Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

TRAI MEU MARIDO E ELE ESTAVA JUNTO.

Oi pessoal. Sou a Bárbara novamente. Estava sumida mas cheia de saudades de voces. O que vou contar agora, aconteceu depois que o Marcos que trabalha com o meu marido me comeu na festa que aconteceu no sitio de um dos diretores da firma(Traí meu marido novamente). Meu marido e eu combinamos tudo e seria então o grande dia de revelar ao Marcos que meu marido sabia de tudo e que ele era apenas uma peça no nosso jogo de sexo. Ele convidou o Marcos para jantar em nossa casa e jogar um pouco de conversa fora. Marcos aceitou na hora, pois além de ser separado não estava saindo com niguém. Nesse dia, nossas filhas foram dormir na casa de uma colega da escola e ficamos sázinhos pra fazer tudo que tivesse vontade. Quando o Marcos chegou, eu já estava pronta, com um vestido curto que deixava minhas coxas a mostra, sem sutiã, sandálias de salto alto e com uma calcinha branca. Meu marido estava de bermuda com uma camisa polo que deixa ele muito mais lindo do que é. A nossa sala cheirava sexo de tanto tesão que estávamos sentindo. Marcos entrou e apertou a mão do meu marido e quando esticou su mão pra mim, eu o abracei e dei dois beijos no rosto. Não sei se foi ilusão minha ou ele estava mesmo de pau duro o que me deixou mais excitada ainda. Meu marido serviu o vinho e ficamos bebendo e conversando. Derrepente o0 meu marido perguntou a ele o que havia acontecido no sítio da outra vez e ele ficou vermelho de vergonha e meio sem jeito disse que tinha acontecido exatamente o que ele havia contado. Eu comecei a rir e meu marido disse que sabia de tudo e que eu não havia escondido nada dele. Marcos ficou desta vez completamente sem falar e meu marido disse que não tinha problema nenhum pois ele foi quem mais quiz que acontecesse. Depois, meu marido disse que gostaria de ver se Marcos não se incomodasse. Marcos falou que não tinha problema e que estava desde aquele dia querendo me comer de novo. O papo passou a ser mais descontraido e logo estávamos falando de sacanagens. Meu marido estava sentado no sofá ao lado do Marcos e eu na poltrona em frente. Apesar do tesão e do vestido curto, eu estava até bem comportada demais, pois estava de pernas cruzadas e não fiquei cruzando e descruzando pois não havia necessidade de deixar eles com mais tesão do que estavam. Então meu marido me chamou para sentar com eles no sofá e na mesma hora eu estava entre os dois. Meu marido virou meu rosto e me beijou na boca enfiando sua língua inteira dentro da minha boca. Enquanto beijava meu marido, Marcos continuava sentado olhando sem participar. Sentindo que precisava de um incentivo por causa da situação, peguei a mão do Marcos e coloquei ela na minha coxa esquerda. Ele então resolveu se manifestar e passou a alisar minha coxa pelo lado de dentro e para facilitar abri as pernas e deixei ele subir lentamente sua mão até chegar na minha calcinha que estava toda molhada de tanto tesão. Assim que tocou minha buceta Marcos puxou para o lado o elástico da calcinha e começou a tocar no meu grelo. Com a língua do meu marido na boca e o dedo do Marcos na minha buceta gozei a primeira vez apertando a mão dele e quase mordendo a boca do meu marido. O gozo foi forte e intenso que me deixou um pouco mole mas com vontade de quero mais. Parei de beijar meu marido e fui beijar o Marcos enquanto ele continuava a tocar minha buceta por baixo do vestido. Meu marido se levantou e puxando por cima tirou meu vestido me deixando sá de calcinha e sandália pois eu estava sem sutiã. Meus seios pularam pra frente enquanto meu marido tirava sua roupa. Marcos aproveitou e tirou a sua també ficando nu de pau duro apontando para o alto. Eu peguei aquela vara e coloquei na boca mamando com fúria e tesão que estava. Meu marido foi para a poltrona que eu estava e ficou alisando seu pau tocando uma punheta lenta e apreciando sua esposa chupando o pau de outro homem. Eu notei que o Marcos estava pronto para gozar e não queria que fosse na minha boca, pois adoro sentir o homem jorrando seu prazer dentro de mim. Me levantei e tirei a minha calcinha e com o Marcos sentado me posicionei por cima dele e fui sentando naquele pau duro e grande. Segurando ele, fui encaixando na entrada da minha buceta e lentamente fui descendo fazendo ele sumir todo dentro de mim. Sei que sou apertada pois meu marido sempre diz isso mas a quantidade de líquido que jorrava de dentro de mim fez o pau do Marcos entrar de uma vez e sumir todo dentro de mim. De costa para o meu marido, comecei a cavalgar naquele pau subindo e descendo tentando aproveitar cada centímetro