Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

MELHOR AMIGO DA VIZINHA

Melhor amigo da vizinha



Morava em uma cidade do interior do Rio de Janeiro e tinha como vizinha uma morena deliciosa, morena, cabelos pretos, lisos e compridos, rosto lindo, corpo perfeito, um tesão de mulher. Ela sabia que era gostosa e fazia tudo para provocar os carinhas da cidade. Usava sempre minissaia jeans e uma blusinha decotada, agarrada no corpo, e tinha um andar que a fazia mais gostosa ainda. Eu, como todos da cidade, ficava louco de tesão quando a via passar, rebolando aquela bundinha deliciosa com um belo par de coxas grossas e lisinhas. Éramos amigos e como era seu vizinho de casa, estava sempre na cola dela.



Quando a Cássia chegava do colégio, já na hora do almoço, eu ia para o meu quintal e me posicionava numa parte do muro que dava para o quintal dela sem que ela me pudesse ver. Como a mãe dela trabalhava de tarde e a irmã saia para estudar, ela ficava sozinha em casa. Antes de almoçar ela tomava um banho e saia sempre para o quintal nua afim de pendurar a toalha no varal.



Quando ela aparecia assim, eu ficava doido de tesão, com o pau já querendo explodir de tão duro e grosso. Como ela se sentia a vontade entre os muros altos do quintal, achando que não havia jeito de ninguém a surpreender ali naquele momento de intimidade, sentava-se num degrau que havia no quintal da casa e começava a se masturbar, esfregando sua bucetinha, seu grelinho e seu cuzinho com os dedos. Quando estava para gozar, ela gemia baixinho e esfregava com mais tesão ainda seu grelinho já duro e molhado e abria bem as pernas para sentir ainda mais o orgasmo que estava por vir.



Aquilo me deixava louco e logo começava a bater uma punheta que terminava com uma grande gozada, junto com o orgasmo dela. Isso era quase todo dia; ela adorava fazer aquilo, parecia que era a maneira dela relaxar das aulas. Nos dias que antecediam as provas, então, era que ela mais gozava, mais se entregava aquele prazer solitário, e eu aproveitava mais ainda.



Sabia que ela era virgem - nessa época tínhamos uns 19 anos e conversávamos bastante, apesar do namorado dela não gostar muito da nossa amizade - e era assim que ela extravasava seu tesão.



Num desses dias, presenciei uma cena que nunca mais me esqueci e que me deixou alucinado de tesão e que acabou fazendo com que me apaixonasse ainda mais por ela.



Foi quando apás pendurar sua toalha no varal, sentar-se no tal degrau e começar a esfregar seu grelinho durinho de tesão, Rex, seu pastor belga que ficava sempre deitado perto dela vendo ela fazendo aquilo, rebolando sentada e gemendo baixinho, levantou-se e enfiou seu focinho na bucetinha dela e começou a lamber.



Ela primeiro fez menção de tirá-lo dali, mais o tesão daquele focinho geladinho passando no seu grelinho enquanto aquela lingua grande ia lambendo sua bucetinha e seu cuzinho, ela não resistiu e se entregou àquela lambida de seu cão.



Eu não acreditava que estava assistindo aquilo tudo; meu pau estava descomunalmente duro e grosso; o prazer que ela sentia era demais e aquilo passava para mim. O cachorro lambia tudo sem parar: seu grelo, sua bucetinha inchada e molhada de tesão, descia até o cuzinho e sorvia todo o caldinho que descia de sua buceta. Ela não parava de se tocar também, ajudando o cachorro naquela atividade. Era demais vê-la se contorcer de prazer que foi aumentando cada vez mais, assim como seu gemido, até literalmente explodir num orgasmo alucinante de gostoso. Nessa hora ela não conseguiu segurar um gemido alto, cheio de tesão, demonstrando todo o prazer que sentiu naquela lambida maravilhosa que seu cão lhe deu.



