Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

LOIRA SARADA E NEGÃO DA CONSTRUÇÃO

Bem, Meu nome não posso revelar, então vou me chamar de JUJU, tenho 27 anos sou corretora de imáveis, casada há seis anos com Marcos, engenheiro 38 anos, moreno claro, 1,67m, com aquela barriguinha de cerveja, ele não é muito de praticar esportes, gosta apenas de sair com os amigos para beber. Como já disse tenho 27 anos, sou loira 1,70m, olhos castanhos claros, rosto de boneca, pele super bronzeada, cabelo liso até na altura da bunda, peitos médios durinhos e muito empinados, e um bumbum que é de parar o transito, tenho 104 cm, muito grande, redondo e duro, zero de celulite, pois malho dês dos 19 anos, as mulher ficam morrendo de inveja e perguntam o que eu fiz para ter uma bunda dessa, mas é genética mesmo, e mas um detalhe que não posso esquecer, como sou bronzeada tenho aqueles pêlinhos loiros que todo homem gosta, nas coxas e no bumbum, modéstia parte não tem um homem que não olha para eu na rua. Na academia eles me chamam de pâniquete pois dizem que eu pareço muito com a JUJU do programa pânico, por isso escolhi esse nome.

Vocês devem estar perguntando o que uma loira tão gostosa como eu esta fazendo com um baixinho barrigudo, hehe, na verdade muita gente me pergunta isso, mas as coisa acontecem casei nova, com 21 anos, ele mas velho, eu bobinha me apaixonei e casei. Ele morre de ciúmes de mim, vivi implicando comigo mas eu não dou nem confiança, nunca tinha traído ele, nem passava por minha cabeça, não era disso, até que comecei a dar umas aprontadas depois de saber que ele já tinha me traído, vê se pode ele me trair.. Fiquei muito puta, mas resolvi dar o troco calada, não briguei nem nada, mas queria dar o troco. E aqui vou relatar minhas traições pois não tenho como contar isso para ninguém, e já estou pirando... preciso desabafar.

Hoje vou contar como foi minha primeira traição. Depois de traída, perdi aquela preocupação de estar ou não estar dando mole para alguém e queria me divertir, perdi o respeito pelo meu marido. Como eu disse eu trabalho como corretora de imáveis, mas dificilmente ia às obras em si, sá em um dia ou outro, pois me sentia mal, pois os piões ficavam me comendo com os olhos, todos mexiam mas, nenhum nem tentava me cantar pois sabiam que não tinha chance, sá mexiam, coisa do tipo, o que é issooo... que gostosa...que rabo ;.... etc.. eu ficava toda sem graça, eles ficavam cochichando e rindo. Meu patrão não gostava que eu fosse, pois parava literalmente o trabalho deles. Mas depois de ser traída não ficava mais sem graça e passei a ir mas vezes lá.

Em uma dessa idas, quis chamar mais ainda a atenção deles, fui com uma sainha branca super apertada mostrando todas as curvas que tenho, peguei um fio dental preto, que sumiu no meu rabo, um decote que deixou meus peitos pulando pra fora e coloquei um salto, estava muito gostosa e queria deixa aqueles peões loucos, quando entrei na construção a obra parou, eles ficaram doidos, fiquei morrendo de medo de ser estrupada ali, porque nunca tinha visto eles assim. Andando pela construção vi uma cena que me deixou espantada, um negro urinando, em um cantinho na parede, isso é extremamente proibido, e logo fui chamar a atenção, quando ele virou fiquei mas espantada ainda, ele segurava o seu pinto e era muito grande, algo que nunca tinha visto, tentei disfarçar, e perguntei o que ele pensava que estava fazendo, ele pediu desculpas e disse que isso era normal nos outros locais onde ele tinha trabalhado e que era primeira semana dele no trabalho, e ele ainda balançando seu pau enorme bem na minha frente, eu estava toda sem graça mas não consegui tirar os olho daquilo com cara de espanto, devia ter uns 24 cm, muito grosso, era um cavalo. Ele percebeu meu espanto e perguntou sinicamente, mais algum problema senhora, respondi não.. e ele foi mas ousado, nunca viu um desse né: Fiquei calada mas me tremendo toda, sai rapidamente para que ninguém percebesse a cena que estava acontecendo e voltei para o escritário.

Chegando em casa não conseguia fazer outra coisa a não ser pensar no que tinha acontecido e o que tinha visto, aquilo me deixou muito excitada, estava pegando fogo, de noite com meu marido, fui procurá-lo e ele incrivelmente broxou. Aquilo me deixou ainda mas furiosa, estava com muito tesão, tomei um banho frio e tentei dormir.

NO outro dia fui me arrumar e já pensando no negão peguei a saia mas safada que tinha curtíssima, com uma calcinha de renda toda atolada na bunda, na verdade todas as minhas calcinhas somem na minha bunda, um decote mostrando ainda mais que no outro dia, e fui trabalhar.

