Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

MANCHETE DA INVERSÃO - SENÓIDE/ ANAL I

Casei por tesão!

Meu esposo e eu, Luís e Ana, sendo mais concisa. Trocamos os papéis desde quando éramos namorados. Foi com ele que descobri meu real prazer como mulher e homem. Partindo de mim a iniciativa de conduzi-lo à inversão. Não precisei ler sobre o assunto na época, mas sempre que chegava em casa, depois da aula, masturbava-me pensando nele e nos desejos mais aguçados da inversão. Não foi fácil convencê-lo até que aos poucos fui com jeito para alcançar o objetivo de comer ele, fazendo tudo que se passava na minha cabeça – Eu (macho) e Ele (macho) – dois homens, EuEle e Lucas – O ápice da Inversão e Eu (Macho) e Ele (Puta)- a inversão ao pé da letra. Dizem que o homem que é macho não senti tesão em outro homem e sim na mulher, ou seja, ele quer dá o rabo para uma mulher. Embora, eu ache isso exdrúxulo (absurdo, sem nexo, sem pé nem cabeça...) para o século em que estamos.

Meu marido macho e puta, a cada dia entrega-se com mais fervor para mim. Fizemos uma foda recorde de gozadas consecutivas. Geralmente, vamos para o motel. Isso propicia um clima de vadiagem mais intenso. Então com tom autoritário e ao mesmo tempo induzindo-o, disse: – Hoje, te quero como a mulher mais vagabunda que existe no Brasil! Sem retrucar, vista aquela lingerie branca e me convença de que você merece que eu te foda. Ao ver aquele homem, macho pra caralho, lindo e tesudo se exibindo como uma puta no cio, louco pra dá aquele cuzão exuberante e saboroso. Entrei em processo de liberar líquido de prazer sobre as tirinhas da minha cinta de couro com um puto de um escroto pronto para meter gostoso naquela vadia. Meus seios arrepiaram-se, minha boca aguava de tesão, e minha xoxota cavaluda reinava com vontade de devorá-lo. – Agora, sua cachorra meche esse cuzão pra mim e vem pra cima do meu pau e geme, mais geme alto que eu quero ouvir você implorar por esse caralho dentro de ti! Enquanto sentia a base do consolo encostando e movimentando em meu clitáris, com a vista daquele rabo viçando sob meu caralho, gozei. Luís, agora se chama Raquele – a puta mais cobiçada do cabaré X, frequentado, pela sociedade. Raquele é uma puta de dar ereção até para aqueles que não gostam da fruta. Queria mais e estava louca para lamber aquele rabão, morde-lo, mas não escondia a ansiedade de sentir o cheiro de Raquele entrando em minhas narinas. – Vem sua vadia, esfrega esse rabo na minha cara e chupa meu cacete gostoso! Raquele não se conteve e entregou-se toda, sem pudor. Obedecia às minhas ordens como uma cadela de cabaré carente, e não como a mais desejada. Mas naquele momento ela sabia que era a minha preferida e não mediu esforços para fuder gostoso. – Porra gata, você é muita tesuda! Sinta minha língua passando nesse cuzão, veja como estou excitada. Raquele é obediente e disciplinada e enfia aqueles dedões dentro da minha xana, no movimento socagem bruta. E logo vem outra gozada. Na posição, quero ser chupada (agachada, em cima da minha cara) Raquele oferece também seu pau ereto e enfático com os cunhões que estavam depilados e pesados de porra para eu chupar e fiquei alternado entre eles, enquanto ela roçava, gemia e se contorcia quando minha língua aterrava seu rabo, não me contive e gozei novamente. Aprazivelmente coloco-a de quatro com a cara no travesseiro e o rabo bem empinadinho e começo a colocar a cabeça do meu pau melecado de gel para que entre sem doer e que esteja sempre a minha vista seu rabo apertadinho, excitante e redondinho como o meu. Aos poucos, vou enterrando meu pau nela e encaixando até o talo, excessivamente, sem intervalos. – Toma esse pau vadia gostosa, tesuda. Aperta esse pauzão, libidinosa, eu sei que você quer engolir ele todo. Estou sentindo seu rabo pedindo mais rola, safada, vagabunda. Arreganha esse cú, pra entrar tudo eu quero ouvir você gemer como uma cadela louca por uma Pica Grossa e Cheia de Porra Pra derramar dentro de ti. Naquele clima de puro tesão e muita explosão de nervos, gozo. Quanto mais forte metia nela, dando fortes palmadas que aos poucos a deixava encarnada na bundinha que é minha, por que essa puta tem dona e xingando-a, pervertidamente, mais a base do consolo batia forte em minha xana derramando gala e mais gala. A pinguela ficou acelerando a batidinha e o tesão aumentando a medida que ia metendo, fortemente, no cuzaço do meu macho e fêmea.Gozei!Gozei!Gozei! Ofegante, digo-o que preciso me deitar um pouco e beber um pouco de água, pois minhas pernas tremiam e as batidas do meu coração ficaram intensas, como se estivesse acabado de participar de um tricampeonato. O cansaço me deixou exausta e com um tesão incontrolável de fuder mais ele(sabe aquele cansaço gostoso de sentir) Mas, meu macho que outrora o chamo de Raquele, também queria gozar. Sá que eu tive que ser intransigente com ele. Então, disse-lhe que queria gozar mais uma vez (estava taradona de tesão) e também queria que ele gozasse, mas com meu pau dentro dele. Pois, Luís, costuma gozar metendo em meu cú, ou socando na minha boquinha, ou cheirando a minha boceta. – Não, amor!Não consigo gozar assim...disse a minha puta.Então, relutei: Como é Raquele ? Você não vai gozar na minha pica ? Eu estou te mandando e não te pedindo sua vadia. E isso excitou,enlouquecidamente, os cônjuges. Persuasiva, falei: – fica naquela posição do frango assado, amorzinho, que eu vou te comer tão gostoso que você vai adorar gozar sentindo minha pica toda dentro de você, enquanto isso fique se masturbando,beijando minha boca e sentindo o cheirinho do seu cuzinho. Urradas e Gemidos, a sensação vip da inversão. Mais um recorde poder do prazer absoluto. Luís, ou melhor, Raquele gozou tanta porra em cima de sua barriga com três jatos fortes de leite puro, melando meus cabelos e espirrando em minha face.Nesse dia, ainda fiquei lambendo o rabo dele de tanto tesão, enquanto meu amor estava desmaiado na cama do motel. Portanto, digo-lhes que essa é a melhor gozada feminina. É você que eu amo, PORRA!

