anos fui brincar com meu amigo acabei sendo enrrabado por seu pai contos eróticosContos gays fantasiado de crossdress no cine pornocontos eroticos arrombando a gordacontos erotico fui concertar s torneira da vizinhacoroa branca casada dando o cu pro negão conto eróticomulher. safada. botado o leite do peito para foraresguardando a namorada contoo lubrificante feminino é melado e pegajosocontos erótico proibido na net chatagiei a sobrinhaconto erótico comi minha esposa e minha cunhadacontos eroticos infanciacontos eroticos arrombando a gordadepilei a buceta,e fiz de cornofomos pescar eu e minha esposa e cunhada e o conto eroticoComo usar ropa de menina curtinha conto gayconto erotico com crenteporno com tio acorda subrimha pra fufet com elecomendo minha irmazinhano escuro.com/videopolicial feminina contos eroticoscontos eróticos meu marido eu e meu alazãochama Laura para ir comigo lá no a f*** com gayVou contar como acustumei adar ocu para meu maridosou loira baixinha paguei de puta no samba contos eroticoscontos eróticos no elevadorconto erotico fui no pagode e comi um travesticaralho anaconda destruindo cuComi minha tia de 19 Anossera q meu marido ja ficou com travesti peguei ele vendo videocontos erticos/meus doi primos revesaran em minDei sorte com a novinha conto eroticocontos eróticos esposa de 60anos com farra na camacontos eroticos dando aulas ao sobrinhocontos eroticos corno por acasocontos eroticos meu cunhado estourou meu cabacinhoconto eróticos incesto pai arrombamencontos deixa tiocontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crenteamanda meu marido.é corno mesmo contosgozei no copo e dei pra minha tia bebeu contoscontos eroticos dei procasadas que postam fotos de itanhaemContos meu cu mordei o pal enormeContos eroticos vizinha ve vizinho de pau duroContos eroticos da esposa safada com o marido deficienteconto tranzar com patraocontos irma 45 anoscontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentecontos eroticos de cu gostosoprofessor e aluna contoscontos eroticos gays gabriel o gatinho da outra salahistórias de sexo o meu padrasto cominnha a mãe ea enteadaconto esposa transa com marido se exibe pra molecadacontos eróticos esposa amanheci toda meladacontos eroticos minha esposa molhadinha so de imaginar um negro grande comendo elarelatos transei na chantagemmeu cuzinho desvirginadocarla dando a buceta ora o seu filho de 18ler contos com fotos de esposas sendo estupradas engolindo porra de dotadosmulheres violadas contos eroticosdesenho pornos dos flinstones cornocontos eroticos com fotos de mulheres casadas que foi violentada por bem dotadoscontos eroticos meninos pintinhochupando igual pirulito - contos eroticosminha mae me prostituia conto eroticofiquei de 4 e ele montou socando xingandomae olhondo filho comtoscontos comendo gay na vielacontos eroticos coroa abusadacontos de maes flagando fihos punheteirosvideo sexi coiada esticada de manhã cedoputinnhas evangelicascontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentecontos eróticos de menininha dando o cuzinho pro meu primo escondido brincando de pique-escondecontos eróticos preto velhoconto de botei a novinha pra chora com a pica grande no cuContos eroticos peitudacomi minha cunhada adrianacomi meu aluno lercontos curtpscontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentecontos de sexo com velhos gaypelado com uma travesti contos eróticos