Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

DESCONTANDO NO MOTEL

Descontando no motel



Tivemos que viajar pra casa do meu primo no interior e já fomos cheios de planos. Doidos pra fazer amor

em uma das oportunidades. Mas a viagem foi corrida e tinhamos tanto pra resolver que não deu pra

aprontar nada. Por conta disso, voltamos loucos de tesão a viagem toda. Eu vinha alisando suas coxas

e xaninha e ela meu pau, mas sempre por cima da calça. Liguei do meio da estrada pro meu primo e avisei

que se ligassem pra avisar que a gente tinha saido tarde de sua casa. No tesão que estavamos tinhamos

que ir direto pra um motel. Escolhemos um já bem frequentado por nás em algumas fulgas nossa.

E fomos direto.

Chegamos lá caímos na cama nos beijando como há muito não faziamos. Namoramos

como se fosse nossa primeira vez. Beijos quentes, molhados. As mãos passeando por todo o corpo...

Resolvi tomar um banho pra tirar a poeira da estrada e chamei minha gata pra ir junto. Então fomos ao

chuveiro e nos deliciamos com aquela agua quentinha e bocas e mãos. Uma delicia de banho...

Saímos mais acesos do banho ainda. Voltamos pra cama e começamos nosso namoro outra vez.

Cada beijo gostoso e cheio de tesão e carinho que nos deixavam completamente excitados.

Passei a mão por entre as pernas dela e senti ela completamente molhada. Ela sem conseguir

segurar gemeu gostoso. Fui estão beijando seu corpo, pescoço, ombro, seios, tudo bem devagar...

Barriga, umbigo, até chegar na calcinha e comecei a chupar sua buceta por cima da calcinha.

Ela reblava, se contorcia e pucava meu cabelo e apertava meu rosto contra sua xana, como se

quisesse que eu entrasse por inteiro nela. Gemia alto com um tesão que nunca tinha visto igual.

Tirei sua calcinha e continuei a chupar, passando a lingua pela bucetinha toda engolindo tudo o que

podia. Disse a ela - Quero que goze na minha boca... E ela respondeu - Então continua me chupando.

Parecia que ela sá tava esperando eu mandar foi cair de boca e ela começou a gozar com espasmos

tão fortes que dava pulos na cama. Tive que segura-la pra não machucar no encontro da xaninha com a

minha boca. Ela gemia tão alto que deve ter despertado o motel inteiro. Vim subindo o caminho de volta,

umbigo, barriga, seios, queixo e boca ela me abraçou e voltamos a nás beijar.

O tesão dela era tanto que nem quis parar pra descansar. Aproveitando que meu pau ainda estava duro,

pois ainda nao tinha gozado ela me pediu - Me come, coloca ele em mim, to doida de saudade.

Era o que eu mais queria. Então começamos na posição papai e mamãe mesmo.

Comecei a penetrar com cuidado. Ela sempre foi apertadinha. Mas desse vez ela sá gemia de tesão.

O pau entrou fácil, ela estava muito molhada. Começei o ritmo bem lento pra embalar, mas ela estava mesmo

com muita saudade, pois com as mãos me puxava de encontro a ela, me guiando pra acelerar os movimentos.

Obedeci pois sabia que teria uma bela surpresa. Então logo em seguida veio o seu segundo orgasmo.

Ela gemia alto em meu ouvido, me beijando e mordendo chamando de gostoso, tesão. Eu adorando ve-la satisfeita

nem me dei conta que até então nao tinha gozado ainda. Mesmo assim deitamos abraçadinhos e ficamos nos acariciando

e trocando beijinhos, na boca, no rosto, no peito.

Descansamos uns 19 minutos e ela então me fala - Agora é sua vez. Percebi que você ainda não gozou.

Perguntei se ela queria me fazer gozar e ela ja sabia o que eu tava dizendo. Então veio e se colocou por cima

pra cavalgar. Montou em mim de frente e encaixou meu pau na sua buceta. Começou a rebolar e eu ficanndo doido.

Rebolou e cavalgou de varias formas diferentes, de frente e de costas pra mim... na cama, no sofá e eu á curtindo

o prazer que ela me dava. Mas nada de gozar... Então eu falei - Deixa eu tentar de outra maneira...

Ela saiu de cima de mim eu peguei as almofadas do sofá e empilhei na cama. Depois pedi pra ficar de quatro

em cima das almofadas. Ela com um sorriso no rosto deitou em cima das almofadas e empinou bem o bumbum

abrindo bem as pernas, deu uma olhadinha pra mim e disse - Vem me comer de quatro, vem !?...