Eu também não aguentei mais e gozei como nunca havia gozado na minha vida. Meu pau, pulsava na minha mão e os jatos de porra não paravam de sair. Dei umas quatro ou cinco gozadas fortes e volumosas. O tesão era muito e o que eu havia acabado de assistir não tinha precedente na minha vida.



Continuei a vê-la assim todos os dias através do muro que separava nossas casas. Apaixonei-me pela Cássia. Tempos depois ela terminou o relacionamento dela e começamos a namorar e passado um pouco mais de 1 ano de namoro casamos e estamos juntos até hoje. Ela é muito gostosa, um tesão de mulher que topa tudo em matéria de sexo. É simplesmente deliciosa e sou apaixonado e tenho muito tesão por ela até hoje.



Numa outra oportunidade contarei outras peripécias que ela fez e também que fizemos juntos. Espero que tenham gostado dessa histária.

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


seduzida por uma lesbica contoconto eroticos meu genrocontos sexo estorando cu de velha    contos minha esposa virgem na bundinhacontos eroticos cdzinhacontos mamae piscina bronzeador bikiniContos Eroticos: Fudendo com cavalo(Verídico)contos eroticos traindo marido no futebolCONTO EROTICO ENCHE MEU RABOzoofilia a chapeuzinho vermelhodei a buceta para o amigo do meu filho contos eroticos gratiscalma aí bota devagarcontos eroticos comi minha cunhada que tava com um vestido curtinho...contos minha esposa flagou eu comendo o cu das mulhere da familiasite onde posso encontrar contos eróticos com retrato contos erotivos mamar no pau infanviacontoseroticosbebendoporracontos de insesto fatos.comreaiscontos minha mae baixinha gostosacontos erotcos minha sograporno conto relava aquele peito em mimconto er seios quadril glandedopando sogra contoscontos eroticos arrombando a gordaenrabada pelo meu filho especialcu cona mijo enfioucontos eroticos comi minha cunhada que tava com um vestido curtinho...contos... me atrasei para casar pois estava sendo arregaçada por carios negoesconto esposa na orgia do carnavalcontos eroticos gay meu vizinho de dezenove anos me comeu quando eu tinha dez anosconto familia da esposa nudistaficou vixiada bo inxestocontos eroticos com caescontos eroticos segredos de familia parte 4Contos eróticos menininha putinha com rostinho de anjoContos eróticos mãe com os negrões e papai vendocontos eroticos fudendo com velhocontos comiminha primacontos eróticos massagemcontos eróticos pequenos maecontos eroticos cornoscontos eroticos porno submissaPai filha chuva dourada contos euroticoscontos eroticos traindo marido na Sala ao ladoconto erotico me fuderam no estádio otadocontos eróticos namorada outracontos eroticos sou casada tenho filhos meu marido otavio meu sobrinho parte 3contos eroticos arrombando a gordaEU TIRANDO FOTO MINHA BUNDA DI CALCINHA FETICHE OLHONDO ESELHO MINH BUNDAincerto mae com punheta contoContos afeminado c shortinho socadoEnage de busetaconto erotico violentada na escolaloira casada malho e adoro negao contosdoutor esporreando muito no travedtiFotos d afeminado c shortinho socadocasadas baxias di calsias na zoofiliameus tios uma historia real 1contos eroticos gay aposta de video game na infanciaconto erotico me vesti de mulherzinha e fui a piranha da festacomendo a cunhadinha lindinha contos eróticosconto esposa chefescontos erotico ensinando o meninocontos eróticos espoza rabuda e traficantesconto esposa chefesmulher faz strip antes de comecar zofiliacontos feliz coroa casada cornoconto meu filho meu machoContos eroticos fudi o cu de uma defiente mentalcontos eroticos dominou toda a minha familiarebola rebola contos eroticosxvidio transas arrecei casadosTramsar comtostrai meu marido com um travestivelhos cafetao fudendo casada