Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

ENRABADA INESQUECÍVEL - PRIMEIRA DE CALCINHA

Oi. Este é meu primeiro conto, por isso vou me descrever: sou casado, altura 1,72cm - 74kg - olhos e cabelos castanhos, corpo atraente e uma bundinha de dar inveja a muitas mulheres (empinadinha, com pelinhos dourados e um botao rosadinho, mas não sou afeminado.

Apesar de sempre fantasiar com homens, travestis e enfiar dedos e objetos no meu botãosinho gostoso, nunca havia me entregue a um pênis, até aquele final de tarde...

Tudo teve início quando minha esposa foi viajar e resolvi entrar num site de bate papo. Estava a procura de alguma aventura e com um puta tesão.

Iniciei a conversa com um cara, super educado e sedutor, pois sabia usar as palavras. Fui direto ao assunto e falei sobre minhas experiências com objetos e dedos e sobre meu desejo de ser possuido como uma putinha por outro homem ou travesti, mas tinha medo, afinal sou virgem.

Ele não perdeu tempo e falou: quer ser minha putinha? Coloque uma calcinha entalada nesse seu rabinho e vem...vou saciar seu desejo... sei deflorar um cuzinho como ninguém.

No início fiquei assustado, mas ele continuou a escrever loucuras e, nesta altura, meu botãozinho já estava piscando... passei o dedo e senti que latejava.

Que loucura. Falei que iria - marcamos um lugar e fui me preparar... Tomei um banho gostoso e lavei bem meu cuzinho, coloquei perfume íntimo da minha esposa e fui ao shopping comprar uma calcinha. Comprei uma de renda, daquelas que entra na bunda e deixa a papadinha a mostra - já que minha bunda é uma perdição; comprei ainda uma saia curtinha, uma mini blusa e um sutiã - no caminho parei o carro e me vesti de colegial, pois queria surpreender aquele macho etb porque era uma fantasia minha.

Quando cheguei no motel ele já estava a minha espera. Subi a escada e me deparei com um homem lindo - 1,80, mulato, pernas grossas, barriga tanquinho e um volume enorme - fiquei com água na boca. Ele mandrou que estrasse e fechou a porta.

Fiquei paralisado... Assim que fechou a porta, me pegou por tráz, me encoxou e disse: nossa, que putinha gostosa, vou fuder esse seu cuzinho de modo que jamais vais esquecer... Meu corpo tremeu de tesão.

Começou ali mesmo - levantou minha saia e começou a beijar minha nuca e esfregar aquela tora na minha bunda - que delícia - me entreguei como uma putinha de verdade;

Me levou contra a parede e com uma das mãos levantou uma das minhas pernas, continuando a esfregar aquela delícia na minha bunda - parecia que iria rasgar minha calcinha - comecei a gemer de tesão e chama-lo de meu macho.

Depois me conduziu até a cama... Me fez ficar de quatro, voltado para ele e tirou aquela maravilha de dentro da cueca, tinha uns 20cm e uma cabeça rosada e com cheiro de sexo - mandou que chupasse - não precisou nem repetir - cai de boca.

Enquanto chupava gostoso, ele arancou minha saia e minha mini-blusa, me deixando de calcinha e sutiã. Me colocou de pé, de frente para ele - me deu um beijo de lingua que estremeci, depois passou a me chupar o pescoço; tirou meu sutiã e passou a chupar meus mamilhos - nesta altura eu parecia uma cadela no cio, gemia muito - queria sentir aquela tora toda no meu rabo.

Virou-me de costa, tirou minha calcinha bem devagar e passou a lamber meu cuzinho - fui as nuvens - que lingua maravilhosa... Eu, safado, coloquei uma perna em cima da cama, deixando meu botão bem a amostra e comecei a rebolar na cara dele... gemendo dizia: lambe meu botãozinho, vai; me faz tua putinha meu macho gostoso.

Ele foi a loucura e enfiou em dedo de uma sá vez no meu botãozinho rosa - nossa que loucura - q. tesão - gritei de tesão... pedia para ele me fuder, para enfiar aquela tora gostosa.

Ele me colocou de quatro, fez chupar mais uma fez aquela tora deliciosa e melada. Depois me virou, senti passar um gel no meu cuzinho e penetrar um dedo - eu rebolava e gemia. Em seguida enfiou outro - meu corpo tremeu...

Então ele falou no meu ouvido: sua putinha gostosa, agora vai ganhar o que merece... senti aquela cabeça enorme forçando a entrada do meu botão - quase demaiei, pois era virgem...

Era muito carinhoso, foi enfiando bem devagar, enquanto mordia minhas costas. Em pouco tempo senti seus testiculos bater na minha bunda - que sensação maravilhosa...

Pedi para socar - ele obedeceu e iniciou um vai e vem frenético, com estocadas que faziam em gritar de dou e prazer - gemia como uma putinha - rebolava e pedia mais - falava assim: soca esta tora gostosa na sua putinha, vai, não para, soca meu macho gostoso.