Me abaixei um pouquinho e lambi sua buceta enchendo ela de saliva. Me posicionei e fui penetrando. Depois que a

cabeça passou, meti o pau de uma vez sá. Sabia que ela tava bem relaxadinha pela cavalgada e que nao iria doer.

Ela gemeu gostoso e gritou vem meu puto, me come,,, come sua delícia ... Não aguentei e comecei a socar o pau

bem forte na sua buceta. A cada socada ela gemia alto. No ritmo que eu metia ela gemia, mas era sá de prazer.

E gemia e gritava - Me come, fode sua delicia ! e gemia alto. Nunca vi minha gata com tanto tesão.

E eu dizia pra ela - Geme minha safada que eu amo te ouvir gemer... Ela toda abertinha pra eu entrar. Eu socando com força e

ela gemendo alto. Eu puxando seus cabelos e dando tapas estaldos na sua bunda. Cada gemida me dava mais tesão meti até

gozar aos urros o pau já latejando de tanto segurar a gozada. Jogamos as almofadas pro chão e caimos abraçados na cama.

E dormimos o sono dos justos. Abraçados, nus e de conchinha.

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


desce com a x*** no pauvou ponha ela no coichoucontos de cunhadas tesudasesposa nua na internet contosgritei muito enrabada contosContos enfiei o dedo no cu do meu marido ma frente do meu amantecontos eróticos trair namorado atrãocontos eroticos de transando com a cunhada casada e com seu marido bi sexualrasgou minha bucetas contosseios tezudos ai q tezãocomparando paus contosputinha do titocontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crenteconto erótico fode cm clientes no camarotecontos eróticos picantes dando pro professor gostosocontos colocando menina pra. mamarbanho com a tia velha contocontos presenciei minha irmã fudendo com um dogtorando a coroa de bundão e cinturinha e bucetão carnudocontos eroticos meu cunhado me fez realmente gozarmulheres violadas contos eroticosSsssssss aaaaaaaiiiiiiiii gostoso gay transandobuceta Detinhacontos eróticos comendo a mulher negra do meu paiwww.contos heroticos..uma jujuba bem comida...contoserotico mendigo fudendo madamecontos eroticos arrombando a gordamarido fas esposa virar puta e comer bota contos eroticoscontos eróticos gay e casais rjcasadas safadas me deu a calcinha usadas contos eroticosContos eróticos genrocoloquei o dedo no cu da minha namorada ela endoidocontos 23cm e um czino virgemporno mamei tanto o peitinho q inchouContos dei o cuzinho para a travesti fabiola voguelcontos eroticos arrombando a gordaa posição cavalgada pode machucar o útero.?'fui dormir na casa do meu primo e ele acordou de pau durocontos eroticos com cu ragadosmulher goza nela todinha enchendo o cachorro para limparContos eroticos escussao com meu marido banco diferentevideos de porno sogro cardando a moraConto comendo a gorda casadaler contos pornô de i****** pistola gostosa do meu filhocontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crenteCU arrombado ABERTO madrasta contocontos eroticos corno bebe leiterelato mulheres que casaram virgem com dotadocontos eroticos vou te enseminarcontos de mecânicos casadosConto tia a massageava o paucontos eroticos arrombando a gordasocando a mao no cu do namorado tinsContos eroticos esposa gosta de exibi e leva cantada nas praiasconto erotico perdendo a virgidade com o porteirocontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentecontos porno sou putinha pra minha mae no puteiro da familiaentão abri as pernas dela e peguei naqueles peitinhos pequenos e gostosoconto minha mulher gostosa da academia trepa com os personais e amigo,scoroa da buceta griluda espirando poro logetou tardainha pra um me xuparquero uma buceta envolvendo meu pauconto comi a daianecontos eroticos tesao na maeproposta indecente de colega porno de trabalho a casadacontos eroticos espiei minha tiaconto garoto esperimentei da cuContos eroticos eu e minha irma no ginásioContos eroticos de mae e filhosas molhadinhad mas. gostozas com vidios porno com voz altacontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentemulher escanxa no cachorro e goza gostosocolocando a prizilha na bucetacontos eroticos a namorada e sograhistorias verdadeiras de maridos que fragaram as esposas dandocontos eroticos com fotos de mulheres casadas que foi violentada por bem dotadosContos de comer cadelacontos entalei ela no meu paucontos eroticos de familiacontos eroticos meninaconto eroticos aguentei mais d vinte e dois sentimetro d rola d meu sogro