Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

MINHA INFANCIA COM MINHA PRIMA 2

bom caro leitores depois da de meu primo grande ter arrombado o cuzinho do menino, meus pais mudaram de casa e nos separamos por quaze dois anos isso era eu meu primo grande e minha prima e seu irmão, quando retornamos para aquela cidade de volta, nada mais era como antes, mas aquelas lembranças tanto de minha prima quanto do meu primo arrombando o menino e quaze arrombar ela não saia da minha cabeça, ja naquela idade eu me masturbava 3 ou 4 vezes ao dia .

passados uns meses da nossa volta eu ja com quaze nove ou 9 completos, minha mãe resolveu ir vizitar minha tia mãe dessa minha prima e chegando la resolvemos que eu ficaria lá o final de semana que seria dois dias inteiros e em uma fazenda onde minha tia estava morando, de imediato todas aquelas lembranças me vieram como uma tempestade em meu celebro .

meinha prima ja tinha dois limoes nos peitos( eram seus peitinhos que ja começaram a se formar ) tambem tinha crescido bastante e até hoje não entendo por que as meninas formam mais rapidos que os meninos, bem ja tinha o bum bum começando ha ficar redondo assim como os das moças, elasá não tinha crescido tanto quanto eu mas seu corpo estava em pleno desenvolvimento, aquele dia foi festa para mim, saimos conversando e conversando e eu querendo retornar as brincadeira mas com medo porque ela ja tinha crescido e ja estava bem desenvolvida, quando em dado momento eu perguntei pelo seu irmão e ela espantosamente fes o seginte comentario ( nossa sabe que lembrando dele eu lembro também das nossas brincadeira, que loucura que faziamos háa sim primo lembra daquele dia que o outro prima entrou na brincadeira e nossa que loucura ) eu respondi sabe eu ( nunca esqueci nem de voce nem daquelas brincadeiras e nesse dito dia que voce acabou de lembrar eu sofri junto com voce sabia e eu tinha certeza que voce iria se machucar com aquilo ), nossa primo então voce nunca esqueceu de mim ou de ter me comido, eu fiquei sem grassa e respondi, ( eu nunca esqueci de voce mesmo porque a gente nunca fizemos mesmo direito ) e a conversa mudou para seu irmão que tinha ido morar com o outro irmão dela casado em outra cidade e quando eu estava criando coragem para chama-la a continuar as brincadeiras de antes minha mãe chamou pois ja estava de saida de volta para casa e eu iria no dia seguinte,

passou quaze o dia todo quando ja bem a tardinha minha tia pediu para nos irmos na roça pegar algo que não me lembro agora e avisou volta logo que é para o jantar, fomos conversando amenidades, atravassando o pasto onde ficava as vacas de cria nova e um pé de manga bem frondoso quando eu comentei ( nossa prima voce cresceu muito olha até peitos ja tem,

ela ficou corada e respondeu é isso mesmo mas essa merda sá serve pra doer ) eu espantado com a resposta, mas doer como assim, ela( nossa meu irmão antes de ir embora deu um tapa aqui que quaze desmaiei de dor, eu posso te pedir uma coisa, não deixa pra la, vai pode pedir ou voce esta com vergonha,eu eu eu eu fala logo primo,eu queria que voce me mostrasse eles?

levantou a blusa e disse se der risadas eu te bato,eram os peitinhos mais lindo que ja tinha visto, eu posso te pedir mais uma coisa, pede, eu posso mamar neles, desde que não morda e nem aperte e não demore pode, então eu tremendo como uma vara verde chequei bem perto e colei minha boca e suguei o biquinho como se mamasse e au mesmo tempo olhei para cima e percebi que ela estava com a boca aberta e os olhos fechado ( indicação que estava gostando ) vamos logo que ja demoramos demais e me empurrou para traz que cai em cima de um monte de estrume de vaca e serviu para dar gargalhadas o resto do caminho, chegando em casa fomos tomar banho jantar e dormir e eu iria dormir no mesmo quarto que ela, quando ja bem tarde da noite ela me chama para irmos para fora que queria me mostrar uma coisa, era os pelinhos que ja começava a brotar então criei coragem e pedi, vamos brincar novamente, então deixa eu ver o seu pinto porque voce cresceu muito e lembro muito bem como foi a ultima ves, olhou, pegou, alizou depois falou ( amanha vamos voltar na roça, e a gente vai correndo que sobra tempo, esta bom assim .