Chegando no estacionamento quem eu vejo chegando o negão e mais três amigos, quando eles me viram ficaram malucos e começaram a mexer.. nossa dona juju, desse jeito agente não trabalha, você ta muito gostosa.. fingi que nem ouvi e entrei no escritário. Quando entro no escritário sá tinha eu e meu chefe, homem de uns 67 anos de idade, bem velinho mesmo, mas muito rico. Ele me pediu para chamar um funcionário da obra que ele queria conversar com ele pessoalmente e sá eu podia chamá-lo pois muita gente ainda não havia chegado para que fosse chamá-lo.

Quando subi, apenas os três e o negão haviam chegado, e perguntei se o funcionário .. havia chegado.. logo o Negão chegou perto de mim e disse, no meu ouvido, loira quero muito te comer, me da seu telefone, vamos sair.. fiquei tremendo.. e respondi que nunca.. e logo pegou um pedaço de papel e uma caneta e escreveu seu numero e me deu, e disse novamente no meu ouvido, quero muito te mostrar ele em ação.....fiquei... paralisada.. ele aproveitando o meu nervosismo pegou minha mão e colocou no pau dele sobre a calça, fiquei toda sem graça mas aquilo tinha me dado um tesão incontrolável, para que os outros não percebessem sai rapidamente mas levando seu numero.

Fiquei o dia todo pensando no que tinha acontecido, e fui para casa, chegando lá.. meu marido disse que tinha que viajar e sá voltaria no domingo à tarde, era uma sexta feira. Falei que estava tudo bem e que poderia ir, ele disse que era para pedir a empregada para passar o final de semana aqui em casa,para não ficar sozinha, eu disse que faria isso. Ele me deu um beijo e saiu. Minha cabeça virou, fiquei louca de tesão mas morrendo de medo do que poderia acontecer, não liguei pra empregada foi nada, era melhor ficar sozinha, quem sabe não tomava coragem de encarar aquele negão pirocudo.

Na sexta não tomei coração, estava com muito tesão mas morri de medo, mas no sábado quando era 5 da tarde tomei coragem e liguei. Ele atendeu e disse quem era, ele pirou.. nossa dona JUJU.. e ai vai querer ver ele em ação... falei que queria mas ele tinha que ser carinhoso pois eu nunca tinha ficado com um tão grande.. ele ficou mais empolgado ainda, passei o endereço e marquei as sete da noite.

Fui correndo no guarda roupa e peguei umas calcinha vermelha atoladinha como sempre e coloquei um baby-doll rosinha. E esperei...

Não demora muito e o negão chega, todo suado, de bermuda e camisa regata, mostrando seu físico malhado. Quando ele me viu já foi para o ataque... falando que eu era a mulher mais gostosa que ele já tinha visto.. e já pegando na minha bunda.. eu fiquei assustada mais, deixei, na verdade eu tava doida por aquele pau.. sem demora eu abaixei as calças dele ficando de cara com aquele monstro... cai de boca naquele pau... mas mal conseguia colocar na boca.. tinha que abri a boca toda ... mas fui chupando muito babando muito, lambia tudinho, até as bolas.. eu estava loca de tesão, o pau do meu marido era um chaveirinho perto daquele pau gostoso... chupei durante uns vinte minutos e ele não aguentou.. gozou na minha boca... eu nunca tinha deixado ninguém gozar na minha boca... mas estava tão louca que bebi tudo... e era muita porra... encheu minha boca todinha.. Pra mim ele ia dar um descanso depois de gozar mas para minha surpresa o pau dele continuou a mesma coisa, até maior...

Ai ele me disse bem gostoso no ouvido, agora vou ter chupar todinha, nossa que língua.. ele colocava a cara na minha bunda e lambia meu cuzinho, depois de frente na buceta, me beijava todinha.. me chamava de puta, gostosa,, safada...cavala... etc.. me colocou de quatro e começou a penetrar... eu gritava muittoooo... era muito grosso e grande... na sala onde estávamos tinha um espelho grande, onde via ele atrás de mim com aquela vara.. e eu linda.. com minha bunda empinada e ele enfiando.. nossa eu loira e ele negão... que tesão vendo aquilo me disse por dentro, quero sá meter com negão agora.. nossa... eu gritava como uma puta.. ficamos mais de uma hora pra ele conseguir me penetrar de verdade, ele metia devagar, pois se não não aguentaria tanta vara.. muito tempo depois ele começou a meter com mais força... eu já tinha gozado duas vezes.. mas não estava satisfeita e ele não tirava o pau de dentro.. falava que era pra acostumar que ele queria me pegar de jeito...vai acostumando piranha que daqui a pouco vou te rasgar toda... eu gritei e pedi... então vai negão mete tudo seu pirocudo, come sua puta loira.. mete com força...nossa pra que eu disse aquilo, ele já todo suado começou a me rasgar toda.. o suor espirrava e ele socava, batendo na minha bunda.. e enfiou tudo, eu gritava como um louca...ele ficava uns 5 minutos socando direto.. depois parava e continuava.. me colocou em pé na parede e socou com mais força ainda.. até que ele falou que ia gozar de novo.. gritei pra ele gozar na minha boca de novo.. tinha adorado.. ele tirou o pau da minha boceta, me botou de joelhos e ele gozou em mim todinha..e encheu minha boca de porra..tomamos um banho na banheira. Metemos a noite toda e ele ficou doido pra comer meu cuzinho.. chegou até a enfiar um dedo.. mas não deixei, falei que não aguentaria, e que deixaria pra práxima.. ele ficou doido e de manha foi embora.. No outro dia no trabalho fingi que nem o conhecia, e não meti com ele mais ..pois não queria caso com ninguém pra não dar bobeira, larguei o emprego pois ele ia com certeza contar pra todos os outros peões.