Mudamos de posição - ele deitou encostado na cabeceira da cama e eu sentei naquele mastro - que delícia... comecei a cavalgar... Ele me puxou contra seu corpo - passoua chupar meus mamilos enquanto socava gostoso - eu gemia de prazer.

Sem tirar de dentro, me colocou de lado e passou a socar como um louco - deixou uma das minhas pernas esticadas e a outra ele puxou para cima - putz, meu cuzinho era todo dele... sentir aquele macho me comendo, mordendo minhas orelhas... Virei um pouco o corpo e pedi que ele mordesse meu mamilo enquanto socava e ele fez com maestria. Gritei de prazer e anunciaei que iria gozar - como gozei.

Me colocou de quatro novamente disse que era a vez dele gozar. Passou a socar muito forte- que macho. Eu olhava no espelho no teto e na lateral e rebolava como um louco... senti seu pênis latejar - ele urrou e senti aquele jato quente - gozei novamente. Ele tirou o mastro de dentro de mim, sentia a porra correndo pelas minas pernas... Virei para ele e abocanhei aquela rola melada, suguei as gotinhas que ainda sobraram.

Descansamos um pouco e fomos para o banheiro,... mas esta parte eu conto na práxima parte... Como trata-se da primeira fez que me entreguei, quero dividir com minúcias este dia inesquecível...

Sá de descrever esta experiência, já estou com o botãozinho latejando - alguém se habilita??? Bjos.

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


algus dono de escravos estrupavão escravasMulher pega o marido usando sua tanguinhacontos me fuderam atraves de chantagensvizinhasafada adora língua na xotacontos titia mando eu arromba seu cu gordoContos erotiicos traindo mo resguardopadrinho comer afilhada cem pentelhocontos eróticos a babá do meu irmãowww.contos eroticos porno eu meu marido e o nosso cachorro fazendo dp zoofiliacontos eroticos com fotos de mulheres casadas que foi violentada por bem dotadoscontos eroticos com genrocontos eroticos elizandracontos de sexo falando que cagoucontos erotico fui pozar na casa da minha irma casada e comi seu cuzinhocontos fui brincar amoite de esconde esconde e dei o cu pra todos mulequestravesti de microsaia fica de pau duro na ruacontos eroticos orgia eu marido com as casais de amigos na chacaracontos de coroa com novinhoContos.minha.filha.ja.ten.cabelo.na.buceta.Contos Bota no cu tiotransando com meu brothertia gozou no meu pau ao lado do primo contonegao marido de aluguel com casadas contoscontos eroticos de roçacontos eroticos da minha tia amadorascache:HVsxZOrs15AJ:http://okinawa-ufa.ru/m/conto_12619_quando-eu-dei-pela-primeira-vez.html+"dei pela primeira"incesto tio tirando virgindade da sobrinha de sete anos no banhocontos nascendo pelinhoscontos duas putinhas chorando na varaconto erotíco fui sedusida nova e gosteicontos esposa me amordaçou contos eroticos grelo sugadoTitio me prostituiu pos amigos contos eroticoscontos meu primo novinho foi dormir comigo e eu comi o cu deleno pau do meu filho contoamiga foi tomsr um cafezinho na cozinha peguei pir tras e comi o rabo dela gratuscontos erotico esposa ezibelekinho pau contosConto d esposa safadinha fico d pau durocontos eroticos troquei marido pela vizinhacontos gay cavaloProvoquei e foi arrombada porno conto metia na minha mae, contoCantos erótico minha irmã grito quando estava cumendo elacontos corno humilhado beija pésdepois de brigar namoradas lesbika fodim na istradaconto corno rabocontos enteadinha fofinhacontos eroticos gay mulherzinhaConto com foto vizinha peluda de vestido no matocontos erotico a 1 de una solterona com um menino de 15Conto minha esposa dando pro policialUfa de vídeo caseiro chupando a rola do namorado dentro do carroContos dois na minha mulherConto porno de meu avo me comeu e papai viucontos gay favelacontos eroticos gozei na boca da mulher do traficanteMinha irma tarada contocontos eroticos coroas crenteContos fudendo a gravidaconto erotico pedi um desconto para o gerente e ele me encoxoucontos eróticos realizando a fantasia da minha mulher no nosso aniversário de casamentosobrinha peladinha contosContos eroticos seios mautradosMeu nome é Suellen e essa aventura foi uma delícia.rnSempre nos demos bem, erámos vizinhos e amigos. Eu tinha 18 anos, ele 16. Nossas casas são práximas, tanto que a janela do quarto dele dava pra janela do meu quarto. Eu sempre gostei de provocá-lo,me depilei pro carnaval contosconto erotico comendo mae do analamigoContos eroticos esposa gosta de exibi e leva cantada nas praiasminha namorada apertando meu pau com a sua bucetacontos eroticos meu cunhado rasgou meu cuContos eróticos mamãe filha e a rola do papai contos eroticos arrombando a gordaCONTOS DO CAMIONEIRO DA PICA 32CMWww. meu tío comeu meu cualcontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crente