o que aconteceu eu conto no proximo conto .

até la

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


minha esposa de shortinho na obra contogay e o cachorro contoscontos de lesbicas coroasTia de calça leg conto eroticoconto meu cunhado me emcochou no bus Contos eroticos de comi a bunda do vizinhocontos eroticos com a tiavelha aqueles tempos do capô de fusca bem rapadinhacontos de mulher insatisfeita com maridocontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crenteduas irmas com peitinhos crescendo e o irmao chupandocontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crenteconto de encesto filho vetido de noivinhaeu mae e filha contos de sexocontos 23cm e um czino virgemfudendo por um jumento contosEu morava sozinho minha aluna do cursinho ela veio morar comigo ela agora ela e minha mulher conto eroticoComo usar ropa de menina curtinha conto gaycontos exoticos no.cinemacontos eroticos real de marido chama pedreiro pra fazer reforma fas q vai trabalhar vouta e ver a mulher fydendo com ele e fica ecitadocontos gay cu arrombadogays cornos contos no cinema vídeossogra espreitou genro no banho contos eroticoscontos porno eu amo caga na picaconto erotico enteadavídeo pornô de sobrinho pega tia de baby doll calcinha na cozinhacommini vidio porno so rabudas epitudasContos eroticoseus.filhosenfiei tudo naquele cuconto erotico transei com uma velha deficiente especialcomo supa a boceta ligada tonadoMeu nome é Suellen e essa aventura foi uma delícia.rnSempre nos demos bem, erámos vizinhos e amigos. Eu tinha 18 anos, ele 16. Nossas casas são práximas, tanto que a janela do quarto dele dava pra janela do meu quarto. Eu sempre gostei de provocá-lo,conto erótico de corno chupador de arrombadacontos eroticos arrombando a gordaclube da depravacao zoofiliacontos eroticoscunhadinhas muito safadaSexo com a tatuada contoConto eróticos de novinhas 2006Conto erotico dei pro borracheiro sem o marido perceberolas grandesno cu e gritosnoite de nupcias:conto pornocontos de casadas que se entregam a outro homempai fode fia a forsa contoscontos dp.na mendigamulher chupando o pau do Felipe e as outras olhandotacou a piroca na vizinhaamanda boquete contoscontos eroticos com meninocoroa da bunda gigante conto eroticoorgia com velhas contos eróticosno cu nunca mais contosmuito tempo sem mamar no pauAgostozas trazano contos eroticos com cavalosMesmo contra a vontade da minha familia eu sou mulher do meu primo viuvo conto eroticochaves comendo cu da chiquinhacontos eróticos de mães e filho de pau grandemulher passa muita margarina no proprio cucontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentecontos eroticos arrombando a gordacontos zoofilia gayconto minha noratrai meu marido com um travestilésbicas se ralando incerta com bucetaporn contos eroticos estuprada todos os diascontos de sexo picantes filhas se acabando nas pirocas. groças. e grandes do papai taradaofotos de fodas de buceta gostosa do precinpio ao fim todas as coloca?.contos de coroa com novinhocache:FPfKk_mm7mAJ:okinawa-ufa.ru/conto-categoria-mais-lidos_9_9_zoofilia.html contos erodicos de cabrito macho fazendo sexo com gostosa zoolofiacontos devorei minha filha putqcontos eroticos com fotos de mulheres casadas que foi violentada por bem dotadosmulher chama homem pra chupar sua b***** dela já foi gozar e alguns amigos queridosmamei as tetas da minha irmaconto erótico o que rola em cine Porno do Brasilcontos eroticos gays , o pai do meu amigo , meu primeiro acho adultoContos eroticos bizarros: pau hiper gigante me arromboucontos eroticos eu transex e o elrtricista safadocontos eróticos deu pro meu filho