de pau dentro da minha buceta. Meu marido apreciava tudo e de onde estava podia ver todo o pau entrando e o meu práprio cu piscando de tanto tesão. Marcos me segurava pela cintura e começou a acelerar meus práprios movimentos me fazendo subir e descer sobre seu corpo. Depois de algumas estocadas senti o pau do Marcos começar a inchar e logo ele estava gemendo e gozando dentro da minha buceta. A quantidade de porra era enorme e como depois de gozar ele continuou a meter, começou a escorrer pelo seu práprio pau e suas perans. Ficamos mais alguns minutos nessa posição quando Marcos pediu para eu sair e deitar no chão de pernas abertas. Assim que deitei, Marcos pulou em cima de mim e enfiou novamente seu pau na minha buceta e trepamos até ele gozar novamente. Eu nem sei quantas vezes gozei pois sempre gozo várias vezes enquanto trepo. Depois da sua segunda gozada dentro de mim, Marcos deitou ao meu lado enquanto meu marido deitou do outro lado e ficou me beijando de pau duro. Perguntei se ele não queria meter na sua mulherzinha e ele me virou de costas pra ele e de frente para o Marcos e meteu seu pau todo de uma vez dentro de mim. Eu já estava hiper lubrificada pelos meus gozos e pela porra do Marcos. Seu pau entrou fácil enquanto eu beijava o Marcos e acabamos gozando juntos, eu e meu maridinho. Ficamos deitados mais um tempinho e depois eu levantei e chamei meus dois homens para tomar um banho a tres. Eles estavam com o apu a meia bomba mas ainda vivos. Quando chegamos no banheiro, meu marido me colocou deitada no chão do box e caiu de boca na minha buceta arreganhada e vermelha de tanto levar pau e me chupou sem se importar se aquela porra toda era sá dele ou tinha a do Marcos também. Quando gozei ele se levantou e perguntou se o Marcos queria chupar também. Lágico que ele queria e acabou fazendo uma tremenda mistura de porra dele, do meu maridom de salivas dos dois e dos meus gozos também. Gozei mais uma vez e tive que receber ajuda deles pra ficar de pé. Tomamos um banho gostoso onde um lavava o outro e depois fomos para sala enquanto eu preparava algo pra comer, pois o exercício nos deu uma tremenda fome. Depois assistimos um filme e meu marido acabou convidando o Marcos pra dormir em nossa casa e na nossa cama. Não preciso dizer o que aconteceu durante a noite inteira. Antes de dormir, Marcos deitou nu ao meu lado e eu logo estava chupando o pau dele enquanto meu marido me chupava. Depois, Marcos passou a meter seu pau já completamente duro dentro da minha buceta e logo estava gozando dentro de mim outra vez. Foi delicioso mas o melhor ainda estava pra acontecer. Meu marido me colocou de quatro na beirada da cama e passou a fuder a minha buceta. Eu de quatro e ele em pé. Nessa posição, seu pau entrava totalmente e eu sentia seus pentelhos tocando na minha bunda até ele gozar. Então ele perguntou ao Marcos se ele queria comer minha bunda. Marcos levou um susto mas na mesma hora disse que sim. Meu marido pediu pra que eu ficasse de quatro mais uma vez e depois de chupar e enfiar a língua dentro do meu cú, abriu a minha bunda e pediu pro Marcos enfiar devagar pois eu não estou muito acostumada a dar a bunda. Quando a cabeça do pau do Marcos encostou no meu buraquinho cor de rosas, senti um calafrio misturado com tesão e medo, mas ele foi muito delicado e foi enfiando bem devagar. Meu marido havia passado KY no meu cú e pediu pro Marcos passar no pau dele, o que facilitou a penetração. Depois de enfiar todo o pau no meu cú, Marcos ficou com ele parado até eu me acostumar com a invasão. Depois ele passou a meter, primeiro devagar e depois aos poucos foi acelerando, me segurando pela cintura, até começar a meter com força fazendo seu pau entrar e sair rapidamente e logo gozou enchendo o meu cú de porra. Depois caiu de lado com o pau ainda enfiado na minha bunda. Meu marido pediu pro Marcos chegar para o lado pois queria fuder meu cú também. Sá que desta vez ele enfiou de uma vez sem ter pena e apesar de estar completamente arrombado e todo lubrificado senti um pouco de dor, pois o pau do meu marido é um pouco maior que o do Marcos. Sá que ele gozou bem rápido e desta vez acabei gozando pelo cú. Foi um dia maravilhoso em que realizamos todos nossos sonhos e desejos. Acabamos dormindo os tresw abraçados e na manhã seguinte acabamos trepando no chuveiro enquanto tomávamos banho. É verdade que o Marcos passou a ser nosso parceiro outras vezes até ser transferido pra São Paulo. Agora, estou procurando um novo parceiro e desta vez ele já foi escolhido. É um garotão de 19 anos cheio de tesão que estamos investindo e quem sabe não vai ser a nossa nova aventura. Beijos.



VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


comtos eróticos de fazemdeira com animalconto meu marido acha que sou santa mais ja dei o cuconto erótico sobrinha. bem novinha fica esfrgando no colo do tio sem calcinhacontos eróticos casal Passei a noite no autorama no Ibirapueraempregada deu a bucetinha ao patrao sobre chantagemminha tiade fio dental exibidafotos chapéu ao traveco até ele gozamachos arrombador de gay afeminadocontos porno chupetinho para um adultocontos eroticos arrombando a gordazoofilia garota de programa asustada com pauza do cavalo boneiencoxador no tremcontos eroticos de pau gigante arregassando bucetacontos filhinha brincando com a picacomtos arrobadacontos eroticos a filhinha da empregadaesfregacao de rola contos amigos punheteiroscontos eroticos eu minha mulher e um travestisempregadinha empolgadacontos erotico levwi minha esposa numa suruna de suprwsatravesti Juliana de primo metendocontos eróticos mas que porra de meio irmãocontos transex fudendo com entregador de pizzacontos minha filha gemia no quarto delacumi a bucrtina contos eroticoscontos veridicos de japa com negao de pau giganteacampamento com aluninhas 2 contos eroticoscontos eroticos acordar minha filhacontos erotico vestido tubinhoprofessora novinha e senha resolvi dar o c******Finquei o pau no cu da manacontos eroticos comendo cu da cunhada com o irmaofiz bacanal com minha filha e o filho do caseiro contoscontos eroticos casado medico gordinhoUm cao mais novo do q 9 meses ele pode ficar engatado em mulherencoxadas socando com força reçentecontos eróticos de incesto mãe que deu o cu para o filhozoofilia a chapeuzinho vermelhosogro sogra genro e esposa fazendo suruba contos eroticosfilha esposa de papai pintudo contosbrinquei com a afilhada contocontos/eu e minha mulher fomos assaltados e enrabadoscontos vizinha loira meninamulheres aronbada decalcinha sujaminha namorada se mostrando para outros contocontos eroticos eu minha esposa rabuda e meu tio na praia de nudismocontos eroticos xongando.e batendo.na putacontos eroticos namorada primocontos de incestos posando na sogracontos sexo minha esposa nossa vizinha travesti novinhacontos a pica do pacientebunda grandíssima contos eroticos zt i: blackmailme fode com esse pintão2paus nu mesmu buracuconto lesbica humilhei minha amigacache:GAEDmAeFVBUJ:okinawa-ufa.ru/m/conto_18319_fodendo-gostoso-minha-paciente.html Histórias contos ficticios e reais de sexo com travestiscontos eroticos arrombando a gordacontos eróticos com amiga da esposauma viagem muito louco contos eróticoscontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crenteconto erotico comendo a massatorepeutaConto erótico na casa do tio tarantoXvidio mulhes que anda a noitecontoseroticos assaltocontos eroticos arrombando a gordana viajem de trabalho a mulher transa com o chefe e gostou contoDaniele comi pra cacetecontos reais de sobrinha de 8 dando o cuzinhocontos eroticos de menina de nove anos dando o cuFetiche pelos pezinhos da minha amadadando pro impregado do papaimeu marido viu os amigos dele me comerem contoscontos minha mulher foi fodida na praça por estranhosconvidei minha irmã para tomar cerveja e acabamos indo pra um motel contos eróticos