Carpe Diem!



Autora: Ana Sobreira

Caso queiram saber mais sobre esse assunto, por favor me escreva. Principalmente, as mulheres que sentem esse tesão, mas ainda não conseguiram realizá-lo.

[email protected]

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


mega rolas mega bucetas mega gozadas profundasbunda tornar atriz contoscache:tCqBSJiMNvAJ:okinawa-ufa.ru/conto-categoria-mais-lidos_6_13_orgias.html fui ensinar a sobringa dirigir ea fudigarota no cio brincando com cachorrocontos erotico viajando com paiContos minha esposa e uma morema muonto bumdida tem 1: 80 70 kl e foi enrrabada en casa num currasco meu amigo dormiu encasacontos gays a goiabacontos eróticos do tio malvadomulheres nuas e cagando no cu da primasexo com muito expormos pornodoidoporno bundas muitissimo leve ou seja moleo tio ceduzino adolecente metendo odedo priguitinhafrutaporno sou casada mais nao fico sem fcontos eroticos o cachorro me fudeeu dentro do canilContos de incesto quando eu era pequena era putinhairmão f****** a irmã gostosa dopada gostosa bemcontos minha garotinhasou bi gostei quando um amigo de minha esposa me deu um sarrogorda bem vestida da buceta gostosa e acediada pela vizinhacontos de homem que comeu a sogra e a esposacontos eroticos punheta no.onibusminha netinha contos eróticoscontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crenteSobrinhas safadas relatos eroticos reais novospolicial feminina contos eroticosFotos de bundas triangulo e cufingi que dormia e meu pai meteu seu psu em mimcontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentecontos eroticos meu amante arrombava eu e minha filha e meu marido descubriuconto minha enteada de dez anos sentou no meu pau sem calcinhamurhler.abusada.estrupradoconto de botei a minha irmã bem novinha pra chora com a pica grande no cu virgeleitinho no copo. contosContos eroticos com animaiso virgem comi uma egua preta contopai q come filha no sitiocontospeito bicodu sexxvidio gay coroa 82contos eróticos minha tia de baby dollcontos mordidinha na bucetaenfiando a escova de lavar banheira todina na buvetaler contos de jovens heteros iniciados por outro jovem no sexo gaycontos gays transei com meu amigocomendo o c* gostoso bronzeadinha e g************* de uma r*****contos eroticos trai meu corninho chupando o irmao delegostosas de caixote apertadinhaconto o cachorro me comeu no celeiro da vovóContos eróticos Gay de comi o amigo do meu filhoconto erotico, esposa, buceta alargadaporno familia papai e minha irma e eucontos eroticos/estupro/gangbang/final de semana todocontosperdendo a virgindade bem novinhacontos eroticos estuprosminha mulher se exibiu pra váriosminha prima me deu conto eroticocomendo a tia de pois de beber um vinhoChupando o peito da priminha gostosa:*contos eroticos anal iniciando minha filhinhasubi a saia da e comi minha empregada vadiaconto minha sogra nuacontos eróticos comendo minha sobrinha gostosaconto teens de pau duro no calcao de futebol para a primamulher com uma bu dando nda inmencacontos eroticos de travestis fudendo o tioContos er padrasto estuprContos eróticos eu e meu bemzinhocontos eroticos fui comida feito puta e chingada de cadela pelo meu sogrochupada por mendingo e seu cachorroContos eroticos... Uma rapidinha com a cunhada de vestidoContos vi meu padrasto nucomprei a Cristina da mãe bêbada contos eróticoscontos veridico de priminhacontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentecontos reais meu marido fez uma deliciosa DP com seu amigoler conto erotico irmao fode a irma no oniboschupando com tara e gula a bucetacontos.erostico.comendo.minha.cunhada.beba.esposa.dela.estava.viajando