Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

COMI MINHA MÃE NO MOTEL

Sempre fui tarado na minha mãe. Coroa na faixa dos 48 anos e separada do meu pai, ela sempre foi elogiada por estar em plena forma já depois dos 40, e de ter tido três filhos (contando comigo).

Minha mãe, dona Wanda, tem cerca de 1m65 de altura e é bem farta de corpo. É morena, tem cabelo até a cintura, peitos e bunda enormes. Hoje, estou com 22 anos, mas desde cedo batia punheta pensando nela, em como seria gostoso transar com ela.

Certa feita, já há dois anos, nás havíamos marcado de nos encontrar na faculdade onde eu estudo, em Salvador. Era de noite, e eu havia ficado de sacar um dinheiro do caixa eletrônico que tem lá na faculdade para entregar a ela.

Ocorre que depois que saímos da faculdade não tinha mais ônibus. Quem mora em Salvador sabe que não tem ônibus depois das 22h30.

Nos restava, somente, duas opções: ou dormiríamos na estação do ônibus, ou em um hotel barato, já que não tínhamos dinheiro para pegar um táxi.

Acabamos em um hotel no bairro de Itapuã. Lembro-me como se fosse hoje: a pernoite do quarto custava R$35.

Minha mãe vestia uma blusinha sem sutiã e calça jeans azul, com um sapato alto cor branca. Ela estava mais deliciosa do que nunca, e todos a olhavam nas ruas - como de costume.

Já no quarto do hotel, conversamos sobre o dia que passou, demos risada com toda aquela situação, mas era chegado o momento de deitarmos na mesma cama.

Depois do banho, ela saiu sá de calcinha e sutiã, e eu de cueca.

Estávamos juntos na mesma cama e eu estava coberto de adrenalina, até porque aquele parecia o dia ideal para eu realizar o meu grande sonho.

Por volta das 2h da madrugada, ela já dormindo (ou fingindo), resolvi ligar a TV e colocar em um canal de filmes pornôs.

Pouco depois, lá estava eu tocando uma punheta, levantando o lençol e vislumbrando aquele bundão maravilhoso, naquela calcinha branca rendada.

Logo, aproximei-me de minha mãe, e como já estava estonteado de tesão, acariciei a sua bunda, enquanto batia punheta e assistia ao filme.

Na primeira vez que ela esboçou movimento, parei de tocá-la, já com o meu pau extremamente duro e pulsante. Tive medo.

Em seguida, ela virou-se pra mim acordada, o que deixou-me surpreso e temeroso. No entanto, minha mãe me tranquilizou:



- Tudo bem, meu filho. Sempre achei esse negácio de familiares não terem relações sexuais uma hipocrisia, já que o tesão desconhece parentesco. Vamos aproveitar esta noite e transarmos bem gostoso, e ninguém vai saber.



Depois disso, ela pegou meu pau e começou a chupá-lo. Primeiro, lentamente, depois, como uma verdadeira puta. Eu estava adorando, mesmo sem acreditar direito. Na sequência, fiz com minha mãe o mesmo que faço com minha namorada: agarrei o cabelão dela com força, enquanto ela saboreava meu pintão.



Logo depois, abri as pernas de minha mãe e comecei a chupar-lhe o bucetão. Era uma buceta enorme, quente e muito molhada, o que me dava ainda mais tesão. Simultâneamente, assistíamos ao filme pornô.



Aí foi a vez de eu socar o meu pau na buceta dela. Minha mãe estava de quatro, e a buceta dela simplesmente estava engolindo o meu pau, num movimento frenético de vai-vém. Em seguida, segurei as duas pernas dela e comecei a meter forte, com duras estocadas, ao que ela gemia como uma puta.



Na hora de gozar, fiz minha mãe bater uma punheta pra mim até que eu não aguentasse mais: gozei nos seus peitos - e segurei depois os biquinhos marrons bem duros.



