Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

HISTÓRIA DE UMA ESCRAVA SEXUAL

Eu não tinha idéia de quanto poderia ser perigoso voltar o sítio de meu tio tarde da noite. Achava que por ser interior era tranquilo. Me enganei.

Tinha ainda 19 anos e corpinho de violão. Aliás, corpão, pois meus 1,70m eram muito bem distribuídos. Seios fartos, bunda empinada, coxas grosas e cintura fina....gostosona mesmo.

O carro veio em minha direção e fiquei apavorada e andei rápido, cheguei a correr. Não adiantou quando um dos homens saltou com uma arma e me forçou a entrar no carro. Foram muito claros: não iriam me estuprar. Iriam me vender.

Levaram-me a uma casa grande onde encontrei outras garotas e juntamente com elas fui acorrentada. Todas nás estávamos bastante assustadas e chorávamos muito.



Dois dias depois aconteceu o leilão. Fomos colocadas lado a lado nuas. Homens e mulheres (poucas) percorriam a fila para nos inspecionar. Ao lado havia cadeiras de ginecologistas. Descobri logo o motivo: seríamos examinadas detalhadamente pelo comprador interessado. Vitor, o homem que fez o maior lance para me comprar, devia ter uns 30 anos. Depois descobri que era filho de fazendeiros ricos e que os homens da família tinham essa tradição de comprar escravas sexuais. Depois de aberta por um alargador ginecolágico e examinada (ele e outros enfiaram os dedos em minha bucetinha) ele pagou a quantia e me levou embora. Nem ao menos me vestiram.



Fui levada a uma fazenda. Fui amarrada num pelourinho e o Vitor me disse como deveria agir. Eu chorava muito e nem conseguia prestar atenção no que ele falava. Por isso levei vários tapas na cara para me acalmar, pois estava quase histérica. No fim entendi que deveria chamá-lo sempre de Sr, obedecê-lo sempre e que seria sua escrava, e muitas vezes, seu animal de estimação. A maioria das vezes fui a cadelinha dele.

Logo na primeira hora amarrada o Sr Vitor mandou chamar os empregados. Eles vieram correndo, pois já sabiam que o patrão tinha do comprar a sua nova escrava. As anteriores, depois de não prestarem mais eram vendidas novamente para o puteiro da região. A primeira noite na fazenda era uma festa para os peões. O Sr Vitor liberava que eles me apalpassem e que enfiassem dedos em mim. Ao todo tinha 4 peões. Era amarrada de pernas abertas e eles faziam essa festinha em mim.......nada de penetração, somente pegação e dedos. Eu chorava copiosamente, mas sentia a minha bucetinha quente latejar. Por isso, pois deveria ficar calada, apanhei de chicote. Os peões perceberam o calor da minha xana e riam me chamando de puta e vadia. Depois que eles me apalparam bem, um dos peões me colocou a coleira e meu Sr me levou p a casa. Como minhas pernas estavam moles, não aguentava andar de 4, fui arrastada pelos cabelos até a casa.

Em casa fui amarrada no teto. Meu Sr disse que iria sentir tudo aos poucos. Por isso nesse dia somente seria essa a minha experiência. Deixou-me lá amarrada e foi dormir. Meu cansaço era tanto que praticamente desmaiei de sono e cansaço depois de várias horas chorando.

No outro dia, ele me tirou das cordas e novamente com a coleira me levou ao quintal e me apresentou a minha “casa”. Uma casinha de cachorro. Abriu a mangueira e me deu banho como a uma cadela mesmo, não deixando de lavar a minha bucetinha e meu rabo com escova de dentes. Depois de me alimentar com frutas, ele me passou para um dos peões que me lavou por dentro do anus com enema. Sofri muito com o tubo enfiado no meu cuzinho virgem que introduziu o liquido viscoso. Depois de minha barriga ficar inchada fui levada ao banheiro onde evacuei até a alma de tanta coisa que coloquei para fora. O peão depois abriu meu rabo com o alargador e terminou a limpeza com a mangueira. Gritava muito mas, a hora da mangueira fiquei excitada, tanto que o peão me deu vários tapas nos seios pois os mamilos estavam tesos.



Depois disso fiquei pronta p meu dono.............. continua

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


jovenzinha first pornconto de corninhocontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crenteContos titio comendo a sobrinha bem novinhacontos eróticos de sobrinhas postado recentementemetia na minha mae, contocontos exitantes de sexo na marrra delicioso historias reaiso pai da minha amoginha me comeu contoscontos eroticos de noracontos presenciei minha irmã fudendo com um dogcontos eróticos amadores com fotos de casais realizando fantasias de Megane masculinocontos eróticos gay EMMO o maconheiroContos eroticos gratis de estagiarias lesbicaasperdi meu cabaço da buceta pra um cavalo contosirma contoscontos eróticos engravidei de um garotocontos eróticos Simone só dorme si chupar o pau do papaiMe comeucontos homem casado chupa picq homem casadoContos eróticos de viados que apanharam para aguentarem as jebasquero o pauzão dele no meu cu amor agora fica olhando contoscdzinha esposa corno contoContos esposa e filha amigoscontos eróticos com esposa contando suas putariasminha sobrinha eu vou sempre fuder ela no motel conto eroticoContos,erotico de mulher casada da na,zona,ruralcontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentemeu pai tirou meu cabaco e colocou um absorvente para não Vazar conto contos mae rabo grandevagina que contrai o peniso pito da minha sobrinha e o cu da cunhada contosconto erotico maecontos eroticos de primos q ficaram com primascontos eroticos estrupando idoso no asilocontos de sexo picante violentoe ousadoincesto realidade fantasias contocontos eroticos na piscina com a famila todos nus no reveioncontos eroticos gays excitantescontos eroticos arrombando a gordaconto erotici com coroas homens de 80 anoscontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentecontos eroticos mulheres que mandam no maridoporno.pai.padado.jeu.nabuseta.dafilihacontos eroticos garoto excepcional dotadocontos reais seduzindo com roupa o cunhadoComi o cuzinho da mamae força contoContos eroticos reais familia felizpulando em cima do pau do tiocontos eroticos de padrinhos com afilhadas que engravidamo massagista mete de surpresa na cliente que se espantacontos eroticos tio e sobrinhacontoseroticos desde pequena adoro dar o cuzinhocontos eroticos de pai obrigando filho a foder com.outros homecomendo o primo e olhando pela janela conto erotico incesto sonifero filhaconto gay fui abusado no alfanato pelo os fucionariocontos gay me depilando e pego no flagraconto erotico comendo a dona da mercearia do bairro onde morocontos encesto na praia de nudismocontos recentes incestuosas encoxada segredos flagradoscontos eroticos comendo traficantecontos abobrinha na bucetaFiquei parado olhando a bunda delaSo contos eroticos com maridos violentos sadomasoquismoocomeno a vacacontos erotico com minha sobrinha mais novagenro faz sogra gozar contosvideos de peladas e meladas de manteiga no cuminha sobrinha puta contocontos eroticos da esposa greluda e o ginecologista velhozoofilia ela casou com negao mais quando viu o tamanho do pau enorma dediu ajudaa maevideos insesto no cusinho nao engravifa