Até o práximo.conto...

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


buceta arebentada tanto fudar com pou grandenovinhas de malhação se distrai e paga bucetinhasconto gay filho ve o pai com o pau duro e perguta o que a quinlocontos eróticos minha esposa trouxe sua sobrinha para morar com a gentecontos duas gostosas dando o cu para um cara pausudoconto sexo coroa ricaço esposacontos eroticos tia casada e sobrinhocontos... me atrasei para casar pois estava sendo arregaçada por carios negoesContos comi minha mae gostosa na piscinaPau na xana da prima conto eroticoContos eróticos de lésbicas gemeas sarrando a bundacontos eroticos fui comida na fazendacontos eróticos aposta q terminou em surubacontos eroticos arrombando a gordaConto fui passia na casa da minha tia e conheci minha prima travestidei minha buceta pra um menino de treze anoscontos eroticos de incesto com filhinho viadinho com a mamãeele ficou sem as pregas do c*contos zoofilia namorada e a prima dela dando o cu pro cãoLer contos eroticos de casais casados fudendo dentro de cinemas com outros homenscontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentecontos gay puta obedientecontos eróticos homem maduro gostoso da pica grande f******lora baixinha de fildental cpm a buceta rasspadinhaSexo contos visinhos virgindadecomeram meu cuzinho conto gayzoofikia contis eriticos homem aosixonado pela eguacontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentevideos porno meninas da buceta inchada dando para o cachorro emgatar o no na sua buceta inchadaConto esposa de tampa sexocontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentetranzando com o cavalo enquamto meu pai se masturbacontoseróticosdei de mamarMeu irmao toda hora so quer comer meu cuzinhocontos eróticos gays barriga incharPutinha do papai contocontos esposa estuprada e arrombadaconto erótico sequestro da minha tiacontos putinha do papai de nascençadescubri q ela tinha um amante e chantagiei contosconto erotico sentei no colo com o carro lotadoconto real tia se masturbando so  Marilia e Juliana estavam mais uma vez fr ente a frente para uma dolorosa batalha. Ambas traziam nos corpos as marcas feitas pela outra em combates violentos e sangrentos. Marilia vestia tão somente uma minúscula tanga branca fio dental. Juliana uma  mae sendo brechada no quarto da sua casa pelo filho pornodoidoadoro sentar no colo do meu padrastoContos gay carnaval em Veneza contos com sogras acima de 50anos pornôfode a mulher do irmao para provar que ela é uma putacontos eróticos de bebados gaysGravida do papai contosContos eróticos tirando virgindadeeu emamae dando o rabo videocontos sarro gostoso com meu genrowww.contoseroticos.com.br/tia e sobrinha virgemgarotinhas da bunda grandemuita pica e plug no rabinho contoseróticoscontos zoo velha carentesou crente marido conto erotico amante paucontos erotico meninas dorfanatocontos eroticos violação anal a força gayesposa tomou um susto quando tirou a venda comtossexo com a namorada do meu filho anal e ela gritaminha esposa e sua namoradinha contoA loirinha punheteira contos eróticosmeninas deixando gozar nos seus chinelinhos havaianasContos sempre incentivo meu marido a comer outra putinhacontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentenegrinho contos eroticoscontos sexo família sem pudorver filme porno com massagista se assusta com o tamanho da piroca do clientes e pede para tocar uma pueta e pede para ela bater um pueta ele goza na boca de delacontos eroticos sou uma mulher coroa e adoro tira a virgindade das mulecadaComtos casada puta dos vizinhoscasada e o tarado contoscumi minha cunhada afossa contos roticosminha esposa me contou suas aventuras sexuaisquando me masturbei saiu bastante gosma da minha buceta será que gozei?Contos eroticos escussao com meu marido banco diferente