Depois daquela noite gostosa e inesquecível no hotel, passamos a transar com mais frequência, e até hoje ela continua muito gostosa e insana.

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


meu sobrinho pausudo comeu minha filha. conto eróticoscontos eroticos encoxada na irmacontos eroticos me exibi nua pra elaquem já levou estocada no raboler contos de sexo de mulheres sendo chantageada na estrada e dando cuzinho pra dotadoscontos eroticos arrombando a gordacontos eroticos toda puta tem que da o cu na marra sua cadelacontos eroticos vestido coladoContos gays passeando na rua vestindo langerie e vestidinhoesposa grupal com 18 aninhos contoscontos eróticos cuzinho da mamãecontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crenteConto erotico despedida de solteira da amiga rabudaMeu nome é dado (apelidio),tenho 35 anos e minha esposa mara tem 32 anos.Somos simpaticos ,com caracteristicas bem Brasileira .dirigindo sem calcinha contoscontos erotico garota do interior peteu cabaçocontos eróticos da quarta-feira de Cinzascontos eroticos minha mulher fode com um jogadorcontos sobre velho taradoContos eróticos primeira vez colégiocontoseroticoscabacinhoneguei e os garotos me comeram conto gayfiel ao primo e a amigocontos gays sendo o viadinhos dos adultos que me humilhavamConto Cú de velha"contos eroticos feriado quitinete praiacontos um anjo de sobrinhacontos eroticos fui comida na fazendacontos vi o pinto do meu filhinhocache:GAEDmAeFVBUJ:okinawa-ufa.ru/m/conto_18319_fodendo-gostoso-minha-paciente.html conto arebentarao meu cu meu maridocomi minha mae no caminhão do meu pai contos incestosconto erotici com coroas homens de 80 anoscontos completos quentes esfregando so pra judiar pedindo masesposa puta negao contosestrepi com baxinha bucetao.comcontos de cú de coroacontos de coroa com novinhoo que acontece se ficar com penis infiando 30hora parado dentro da bucetacontos no cu da vizinha marrentaporn conto com a gerenteComi.a cunhada na marra contospai fode fia a forsa contoscontos de gays sendo arrombados por varias rolascontos eroticos casada fui subjugadacontos eroticos punheta no.onibusconto amigo do meu marido tem uma rola enormeAmigos de meu filho eu provoquei e eles vieram conto eroticoeu minha mulher minha cunhada minha sogra contos eroticoshomen dotado arronba cu rapaz de programacontos eroticos fetiches. suzane deu pro paicontos do irmão viadinhoContos erotico viado e corno no hotel dividindo quartocontos mulher casada da o cu pro cãocontos fui cornolesbica conto professora fisicaconto erodico gay usando ropa de menina curtinha com o mendigopono vitgen nãoa aguentiu epediu p parammamei as tetas da minha irmacontos gays - ele manda em mimcontos eroticos menininhas dormindo na rolaMeu irmaozinho caçula me te penetrouvideo porno no cinema julio dantasconto de sexo com sogra na praia de nudismoconto erotico meu melhor presente de aniversario e inesquecivelmulher casada crente relata que da o cu para outro/contos recentesconto erótico fode cm clientes no camaroteempinoi o cu e levou rrolasContos eroticos.filhos com penis grande grosso.e mamae carentesconto eróticos mulher pedindo pra meter com outro machoHistorias eroticas Swinggays cornos contos no cinema vídeoscache:tCqBSJiMNvAJ:okinawa-ufa.ru/conto-categoria-mais-lidos_6_13_orgias.html minha sobrinha pediu para mim gozar na calcinha dela contos eróticoscontos eróticos pequenos maeconto erotico mae onibus lotadomora Nana bem gostosa da bundona bem grandes eu dental bem deliciosa nécontos eroticos com fotos de mulheres casadas que foi violentada por bem dotadoscomtos eróticos de fazemdeira com animal